The Blood of Olympus

[Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann - Página 3 Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann

Mensagem por Narrador Principal em Qui Out 31, 2019 9:22 am

O membro 'Frieryat Börh Hoffmann' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Labirinto de Dédalo' : 8, 4
Narrador Principal
Narrador Principal
Deuses Olimpianos
Idade : 25
Localização : Por ai
http://www.bloodolympus.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann - Página 3 Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann

Mensagem por Brian F. Grodick em Qui Out 31, 2019 9:51 am

rolagem de dados
Brian F. Grodick
Brian F. Grodick
Eruditos de Prometheus

Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann - Página 3 Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann

Mensagem por Narrador Principal em Qui Out 31, 2019 9:51 am

O membro 'Brian F. Grodick' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Labirinto de Dédalo' : 4
Narrador Principal
Narrador Principal
Deuses Olimpianos
Idade : 25
Localização : Por ai
http://www.bloodolympus.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann - Página 3 Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann

Mensagem por Frieryat Börh Hoffmann em Qui Out 31, 2019 2:11 pm

labirinto de dédalo

O que vamos fazer hoje, Pinky??
Vamos lutar contra um necromante, Cérebro.
A escuridão era realmente como um bálsamo para a ceifadora, e a fazia sentir-se revigorada. Wëdir seguia voando ao seu lado, e Rhysand ia sempre à frente, quase em posição de ataque, e ela temia que ele realmente tentasse atacar qualquer coisa que aparecesse. Não sentia como se o Shadow estivesse em condição de luta realmente, muito embora o pequeno animal se mostrasse disposto a tudo e algo mais. Ela queria pedir que ele andasse ao seu lado também, mas sabia que cabeça dura com ele era, não iria obedecê-la.

E como esperado do animal trevoso à sua frente, que andava muito mais atento do que ela, a raposa começou a rosnar, o que tanto a ceifadora levantar a cabeça para olhar para a frente, como também vez Wëdir voar um pouco à frente. E o que estava lá era realmente de causar arrepios, muito embora apenas um calafrio fraco tenha passado pelo seu corpo. Havia uma forma de energia esguia, escura e, para dizer o mínimo, estranha. Era certamente o tipo de coisa que Frieryat esperava nunca encontrar, mas estava aprendendo que não querer encontrar certo tipo de coisa era o suficiente para encontrá-las de primeira.

Seu pulso direito foi instintivamente para a frente, girando duas vezes e ativando a Julgadora, que como sempre, surgiu majestosa na mão pequena da rosada. Depois, seus olhos ampliaram a visão, enxergando uma forma um tanto atrás da coisa escura. Havia uma forma mais humana. Certamente outro semideus que, assim como ela, deu o azar de encontrar aquele monstrengo estranho. Por um instante, ela hesitou em falar alguma e acabar se dando mal, mas se já estava ali diante do que ela acreditava ser alguma criatura submundana, então ela já tinha se dado mal o suficiente para evitar fazer qualquer outra coisa.

Você aí – chamou ela pelo semideus, arriscando que a própria criatura olhasse para ela. — Me chamo Frieryat, e aí que nós dois vamos acabar com essa coisa.

Voltando o olhar para o monstro, percebeu que ele tomava forma. Havia deixado de ser apenas matéria vazia para parecer algo mais… Palpável aos olhos e objetos humanos. Era uma forma mais humana, porém muito fria e pálida. Quase como se estivesse morto. E Frieryat bem queria matar aquela coisa. Por isso ela não tardou em arremessar sua própria foice em direção à coisa. O golpe foi certeiro, mas enquanto a arma voltava para a mão da ceifadora, alguma coisa começou a acontecer, e um pequeno nevoeiro tomou o chão do corredor onde se encontravam. Aquilo dificultava a visão da ceifadora, mas depois se tornaram nítidas as almas que ali surgiram para atacar os dois.

Eram quatro, o que significava que o necromante – rá!, agora ela sabia o que era aquilo – imaginava que os dois lutariam separados. Então Frieryat ia precisar se preocupar com as almas, além de tentar derrotar o necromante. Era hora de tirar o foco das almas do filho de Apolo, e chamá-las para si. Parecia a oportunidade perfeita de mandar algumas para o inferno. Sua varinha ainda estava presa ao seu short, então ela sacou o objeto, apontando o para as duas almas viradas para Brian. — Ei fofinhos, acho que vocês iam atacar a mim – disse ela, e conjurou por fim: — Tumultu! – Quase instantaneamente as almas viraram-se para ela, partindo para cima da ceifadora sem pensar, se unindo às outras duas que já se preparavam para atacá-la.

Wëdir fez menção de voar para morder uma delas, mas a ceifadora o impediu. Esse meio tempo foi o suficiente para que duas das almas chegassem até ela, atacando-a com lanças incorpóreas que perfuraram a região do seu abdômen dos dois lados. Podiam ser lanças “falsas”, mas a dor que ela sentia era real. E o grito que soltou também foi. O sangue azulado escorrendo pelos buracos de sua pele e de sua roupa começavam a pingar e manchar o chão. Merda… Pensou ela. Precisava mandar aquelas almas para Caronte o mais rápido possível. Sua mão tremia segurando a foice, e com dificuldade, ela cortou o ar ao seu lado, abrindo a passagem do barqueiro.

Olha aí, Caronte... umas peças novas para... encher os Campos da Punição – o barqueiro a olhava com interesse nas almas. — Se elas não vão por bem... vão por mal. – Disse ela, usando a mão que segurava a varinha para empurrar uma a uma as almas para Caronte. Seu corpo doía com cada movimento, e ela perdia uma boa quantidade de sangue. O portal para o submundo se fechou e ela voltou sua atenção para o necromante. — Agora… – começou ela, forçando-se a respirar direito. — Lide conosco... sozinho... seu feioso.

Antes que o monstro pudesse fazer qualquer movimentação, Wëdir voou atacando o seu braço. Como eu vou controlar essa criatura? Perguntou a ceifadora observando o cachorro alado atracado no braço do necromante, que o balançou violentamente fazer o chie soltá-lo. Ela queria gritar com o cachorro, mas precisava atacar a criatura e acabar com aquilo o quanto antes. Para sorte dela e do chie, ele tinha a vantagem das asas, que faziam ele recuperar o movimento e logo voltar para perto da ceifadora. — Fique aqui… – Sussurrou ela, enquanto observava Brian atirar suas flechas na coisa meio zumbi. O filho de Apolo parecia estar se saindo bem, mas ela tinha que ajudá-lo.

Ardens sensatio! – Conjurou a bruxa, apontando a varinha para o necromante. A reação da criatura aconteceu tão logo ela fechou a própria boca, colocando as mãos pálidas sobre o nariz. — Vesalius fuodellios! – E ele tentou puxar o ar que não conseguiria. Agora sim, tinham chance o suficiente.

A dor não a ajudava a se movimentar direito, mas ela precisava confiar em seus instintos e em seu equilíbrio para conseguir arremessar sua foice. Como se quisessem ajudar a dona a se manter de pé, Rhysand e Wëdir se prostraram, um de cada lado da ceifadora, colados em suas pernas, como se aquilo fosse mantê -la firme. Ótimos, minhas bengalas. Vamos… Pensou ela, voltando a guardar a varinha e tentando segurar a foice com as duas mãos para empunhá-la melhor. Um gemido de dor escapou pela sua boca. Sangue azul ainda manchava suas vestes. Para sua sorte, a arma era leve em suas mãos.

Elevando-a como pôde, a ceifadora jogou os braços elevados para trás e depois para a frente, soltando a arma que voou em direção ao monstro, e acertou seu peito. Ela queria poder se aproximar, mas tinha medo dos próprios ferimentos e não conseguiria se concentrar naquele momento para fechá-los. Precisava prosseguir. Enfrentou toda a dor que sentia, segurando o cabo da foice com o máximo de força que conseguia. Iria arremessá-la de novo. Assim, repetiu o movimento de seu corpo, sentindo o sangue frio escorrendo pelas suas pernas na hora que levantou os braços.

Parou o movimento para prestar atenção no que o filho de Apolo falava, e exprimiu um pouco de ar pelo nariz porque achou graças na pequena rima. Mas não era tão engraçado quando as aranhas começaram a sair aos milhares do chão. Definitivamente não era engraçado, mas aumentou ainda mais a vantagem dos dois. Enquanto o monstro levava flechadas na cara, tendo seu falso rosto desfigurados pelas armas do arqueiro, Frieryat jogou mais uma vez sua arma no corpo da criatura. Mais baixa dessa vez, atingindo o abdômen dele, como o dela fora atingido antes. O necromante ainda parecia estar asfixiando, e não reagia muito aos outros golpes.

Mais algumas flechas por parte de Brian, e ele estava fraco o suficiente, o que fez a ceifadora determinar-se a atirar sua foice pela terceira vez. Mirando a arma na altura do peito, ela pretendia acertar exatamente onde deveria ficar o coração da criatura, ainda que ele não tivesse um. E assim, arremessou a foice, observando-a rasgar o peito da criatura, e enquanto a arma voltava para ela, Wëdir voava avançando contra o necromante paralisado, mordendo-o seis vezes, tirando proveito do fato que a criatura não se movia. Enquanto seu chie voltava para perto dela, a ceifadora atirou a Julgadora mais uma vez, e quando a arma voltou, ela olhou para o chie. — Ataque-o mais uma vez, por favor.

O chie voou, e a ceifadora jogou sua arma junto com o animal. Os dois atingiram o necromante ao mesmo tempo. A arma causando mais um corte em seu peito e o cachorro alado mordendo seu ombro. Enquanto a foice voltava, Wëdir se empertigou, mordendo o monstro pela segunda vez, o que o fez explodir em um pó preto e brilhante, que cobriu o corpo de Wëdir, que voltou voando para perto de Frieryat.

A ceifadora desabou no chão, apoiando-se apenas em sua foice, e direcionou um sorriso fraco em direção ao filho de Apolo. Wëdir latiu, e ela tossia, pedindo aos deuses para não colocar mais sangue para fora.

Brian… – chamou ela com a voz fraca. — Obrigada pela luta… Pode… Me ajudar um pouco mais?


Situação

Frieryat
HP
311 - 45% = 171/400
MP
400 - 12 = 388 - 25 = 363 - 40 = 323 - 75 = 248 - 200 = 48/400

Rhysand
HP
81/150
MP
40/150

Wëdir
HP
88/170
MP
110/170

Informações:
FPA linkada ao perfil
Arma:
• Julgadora [Uma bonita e grandiosa foice toda feita de material negro enquanto sua lâmina, prateada, dizem ser feita de adamantino. É uma arma pesada nas mãos de qualquer outro semideus que ouse empunhar a arma mas tende a se tornar leve nas mãos dos ceifadores afinal, a foice sempre foi uma das marcas registradas de seu mestre. | Efeitos mecânicos: Se torna um bracelete quando não está sendo utilizada. Para ativar a arma, gire o pulso duas vezes em sentido horário para que o cabo comece a se desprender de seu pulso e cresça até se tornar a arma que é. | Cortes realizados por esta arma recuperam o HP de seu portador em 10% do dano causado.| Resistência Beta | Espaço para uma gema | Status: 100%, sem danos | Nível 3. | Lendária |Presente de reclamação dos Ceifadores de Thânatos]
• Varinha HP [Uma varinha de 12 ¾cm de comprimento. Feito de Corda de Coração de Dragão. Feito de sicômoro e arambarium é um ótimo item para qualquer praticante de magia. | Efeito de transformação: Pode virar um pingente em uma versão menor da própria varinha | Efeito 1: Aumenta em +30% as chances de sucesso ao lançar um feitiço, auxiliando quando o inimigo for aparentemente mais forte. Esse efeito também diminui o gasto de energia ao usar feitiços em 25%. | Madeira Reforçada e Arambarium | Beta | Espaço para uma gema | Status: 100%, sem danos | Mágico | Comprado no Pandevie Magie]
Mascotes:
Rhysand:

Poderes
Nível 1
Nome da habilidade: Visão Trevosa
Descrição: Shadow é uma raposa ligada às trevas e às sombras, logo, em situação de escuridão parcial ou total sua visão não é prejudicada, e ele consegue enxergar perfeitamente. Sua visão é afetada apenas em casos de escuridão causada por magias de nível mais altos que o da raposa.
Tipo: Passivo.
Dano: Nenhum.
Bônus: É capaz de enxergar através de magias de invisibilidade, e consegue detectar inimigos escondidos nas sombras.
Extra: +20% de percepção.
Wëdir:

Poderes
Nível 5
Nome da habilidade: Asas II
Descrição: O seu pet finalmente aprendeu a usar as asas, elas cresceram, o deixaram mais forte, e isso significa que você o treinou bem. Continue incentivando seu bichinho a aprender novas técnicas, assim, ele sempre vai ter total domínio de seus poderes.
Tipo: Ativo
Dano: Nenhum
Bônus: Pode voar livremente.

Nível 9
Nome da habilidade: Mordida Voraz II
Descrição:
Agora os dentes do Chie se tornaram mais fortes e resistentes. Metais de resistência beta podem ser danificados pelas presas do cão, que perfuram mais fundo e podem causar um estrago maior se atingirem a pele do inimigo.
Tipo: Ativo
Dano: 50 HP
Bônus: Nenhum
Poderes Passivos:

Hécate
Nível 9
Nome do poder: Olhos Noturnos
Descrição: Os filhos de Hécate/Trivia enxergam tão bem no escuro quanto de dia, a noite não incomoda sua visão de fato, portanto, desde que a escuridão ao redor não seja algo magico, ou com efeito de cegueira e etc, o filho da deusa da magia irá continuar vendo normalmente.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: A escuridão normal não afeta a visão da prole da magia.
Dano: Nenhum

Nível 15
Nome do poder: Descendente da Magia III
Descrição: Você andou praticando? O resultado do seu esforço e do seu treinamento lhe fizeram um feiticeiro experiente, e agora sua magia além de ter ficado mais forte, lhe tornou um bruxo experiente.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus:  Ganha 20% de força em seus feitiços (em poderes ativos).
Dano: +15% de dano se os feitiços acertarem.

Nível 20
Nome do poder: Pericia com Varinhas II
Descrição: Você evoluiu conforme o esperado, e agora já entende a importância da varinha na sua vida, tanto para reduzir danos relacionados a magia, como para usá-la em batalha. Seu manejo se tornou ainda melhor, e agora seus movimentos se tornaram mais precisos.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +50% de assertividade ao lutar com essa arma. O semideus que usar a varinha para executar o feitiço, reduzindo o gasto de MP pela metade, assim sendo, um feitiço que gasta 10 MP para ser realizado, na posse de uma varinha só gastaria 5 MP. (O semideus deverá lançar o feitiço pela varinha, ou o gasto ainda será o mesmo).
Dano: +10% de dano se for acertado pela magia da varinha.

Thanatos
Nível 30
Nome do poder: Perícia com Foices III
Descrição: Sendo a foice o instrumento característico da morte, os seguidores desta possuem maior facilidade a aptidão no manuseio da arma em questão. O objeto em suas mãos é manobrado de maneira mais fácil e precisa, tanto ofensiva quanto defensivamente. Aqui, o ceifador desenvolveu ainda mais sua habilidade de manuseia, e causa temor àqueles que se oporem a ele.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: 60% de assertividade no uso da foice.
Dano: +50% de dano ao ser acertado pela foice de um ceifador.

Nível 33
Nome do poder: Feridas Dolorosas III
Descrição: Todos os golpes armados do ceifador tem chances maiores de atingirem fundo o corpo de seu oponente, provocando sangramento com mais facilidade.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: Causa 15 de dano por sangramento a cada dois turnos em inimigos feridos pela arma do ceifador.

Nível 36
Nome do poder: Visão Noturna III
Descrição: Acostumados com a escuridão, os ceifadores possuem facilidade em enxergar em meio a esta. Entretanto, nesse nível, sua visão alcança até 60 metros à sua frente.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: Nenhum.
Poderes Ativos:

Hécate
Nível 19
Feitiço: Tumultu
Descrição: É um feitiço para confundir a mente da vítima de várias formas diferentes, o feitiço pode ser usado de inúmeras maneiras, seja para fazer alguém errar o que ia dizer, ou se confundir durante uma batalha, é um feitiço que envolve a confusão mental rápida de alguém e pode durar de um a dois turnos.
Gasto de Mp: - 25 de MP por turno. -12 de MP pelo uso da varinha
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Caso seja realizado durante a lua nova, há uma chance de +30% de que ele funcione corretamente.
Dano: Nenhum.
Extra: Pode ser realizado de forma não verbal, com algum treino.

Nível 26
Feitiço: Vesalius Fuodellios
Descrição: Esse feitiço só tem efeito por um turno e dá ao alvo a sensação de estar sendo asfixiado. Durando, no máximo, quatro turnos.
Gasto de Mp: - 50 de MP. -25 de MP pelo uso da varinha
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Caso seja realizado durante a lua nova, há uma chance de +30% de que ele funcione corretamente.
Dano: - 15 de HP por turno.
Extra: Com certo treino, pode ser realizado apenas por comando mental.

Nível 33
Feitiço: Ardens sensatio
Descrição: Faz com que o oponente sinta um tipo de ardência nas vias respiratórias, causando uma dor agoniante que dura três turnos.
Gasto de Mp: - 80 de MP. -40 de MP pelo uso da varinha.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Caso seja realizado durante a lua nova, há uma chance de +30% de que ele funcione corretamente.
Dano: - 60 de HP.
Extra: Com certo treino, pode ser usado de forma não verbal

Thanatos
Nível 8
Nome do poder: Arremesso de Foice
Descrição: Uma habilidade especial que permite ao ceifador lançar sua foice, que irá girar e atingir seu alvo, retornando para sua mão ao fim do movimento.
Gasto de Mp: 15 de MP.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: 10% de dano extra.
Extra: Se a força do inimigo for maior do que a determinação do ceifador, a foice pode ser segurada pelo adversário.

Nível 27
Nome do poder: Ferida Mortal II
Descrição: Utilizando a energia sombria para deixar suas lâminas mais afiadas, seu próximo golpe irá cortar/perfurar mais fundo, ignorando resistências naturais e bônus que não de armaduras ou itens.
Gasto de Mp: 40 de MP.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: +30% de dano da arma.
Extra: Nenhum.








frieryat
† the wizardry rainbow of death †
† arcadia's defensor †


Frieryat Börh Hoffmann
Frieryat Börh Hoffmann
Ceifadores de Thanatos
Idade : 21
Localização : Se não me engano, você teria aula hoje. De fato, chegamos a nos encontrar. Posteriormente, os alunos (e muitos) te procuraram.

Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann - Página 3 Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann

Mensagem por Brian F. Grodick em Qui Out 31, 2019 2:19 pm



  The Maze



O semideus já não tinha mais rumo. Depois de curar o Rodrik e não conseguir reencontrar Pétros, ele começou a vagar pelo labirinto, usando sua ecolocalização para encontrar qualquer semideus que parecia precisar de alguma ajuda. Ficou por algum tempo vagando, apenas seguindo o que seus sentidos diziam ser o caminho para o coração do labirinto.

Para evitar carregar peso, o Iriak estava em seu bolso, em forma de harpa. O semideus, que devido às suas habilidades de visão e audição, tinha uma percepção aguçada do que lhe acontecia, parou subitamente, quando a sentiu uma energia forte e escura vindo de algum lugar ao fundo.  A onda de seu sonar havia batido contra algo impossível de distinguir. Ele levou o arco às mãos, puxando o instrumento e tocando suas cordas, para que voltasse ao formato de arma.

Diminuiu o passo para não ser percebido. A energia, que caminhava a seu encontro, ficava cada vez mais forte, quando depois de cerca de 300 metros, o semideus visualizou seu inimigo. Não era feio, porque não era…. nada. Sem forma, sem rosto, era uma massa vazia.

Pelo menos pelos primeiros minutos, mas logo tomou um corpo humanoide como o de um jovem comum, porém pálido, como se estivesse morto. Tinha feições quase infantis, que, não fosse por sua energia, podiam enganar algum desavisado.  Brian fez uma cara de desgosto.

Não era apenas o monstro que ali estava, uma voz feminina veio de trás dele, que olhou de cabo de olho, não desviando a atenção da criatura. Uma outra semideusa se encontrava no local, porém o filho de Apolo não a reconhecia. Possuía cabelos no ombro pintados com uma coloração rosada.

 — Olá – respondeu, em tom baixo, prestando atenção em tudo ao seu redor  —  Brian, filho de Apolo. — Não havia dado nem tempo de completar a frase, quando o inimigo se ativera a presença dos dois.

A criatura era um misto de bruxo com monstro, boa coisa de não viria de seus poderes. Além de possuir um tremendo olhar sanguinário. Brian manteve o arco em suas mãos, esperando uma deixa para atacar, a criatura parecia ser extremamente ágil e habilidosa. O que deixou o semideus um pouco tenso, mas nada que ele e a companheira de luta não pudessem lidar.

O primeiro ataque veio de Freiryat

A semideusa jogou sua foice, machucando-o, que, enfurecido, retribuiu o ataque. Uma neblina densa se fez presente, começando a escurecer. O filho de Apolo emitia vibrações sonares, parecidas com a de morcegos, para continuar enxergando sem prejuízo. Em meio a névoa, almas surgiram, o ar gélido tomou conta do local.

As criaturas incorpóreas fizeram menção de se dividir, para atacar os dois ao mesmo tempo, mas a semideusa usou alguma espécie de feitiço para atraí-las para si. O semideus, um tanto orgulhoso, fez uma careta, mas decidiu não falar nada e usar isto a seu favor.

Brie, pelo menos, podia focar no necromante a sua frente, que parecia raivoso por seu plano não ter funcionado.

Ele não deixaria que o sacrifício da outra de tomar as almas para si fosse em vão, daria o máximo para terminar aquilo dignamente, como um filho de Apolo faria. A excitação da batalha tomou conta do jovem, que atirou a primeira flecha de luz. Todavia, o necromante tinha certa agilidade, conseguindo desviar do projétil e partindo para cima do semideus, que rolou para o lado, afastando-se.

Nesse meio segundo, Brian havia entendido que precisava usar a cabeça, ou acabaria num jogo de esquivar-se e correr. Atirou mais uma flecha, mirando no ombro direito do necromante e fechando o olho esquerdo, para focar no ponto. Usou sua respiração como suporte e atirou. Atordoado pela luz emitida pela flecha, o necromante desviou o olhar por meio segundo.

O semideus aproveitou a deixa para colocar o plano recém-formulado em prática. Usou sua agora exímia habilidade de imitação para produzir a exata voz de sua companheira de batalha e manipulá-la de modo que parecia vir das costas da criatura, falsamente atingindo-a com sua foice.  

A risada da menina ecoou pelas paredes do labirinto, tão realista como se fosse a própria.

O bruxo virou, a fim de se defender. O jovem fez uso do segundo seguinte para lançar três flechas rápidas, que, devido à falta de planejamento, acertaram três partes distintas, porém muito próximas do tronco da criatura, que desequilibrou com o impacto. A neblina começou a se intensificar. Brian não podia deixar que ele evocasse mais almas. Acertou as duas  flechas seguintes no braço do monstro, fazendo com que ficasse impedido de realizar a magia, além de explodirem em luz e atrapalharem a concentração do monstro.


Nesse meio tempo, Frieryat já havia dado cabo das almas ao Caronte e vinha ajudá-lo, usando suas magias para retirar o poder do necromante, que ficou impossibilitado de produzir feitiços. O filho de Apolo olhou para ela de canto de olho, seu sangue escorria, azul, no chão. Ele tinha que terminar aquilo logo para poder curá-la. Mesmo fraca, ela produzia exímias magias.  

Brian aproveitou a deixa dos feitiços da menina para concentrar-se em uma única flecha, com todo o impacto possível. Mirou cuidadosamente no osso da bacia, que ligava as duas pernas do humanoide e cantarolou em sussurro:

— Anguis Venemum — lançou o projétil, que automaticamente paralisou as duas pernas do monstro. Ele tentou se transformar em algo diferente, a fim de escapar, porém Brian emendou em outra maldição — oito patas se tornam cem, aranhas pulam e lhe fazem refém — cantarolou rapidamente.

Do chão, aranhas armadeiras começaram a pular sobre a criatura, que sem saída, ficou imóvel no chão, tentando ao máximo escapar dos insetos. O necromante estava ocupado demais com os animais, dando tempo de Brian mirar bem no centro de sua face e atirar o máximo possível, impossibilitando o monstro de reagir. Freiryat fazia algo parecido com sua foice.

Mesmo quando a maldição havia cessado, já não tinha mais modo algum do humanoide escapar, as flechas incansáveis de Brian, somadas a exímia perícia da semideusa com sua foice e o auxílio impecável dos mascotes dela, faziam-no apenas um boneco no chão, lutando inutilmente por sua vida.

Uma, duas, três, quatro. dez flechas foram atiradas em questão de segundos depois que o arco já estava posicionado para acertar o rosto da criatura. As aranhas fizeram bem o seu papel, dando tempo para Brian apoiar o arco em cima dos joelhos, mirar e atirar. Assim, desfigurando a face falsa do necromante.    

Enquanto isso, a semideusa e seus mascotes deferiam os últimos golpes, transformando a criatura em pó. Brie correu até ela, quando esta chamou por ajuda,  a fim de estancar o mais rápido possível seus ferimentos.

— Prepare-se, porque você vai ouvir um viado cantando para você — riu.
Habilidades, Armas e Benção:

Poderes Passivos de Apolo:

Nível 9
Nome do poder: Poeta
Descrição: Criação de rimas, poesias, livros ou qualquer coisa nunca foi um problema, seu personagem sempre bom em cria-las do nada, mesmo que tenha tido dificuldade um dia. O poder de poeta ajuda na criação de profecias, pois as torna mais nítidas, além disso, suas maldições serão mais precisas, mais bem-feitas.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: +15% de dano em maldições lançadas pelo semideus

Nível 15
Nome do poder: Músico II
Descrição: Com esse poder o semideus será capaz de aprender a tocar qualquer instrumento, e usar a voz como uma aliada. Sua habilidade aumentou ainda mais, e seu chame como musico é quase perfeito, com isso, a potência de sua voz, e a habilidade com os instrumentos se aprimoraram, o que lhe torna ainda mais imbatível.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: +15% de dano em poderes ativos que usem a voz, ou armamentos - instrumentos de encanto - manejados pelo semideus.

Nível 16
Nome do poder: Ecolocalização
Descrição: Filhos de Apolo/Febo possuem a audição naturalmente mais apurada do que os outros semideuses. Capacitando-os de detectar a disposição dos corpos em um ambiente através de ondas ultrassônicas emitidas por eles, eles analisam as reflexões destas e com isso adquirem consciência da posição e distância dos ''obstáculos'' no arredor. Isso também faz com que possam interagir e alterar a rota de outros animais que se utilizam desta habilidade, como morcegos e golfinhos.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: Nenhum

Nível 25
Nome do poder: Imitação Sonora III
Descrição: O semideus poderá usar da própria voz para provocar imitações com extrema facilidade. Agora ele já possui total domínio sobre a imitação de todos os tipos de sons, podendo até mesmo dar uma noção ilusória de distância, intensidade e volume. Poderá imitar qualquer som que já tenha escutado.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: Nenhum

Nível 26
Nome do poder: Arqueiro IV
Descrição: Você aprendeu que um arco pode ser uma arma perfeita para seu personagem, além de aprender a atirar mais de quatro flechas ao mesmo tempo, agora também consegue atingir o alvo com mais facilidade, sua precisão com essa arma cresceu num nível em que a margem de acerto é maior do que a de erro. Além disso, agora consegue utilizar flechas com veneno, ou elementos mágicos, mas para isso, precisa tê-las em seu arsenal, ou combina-las com um poder ativo que possua,
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus:  +55% de assertividade no manuseio do arco.
Dano: + 30% de dano ao ser acertado pela arma do semideus.

Nível 28
Nome do poder: Corpo Atlético III
Descrição: Apolo sempre foi descrito como um Deus jovem e no auge do seu vigor físico. Filhos de Apolo herdaram essa característica de seu pai, sempre são vistos praticando esportes e atividades físicas para se manterem atléticos.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus:+40% de agilidade e esquiva
Dano: Nenhum

Nível 29
Nome do poder: Visão Aguçada III
Descrição: Um bom arqueiro precisa de uma visão perfeito, e os filhos de Apolo/Febo herdam de seu pai olhos perfeitos, melhores que os dos mortais comuns. Seus olhos são tão perfeitos como do melhor predador existente.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: 50% de assertividade com qualquer habilidade de lançamento, disparo ou afins.
Dano: + 40 de dano ao lançar algo em algum inimigo e o acerte em cheio não valendo para golpes que peguem de raspão.

Nível 30
Nome do poder: Concentração de Arqueiro III
Descrição: Arqueiros precisam se concentrar para acertarem o alvo, pois qualquer distração, podem fazer seu tiro certeiro sair pela culatra. Os filhos de Apolo têm a benção de seu pai, que faz com que eles sejam mais calmos e objetivos quando precisam realizar uma tarefa que exija concentração. Ao estarem usando o arco/bestas, essa concentração torna-se natural, fazendo do filho de Apolo/Febo um prodígio.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus:+ 50% de vantagem ao realizarem uma tarefa que exija concentração. +75% de facilidade em concentrar-se ao estar usando o arco/bestas.
Dano: Nenhum
poderes ativos de apolo:

Nível 8
Nome do poder: Flecha Paralisante.
Descrição: O veneno de algumas cobras pode matar, outros apenas paralisam, ao cantar uma pequena frase em latim antes do lançamento de uma flecha a mesma carregará um veneno paralisante.
Gasto de Mp: 15 de MP
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: O local atingido é paralisado por uma ação.
Dano: – 5 de HP por rodada por 3 turnos. Efeito acumulativo ( 30 pelo nível + 25% de passiva musico II e benção = 37)

Nível 13
Nome do poder: Praga I
Descrição: Você pode criar uma praga para seu inimigo, fazendo um enxame em cima dele (apenas com animais pequenos: aranha, formiga, gafanhoto, abelhas... nada de Elefantes e coisa do tipo).
Gasto de Mp: 35 de MP
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: 30 de HP (40 pelo nível + 50% de passiva + benção = 60 dano)
Extra: A praga só fica 1 turno em campo

Benção:

Nome da benção: Golden Voice
Descrição: Após mostrar-se digno de uma das mais belas vozes no mundo. O semideus possui a benção de Apolo, poderes relacionados a voz, ao canto e música ficam mais fortes.
Gasto de MP: Nenhum
Gasto de HP: Nenhum
Bônus: Poderes relacionados a voz ou sonoros ficam 40% mais efetivos, ampliando também a chance de funcionarem em 30%.
Dano: + 10% de dano se o ataque do semideus atingir.
Extra: Nenhum
Armas:

• Faca de Bronze Celestial [ Uma faca de lâmina curta - cerca de 10 cm - com cabo em madeira envolvido em couro para tornar o manuseio melhor. | Não produz feridas em mortais. | Bronze celestial, madeira e couro. | Sem espaço para gemas. | Alfa. | Status 100%, sem danos. | Comum. | Nível 1. | Item inicial. ]

+ Camiseta laranja do Acampamento Meio-Sangue/Camiseta roxa do Acampamento Júpiter.

+ Colar de contas do Acampamento.

• Iryak [ Arco élfico com cerca de 1 metro e 50 com runas entalhadas por toda a sua espessura, a corda é feita de um material transparente e de resistência alta, encantada para conjurar flechas incorpóreas e infinitas. |Efeito 1: O arco possui personalidade própria, cria uma ligação com a mente de seu portador (semideus) e poderá se comunicar mentalmente com ele. | Efeito 2: As flechas desse arco são incorpóreas, para materializa-las basta puxar a corda e elas magicamente aparecem no arco, além disso, são infinitas e caso a arma seja derrubada, ela se regenerará em até um turno (runa sowelo). | Efeito 3: O metal utilizado para fabricar o arco, também possui 25% de resistência a magia, portando, magias lançadas contra o semideus que estiver na posse desse arco, terão um efeito reduzido na mesma porcentagem. | Efeito de transformação: Este também tem o poder de se transformar em uma harpa pequena, mediante desejo do semideus. Essa pode naturalmente caber em qualquer bolso, se adaptando ao local em que é inserida. | Arandur | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Arsenal do acampamento | Modificado por Cooper]
resumo de atributos, assertividade e etc:

Assertividade com arco= 105%
Concentração com arco=75%
Esquiva, agilidade e flexibilidade= 40% passiva + 20% controle corporal = 60%
Destreza= 5 pontos
Dano e estado:

dano:

Dano com arco base = (80+25) (+40/2)=125 +( 30%/2)= 143 por flecha
Dano crítico = 25% =38,75
Dano crítico total =178,75
Dano de flecha paralisante = 37 por turno (3 turnos) = 111
Dano praga = 72
Flechas sem dano crítico = 5*143=715
Flechas com dano crítico= 10*178,75=1787,5
Dano total poderes ativos = 111+60=171hp
Dano total= 2671
Estado 1829/4500
 
MP e HP:

440/440
375/440 – 35-25 = 60 =310




Última edição por Brian F. Grodick em Sex Nov 01, 2019 11:04 am, editado 1 vez(es)
Brian F. Grodick
Brian F. Grodick
Eruditos de Prometheus

Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann - Página 3 Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann

Mensagem por Brian F. Grodick em Qui Out 31, 2019 4:32 pm



  The Maze



Embora fizesse piada com a situação, Brian estava um tanto nervoso, não era como da sua primeira vez, ele estava cansado e precisava estancar o sangramento que escorria das costelas da menina. Apesar de ser filho do primeiro deus dos médicos e da cura, nunca lidou muito bem com feridas abertas que não fossem dele mesmo.

A semideusa ficava cada vez mais pálida e os mascotes choramingavam. Ele respirou fundo, transformando seu arco em harpa.  As primeiras cordas saíram um pouco desafinadas, devido ao nervosismo, mas logo ajustou os dedos. A harmonia que tocava era a mesma usada nas canções de heróis dos tempos gregos.  

Quanto mais firme ficavam os dedos de Brian, mais a onda ecoava pelo labirinto, afetando todas as criaturas vivas ao seu redor. Após a introdução instrumental, ele entrou com sua voz, usando a benção que seu pai lhe havia concedido, após enfrentar Nosos. A melodia, que seguia em Dó maior, subiu dois tons.

— The world is a nasty place to be walking alone, there is evil and there’s all kinds of wrong… people –  subiu um pouco mais – Don’t worry child you can rest on my arms take your time…. You can heal while you’re here take your time….

A melodia foi se intensificando, ficando cada vez mais parecida com uma escala harmônica frígia, descendo para o mí para entrar na harmonia. – Let the bleeding stop, Let the pain be gone, when you wake this nightmare, you will feel much better. Hear and follow my voice the devil will have no choice you will fear him no more...

As cores da semideusa foram retornando aos poucos e os animais ao seu redor foram fechando parte de suas feridas. Emendando na canção, Brian usou seu poder de cura, emanando uma luz dourada para fechar e anestesiar a dor. A aura dourada envolveu o ferimento da semideusa, que logo estava firme, junto a seus mascotes

Brian cessou o canto, deixando Freiryat recobrar a consciência de si mesma.

Curas escreveu: Freiryat recebe 48% de HP e MP e os mascotes 28% cálculo em Spoiler
Poderes, Benção e Habilidades:

poderes Passivos:

Nível 30
Nome do poder: Concentração de Arqueiro III
Descrição: Arqueiros precisam se concentrar para acertarem o alvo, pois qualquer distração, podem fazer seu tiro certeiro sair pela culatra. Os filhos de Apolo têm a benção de seu pai, que faz com que eles sejam mais calmos e objetivos quando precisam realizar uma tarefa que exija concentração. Ao estarem usando o arco/bestas, essa concentração torna-se natural, fazendo do filho de Apolo/Febo um prodígio.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus:+ 50% de vantagem ao realizarem uma tarefa que exija concentração. +75% de facilidade em concentrar-se ao estar usando o arco/bestas.
Dano: Nenhum
poderes de cura:
Nome do poder: Cura II
Descrição: Como seu pai Apolo/Febo, o semideus consegue conjurar uma aura alaranjada fina ao redor da pessoa que precise de seus cuidados. Esta aura possui propriedades curativas além de conseguir diminuir as dores (sejam elas de ferimentos externos ou internos).  Durante o seu uso, plantas ao seu redor serão revitalizadas também. Doenças menos graves como gripes, resfriados, alergias são curadas.
Gasto de Mp: 25 de MP
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: + 20% de HP e MP total e analgesia, dores na região curada não irão atrapalhar.
Dano: Nenhum
Extra: Os poderes ativos relacionados a cura só podem ser efetuados em terceiros.
Descrição: Com sua voz encantadora e seus dotes de curandeiro, os filhos de Apolo/Febo podem cantar uma canção que cura todos ao seu redor, exceto a si, numa área de 10 metros.
Gasto de Mp: 50 de MP
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +20% de HP e MP para todos os aliados ao redor do usuário.
Dano: Nenhum

Benção:

Nome da benção: Golden Voice
Descrição: Após mostrar-se digno de uma das mais belas vozes no mundo. O semideus possui a benção de Apolo, poderes relacionados a voz, ao canto e música ficam mais fortes.
Gasto de MP: Nenhum
Gasto de HP: Nenhum
Bônus: Poderes relacionados a voz ou sonoros ficam 40% mais efetivos, ampliando também a chance de funcionarem em 30%.
Dano: + 10% de dano se o ataque do semideus atingir.
Extra: Nenhum
Armas:

• Faca de Bronze Celestial [ Uma faca de lâmina curta - cerca de 10 cm - com cabo em madeira envolvido em couro para tornar o manuseio melhor. | Não produz feridas em mortais. | Bronze celestial, madeira e couro. | Sem espaço para gemas. | Alfa. | Status 100%, sem danos. | Comum. | Nível 1. | Item inicial. ]

+ Camiseta laranja do Acampamento Meio-Sangue/Camiseta roxa do Acampamento Júpiter.

+ Colar de contas do Acampamento.

• Iryak [ Arco élfico com cerca de 1 metro e 50 com runas entalhadas por toda a sua espessura, a corda é feita de um material transparente e de resistência alta, encantada para conjurar flechas incorpóreas e infinitas. |Efeito 1: O arco possui personalidade própria, cria uma ligação com a mente de seu portador (semideus) e poderá se comunicar mentalmente com ele. | Efeito 2: As flechas desse arco são incorpóreas, para materializa-las basta puxar a corda e elas magicamente aparecem no arco, além disso, são infinitas e caso a arma seja derrubada, ela se regenerará em até um turno (runa sowelo). | Efeito 3: O metal utilizado para fabricar o arco, também possui 25% de resistência a magia, portando, magias lançadas contra o semideus que estiver na posse desse arco, terão um efeito reduzido na mesma porcentagem. | Efeito de transformação: Este também tem o poder de se transformar em uma harpa pequena, mediante desejo do semideus. Essa pode naturalmente caber em qualquer bolso, se adaptando ao local em que é inserida. | Arandur | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Arsenal do acampamento | Modificado por Cooper]
Cura e estado:

Cura:

20% da Cura II + 28% da Canção com a benção = 48%

Mascotes recebem a cura a porcentagem da Canção da cura + benção
CURA TOTAL.
MP e HP:

440/440
310/440 – 75 = 235


Brian F. Grodick
Brian F. Grodick
Eruditos de Prometheus

Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann - Página 3 Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann

Mensagem por Macária em Sex Nov 01, 2019 6:00 pm


MvP & Cura


Valores máximos que podem ser obtidos


Máximo de recompensa a ser obtida: 2.500 xp e dracmas + 2 osso
Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Frieryat
Realidade de postagem + Ações realizadas – 45%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 25%

Recompensa obtida: 2.250 xp e dracmas + 2 ossos

Comentários:
Apesar de achar uma batalha sensacional, eu fiquei confusa em alguns instantes. Nada que uma segunda leitura não resolvesse. Também notei certa evolução textual se comparado a uma missão que avaliei certo tempo atrás. Parabéns.

Brian
Realidade de postagem + Ações realizadas – 45%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 25%

Recompensa obtida: 2.250 xp e dracmas

Comentários:
Brian,
Seus textos tiveram o mesmo tipo de problema que os de Frieryat. Espero que se atente um pouquinho mais. Você escreve bem e tem potencial.

Brian (Cura: 4000 xp e dracmas + 1 osso)
Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Recompensa obtida: 4.000 xp e dracmas + 1 ossos

Comentários:
Foi um post simples, mas efetivo. Tente apenas detalhar um pouco mais nas próximas vezes.

Status final:
Frieryat
HP: 363/400
MP: 239/400

Brian
HP: 440/440
MP: 235/440
Macária
Macária
Deuses Menores
Localização : Em qualquer lugar

Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann - Página 3 Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann

Mensagem por Frieryat Börh Hoffmann em Sab Nov 02, 2019 2:48 pm



Rolando dados para Múmia Amaldiçoada

Informações

Múmia Amaldiçoada
Descrição: Basicamente uma pessoa que foi amaldiçoada… pobre coitado. Em alguns casos eles estão enrolados em bandagens e em outros não há a presença delas, afinal isso varia muito de acordo como o morto foi sepultado, não é mesmo? São lentos e geralmente não são exatamente inteligentes, seguindo apenas ordens daquele que o trouxe de volta.

Poderes Passivos
Imunidade Mágica: São criaturas completamente imunes à magia, de modo que nenhum feitiço ou encantamento surte efeito em tais seres.
Imunidade ao Charme: Poderes relacionados ao charme e sedução também têm seus efeitos anulados.

Poderes Ativos
Invocador de Escaravelhos: Tais criaturas conseguem invocar em torno de cinquenta escaravelhos que começam a caminhar cegamente em direção ao alvo da múmia.

Status: 3.000 HP e MP
Nível Mínimo para um semideus enfrentar: 10
Recompensa máxima a ser obtida: 2.500 xp e dracmas + 2 osso

Dados

Dados de Dano dos Peões (Labirinto de Dédalo):
1. - 50% de HP.
2. - 25% de HP.
3. - 10% de HP.
4. Nenhum dano sofrido.
5. - 05% de HP.
6. - 15% de HP.
7. - 30% de HP.
8. - 45% de HP.

múmia amaldiçoada






frieryat
† the wizardry rainbow of death †
† arcadia's defensor †


Frieryat Börh Hoffmann
Frieryat Börh Hoffmann
Ceifadores de Thanatos
Idade : 21
Localização : Se não me engano, você teria aula hoje. De fato, chegamos a nos encontrar. Posteriormente, os alunos (e muitos) te procuraram.

Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann - Página 3 Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann

Mensagem por Narrador Principal em Sab Nov 02, 2019 2:48 pm

O membro 'Frieryat Börh Hoffmann' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Labirinto de Dédalo' : 7
Narrador Principal
Narrador Principal
Deuses Olimpianos
Idade : 25
Localização : Por ai
http://www.bloodolympus.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann - Página 3 Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann

Mensagem por Maisie De Noir em Sab Nov 02, 2019 2:59 pm

Dado para Múmia Amaldiçoada


LOVE
Maisie De Noir
Maisie De Noir
Líder dos Celestiais
Idade : 21
Localização : Palácio Celestial

Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann - Página 3 Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Frieryat Börh Hoffmann

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum