The Blood of Olympus
Para visualizar o forum é necessário estar cadastrado, por favor registre-se no rpg ou entre em sua conta. É necessário estar cadastrado para ver as informações contidas no forum. Lembre-se de usar nome e sobrenome, não se cadastrar usando nomes geralmente utilizados por Hacker. Exemplo: "Barum" "Hakye" e por ai vai. Bem vindos.

[Labirinto de Dédalo] Daphine Summers

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Daphine Summers  Empty [Labirinto de Dédalo] Daphine Summers

Mensagem por Daphine Summers em Sab Out 12, 2019 3:46 pm

Batalhas



Tópico destinado as Batalhas de Daphine Summers e aqueles que resolverem interagir com ela.


Sometimes even
to breathe
is an act
of courage
Daphine Summers
Daphine Summers
Filhos de Ares
Filhos de Ares


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Daphine Summers  Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Daphine Summers

Mensagem por Daphine Summers em Sab Out 12, 2019 3:53 pm

Lançando dados para corvo gigante


Sometimes even
to breathe
is an act
of courage
Daphine Summers
Daphine Summers
Filhos de Ares
Filhos de Ares


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Daphine Summers  Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Daphine Summers

Mensagem por Narrador Principal em Sab Out 12, 2019 3:53 pm

O membro 'Daphine Summers' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Labirinto de Dédalo' : 7, 1
Narrador Principal
Narrador Principal
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Idade : 24
Localização : Por ai

http://www.bloodolympus.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Daphine Summers  Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Daphine Summers

Mensagem por Cam Hatman em Dom Out 13, 2019 2:28 pm

Rolando dados


É preciso muito audácia para enfrentarmos os nossos inimigos, mas igual audácia para defendermos os nossos amigos.
Cam Hatman
Cam Hatman
Ceifadores de Thanatos/Leto
Ceifadores de Thanatos/Leto


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Daphine Summers  Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Daphine Summers

Mensagem por Narrador Principal em Dom Out 13, 2019 2:28 pm

O membro 'Cam Hatman' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Labirinto de Dédalo' : 6, 8
Narrador Principal
Narrador Principal
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Idade : 24
Localização : Por ai

http://www.bloodolympus.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Daphine Summers  Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Daphine Summers

Mensagem por Cam Hatman em Dom Out 13, 2019 6:01 pm

Halloween
O castelo do medo
“Com tudo ao nosso redor mudando tão rapidamente, não machuca ter algumas coisas do passado.”

Permanecemos em silencio durante boa parte do caminho até o andar de baixo, onde finalmente encontrei a pista que tanto procurava. O cheiro de morte tinha ficado mais forte e a trilha invisível parecia me guiar para algum lugar, me fazendo ter certeza de que estava no caminho certo.

— Fui enviado em uma missão, preciso encontrar a fonte de morte ligada a esse castelo — Expliquei para a garota ao meu lado. — Você pode vir comigo, ou pode ficar para curtir a festa — Dei de ombros, seguido em frente sem esperar a resposta de Daphine, mas no fundo torcendo para que ela ficasse para trás.

Eu sabia cuidar de mim mesmo, mas com uma dama ao meu lado ficaria preocupado o tempo inteiro e me colocaria em riscos desnecessários pelo caminho, algo que eu prontamente podia evitar. Daphine parecia não ter conhecimento sobre meus temores e medos, por isso me alcançou rapidamente, me dando a certeza de que eu não conseguiria abandoná-la.

Mas o que eu esperava? Era Daphine! E ela era mais teimosa que uma mula no meu ponto de vista, e uma guerreira. Tinha sido treinada... ainda assim. Bufei baixinho encarando a garota. — Eu não vou proteger você, se morrer vou dar risada — Avisei tentando desencorajá-la.

Ok, Daph tinha senso de humor e eu tinha que admitir isso. Sua língua afiada nunca me decepcionava e devo confessar que gostava dessa característica dela. Por isso apenas sorri antes de seguir em frente, indo pela trilha invisível que deixava minha pele cada vez mais arrepiada. Era como um sexto sentido que me guiava para o além onde a morte mais espreitava, até me deixar de frente a uma porta de madeira rustica escancarada e que se abria direto para um lugar escuro e sombrio.

— O labirinto de Dédalo — Anunciei com pesar. Eu devia saber que o perigo seria algo do tipo, tinha sido treinado e ouvira histórias da morte e de seus seguidores sobre as impurezas e perigos que rondavam o mundo. É logico que iria me deparar com um deles em algum momento.

— Fique esperta, se é mesmo que acho que é então acabamos de entrar em uma armadilha — Avisei a Daphine antes de seguir em frente, já levando a mão livre ao pulso para girar o bracelete duas vezes, fazendo uma lâmina longa e completamente negra nascer por entre meus dedos. Envolvi seu cabo com firmeza, seguindo pelo corredor de maneira desconfiada.

Tudo ali gritava perigo. O ar era mais denso e carregado e o chão sobre meus pés pareciam um tanto irregular. As paredes sussurravam coisas e nos primeiros minutos que permaneci percorrendo os inúmeros corredores que se abriam a minha frente, percebi que estava cego. O labirinto brincava com minha mente, não existia forma de se guiar sobre ele, era tudo questão de instinto e sorte.

Sorte... algo que eu não tinha.

O farfalhar das paredes ao meu redor me deixou ainda mais em alerta. Um arrepio percorreu minha espinha e gelou meu sangue, no exato momento em que Daph arquejou as minhas costas, me fazendo virar para ver o que tinha acontecido. Nesse momento pude perceber uma criatura grande e negra surgir por entre as sombras. Um pássaro de asas abertas e bico escancarado, não tinha mais de um metro e meio de altura, mas parecia forte e faminto. O pior de tudo? Ele tinha acabado de encontrar sua refeição.

— Abaixa — Gritei antes de avançar com a lâmina, cortando o ar onde antes estava a cabeça de Daphine e usando a foice para espantar a criatura, que recuou alguns centímetros antes de abrir as asas para escapar.

Eu sabia que aquilo era apenas o começo e que do chão estávamos em desvantagem em relação aos seus botes, mas não importava, tínhamos que derrotar a criatura se quiséssemos continuar avançando.

O monstro voltou a descer, dessa vez me deixando como alvo ao estocar com o bico em minha direção. Joguei-me no chão para escapar de seu golpe e pude vislumbrar Daphine com uma espada tentando acertar a criatura, que foi atingida em algum ponto que não consegui identificar.

Fechei os dedos de forma firme ao redor de minha foice e rolei para o lado, ficando de pé antes de perceber que atacar daquele jeito era inútil e que se quiséssemos pegá-la primeiro teríamos que prendê-la.

— Tenho um plano! — Avisei a Daphine, correndo para seu lado antes de soltar a foice por entre os dedos e mover as mãos, puxando as sombras em minha direção e dando vida a elas, até ter a forma de uma corda completa. Lancei-as em direção ao monstro assim que vi suas garras descerem de novo, e me abaixei para não ser atingido antes de prender o pássaro pelas garras e impedi-lo de voar tão alto novamente. Com a criatura presa, bastava um puxão para que conseguirmos atingi-la.

— Ataque — Pedi a Daphine antes de fazer força para baixo, rangendo os dentes antes de puxar o pássaro com tudo em direção a minha companheira, que já estava com a espada em riste. O que eu não esperava era que o grito do monstro fosse atordoar todos os meus sentidos, fazendo minha mente estilhaçar em pequenos pedaços e sangue escorrer por minhas orelhas.

Minha corda se desfez entre meus dedos, as sombras desaparecendo à medida que eu caia de joelhos completamente atordoada. Algo que me deixou completamente vulnerável ao próximo ataque do monstro. Eu não vi de onde ele veio, mas senti quando suas garras perfuraram meu peito e me arrastaram para longe, fazendo minhas costas se chocarem contra uma parede antes dele me soltar. A pancada me deixou ainda mais tonto, mas foi a imagem de Daphine caída sobre o solo que me deu a motivação que eu precisava para continuar lutando.

Ela estava ferida e eu não podia deixá-la sozinha naquela situação.

Ela não podia morrer!

Grunhindo ignorei a dor latejante em meu corpo e me levantei às pressas. Corri até minha foice caída alguns poucos metros de mim e capturei-a em mãos, girando o corpo em um movimento de 90º ao ver meu inimigo avançando mais uma vez. Nesse momento não pensei, eu agi. Lancei a foice com o efeito bumerangue sobre o corpo da criatura, atingindo seu peito em cheio e a fazendo despencar e atingir o chão próximo a Daphine. Que mesmo ferida já estava com a espada em mãos, descendo a lâmina contra o corpo da criatura abatida para realizar o golpe que cessaria sua vida. Acabando com aquela batalha.

— Essa é minha garota — Pisquei cansado, arfante, mas sorrindo.

Poderes Passivos:

Nível 1
Nome do poder: Perícia com Foices I
Descrição: Sendo a foice o instrumento característico da morte, os seguidores desta possuem maior facilidade a aptidão no manuseio da arma em questão. O objeto em suas mãos é manobrado de maneira mais fácil e precisa, tanto ofensiva quanto defensivamente.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: 15% de assertividade no uso da foice.
Dano: +10% de dano ao ser acertado pela foice de um ceifador.

Nível 3
Nome do poder: Resistência à Intimidação I
Descrição: Imparciais e quase inabaláveis mentalmente, os ceifadores são menos propensos a serem intimidados por qualquer tipo de aura ou poder.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: 15% de resistência contra magias, auras e poderes de intimidação/abalo mental.
Dano: Nenhum.

Nome do poder: Memória Eidética I
Descrição: Assim como a morte possui uma memória perfeita para se lembrar de todos que passaram por suas mãos, seus ceifadores passam a ter a capacidade de lembrar de quase tudo. Isso lhe dá uma maior capacidade de investigação e perseguição, por se lembrar das informações de seus alvos e afins.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: Nenhum.

Nome do poder: Visão Noturna I
Descrição: Acostumados com a escuridão, os ceifadores possuem facilidade em enxergar em meio a esta. Entretanto, nesse nível, sua visão alcança até 20 metros à sua frente.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: Nenhum.

Nível 2
Nome do poder: Silenciosos
Descrição: Assim como a morte nem sempre anuncia sua chegada, os membros desse grupo secundário podem escolher abafar seus sons. Podendo assim passarem despercebidos, ou então não denunciar sua aproximação.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: +20% de furtividade. +80% de chance de passar despercebido ou executar um ataque surpresa.
Dano: Nenhum.

Nível 5
Nome do poder: Besta Noturna I
Descrição: Basta a noite chegar para que os seguidores de Thanatos/Leto tenham seus sentidos mais aguçados. Afinal, a morte, apesar de não ter hora para chegar, é mais comumente associada à noite, o que explica também sua afinidade com o escuro e as sombras.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: 10% em todos os cinco sentidos durante a noite.
Dano: Nenhum.

Nível 9
Nome do poder: Atributos do Ceifador I
Descrição: Os ceifadores são conhecidos por sua incrível agilidade e esquiva. Nesse nível inicial, o seguidor da morte pode mover o corpo um pouco melhor do que um humano comum, assim como tem um bom tempo de reação a ataques..
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: +10% de agilidade e esquiva.
Dano: Nenhum

Nível 11
Nome do poder: Emboscada I
Descrição: Sempre que realizar um golpe surpresa, as chances de ser um golpe crítico são maiores, além de causar mais da dano que o normal.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: 10% de chance de acerto crítico.
Dano: Nenhum.

Nível 12
Nome do poder: Hipercinese I
Descrição: Esta habilidade permite que o seu cérebro processar o movimento muito mais rápido do que as outras pessoas. Essa capacidade lhe permite melhores reflexos e excelente pontaria com armas de longo alcance ou com objetos atirados, bem como prever uma determinada trajetória.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: 30% de pontaria/arremesso de objetos.
Dano: Nenhum.


Nível 12
Nome do poder: Força I
Descrição: Zeus/Júpiter é um deus que tem uma força superior a boa parte dos outros deuses, chegando a ser comparado com Ares. Seu irmão, Hércules, era um dos semideuses mais fortes a ser conhecido, e assim como ele você adquire uma força superior a boa parte dos campistas.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +15% de força
Dano: +10% de Dano se o ataque do semideus atingir.

Nome do poder: Respiração
Descrição: O filho de Zeus/Júpiter é mais resistente que a maioria dos campistas, e dificilmente fica cansado em batalha, podendo aguentar treinamentos mais árduos, e batalhas mais longas sem necessidade de parar.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +20% de resistência em batalha
Dano: Nenhum
Poderes Ativos:

Nível 8
Nome do poder: Arremesso de Foice
Descrição: Uma habilidade especial que permite ao ceifador lançar sua foice, que irá girar e atingir seu alvo, retornando para sua mão ao fim do movimento.
Gasto de Mp: 15 de MP.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: 10% de dano extra.
Extra: Se a força do inimigo for maior do que a determinação do ceifador, a foice pode ser segurada pelo adversário.

Nível 12
Nome do poder: Umbracinese Bélica II
Descrição: Agora o ceifador é capaz de criar até mesmo armas de médio porte, como espadas e foices, mas sua resistência continua baixa. Além de também serem dissipadas por luz, se expostas muito tempo a esta. A resistências dessas armas é considerada como Beta.
Gasto de Mp: 20 de MP.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: 30 para humanos, semideuses e monstros.
Extra: Somente uma arma pode ser criada por turno.
Itens Levados:

• Faca de Bronze Celestial [ Uma faca de lâmina curta - cerca de 10 cm - com cabo em madeira envolvido em couro para tornar o manuseio melhor. | Não produz feridas em mortais. | Bronze celestial, madeira e couro. | Sem espaço para gemas. | Alfa. | Status 100%, sem danos. | Comum. | Nível 1. | Item inicial. ]

• Julgadora [Uma bonita e grandiosa foice toda feita de material negro enquanto sua lâmina, prateada, dizem ser feita de adamantino. É uma arma pesada nas mãos de qualquer outro semideus que ouse empunhar a arma mas tende a se tornar leve nas mãos dos ceifadores afinal, a foice sempre foi uma das marcas registradas de seu mestre. | Efeitos mecânicos: Se torna um bracelete quando não está sendo utilizada. Para ativar a arma, gire o pulso duas vezes em sentido horário para que o cabo comece a se desprender de seu pulso e cresça até se tornar a arma que é. | Cortes realizados por esta arma recuperam o HP de seu portador em 10% do dano causado.| Resistência Beta | Espaço para uma gema | Status: 100%, sem danos | Nível 3. | Lendária |Presente de reclamação dos Ceifadores de Thânatos]

• Black Piece [Anel negro simples para ser utilizado no dedo polegar, sem qualquer detalhe ou inscrito. | Efeito 1: Aumenta a furtividade do semideus em 30% permitindo que seus movimentos se tornem ainda mais silenciosos. Efeito 2: Aumenta a velocidade do semideus em 30%, deixando-o ainda mais letal em batalha. | Fim de semana: Sexta feira 13]
Consumíveis:

• Doceneta | É um tipo de caneta feita de plástico com um líquido colorido dentro. Seus sabores variam de chocolate, baunilha para frutas diversas de acordo com os gostos e peculiaridades de cada semideus. |Efeito 1: Recupera 100% do HP e do MP do semideus. | Uso único, some ao ser usada | Fim de semana: Sexta feira 13] x2


É preciso muito audácia para enfrentarmos os nossos inimigos, mas igual audácia para defendermos os nossos amigos.
Cam Hatman
Cam Hatman
Ceifadores de Thanatos/Leto
Ceifadores de Thanatos/Leto


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Daphine Summers  Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Daphine Summers

Mensagem por Daphine Summers em Qua Out 16, 2019 11:52 am

A primeira batalha


Daphine Summers sabia que devia uma ao semideus que a havia salvado. O silêncio que pairava no caminho para o andar de baixo, ao que havia sido trancada, era mais confortável do que esperava. O cheiro peculiar dominou suas narinas antes mesmo que ela soubesse defini-lo.  A semideusa ainda não possuía tantas habilidades.

-Com a quantidade de fantasmas que já encontrei por aqui, ficaria mais do que feliz, se você conseguisse encontrar a fonte- anunciou dando um suspiro.

As palavras que se seguiram, fizeram com que a filha de Ares, fechasse seu rosto em uma careta. Ainda não poderia considera-lo um amigo próximo, mas não o abandonaria a própria sorte.

-Claro que eu vou te acompanhar- anunciou dando de ombros.

Proteção. Daphine odiava aquela palavra quando se referia a alguém tentar mante-lá segura. Mas, começava compreender a necessidade dos outros semideus de proteger aqueles que estavam ao seu redor. Como um acordo não dito, que todos seguiam sem pestanejar.

-Como eu não vou ser apta a ver, não fará diferença! Pode rir a vontade- disse dando mais um passo na direção que Cam seguia.

Engolindo seu orgulho que indicava a Daphine que ela deveria ser a pessoa a frente da dupla, a semideusa passou a seguir a liderança de Cam. O ceifador caminhava rapidamente, parecendo ter certeza de quais eram os lugares corretos a virar ou seguir em frente. A semideusa supunha que era algo haver com sua vida como seguidor de Thanatos, ouvira por vezes dizer que os anjos negros tinham habilidades impressionantes.

Ao se depararem com a porta de madeira rústica, um arrepio perpassou o corpo da filha de Ares, fazendo com que ela desse um pequeno passo para trás. O medo não era algo tão incomum quando se deparado com o desconhecido. Cam pronunciou o nome com certo pesar fazendo com que Daphine mordesse seu lábio inferior. Odiava labirintos, ainda mais aqueles que provavelmente viriam povoados de monstros.

-Não preciso ficar esperta, eu sou esperta. Fique atento. Não quero ter que salvar sua vida – anunciou dando um passo a frente. Sua mão indo de encontro ao anel de ferro estigio que deixara em seu bolso.

O anel se transformou na espada, conforme o bracelete de Cam se transformava na lâmina longa e negra. Envolvendo o cabo de sua espada com firmeza, Daphine passou a observar o caminho que seguiam. Corredores e mais corredores projetados para confundir quem quer que ousassem perpassa-los. Buscando não perder o ceifador, a semideusa tentava se manter o mais próximo dele que fosse possível.

As sobrancelhas de Daphine se franziram quando um farfalhar começou ao seu redor. Seus olhos se moveram procurando a origem do som. Um pássaro imenso, parecendo pronto para partir ao ataque vinha em direção aos dois semideuses. Um corvo gigante, pronto a abater quem quer que se interpusesse em seu caminho. Tentando evitar que o grito se retirasse de seus lábios, Daphine soltou um arquejo, chamando atenção de seu companheiro de jornada.

Seu corpo processou a ordem de Cam antes que sua mente o fizesse, agindo de imediato seus joelhos raspando no solo do labirinto. Estavam em desvantagem e mesmo aquela sendo sua primeira luta real, Daphine tinha intenção de ser parte mais que ativa naquele cenário. O ceifador havia espantado o monstro mas, aquilo não duraria por muito tempo.

Levantando, se preparou para o ataque. O monstro havia definido Cam como o alvo da vez, o que daria a ela o beneficio da surpresa. A semideusa conseguiu fincar sua espada na base da asa direita, ferindo a criatura, antes que essa a empurrasse para longe. O corpo de Daphine foi de encontro a parede, as estacas espalhadas pela parede, entrando em sua pele. Mordendo seu lábio inferior, a moça impediu-se de gritar, mesmo quando a dor parecia mais que insuportável.

O ardor começou segundos depois. Não precisava de muito para que Daphine compreendesse a situação na qual havia entrado. As estacas haviam machucado seu corpo muito mais do que ela esperava que conseguissem fazê-lo. Não poderia permitir que Cam percebesse o que havia acontecido. Por isso levantou-se o mais rapidamente possível quando o rapaz seguiu em sua direção, anunciando que tinha um plano.

As garras do monstro vinham de encontro a eles, Daphine abaixou-se soltando um leve gemido. O monstro foi preso pelo ceifador a ordem dada, segundos antes da espada da semideusa colocar-se em riste. Como um instinto, ela sabia exatamente o que precisava fazer. O ataque, no entanto, foi frustrado quando o grito do monstro foi ouvido.

Deixando a espada cair, a semideusa levou as mãos aos ouvidos tentando abafar o som horroroso. Seus pensamentos ficaram em branco, conforme seu corpo caia ao chão. Um liquido começou a escorrer por suas mãos, fazendo com que ela as levasse em direção aos olhos. O liquido avermelhado deixando claro, que sangue havia sido retirado de si.

Tentando se recuperar, Daphine respirou fundo algumas vezes. Conseguia ouvir a movimentação ao seu redor, mas sua mente não estava desperta o suficiente para que ela fizesse algo. Pelo menos não até que ouviu o grito de Cam, levantando-se com dificuldade, observou a criatura atacar seu companheiro, e voar se preparando para um segundo ataque.

Daphine começou a se levantar com dificuldade, sua espada não estava tão longe. Caiu novamente, a tontura tentando dominar seus sentidos. O ceifador no entanto, foi mais rápido que ela atacando a criatura e lançando-a em sua direção. O golpe final era seu e a semideusa não decepcionaria seu parceiro de luta.

Levantando-se, puxou a espada mantendo-a em riste para dar o golpe final. A vida do monstro se esvaindo com uma rapidez impressionante. Respirando profundamente, Daphine não conseguiu segurar o gemido que se retirou de seus lábios.  

-Só... mantenha-se vivo Hatman- anunciou deixando que seu corpo se acomodasse no chão.

Arma:
• Sabre [Uma espada onde a destreza é mais influente que a força, podendo infligir grandes danos, feita com ferro estígio na lâmina e com o cabo revestido por um tipo de couro resistente e que se encaixa perfeitamente na mão daquele que a porta. | Efeito 1: A arma possui a característica incomum de ganhar um aspecto assustador quando está em um ambiente escuro, intimidando inimigos de menor nível, porém tal intimidação não é muito efetiva ao verem quem porta tal arma (rs). | Efeito 2: O sabre pode se tornar um anel liso e feito de ferro estígio. | Ferro estígio e couro. | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Arsenal do acampamento]
Poderes Passivos:

Nível 6
Nome do poder: Sexto Sentido
Descrição: Em meio a um campo de batalha, descansar não é opção e os filhos de Ares/Marte sempre estão atentos. Além de conseguirem notar com mais precisão e facilidade sinais de aproximação (como sons) esses semideuses possuem uma espécie de sexto sentido, de modo que ao serem alvo de um ataque direta ou indiretamente, pressentirão o perigo, podendo se prepararem melhor para o combate e evitarem serem emboscados.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Poderão, durante um único turno, pressentir o inimigo se aproximando, podendo saber de onde o ataque virá, e se preparar para ele.
Dano: Nenhum

Nível 8
Nome do poder: Velocidade Atlética
Descrição: Um bom combatente sempre está preparado fisicamente para os futuros combates, sendo que as proles do deus da guerra levam a sério seus treinamentos rígidos, buscando sempre serem melhores. Devido a condição física e biológica natural do semideus, e de seu empenho nos treinamentos, são quase tão rápidos e ágeis quanto filhos de Hermes, conseguindo correr longas metragens sem se cansarem. Movimentos de finta, esquiva e outros que requeiram velocidade/agilidade, sempre possuem mais chances de funcionar contra inimigos mais lentos, além de perderem em uma corrida apenas para seres tão velozes quanto filhos do deus mensageiro.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: 15% de chance de conseguir se esquivar, pular, e saltar em uma luta com inimigos mais fracos, ou mais lentos.
Dano: Nenhum

Nível 9
Nome do poder: Ignorando a dor I
Descrição: A dor é um estado psicológico e biológico, tida como uma auto defesa do corpo humano. Contudo, os filhos de Ares/Marte possuem a capacidade de ignorarem a dor de ferimentos, podendo lutar normalmente mesmo se estiverem coma luxação ou um dedo quebrado. Nesse nível apenas é possível ignorar a dor de golpes que não causem ferimentos profundos, ou que incapacite um membro do semideus. (cortes leves, e feridas pequenas)
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Continuará lutando normalmente desde que os ferimentos sejam de grau baixo, como cortes superficiais, queimaduras de grau baixo ou hematomas.
Dano: Nenhum

Nível 10
Nome do poder: Sanguinário
Descrição: Ares/Marte ama ver o sangue de seus inimigos jorrando de seus corpos, sendo esse um inevitável atrativo das guerras. Ao ser tocado pelo sangue de um inimigo, ou por algum fluído vital que se assemelhe ao sangue (Ents - seiva, deuses - icor e etc), o filho de Ares/Marte recupera parte de sua energia e força, ficando com ainda com mais vontade de ferir inimigos.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Recupera +10 HP e +10 HP
Dano: Nenhum
Extra: Pode ser utilizado uma vez a cada 3 turnos.

Nível 11
Nome do poder: Arma em Punho
Descrição: As proles de Ares/Marte aprendem desde cedo a importância de suas armas, não as deixando ou arriscando perde-las, não importa o que aconteça. Dificilmente vão poder tirar uma arma das mãos de um filho de Ares/Marte durante o combate, estes vão segurar suas armas com força e elas apenas irão poder serem removidas caso o semideus não esteja as segurando, ou caso morra.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: O semideus que tiver um nível inferior ou igual ao do filho de Ares/Marte não poderá desarmá-lo.
Dano: Nenhum

Nível 12
Nome do poder: Regeneração I
Descrição: Os filhos de Ares/Marte ao estarem em combate podem recuperar parte de seu HP e MP, mas para isso precisam matar seus inimigos. Isso funciona da seguinte maneira, para cada soldado, monstro, semideus ou inimigo derrubado em batalha pelo semideus (derrotado, não precisa estar morto) parte do HP e MP são restaurados e transferidos, ou seja, o HP e MP do inimigo vem para você. Ele perde, mas você ganha não somente a batalha, como também mais poder mais energia, ficando mais forte.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: A cada inimigo derrotado em batalha +30 HP e 30 MP são restaurados em sua barra de status.
Dano: Nenhum

Nível 13
Nome do poder: Percepção estratégica
Descrição: Para vencer um combate, não é preciso apenas possuir a maior força, os melhores golpes e as principais vantagens, também é necessário saber utilizar as desvantagens e fraquezas dos adversários, fazendo com que eles percam para si mesmo. Ao olharem atentamente para o corpo de um oponente, os olhos do filho de Ares/Marte conseguem notar quais são as principais fraquezas do sujeito, quais os melhores pontos a se golpear e o que pode fazer para vencê-lo. As informações são dadas pelo narrador, cabendo á prole do deus da guerra as utilizarem da melhor forma possível. (só pode ser usado por uma vez em cada batalha)
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Pode pedir ao narrador que aponte dois pontos fracos no corpo do inimigo, mas cabe a você conseguir acertá-los.
Dano: Nenhum

Nível 14
Nome do poder: Ataque Surpresa
Descrição:  Em meio ao filme da serie Percy Jackson, foi mostrado em um evento de caça a bandeira que os filhos de Ares/Marte gostam de surpreender seus adversários, utilizando lugares altos para os emboscarem. Após um ganho tão grande de experiência, os filhos do deus da guerra conseguem se camuflar com perfeição, utilizando a natureza ao seu favor. Ao estarem escondidos com o objetivo de emboscar um inimigo, esses semideuses se tornam praticamente invisíveis em meio ao ambiente, podendo ser detectados apenas caso o adversário possua algum sexto sentido, tenha um olfato sobrenaturalmente apurado ou seja capaz de detectar presenças através de auras.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Desde que o inimigo não tenha faro apurado, ou consiga detectar aura (rastrear de alguma maneira), não será identificado.
Dano: Nenhum

Nível 16
Nome do poder: Força II
Descrição: Os filhos de Ares/Marte ficam ainda mais fortes conforme desenvolvem seu treinamento, sua força sempre foi superior aos demais campistas, mas isso se torna um destaque muito vantajoso conforme ele se desenvolve, cresce e treina.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +20% de força
Dano: +10% de Dano se o ataque do semideus atingir.

Nível 17
Nome do poder: Pericia com lâminas II
Descrição:  O semideus está aprendendo a lidar com outras armas, e agora já consegue lidar com espadas mais longas, lanças e atirar as facas com mais precisão, está se tornando um ótimo combatente.  
Gasto de Mp:  Nenhum
Gasto de Hp:  Nenhum
Bônus:  +35% de chance de acerto no manuseio de lâminas.
Dano: +15% de dano se o adversário for atingido pelo semideus.
Poderes Ativos:
Nível 17
Nome do poder: Olhos da Morte
Descrição: Este é uns dos mais poderosos golpes dos filhos de Ares/Marte. Quando estiverem em batalha, seja com qualquer tipo de oponente, os olhos do semideus irão adquirir uma tonalidade avermelhada, e ao entrar em contato visual com seu oponente, começará a sugar a MP e HP do oponente. A energia sugada não irá para o filho do deus da guerra, porém deixará seu inimigo um tanto quanto mais fraco. A habilidade perde efeito após o contato visual ser interrompido.
Gasto de Mp: 30 MP
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: 10 MP e 10 HP por rodada ativa.´
Extra: Pode ser utilizado apenas dois turnos por missão/evento.


Sometimes even
to breathe
is an act
of courage
Daphine Summers
Daphine Summers
Filhos de Ares
Filhos de Ares


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Daphine Summers  Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Daphine Summers

Mensagem por Hades em Sex Out 18, 2019 11:08 am

Avaliação

Valores máximos que podem ser obtidos (Cam)


Máximo de recompensa a ser obtida: 1.200 xp e 1.200 dracmas + 1 osso
Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Realidade de postagem + Ações realizadas – 45%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 19%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Recompensa obtida: 1.128 xp e 1.128 dracmas + 1 osso

Valores máximos que podem ser obtidos (Daphine)


Máximo de recompensa a ser obtida: 1.200 xp e 1.200 dracmas + 1 osso
Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Realidade de postagem + Ações realizadas – 47%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 17%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Recompensa obtida: 1.128 xp e 1.128 dracmas + 1 osso


Atualizado
Hades
Hades
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Localização : Importa? A morte ainda será capaz de te achar.

Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Daphine Summers  Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Daphine Summers

Mensagem por Tessa S. Henz em Sab Out 19, 2019 11:23 am



Curando Daphine
De alguma forma eu havia perdido Hela. Minha mente tentava trabalhar numa explicação lógica para aquilo, mas era impossível. A quantidade de monstros que parecia me perseguir desde então não era brincadeira. Tentando compreender o que acontecia ao meu redor, me aproximei silenciosamente dos dois semideuses que se prostravam no chão.

Pareciam cansados e feridos, indicando que precisavam de ajuda. Eu só não sabia se eles a aceitariam. -Vocês definitivamente estão precisando de cura- murmurei me aproximando. Os jovens me olharam sobressaltados, segundos antes de soltarem um suspiro de alivio. Talvez me reconhecendo do acampamento meio-sangue, ou simplesmente felizes por não terem que lidar com mais um monstro.  

-Damas primeiro, sou Tessa- anunciei ouvindo seus nomes serem ditos antes de me aproximar da moça. Daphine e Cam, ambos de boa aparência. Passando meus olhos pelo corpo da moça, verifiquei seus ferimentos. Levantando sua blusa, fiz uma pequena careta, haviam marcas de tamanhos médios em suas costas, restos de algumas estacas ainda presos ali. Higienizando as mãos com água, passei a arrancar o que restara com cuidado, jogando água no local para ter uma visibilidade maior dos ferimentos.

Enviando uma onde de energia para dentro da moça, observei enquanto eles se fechavam. Satisfeita com o que havia feito ali, segui em direção ao próximo ferimento. Os cortes em seu joelho eram apenas superficiais, um toque era tudo o que precisavam antes que eu pudesse seguir para o mais me preocupava, seus ouvidos.

O sangue seco indicando, que os tímpanos da moça poderiam ter sido prejudicados. Olhando com atenção, suspirei de alivio antes de dar prosseguimento a cura. Canalizando minha energia nas mãos, coloquei-as sob os ouvidos de Daphine, virando-me em sua direção quando o processo estava finalizado. -Como se sente?- questionei observando sua face. A moça anunciou que se sentia muito melhor, agradecendo, antes de olhar ansiosa para o rapaz. Era o momento de cura-lo.  
Poderes e Habilidades:
Nome da Bênção: Primavera ensolarada
Descrição: Apolo observou seus feitos durante sua jornada e decidiu que você seria digna de uma bênção dele. Sendo assim, ele lhe concedeu o dom da cura onde, ao canalizar parte de sua energia para as mãos, poderá usá-la para restaurar até 50% do status (HP/MP) de um companheiro. A segunda parte desse dom é causar uma sensação intensa e incômoda de calor em seu oponente, o que faz com que ele perca uma ação por turno (a menos que tenha resistência ao calor/fogo em +40%).
Gasto de MP: 50 MP (para curar) ou 20 MP (por turno ativo) para causar sensação de incômodo.
Gasto de HP: Nenhum.
Bônus: Aquele que for curado por Tessa recupera 50% do HP e MP totais. Aquele que for vítima dessa bênção perde uma ação por turno, a menos que tenha resistência igual ou superior a 40%.
Dano: O ataque dessa bênção tira 10 HP por turno do oponente.
Extra: Nenhum.

1º Semestre
Nome do poder: Anatomia Humana e Semidivina
Descrição: Ao iniciar os estudos em Medicina, o estudante de Nova Roma aprende sobre a anatomia (humana e semidivina), passa a compreender os sistemas do corpo humano, como funcionam, o que pode impedir seu bom funcionamento e quais são as alternativas para tratá-los. No caso dos semideuses, aprendem como o DNA divino interfere na constituição do ser humano, doenças e enfermidades que são comuns aos semideuses e como tratá-los.
Gasto de Mp: Nenhum
Bônus: Nenhum

8º Semestre
Nome do poder: Tratamento Médico II
Descrição: Agora formado, o médico utiliza os conhecimentos adquiridos em sala de aula para realizar tratamentos e curas bem sucedidas, com mais eficácia e maior porcentagem de cura para seu paciente.
Gasto de Mp: 120 MP
Bônus: Recupera 60% do HP/MP do paciente.

Obs: Considerar o bônus da UNR.



Tessa Samantha Clarissa Henz
It's no rigth, but is okay!


Tessa S. Henz
Tessa S. Henz
Líder de Poseidon
Líder de Poseidon


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Daphine Summers  Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Daphine Summers

Mensagem por Tessa S. Henz em Sab Out 19, 2019 1:34 pm



Curando Cam
Sangue escorria pela camisa de Cam, as marcas das garras demonstrando que ele sofrera um ataque direto bem no peito. -Você consegue tirar a camisa sozinho?- questionei, vendo-o assentir antes de cumprir o que havia sido dito com uma feição de dor. Com cuidado, passei meus olhos por seus ferimentos, verificando a profundidade da ferida.

Ele tivera sorte, que as garras não houvessem pegado nenhum órgão e nenhuma artéria, do contrário a hemorragia interna poderia ter feito com que ele perdesse sangue com muito mais facilidade. Suas costas possuíam alguns vermelhões, sinal de que ele a batera, mas seus ossos estavam bem. O que era um bom sinal.

Assim como Daphine, seus ouvidos possuíam uma quantidade pequena de sangue seco. Examinando com cuidado, verifiquei o dano antes de dar inicio a cura. -O ataque no peito te rendeu mais do que um ferimento superficial, mas você parece ser um garoto de sorte, não pegou nenhum de seus órgãos internos- expliquei antes de dar inicio ao processo de cura.

Focalizei em passar um pouco da minha energia para o rapaz. Eu podia senti-la saindo de mim, entrando nele e fechando seus machucados. A cura se iniciava internamente, para então fechar o ferimento do lado de fora.  Conferi se nada mais restara ali, antes de seguir para o próximo ferimento.

Coloquei minhas mãos sob seus ouvidos com delicadeza, concentrando-me no trabalho que precisava fazer. Canalizando a energia em minhas mãos, deixa-a sair de mim adentrando nele e finalizando o que precisava ser feito. -Novinho em folha- anunciei, dando um tapinha no ombro de Cam antes de me afastar.

Poderes e Habilidades:
Nome da Bênção: Primavera ensolarada
Descrição: Apolo observou seus feitos durante sua jornada e decidiu que você seria digna de uma bênção dele. Sendo assim, ele lhe concedeu o dom da cura onde, ao canalizar parte de sua energia para as mãos, poderá usá-la para restaurar até 50% do status (HP/MP) de um companheiro. A segunda parte desse dom é causar uma sensação intensa e incômoda de calor em seu oponente, o que faz com que ele perca uma ação por turno (a menos que tenha resistência ao calor/fogo em +40%).
Gasto de MP: 50 MP (para curar) ou 20 MP (por turno ativo) para causar sensação de incômodo.
Gasto de HP: Nenhum.
Bônus: Aquele que for curado por Tessa recupera 50% do HP e MP totais. Aquele que for vítima dessa bênção perde uma ação por turno, a menos que tenha resistência igual ou superior a 40%.
Dano: O ataque dessa bênção tira 10 HP por turno do oponente.
Extra: Nenhum.

1º Semestre
Nome do poder: Anatomia Humana e Semidivina
Descrição: Ao iniciar os estudos em Medicina, o estudante de Nova Roma aprende sobre a anatomia (humana e semidivina), passa a compreender os sistemas do corpo humano, como funcionam, o que pode impedir seu bom funcionamento e quais são as alternativas para tratá-los. No caso dos semideuses, aprendem como o DNA divino interfere na constituição do ser humano, doenças e enfermidades que são comuns aos semideuses e como tratá-los.
Gasto de Mp: Nenhum
Bônus: Nenhum

8º Semestre
Nome do poder: Tratamento Médico II
Descrição: Agora formado, o médico utiliza os conhecimentos adquiridos em sala de aula para realizar tratamentos e curas bem sucedidas, com mais eficácia e maior porcentagem de cura para seu paciente.
Gasto de Mp: 120 MP
Bônus: Recupera 60% do HP/MP do paciente.

Obs: Considerar o bônus da UNR.



Tessa Samantha Clarissa Henz
It's no rigth, but is okay!


Tessa S. Henz
Tessa S. Henz
Líder de Poseidon
Líder de Poseidon


Voltar ao Topo Ir em baixo

[Labirinto de Dédalo] Daphine Summers  Empty Re: [Labirinto de Dédalo] Daphine Summers

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum