The Blood of Olympus
Para visualizar o forum é necessário estar cadastrado, por favor registre-se no rpg ou entre em sua conta. É necessário estar cadastrado para ver as informações contidas no forum. Lembre-se de usar nome e sobrenome, não se cadastrar usando nomes geralmente utilizados por Hacker. Exemplo: "Barum" "Hakye" e por ai vai. Bem vindos.

{CCFY - Halloween} O resgate de Jack O'Lantern

Ir em baixo

{CCFY - Halloween} O resgate de Jack O'Lantern Empty {CCFY - Halloween} O resgate de Jack O'Lantern

Mensagem por Meiying Liuwei em Seg Out 07, 2019 5:21 pm

Trick or Treating?
🎃

Tópico destinado à missão de resgate de Jack O'Lantern,
realizada durante o evento de "Halloween".


melon juice
Meiying Liuwei
Meiying Liuwei
Curandeiros de Asclépio
Curandeiros de Asclépio

Idade : 19
Localização : Hospital de Asclépio.

Voltar ao Topo Ir em baixo

{CCFY - Halloween} O resgate de Jack O'Lantern Empty Re: {CCFY - Halloween} O resgate de Jack O'Lantern

Mensagem por Meiying Liuwei em Seg Out 07, 2019 5:30 pm

Jack O'Lantern I
I know i know, i dont' i don't.
O dia de Halloween sempre foi o meu feriado favorito. Abóboras iluminadas, sustos, fantasias e doces. Tudo o que uma jovem adulta precisava para que deixasse de lado suas responsabilidades. Mas mesmo com todo esse clima macabro, eu ainda me sentia aflita. Era o meu primeiro dia das bruxas como semideusa e queria deixar boas impressões. Contudo, também sentia que não era a única a pensar da mesma forma.

Eu estava sobre a mesa do refeitório observando algumas cartas mal embrulhadas. Era muito comum que minha mãe as mandasse em dias especiais como esse. O envelope, — mesmo que mal organizado —, tinha alguns adesivos comemorativos em seu entorno. Bem, sabe aquele bom pressentimento antes de abrir as coisas? Foi o que senti quando retirei aquele pequeno lacre que segurava o envelope ao papel. Seria positividade?

“Querida Meiying, saiba que ainda te tenho como filha de forma intensa em meu coração. Sei que mesmo distante nosso amor uma pela outra não mudará. Juro ter tentando enviar algumas balas anexadas ao bilhete, mas elas acabavam por cair toda hora. O melhor jeito foi comê-las, haha. Todos nos aqui da mansão te desejamos um ótimo dia de festas. Feliz Halloween!”

Fiquei chocada ao notar que as palavras podiam mudar drasticamente o dia de alguém. Não consegui segurar o sorriso largo que já aparecia em meu rosto. Já tinha passado por tanta coisa, no entanto, que agradeci por um momento de descanso.

— Vou aproveitar sim, mamãe. Obrigada por tudo. — sussurrei ao envelope, torcendo para que ela ouvisse a resposta independente da onde estivesse. Olhar aquelas cartas sobre o nascer da lua acendeu em mim uma chama de memórias arcaicas. A luz do luar também chegava de penetra nas mesas de madeira, iluminando meu rosto. Eu devia estar com cara de pateta.

A sensação de respirar sem nenhuma preocupação também era ótima. Mas não durou. Parecia que o quente da chama que eu mantinha acesa em meu consciente foi ofuscada pela sombra de alguém. Com um frio na nuca, notei uma silhueta desconhecida atrás de mim e virei, suspeita.

— Bu! — Com certeza eu superestimava a capacidade da minha amiga Dawn em me assustar. Percebi que ela conseguia ser amedrontadora, mesmo retirando a máscara de morto-vivo que cercava seu rosto. Seus cabelos negros ainda sim cobriam todo o interior da mesa de tão compridos que eram. — Guarde esses papeis, Meiying! Você lê muito! — Dawn nunca fora uma apaixonada por literatura, mas a via tocando em livros uma vez ou outra. Por mais que fossemos amigas uma da outra, eu ainda estranhava os costumes da minha colega.

— Tudo bem… Estou precisando sair mesmo. — Não era uma mentira. Conforme os anos fui me tornando cada vez mais introvertida em questão de sair e de me divertir. Julgo que foi por conta das aventuras que passei… Sim, aquelas que arriscaram minha vida mais de uma vez.

— Vai ficar tudo bem. Mas ei… Quer ir num círculo de amigos? São todos semideuses. Nós vamos contar algumas histórias de terror na frente da fogueira e devorar alguns marshmallows. O que acha? — Uma coisa que considerei fortemente nela era seu enorme talento em conquistar a vontade das pessoas. Foi difícil pensar em dizer não.

— Okay. — Naquele momento eu senti uma enorme vontade de amarrar meus cabelos. Vai por mim, quando sinto vontade de algo tão raro quanto isso é por que algo vai acontecer. Admiti suspirar um tanto preocupada. Ela me encarava, com face de quem me dizia que eu precisava me soltar um pouco mais.

(...)

Todos e quaisquer jogos existentes entre nós duas se transformaram em uma sensação estranha que me rondou no momento em que ela me puxou com sua mão esquerda. Não sabia o que era e pretendia não descobrir. O anoitecer se aproximava a cada minuto e não neguei começar a sentir um pouco de medo. Será que Selene seria piedosa? Hm.


Mesmo com todos os nossos anseios nós não nos preocupavámos com escuridão. Estavámos focadas a cada instante em busca dos suprimentos que iriamos levar durante a nossa viagem ate o nosso destino. Eu bufava ao ter que recolher potes de sopa autorizados do refeitório.

— "Espero que de tudo certo. " — A noite era apenas uma criança e eu estava preocupada em tentar brincar com ela.



melon juice
Meiying Liuwei
Meiying Liuwei
Curandeiros de Asclépio
Curandeiros de Asclépio

Idade : 19
Localização : Hospital de Asclépio.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum