The Blood of Olympus

[MF] Tessa S. Henz

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ir em baixo

[MF] Tessa S. Henz  - Página 2 Empty Re: [MF] Tessa S. Henz

Mensagem por Tessa S. Henz em Sab Nov 02, 2019 8:43 pm



O navio naufragado
A experiência indicava que eu deveria continuar minha busca pelo corredor que me levaria ao local aonde a festa se realizava. Já a loucura me indicava que havia algo por entre aquelas portas esperando por mim. Algo belo e inimaginável. Como ocorrera com Sorcha e suas crianças. A magia em sua mais pura e bela forma se manifestando através do amor de uma mãe para com seus filhos.

O inconfundível som de uma porta se entreabrindo fez com que meus olhos se movessem em direção ao cômodo que se posicionava a esquerda no corredor em que eu me encontrava. Ele não parecia ofertar nada de intrigante. Suas paredes possuíam um papel de parede antiquado, a coloração azulada indicando que poderia ter pertencido a um cavalheiro.

Adentrando o quarto, deixei que meus olhos passassem pelos móveis que haviam restado por ali. Alguns em boa conservação devido a qualidade do material, já outros nem tanto, pela quantidade de tempo passada desde seu ultimo uso. Mordendo meu lábio inferior, me aproximei de um dos quadros pregados na parede, a tempo de ouvir a bater da porta atrás de mim.

Voltei-me em sua direção, poucos segundos antes de sentir a água tocando meu corpo, sem de fato molha-lo. Olhando ao meu redor, pude notar o timão a frente da sala de controle. O que muito me lembrava uma piscina, se posicionava ao lado esquerdo da sala de controle uma indicação de que aquele navio já havia sido utilizado para diversão.

Movendo minhas pernas com cuidado, passei a nadar pelo navio. As cabines a muito tempo abandonados sob a água, possuíam indícios de mofo. Emergidos sob a água, tudo ali me lembrava bastante o navio mais famoso da história cinematográfica, Titanic. Mamãe tendia a assisti-lo mais vezes do que eu poderia contar. Sua ideia de romance trágico me parecendo a cada ano mais exacerbada.

O barulho de movimentação fez com que eu virasse meu corpo em direção a porta. Meus olhos se entreabrindo ao visualizar uma jovem de cabelos avermelhados. Ela parecia lutar contra si mesma, em uma tentativa de se manter viva. Me aproximando, me preparei para ajuda-la mas, não cheguei a conseguir alcançar meu alvo. Os olhos da moça brilhavam sem vida antes mesmo que eu conseguisse me aproximar.

A tristeza tomou meu peito por alguns instantes, antes que eu voltasse a me movimentar pelo navio. Além daquela moça, poderia ter a possibilidade de outras pessoas estarem por ali. Pessoas que eu pudesse de fato salvar. – Mulheres e crianças! – uma voz feminina se vez presente, fazendo com que eu seguisse o som de sua voz. Era incomum que pessoas comuns conseguissem se comunicar em baixo d’água.

Usualmente, proles de Poseidon eram os únicos que conseguiam realizar tal proeza. A voz repetia a frase vez ou outra, o que me fazia acreditar que estava chegando cada vez mais perto de encontrar a pessoa que a pronunciava. – Eles sempre dizem mulheres e crianças – a mulher soltou uma gargalha ao me ver, seus olhos avermelhados fazendo um arrepio perpassar meu corpo.

Assim que seus olhos se focaram nos meus, a água ao meu redor pareceu se revoltar. Como se eu fosse seu inimigo, passou a me atacar. Um redemoinho se formou ao meu redor, me puxando para dentro de si.  Eu não conseguia ver nada além da água. Ondas começaram a se formar, levando meu corpo de um lado a outro.

A respiração fácil que sempre me acompanhara quando em água e a sensação de casa se evaporando pouco a pouco. Tentando inutilmente me livrar de suas amarras, passei a me sacudir sem grande sucesso. O ar já começava a me faltar, como se as habilidades que sempre haviam estado em mim houvessem parado de funcionar.

Uma onda veio em minha direção me levando de encontro a parede do navio. A dor foi tão intensa, que mal consegui conter a careta de dor que se interpôs em meu rosto. Tentei inutilmente fazer com que a água me obedecesse, mas aparentemente nada ali seria como eu gostaria. A porta de uma das cabines foi escancarada, meu corpo jogado ali dentro como se não fosse nada.

Me senti sufocar, minha pele molhada fazendo com que o frio se tornasse evidente. Tremendo, tentei me levantar do chão, a água havia desaparecido assim como o navio e seu cenário de terror. Por uma quantidade de minutos que eu não conseguia definir com precisão, eu perdera total e completamente os poderes sobre o meu elemento. Eu nunca me sentira tão pequena e tão aliviada ao mesmo tempo, quanto no momento em que me vi diante do quarto masculino com seu papel de parede desbotado.

Cômodos malucos
O castelo é um tanto mais complexo do que aparenta. Algumas portas podem te levar para lugares aleatórios como manicômios abandonados, igrejas caindo aos pedaços, outros castelos ainda mais tenebrosos e vários lugares que já foram esquecidos pelos homens. Sem querer, você foi para um destes lugares e ao tentar retornar descobriu que a porta não te levava de volta. Agora precisa enfrentar os perigos do lugar desconhecido e encontrar um meio de retornar para o lugar de onde veio.
Requisito – Mínimo nível 8.
Recompensas até: 6.000 XP – 6.000 Dracmas – 6 ossos.
Bônus:
• XP Full Time – Ao adquirir este pack, todas as suas postagens terão XP dobrado por sete dias. (Válido até: 02/11/2019)
 




The Beauty and the beast
Tessa S. Henz
Tessa S. Henz
Líder de Poseidon

Voltar ao Topo Ir em baixo

[MF] Tessa S. Henz  - Página 2 Empty Re: [MF] Tessa S. Henz

Mensagem por Tessa S. Henz em Sab Nov 02, 2019 10:41 pm



O orfanato abandonado
O castelo vinha se mostrando a cada minuto mais surpreendente. Não só pela quantidade de pequenas coisas que vinham se colocando em meu caminho, como pelos desafios que pareciam me encontrar de uma forma que eu não conseguia compreender. Desde nova, eu sabia que se houvesse algo estranho a vinte metros de distância do local aonde eu me encontrava, esse algo estranho iria me encontrar. Mas eu não sabia que um local onde uma festa estivesse rolando, poderia se mostrar tão afeito a pequenas surpresas desagradáveis.

Abrindo a porta a esquerda no corredor, passei meus olhos pelo cômodo esboçando um sorriso ao me dar conta do local onde eu me encontrava. A ala infantil do castelo. Geralmente, castelos como aquele ofertavam um lugar especifico para que as crianças da casa pudessem interagir entre si, brincando e tendo aulas com preceptoras até que tivessem idade suficiente para começar a passar tempo com os adultos.

Passando minhas mãos pelos brinquedos de madeira, sorri ao encontrar um que se destacara entre os outros. Um cavalinho bem esculpido chamara minha atenção quase que automaticamente. – Você não deveria estar aqui, não é uma de nós – o sussurro infantil fez com que eu me virasse de encontro a porta. Os móveis de boa qualidade haviam sido substituídos por um amontoado de camas. As teias de aranha e o pó se espalhando por todo lugar.

Um baú ao centro do quarto continha brinquedos antiquados, bonecas de pano, carrinhos de madeira, soldadinhos de chumbo e um cavalinho de madeira idêntico ao que eu havia visto anteriormente. – Seu cavalinho é igual ao meu – anunciou a voz infantil novamente fazendo com que eu olhasse em direção ao som que havia escutado. Três crianças se posicionavam ao fundo do quarto, sujas, com feições amedrontadas, buscavam ficar o mais distante possível de mim.  

Aparentemente eu viera parar em um orfanato abandonado. – Onde estão as pessoas responsáveis por vocês? – questionei segundos antes da imagem das crianças desaparecerem bem em frente aos meus olhos. “Eu só posso estar ficando maluca”, pensei coçando os olhos com o intuito de verificar se não estava alucinando.  Aparentemente o que eu vira fora um vislumbre do eu já havia sido aquele lugar.

Passando pela porta escancarada, comecei a caminhar pelo corredor. Tudo me parecia um tanto quanto comum, em se considerando o que eu já conhecia sobre orfanatos. Algumas crianças tinham a sorte de encontrar uma boa direção, enquanto outras se viam fadadas a viver em condições pouco humanas nas mãos de pessoas sem coração.

– Ele dizia que eu não iria morrer, mas o fogo, o fogo doí moça – o menininho não parecia ter mais que sete anos, seus olhos de um azul formidável brilhavam de pura dor. Foi então que notei as marcas. Marcas que apenas o fogo poderia deixar em uma pele tão jovem. Sua mão envolveu a minha dando um leve aperto antes que ele desaparecesse.

A sensação de calor passou a me envolver, as chamas pareciam estar cada vez mais perto. A fumaça parecia tampar completamente meu nariz, não permitindo que eu obtivesse certeza se conseguiria sair dali com vida. As chamas me consumiriam em poucos instantes e tudo que eu poderia fazer era tentar me salvar da morte. Tudo aconteceu muito rápido, o fogo se alastrando, o grupo de crianças me empurrando em direção a uma forma disforme. A próxima coisa que eu via era a ala infantil do castelo onde a festa ocorria.


Cômodos malucos
O castelo é um tanto mais complexo do que aparenta. Algumas portas podem te levar para lugares aleatórios como manicômios abandonados, igrejas caindo aos pedaços, outros castelos ainda mais tenebrosos e vários lugares que já foram esquecidos pelos homens. Sem querer, você foi para um destes lugares e ao tentar retornar descobriu que a porta não te levava de volta. Agora precisa enfrentar os perigos do lugar desconhecido e encontrar um meio de retornar para o lugar de onde veio.
Requisito – Mínimo nível 8.
Recompensas até: 6.000 XP – 6.000 Dracmas – 6 ossos.
Bônus:
• XP Full Time – Ao adquirir este pack, todas as suas postagens terão XP dobrado por sete dias. (Válido até: 02/11/2019)
 



The Beauty and the beast
Tessa S. Henz
Tessa S. Henz
Líder de Poseidon

Voltar ao Topo Ir em baixo

[MF] Tessa S. Henz  - Página 2 Empty Re: [MF] Tessa S. Henz

Mensagem por Hades em Qua Nov 06, 2019 1:42 am

Avaliação

Valores máximos que podem ser obtidos - Cômodos Malucos


Máximo de recompensa a ser obtida: 6.000 XP – 6.000 Dracmas – 6 ossos
Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 17%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%
Recompensa obtida: 5.820 XP (x2) = 11.640 XP – 5.820 dracmas – 6 ossos


Valores máximos que podem ser obtidos - Cômodos Malucos


Máximo de recompensa a ser obtida: 6.000 XP – 6.000 Dracmas – 6 ossos
Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 18%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%
Recompensa obtida: 5.880 XP (x2) = 11.760 XP – 5.880 Dracmas – 6 ossos


Valores máximos que podem ser obtidos - Cômodos Malucos


Máximo de recompensa a ser obtida: 6.000 XP – 6.000 Dracmas – 6 ossos
Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Realidade de postagem + Ações realizadas – 46%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 16%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%
Recompensa obtida: 5.520 XP (x2) = 11.040 XP – 5.520 Dracmas – 6 ossos

Spoiler:
Durante as duas primeiras missões fixas os maiores erros foram gramaticais. Já na ultima eu percebi que você acabou correndo com o texto e acabou dando uma resumida.


Hades
Hades
Deuses Olimpianos
Localização : Importa? A morte ainda será capaz de te achar.

Voltar ao Topo Ir em baixo

[MF] Tessa S. Henz  - Página 2 Empty Re: [MF] Tessa S. Henz

Mensagem por Conteúdo patrocinado

Conteúdo patrocinado

Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum