The Blood of Olympus
Para visualizar o forum é necessário estar cadastrado, por favor registre-se no rpg ou entre em sua conta. É necessário estar cadastrado para ver as informações contidas no forum. Lembre-se de usar nome e sobrenome, não se cadastrar usando nomes geralmente utilizados por Hacker. Exemplo: "Barum" "Hakye" e por ai vai. Bem vindos.

Festa de Halloween

Página 1 de 16 1, 2, 3 ... 8 ... 16  Seguinte

Ir em baixo

Festa de Halloween Empty Festa de Halloween

Mensagem por Macária em Dom Set 29, 2019 12:18 pm





Festa de Halloween

A festa havia sido montada por Quíron e Dionísio com auxílio de Hécate e ali todos poderiam comparecer. Semideuses e deuses poderiam desfrutar do momento sem nenhum medo de serem felizes. Haviam fantasias de todos os tipos, luzes e efeitos de névoa davam um charme a mais para a festa. Bebidas não alcoólicas estavam expostas em tigelas sobre uma mesa, assim como a comida. Ninguém poderia dizer com certeza quem era quem já que a luz negra fazia um pouco mais do que dar vida à decoração em tons neons. Era dia das bruxas e a comemoração pretendia estender-se até bem mais do que a meia noite.

A névoa se tornava, intencionalmente, mais fraca e muitas coisas podem acontecer em momentos como este.

O local era um palácio abandonado no velho Mundo, localizado na Escócia, é um ponto turístico muito atraente para os mortais que ingenuamente não podem ver através da névoa para desvendar todos os mistérios que ali existem.

O salão principal, onde ocorre a festa, é apenas o princípio. O luxo do lugar também esconde vários segredos e aqueles que forem valentes ou curiosos o suficiente podem aproveitar-se de surpresas e aventuras que nunca imaginaram.

Informações

• Olá, pessoas! Sejam bem-vindos ao evento de Halloween. Para marcar sua chegada neste evento, você só precisa postar na festa.

• O evento começa hoje e se encerra no dia 20/11 às 23h59 do horário de Brasília.

• Todos são bem-vindos. Deuses, semideuses e até criaturas! Então, divirtam-se.

• Lembrem-se, para os assanhados de plantão, que postagens +18 devem ser feitas em spoiler.

• Esta é só a pontinha do iceberg, mais surpresas serão liberadas ao longo desta primeira semana, meus queridos.

• Boa sorte e divirtam-se!




this a good death
money and diamonds can't save your soul

Macária
Macária
Deuses Menores
Deuses Menores

Localização : Em qualquer lugar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Festa de Halloween Empty Re: Festa de Halloween

Mensagem por Ymir W. Fritz em Dom Set 29, 2019 12:38 pm

the boy fritz
fritz boy the
the boy fritz
Halloween Party


Aos poucos eu estava ficando bom naquela coisa de festa. Aquela seria a minha segunda e cara, como eu estava animado pra ela! Da ultima vez tinha comida, pessoas dançando, bebida, e todo um clima incrível. Eu podia entender porque tínhamos um deus só da festança e da bebedeira. Naquela noite, diferente da anterior, decidi ir de mafioso. Usava roupas típicas dos anos 1910 com direito até a suspensórios e um chapéu. Já haviam algumas pessoas dando a louca na pista de dança, mas eu ainda não estava com ânimo pra isso. Ao invés peguei qualquer coisa pra beber e me sentei.

Havia um clima bastante incrível naquele palácio abandonado. A arquitetura era gótica, pelo pouco que eu conseguia compreender sobre o assunto, o que sempre combina muito bem com o dia das bruxas.

O que será que aquela noite esperava pra mim?

the boy fritz
fritz boy the
the boy fritz
Ymir W. Fritz
Ymir W. Fritz
Filhos de Éolo
Filhos de Éolo


Voltar ao Topo Ir em baixo

Festa de Halloween Empty Re: Festa de Halloween

Mensagem por Roma Chandler em Dom Set 29, 2019 1:18 pm

Seja bem-vindo
ao infinito caos.
Aquilo tudo era bem novo pra Roma ainda, mas se havia algo nessa vida a qual não deveria ser tão distinta entre os mortais e imortais seria as festividades. A garota estava de certa maneira um tanto animada para aquilo, afinal de contas, era Halloween e aparentemente seria um evento e tanto já que todo o acampamento havia se movimentado para aquilo e ninguém conseguia falar de outra coisa além das fantasias que iriam usar ou quem iriam levar como acompanhante como se aquilo fosse um baile de formatura do tempo de colégio.

Um sorriso se formava no canto dos lábios da loira enquanto terminava de ajeitar o adorno no topo da cabeça se concentrando para fazer com que o arco indu ficasse bem centralizado e preso junto dos cabelos e não corresse o risco de se soltar no meio da festividade. A fantasia escolhida para a vez fora um cosplay bem conhecido para a mesma, afinal de contas, Magia era uma de suas personagens favoritas da DC e incansáveis vezes havia a usado no mundo mortal e aquele era a oportunidade de mostrá-la para um público mais seleto, com isso, torci para não estar exagerando e que ninguém mais tivesse a mesma ideia que a mesma.
Ao sair do vestiário no chalé de Hermes, alguns olhares foram lançados para a garota, afinal de conta, a menina se vestiu com uma verdadeira entidade superior além de ter mais pele a mostra do que de costume. Mais uma vez o sorriso se formou nos lábios da garota quando caminhou entre os colegas de chalé de cabeça erguida entrando no seu personagem.


O caminho até a festa fora de certa maneira rápido, aliás, fora a primeira vez que realizara uma viagem ao outro lado do mundo sem precisar pegar um avião ou com longas horas de espera e agradecia imensamente aos deuses por serem tão bons em criar meios inusitados de levar seus filhos para qualquer canto.
Ao alcançar o salão do velho castelo, a garota ergueu os olhos observando a decoração temática e se sentiu um tanto familiarizada, afinal, a atmosfera sombria que aquela época do ano proporciona deixa a loira um tanto confortável. Mais alguns minutos se passaram enquanto a jovem caminhara pelo lugar encarando os rostos desconhecidos até esbarrar em um jovem fazendo com que o adorno em sua cabeça balançasse — Ai, me desculpe...


Roma
chandler

Roma Chandler
Roma Chandler
Sem grupo
Sem grupo


Voltar ao Topo Ir em baixo

Festa de Halloween Empty Re: Festa de Halloween

Mensagem por Ymir W. Fritz em Dom Set 29, 2019 2:55 pm

the boy fritz
fritz boy the
the boy fritz
Halloween Party


Eu estava tão distraido com os meus pensamentos que nem percebi alguém se aproximar, e quase não percebi essa pessoa esbarrando em mim. Ouvi um pedido de desculpas da parte dela mas me preocupei mais em pegar o chapéu antes que ele caísse no chão. Dei um sorriso largo e ajeitei o adorno em minha cabeça, sorrindo para a garota, aquilo não havia sido nada demais.

— Oh, sem probs. — Olhei para a garota e reparei que eu nunca tinha visto ela pelo acampamento. Isso em parte podia ser por conta da minha natureza reclusiva, mas também podia ser porque era uma novata. De qualquer forma meu humor estava revigorado pela festa e eu estava mais que mentalmente preparado pra socializar. — Eu acho que nunca te vi. Meu nome é Ymir, sou filho de Éolo. — Era o jeito padrão de se cumprimentar pelos acampamentos, dizer o nome e filiação. Aprendi aquilo depois de algumas interações, a maioria delas hostis.

Esperei a  garota me responder enquanto tomava mais um gole da bebida em minhas mãos. Ela usava uma fantasia bastante interessante e eu tinha quase certeza que já tinha visto aquela roupa em algum lugar, talvez alguma revista em quadrinhos. Minha falta de memória dificultava um tanto reconhecer aquele tipo de coisa, mas eu sabia que já tinha visto aquilo em algum lugar.

the boy fritz
fritz boy the
the boy fritz
Ymir W. Fritz
Ymir W. Fritz
Filhos de Éolo
Filhos de Éolo


Voltar ao Topo Ir em baixo

Festa de Halloween Empty Re: Festa de Halloween

Mensagem por Macária em Dom Set 29, 2019 3:09 pm

the halloween party
Interação com Hades
Macária saiu do quarto dos pais após a conversa com a rainha do inferno e dirigiu-se diretamente para a sala do trono, encontrando o senhor do inferno. — Você não aprende, não é? Milênios no mundo e continua fazendo besteiras. — disse com um suspiro pesado. Os olhos escuros fixos nos do próprio pai. — Ela vai acabar tentando te matar enquanto dorme. E não é como se ela estivesse errada. Eu sei que não foi legal o que ela fez com a garota. Eu também sinto falta da Ally. Mas francamente, pai…

A deusa achou prudente calar-se ao ver a expressão no rosto da divindade. Macária não temia o senhor do inferno. Se ela fosse totalmente sincera, Perséfone era bem mais assustadora que o homem em sua frente. E ele não parecia nada arrependido do que havia feito, o que não era exatamente uma surpresa para a mulher. Tinha idade o suficiente e passara tempo suficiente de sua vida tentando mediar as traições de ambos. Achou que tomariam jeito depois que Allyria nasceu. Mas era óbvio que se ela e Melinoe não haviam ajeitado as coisas, a caçula também não corrigiria. — Outra filha? — perguntou em um tom mais ameno.

Aproximou-se do imortal o suficiente para colocar as mãos sobre seus ombros e apertá-los gentilmente. — Meu pai, você parece que gosta de testar o limite sobre até onde sua esposa tolera suas infidelidades. Eu sugiro que não banque o ciumento quando ela aparecer esperando a criança de outro. E é um conselho sincero, meu senhor. — afastou-se, dando a volta para retornar ao campo de visão do imortal. — Vou sair. Os semideuses estão dando uma festa. Com alguma sorte, eu encontro a mortal que conseguiu fisgar seu coração pelos próximos nove meses. — estalou os dedos, invocando uma máscara que cobria apenas a região dos olhos.

O vestido preto, brilhoso e de um tecido pesado tinha decotes mais do que avantajados em seus seios e costas. Macária iria fantasiada de Macária. Esperava, no entanto, ter conseguido atrair a atenção do pai o suficiente para que ele não permanecesse no submundo. A última coisa que queria era que Hécate precisasse interferir mais uma vez numa briga do casal. Se as pessoas temiam o senhor do inferno, é porque não sabiam o quão tempestuosa poderia ser sua senhora.

Sorrateiramente, a deusa saiu das sombras de uma das paredes e olhou ao redor.



this a good death
money and diamonds can't save your soul

Macária
Macária
Deuses Menores
Deuses Menores

Localização : Em qualquer lugar

Voltar ao Topo Ir em baixo

Festa de Halloween Empty Re: Festa de Halloween

Mensagem por Samuel Mazlow em Dom Set 29, 2019 4:06 pm

Under the moonlight you see a
sight that almost stops your heart
Uma escolta fora guiada por um grupo de filhos de Hécate, pessoas perfeitamente capazes de abrir um portal e conduzir os grupos de semideuses que gostariam de um pouco mais de diversão. Samuel, apesar de um pouco mais atarefado ao se responsabilizar pelos cuidados de Hórus, arrumou a agenda para participar da festividade. O halloween costumava ser uma de suas épocas favoritas, vide a plena liberdade para ir de porta em porta vociferando o famoso “doces ou travessuras?” e sair pela vizinhança carregando as abóboras plásticas transbordando e sua irmãzinha esbanjando felicidade por estarem fazendo algo juntos. Ultimamente, lembrar-se dos momentos felizes com Elana não lhe trazia um imenso sofrimento, apesar de deixar uma certa dor implantada pela saudade. Com o tratamento feito com Psiquê, agora podia sentir alegria encher seu coração.

Tinha combinado com Tessa de se encontrarem no salão festivo, uma vez que seria praticamente impossível de se encontrarem ainda no acampamento, com um movimento tão agitado e teleguiado por grupos apressados, pessoas resmungando e fantasias extremas. Mal pôde se conter ao ver uma garota vestida de Flamingo enquanto o seu acompanhante parecia estar vestido de garça. Não podendo segurar sua própria imaginação, quase chorou de rir ao tentar criar a imagem de um bebê garmingo, uma junção das duas criaturas. Bizarro.

Quando atravessou o portal, deu de cara com um cenário pomposo. O luxo era evidente, tal como a presença ilustre de tantas pessoas que não poderia deixar de pensar num jeito fácil de achar a filha dos mares com quem passaria a noite. Estava ansioso para saber do que ela se fantasiaria. Ele, no entanto, havia escolhido o visual principal do Príncipe da Pérsia, com partes do tronco de fora, um conjunto de três cintos por cima de um pano vermelho para guardar apetrechos, uma calça surrada de pano e botas de couro envoltas com ataduras fantasiosas para dar um aspecto de que estavam velhas e empoeiradas.

Era uma vestimenta bastante confortável, não lhe deixaria morto de calor e não teria maiores problemas para ir no banheiro, caso desse vontade. Bastava levantar os cintos e baixar um pouco o tecido carmesim. A barba estava por fazer, para combinar com o estilo de Dastan, com ataduras amarronzadas nos punhos indo até próximo dos cotovelos e uma maquiagem preparada por uma das filhas de Afrodite para escurecer os olhos, o que por si só não destacava uma diferença grandiosa em Samuel como os outros tinham se preocupado em fazer acontecer. O que estava explícito, no entanto, era sua forma física. Muitos costumavam equipará-lo como um magricela franzino, e naquele dia estava tento a chance de provar que aqueles dizeres não passavam de boatos mal feitos.

Enquanto esperava por Tessa, pegou um mojito para começar a noite. A bebida refrescante não estava tão alcoólica quanto as de preparo original, o que era bom. Não queria terminar a noite jogado em algum canto qualquer por estar bêbado. Tomou um e outro gole, cumprimentando alguns meio-irmãos que o reconheceram.

adendos:
fantasia:
Festa de Halloween 9da4ee2dcef78195ede9bfaab2e3cf7c
arsenal:
• Faca de Bronze Celestial [ Uma faca de lâmina curta - cerca de 10 cm - com cabo em madeira envolvido em couro para tornar o manuseio melhor. | Não produz feridas em mortais. | Bronze celestial, madeira e couro. | Sem espaço para gemas. | Alfa. | Status 100%, sem danos. | Comum. | Nível 1. | Item inicial. ]

• Espada do Carrasco [Forjada por acidente a espada possui uma aparência bastante incomum: sua lâmina possui um seguimento principal como os das outras espadas, porém na sua lateral a lâmina se divide em outras pequenas laminas que são capazes de provocar ainda mais dano contra seus inimigos. | Efeito 1: A lâmina é capaz de suportar as mais elevadas temperaturas sem modificar a sua forma, apenas ficando incandescente. |Efeito 2: A espada possui uma espécie de consciência magica e se afeiçoa ao seu primeiro portador e, dificilmente, irá deixar ser portada por outro semideus. | Ferro estígio. |Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Arsenal do acampamento]
Tatuagem:
• Tatuagem Azul [Uma pequena tatuagem azulada, com o desenho de um pássaro em sua mão, que pode deixar a pele do semideus, se transformando em uma espada de acordo com o desejo do seu portador. | O efeito da espada, quando ativado, faz com que o mentalista seja capaz de se comunicar mentalmente com qualquer forma de vida animal, podendo o controlar por até dois turnos. Sendo que animais de porte pequeno, como insetos, podem ser controlados em quantidade, ao contrário de animais grandes como coelhos, veados etc. Tal poder só poderá ser utilizado até duas vezes por missão, evento, pvp etc. | Ouro Imperial. | Não possui espaço para gemas. | Resistência beta. | 100%, sem danos. | Nível 3. | Lendária. | Presente de Reclamação do grupo Mentalistas de Psiquê.]



Welcome to the wild, no heroes and villains. Welcome to the war, we've only begun, so pick up your weapon and face it. There's blood on the crown go and take it
Samuel Mazlow
Samuel Mazlow
mentalistas de psique
mentalistas de psique

Idade : 22

Voltar ao Topo Ir em baixo

Festa de Halloween Empty Re: Festa de Halloween

Mensagem por Sasha Pearcy em Dom Set 29, 2019 4:59 pm

Sasha Pearcy
Filha de Poseidon. Amazona de Belerofonte
A vantagem de estar começando uma nova vida para alguém como eu, é que finalmente posso fazer tudo o que eu sempre quis fazer. Eu já não tinha Richard policiando meus passos vinte e quatro horas por dia e tão pouco minha mãe com suas paranoias me impedindo de ter uma vida. Eu sei que a vida aqui está longe de ser normal, mas eu pelo menos posso finalmente conhecer novas pessoas, tomar um porre e quem sabe até fazer alguma loucura. Eu sei que não sou a melhor em confiar nas pessoas, mas já é um passo querer sair e ver como é a vida lá fora. Sempre senti falta de uma pouco mais de adrenalina, de desafio, saber como é transgredir pelo menos uma vez! Caralho! Eu finalmente posso andar com as minhas próprias pernas sem ter alguém para ditar o que devo ou não fazer.

E minha primeira festa foi o Baile de Halloween! É o feriado que eu mais gosto e nunca pude sair uma só noite para pedir doces. Sabe como isso deixa uma criança frustrada? Não tente imaginar! É de partir o coração eu diria. Aquele foi meu primeiro Halloween e a primeira vez que fui em uma festa com gente da minha idade e sozinha. Claro que eu queria marcar. Se não fosse para causar, eu podia ficar dormindo no meu chalé. Vesti um collant preto e por cima a camisa branca com um decote um pouco mais ousado, que deixava a peça debaixo a mostra, arrumei os pulsos da peça de roupa. Mexi no meio das minhas coisas até encontrar minha meia arrastão preta e depois de vestia-la, fechei o collant. Coloquei o colete dourado por cima da camisa e fechei seus botões. A bota longa alcançava a parte de cima dos meus joelhos, chegando até as minhas coxas e quando terminei de fecha-la, peguei apenas os acessórios que faltavam. Vesti a casaca fechando seu único botão, prendi a capa no lugar dos ombros. Ajeitei os cabelos antes de colocar a cartola na cabeça, prendi a gravata borboleta e para dar o toque final, peguei a varinha mágica.  Eu já ia saindo, quando lembrei do anel, que na verdade era meu sabre. Não sabia se deveria leva-lo ou não, mas na dúvida o coloquei no dedo.

Eu ainda não havia deixado o acampamento desde a minha chegada e fiquei boquiaberta quando vi aquele salão e todo aquele castelo: — Puta que pariu! — Escapou dos meus lábios, mais rápido do que eu pudesse pensar. Cara eu nunca tinha ido em um lugar como aquele e mesmo do lado de fora eu já podia sentir a atmosfera fantasmagórica do lugar. Mas foi quando eu estava na porta que me lembrei de dois pequenos detalhes. O primeiro e o que me deixou um pouco constrangida... Eu não tinha um par! Seria aquelas bêbadas escoradas no balcão conversando com amigos imaginários a noite toda. A segunda coisa, me levava a primeira. Eu não conhecia literalmente ninguém! Parabéns Sasha Pearcy! A minha simpatia era algo que até Afrodite teria inveja. Respirei fundo e revirei os olhos, não havia mais nada que eu pudesse fazer naquela situação.

MANO! Que lugar era aquele?! Se não fosse uma festa e soubesse que estávamos seguros – ou nem tanto – eu estaria morrendo de medo. Minha língua estalou contra o céu da boca e um sorrisinho marginal surgiu em meus lábios a medida que entrava no salão. Normalmente eu odiava ser notada, mas aquela noite era diferente e não me importei nenhum um pouco com as pessoas me olhando de cantou ou com comentários sussurrados. Eu só queria curtir. Sozinha ou não. Olhei rapidamente e não notei nenhum rosto minimamente conhecido. Então fui observar a decoração que estava bem legal. Um ponto para os filhos de Hécate eu acredito. Me aproximei do balcão em que serviam as bebidas e escorei meus antebraços sobre ele, olhando o que tínhamos para a noite: — Uma Gin Tônica, por favor. — Eu nem sabia o motivo pelo qual havia escolhido beber isso, mas qualquer coisa era boa naquele momento. Eu precisava me soltar ou minha primeira festa estava fada ao fracasso!


Observações:
Vestindo:
Fantasia

Arsenal:
• Faca de Bronze Celestial [ Uma faca de lâmina curta - cerca de 10 cm - com cabo em madeira envolvido em couro para tornar o manuseio melhor. | Não produz feridas em mortais. | Bronze celestial, madeira e couro. | Sem espaço para gemas. | Alfa. | Status 100%, sem danos. | Comum. | Nível 1. | Item inicial. ]

• Sabre [Uma espada onde a destreza é mais influente que a força, podendo infligir grandes danos, feita com ferro estígio na lâmina e com o cabo revestido por um tipo de couro resistente e que se encaixa perfeitamente na mão daquele que a porta. | Efeito 1: A arma possui a característica incomum de ganhar um aspecto assustador quando está em um ambiente escuro, intimidando inimigos de menor nível, porém tal intimidação não é muito efetiva ao verem quem porta tal arma (rs). | Efeito 2: O sabre pode se tornar um anel liso e feito de ferro estígio. | Ferro estígio e couro. | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Arsenal do acampamento]


Sasha
Sasha Pearcy
Sasha Pearcy
Filhos de Poseidon
Filhos de Poseidon

Idade : 19
Localização : Oceano

Voltar ao Topo Ir em baixo

Festa de Halloween Empty Re: Festa de Halloween

Mensagem por Shin Dak Ho em Dom Set 29, 2019 10:21 pm




man muss noch chaos in sich haben um einen tanzenden stern gebären zu können
halloween



Tendo crescido na família em que nasci — com mãe e tia ricas e importantes —, desde novo eu me vi cercado por festas. Claro que essas festas costumavam ser aquela coisa mais chique, de gente bebendo champagne e comendo comida cara e estranha, mas no geral eu consigo me lembrar de ter ido em várias festas, algumas com bons motivos para se comemorar, outras nem tanto... O lance é que aquele festival de Halloween seria a primeira festividade desde que me tornei um campista, e eu definitivamente estava doidinho pra ver como os semideuses — e deuses, quem sabe — alegravam uma festa.

Ser uma festa de fantasias me deixou animado de início, mas logo me bateu a preguiça de fazer toda uma roupa temática. Em outros tempos eu poderia pedir ajuda para minha mãe e em poucas horas teria em mãos a melhor fantasia da festa, mas agora estou por conta própria. Calma, eu não estou falando isso porque não posso conseguir uma roupa sozinho, mas minha mãe sempre sabia os detalhes necessários para fazer tudo ficar perfeito. Bem, teria que ser do meu jeito. Talvez as habilidades de estilista estejam no sangue, certo? Lembrei de minha visita ao Mundo das Fantasias, e inspirado nos personagens e pessoas de lá fui até um espelho. Eu tinha uma história em mente: o Fantasma da Ópera. Mentalizando uma bela roupa de gala e a máscara, estalei os dedos. Literalmente em um piscar de olhos eu estava pronto e satisfeito. Por precaução, peguei algum travesseiro próximo e segui até a área da festa com ele em mãos. No pior dos casos eu poderia simplesmente procurar um cantinho pra dormir, então precisaria estar confortável. Enquanto esperava que os portais fossem abertos, recebi alguns olhares e percebi alguns sussurros sobre eu estar levando um travesseiro comigo, e minha resposta foi simplesmente um grande bocejo. Aiai, se aquilo demorasse um pouco mais eu deitaria ali mesmo.

[...]

Fiquei surpreso com a decoração do lugar. Pelo menos na parte estética os responsáveis estavam de parabéns. Muitas pessoas pareciam ter se reunido ali para a festinha, mas eu não estava ligando muito para isso. Tinha ido ali por pura curiosidade, não estava afim de gastar energias paquerando ninguém... Embora pudesse abrir uma exceção caso alguém já chegasse beijando, sempre tenho energia pra um beijinho, sabe. Enfim, me aproximei do bar e olhei todas as bebidas disponíveis para no fim optar por...

— Uma coca-cola, por favor.

A bebida estava bem gelada, sabe, daquele jeito que até dói a cabeça. Em outras palavras, o ponto perfeito. Ainda sentado no bar, abracei o travesseiro com uma mão enquanto com a outra continuava levando o refrigerante até minha boca. Por agora estava satisfeito em apenas observar.

considerações:
fantasia:
Festa de Halloween Smf-24574-dark-opera-mens-haunted-phantom-masquerade-costume
poder utilizado:
Nível 1
Nome do poder: Sempre na Moda
Descrição: Você tem um pequeno controle sobre a moda. Onde o lugar é frio, consegue em um estalar de dedos se vestir apropriadamente ao clima, e se for quente também. Esse efeito de roupas para uso próprio dura quanto tempo você quiser.
Gasto de Mp: 5 MP
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: Nenhum
Extra: Isso permite que você mude de roupas sempre que desejar.
equipamentos:
Faca de Bronze Celestial [ Uma faca de lâmina curta - cerca de 10 cm - com cabo em madeira envolvido em couro para tornar o manuseio melhor. | Não produz feridas em mortais. | Bronze celestial, madeira e couro. | Sem espaço para gemas. | Alfa. | Status 100%, sem danos. | Comum. | Nível 1. | Item inicial.]

Foice Curta [Embora pareça com o instrumento agrícola comum, essa foice é balanceada e reforçada para o combate, sendo que sua lamina é capaz de se alongar. | Efeito 1: A lâmina, feita de bronze celestial e capaz de alongar, ganhando até doze centímetros e, da mesma forma com que alonga, pode também diminuir, ganhando a aparência de um canivete. | Efeito 2: A arma nunca é perdida, sempre retornando para seu dono na forma de canivete caso seja perdida. | Bronze celestial. | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Arsenal do acampamento]

Paradise [Um colar simples similar a uma corrente com um pingente azul claro no formato de um espiral. Ele pode ser ajustado puxando uma ponta para se tornar uma gargantilha. Apesar do seu material ser naturalmente prateado, ele foi todo tingido de preto (exceto pelo pingente). Foi encantado pelas Kitsunes, como gesto de agradecimento por Dakho ter as ajudado. | Efeito 1: Ilusões que o dono conjure enquanto usa o colar duram um turno adicional. | Efeito 2: Diminui o gasto de MP ao conjurar ilusões em 25%. | Arandur | Beta | Sem espaço para gemas | Status: 100% Sem Danos | Evento um Reino de Contos de Fadas]

Mikrokosmos [Um brinco em forma de âncora com detalhes em pedras vermelhas. Dakho o possui há vários anos e é um dos seus acessórios favoritos. Foi encantado pelas Kitsunes, como gesto de agradecimento por Dakho ter as ajudado (antes disso era um brinco qualquer). | Efeito 1: Amplifica a habilidade Telepatia via Sonho, permitindo que o semideus invada sonho de outras pessoas que não sejam seus irmãos. Para isso, ele precisa ter algum tipo de vínculo emocional com tal pessoa, seja amizade ou familiar | Efeito 2: Se for perdido ou roubado retorna magicamente para Dakho após um turno. | Arandur | Beta | Sem espaço para gemas | Status: 100% Sem Danos | Evento um Reino de Contos de Fadas]




Don't be like a prey, be smooth like a snake
ψ
Shin Dak Ho
Shin Dak Ho
Filhos de Hipnos
Filhos de Hipnos


Voltar ao Topo Ir em baixo

Festa de Halloween Empty Re: Festa de Halloween

Mensagem por Hela A. Deverich em Dom Set 29, 2019 10:34 pm



Twenty one thrown back revelry, like it's morphine
Thought I knew what I wanted, I never saw you comin' Black suit lookin' sharp with your dark eyes He loves my imperfection so I tell him that I love him Bad boy talkin' fast, talkin' dirty He tells me that I'm hot so I tell him that I love him And he says "girls your age never mean what they say" I've got a renegade heart

Hela estava cansada de ficar recolhida em seu chalé pensando em atentar contra a própria vida. Cumpria o que havia prometido mandando o dinheiro para a conta bancária de Blanca de modo que os estudos de Pipper e as necessidades - e até mesmo os luxos - de sua família pudessem ser supridos. Mas não tivera coragem de retornar para a casa em Nova Roma desde que haviam terminado.

A filha de Hécate não queria voltar com a garota. Não achava que o que tinha feito merecesse perdão. Não se considerava digna de ser perdoada por nada e se importava demais com Pipper para querer que ela voltasse a ser sua noiva. Um suspiro pesado passou por seus lábios quando ela se levantou da cadeira e caminhou até o banheiro, tomando um banho longo e tão demorado quanto possível. Enquanto se vestia, certificou-se de que ainda não havia nenhuma evidência de gestação. A última coisa da qual precisava era que o Acampamento todo soubesse que estava grávida.

Deitou na cama, recolhendo-se em sua insignificância, cobrindo a cabeça. Só movimentava-se e interagia quando era estritamente necessário. Ainda dava suas aulas e levava a rotina normal, revezando-se entre a Universidade e a empresa que gerenciava no mundo mortal. Estava quase dormindo quando uma de suas irmãs lhe perguntou se ela não desejava ir à festa de Halloween.

Aquelas coisas nunca tinham tido muita graça para ela. Era bom… quando ela tinha Pipper. Passou as mãos pelo rosto e forçou-se a manter a expressão apática de sempre. — Bem, eu nem fiquei sabendo. Mas é. Pode ser. — respondeu, vendo a garota virar-se e sair com uma expressão consideravelmente apática.

Hela sentou-se aos pés da cama e passou a mexer nas roupas que tinha até encontrar um vestido longo e vermelho escuro, de um tecido leve que, embora cobrisse até seu colo, deixava boa parte de suas costas a mostra. Pegou alguns elásticos pretos e prendeu o cabelo em diversos pontos, deixando-o caído por sobre o ombro.

Como não era uma semideusa burra ou desprevenida, colocou o bracelete que se transformava em sua espada favorita. Uma obra de arte feita por Alex. Sorriu ao pensar que admirava tanto o trabalho de outra pessoa ao ponto de considerar a arma uma obra de arte. Mas logo que encarou o próprio reflexo, sua expressão tornou-se desgostosa.

Tinha olheiras escuras, sua pele parecia ainda mais pálida e seus olhos ainda mais fundos. Suspeitava que se a criança em seu ventre não fosse tão forte, poderia já tê-la perdido por não estar se cuidando direito. Fez uma maquiagem forte o suficiente para cobrir as marcas escuras, mas sutil o suficiente para parecer natural. Pintou os lábios de vermelho e colocou alguns brincos, anéis e colares. Se lhe perguntassem do que estava fantasiada, Hel apenas daria de ombros.

Por um momento, abriu a própria gaveta e ficou encarando o maço de cigarros no qual não tocava desde o momento em que tivera certeza de estar grávida. Era como uma sutil tortura que fazia consigo mesma. Por fim, acabou cruzando o portal. Descalça estava antes e foi descalça mesma que seus pés passaram a percorrer o salão. Naquele momento, ela botou uma máscara que não cobria seu rosto, mas a fazia ter a mesma expressão de “realeza” de sempre.

Que a fazia ser temida ou admirada. E que, talvez, tenha sido o que lhe atraiu tanta confusão.






Última edição por Hela A. Deverich em Dom Set 29, 2019 10:42 pm, editado 1 vez(es)


Power is a dangerous game
Hela A. Deverich
Hela A. Deverich
Imortais
Imortais

Idade : 21
Localização : xxx

Voltar ao Topo Ir em baixo

Festa de Halloween Empty Re: Festa de Halloween

Mensagem por Arthur Galloway em Dom Set 29, 2019 10:38 pm

halloween
heads will roll.
— Ande, Artie, você está bonito!

O rapaz duvidava um pouco sobre os limites de sua fantasia pomposa. Certamente, caso tivesse a chance de ter tido um pouco mais de tempo, não teria sido pego desprevenido e teria pensado em algo melhor. Por um infortúnio, havia saído em missão, retornando somente no mesmo dia do início da festividade. Os burburinhos corriam com os ventos, e não foi difícil saber que a liberdade para um momento de diversão era obra de Quíron e Dionísio para ofertar um pouco de paz aos bravos heróis que enfrentavam suas jornadas dias após dias incansavelmente. Não que tivessem alguma opção além desta, se considerado que cada mínimo aprendizado contava numa luta pela sobrevivência.

Tudo bem, vamos. — Ativou a própria espada, e prendeu a bainha protetora no espaço do cinto que vinha com a fantasia.

— Isso foi bem pensado. Eu não sei se teria essa criatividade toda. Faria uma maquiagem de zombie e pronto. — Kevin, um de seus meio-irmãos, estava fantasiado de Pantera Negra e não parava de falar. Estava ansioso por ter um date para a festa.

Não é para tanto. Foi um improviso. Me lembre de agradecer a Vic depois, sem ela eu não teria arrumado a fantasia. — Kevin assentiu, e juntos atravessaram o portal atrás dos chalés.

A primeira impressão era a de que estavam numa enrascada. O lugar era luxuoso, vibrante e possuía uma aura fantasmagórica pesada. Os móveis destacavam o período vitoriano de suas aquisições, além da decoração que combinava perfeitamente com o local. Antes que pudesse chamar a atenção de Kevin, Arthur se viu sozinho, com um aperto no ombro e um “Se divirta!” dito pelo irmão camarada poucos segundos antes de sumir no meio da multidão. O jovem rapaz de olhos azuis cristalinos soltou um suspiro derrotado, sentindo o peso de estar no meio de uma festa sem a companhia de alguém para lhe entreter.

Enquanto caminhava para o bar montado num ponto estratégico, o semideus guiava os pensamentos para o pensamento de que estar ali com sua arma fosse uma ideia maluca, por isso desativou a espada e a guardou no bolso da calça em seu formato de caneta. Caso fosse preciso - nunca se sabia o que esperar - estaria com fácil acesso e pronto. Tudo certo. — Ei, amigo? Me traga uma cerveja. — Deu duas batidinhas no carvalho da bancada, comprimindo os lábios até olhar para a direita e notar uma garota vestida de Zatanna. Rapidamente desviou o olhar para não incomodá-la ou parecer curioso, mas conhecendo-se como bem sabia, uma hora ou outra estaria dando com a língua nos dentes.

E só bastou a cerveja chegar para virar o rosto em sua direção. — Oi? — Educado, manteve a distância para não lhe afastar de algum modo, enquanto esboçava um sorriso cortês. — Incomodo? — Perguntou, esperando receber dela a abertura para continuarem o assunto sem que uma terceira pessoa - sendo este ou esta seu provável acompanhante - e, quem sabe, ter alguma diversão baseada numa ação conjunta. Se tivesse sorte, ela toparia perder algum tempo com ele. Recebeu a cerveja, agradecendo com um aceno breve, aguardando algo de uma das personagens do universo DC Comics.



fantasia



Here’s your judgement. Here’s reckoning. Write your story down into history, pride and country. You could have everything, so bring home theglory alive
Arthur Galloway
Arthur Galloway
Filhos de Demeter
Filhos de Demeter


Voltar ao Topo Ir em baixo

Festa de Halloween Empty Re: Festa de Halloween

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 16 1, 2, 3 ... 8 ... 16  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum