The Blood of Olympus
Para visualizar o forum é necessário estar cadastrado, por favor registre-se no rpg ou entre em sua conta. É necessário estar cadastrado para ver as informações contidas no forum. Lembre-se de usar nome e sobrenome, não se cadastrar usando nomes geralmente utilizados por Hacker. Exemplo: "Barum" "Hakye" e por ai vai. Bem vindos.

Padre Abelardo Pontecorvo

Ir em baixo

Padre Abelardo Pontecorvo

Mensagem por Abel Pontecorvo em Sex Out 05, 2018 11:55 pm


Orientações

1. Estes são os escritos de padre Abel, filho de Apolo de origem desconhecida, fora tratado como filho pelos monges franciscanos, fazendo toda a educação religiosa e civil necessária para tal cargo na igreja. Foi nomeado Abelardo Pontecorvo pelo monge Gilberto Albuquerque, abade do convento de formação de monges do Porto, em Portugal, por ouvir grasnar de corvos ao localizar o jovem semi-morto nos jardins do local. (Trama - Ao vencedor, os corvos)

2. Foi nomeado padre após completar seus estudos no seminário da arquidiocese de Lisboa, após ter passado por um intenso processo seletivo para graduar-se mais cedo — o que envolveu a repressão dos seus sentimentos amorosos. Aos vinte anos, por conta de seu grande esforço em graduar-se e de ser um dos alunos favoritos do bispo franciscano Assis de Melo, foi consagrado padre da pequena paróquia de São Galdino, ao norte de Portugal. (CCFY - Pois os padres também amam, mas não podem)

3. Devido aos seus esforços no exorcismo e proteção dos habitantes de sua paróquia e próximos a ela, foi condecorado Monsenhor pelo próprio Papa, sendo liberado desta para seguir até o suposto Acampamento Meio-Sangue, onde poderia desenvolver suas características excepcionais. (CCFY - O guerreiro e sua batina)

**

Sobre adendos com relação aos textos:

1. Eles conterão, em sua maioria, violência, seja de maneira implícita ou explicita; portanto se você se incomoda com esse tipo de coisa, não siga adiante. Assim como conterão insinuações de bissexualidade com a figura religiosa, no caso padre Abel é bissexual, portanto se você se ofende com esses temas, feche a aba e vá ver Diante do Trono no Youtube.

2. Nem todos os textos terão conteúdo sexual, mas os que tiverem vão ter um aviso logo no título do texto. Partes explicitas serão colocadas em spoiler, como o mencionado nas regras gerais do fórum.

3. Esta é uma obra ficcional, portanto nenhum dos nomes citados é real e se acaso parecer com qualquer nome real, será só mera coincidência.

4. Acima estão os textos de CCFYs que pretendo desenvolver no futuro, portanto nem tudo que está ali em cima tem link comprovando o fato.

No mais, desejo a todos vocês uma boa leitura.

Ran - Cupcake Graphics


Última edição por Pietro P. Beaumont em Sab Out 06, 2018 12:51 am, editado 1 vez(es)
avatar
Abel Pontecorvo
Celestiais de Èter
Celestiais de Èter

Mensagens : 71

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Padre Abelardo Pontecorvo

Mensagem por Abel Pontecorvo em Sab Out 06, 2018 12:03 am


Ao vencedor, os corvos (Trama)

O homem corria. Não deveria ter mais do que 15 anos e corria sem muita direção de início, somente preocupado em escapar de possíveis algozes, estes estando na forma de dois homens com somente um dos olhos, que o caçavam desde que acordara. Não sabia o porquê de tudo aquilo e, desesperado pela vida como nunca outro, o jovem afoito não se importava se seus pés sofressem com o chão irregular da floresta em que estava.

Achou com seu olhar, uma construção enorme em cima de um morro, isolada e imponente. Parecia bem cuidada e, ao ver alguém transitando por ali, o garoto conseguiu alimentar um fio de esperança de que alguém pudesse ajudá-lo. Então, a corrida que fazia ganhou um rumo: aquela construção ao longe. Com o coração acelerado, o jovem torceu para que conseguisse chegar até lá inteiro.

Aos pés da enorme construção, fora puxado para as mãos fortes de um dos ciclopes. Estando nu, não havia muito o que fazer além de chutá-lo e socá-lo com toda a força que seu corpo podia dar no momento, esforço que se demonstrou frutífero ao conseguir escapar, deslizando para fora do agarrão do homem de um olho só. Se arrastando como podia, foi puxado novamente pelas pernas, dessa vez com mais força.

— Ele dará um bom jantar, não é, irmão?

Porém, o outro ciclope, que deveria estar ali, não estava. Olhando para o chão, o monstro notou que seu irmão fora reduzido a uma pilha de cinzas ao, provavelmente, ter tocado em uma das inscrições de uma das pedras enquanto perseguia o garoto. Furioso, o que restara jogou o garoto longe após socá-lo, quebrando seu nariz.

O jovem se levantou, desnorteado, e tentou dirigir-se para a porta do local, porém o monstro não deixou. Aquele homem de um olho só gostou do fato de ter um semideus indefeso em suas mãos, já que normalmente era o contrário que acontecia, e decidiu saborear aquele momento de superioridade. O humano, sem muito poder, ainda lutava por sua vida, conseguindo até mesmo causar um pequeno corte no queixo do outro com um de seus chutes. A esperança que estava em seu coração o nutria de coisas que todo ser humano precisava para lutar.

Seus reflexos fizeram com que desviasse dos socos do outro enquanto podia mexer as pernas. Suas tentativas de alcançar a porta do local, entretanto, o expunham a golpes dolorosos dados pelo monstro, que se divertia ao ouvir seus gemidos de dor. O jovem, por diversas vezes, se perguntou onde estaria aquela pessoa que vira anteriormente, não sabendo que a construção era muito grande e sua luta passaria completamente despercebida por conta disso. Mesmo assim, ele ainda contava com aquela esperança que o fazia peitar o ser e tentar ultrapassá-lo.

Mesmo com as pernas incapacitadas, ele continuou lutando, agarrando àquele sentimento que, mais tarde, se transformaria em sua fé enorme. Arrastava-se, como o servo de Deus, e clama em sua mente por uma ajuda, por algo que o tirasse daquela situação. Depois, esse clamor ele diria que era pela intervenção de Deus ali naquele momento em que, claramente, seria morto.

O humano sobreviveu, depois de muitas dolorosas torturas aos pés daquele monastério, pela ação estúpida do próprio ciclope, que tocou as mesmas inscrições que seu irmão, sendo engolfado por chamas. O jovem que jazia quase morto foi encontrado logo depois, em meio as jasmins do jardim do local, pois corvos grasnaram, alertados pelo cheiro de sangue.

A ele dariam o nome de Abelardo, pois lembrava muito Abel, o irmão morto injustamente por Caim, e Pontecorvo, pois fora encontrado por causa dos grasnar dos corvos da ponte que dava acesso ao monastério, já que o jardim que estava era próximo de lá.

Coisas Importantes:
1. O motivo principal desta postagem foi para trocar meu nome para Abel Pontecorvo, já que esta conta trocou de dono e, por isso, trocou sua trama. Como é pedido um motivo on para isso, estou lhes dando a amnésia do jovem, que fora despido de suas coisas materiais e de suas memórias, renascendo como um novo personagem.

Ran - Cupcake Graphics
avatar
Abel Pontecorvo
Celestiais de Èter
Celestiais de Èter

Mensagens : 71

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Padre Abelardo Pontecorvo

Mensagem por Hades em Dom Out 07, 2018 9:25 am


Avaliação


Valores máximos que podem ser obtidos

Máximo de recompensa a ser obtida: 2.000 exp e dracmas.

Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 19%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 26%

Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

RECOMPENSAS:  1.900 xp e dracmas (xp não aplicada, pois personagem não possui nível)

Infelizmente nenhuma xp pode ser gerada, pois o seu personagem é nível três e ccfy só podem ser feitas a partir do nível 10. Mesmo assim realizei a mudança de nome e devo acrescentar que sua trama parece bastante interessante. Parabéns, semideus.
avatar
Hades
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 1002
Localização : Importa? A morte ainda será capaz de te achar.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Padre Abelardo Pontecorvo

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum