The Blood of Olympus
Para visualizar o forum é necessário estar cadastrado, por favor registre-se no rpg ou entre em sua conta. É necessário estar cadastrado para ver as informações contidas no forum. Lembre-se de usar nome e sobrenome, não se cadastrar usando nomes geralmente utilizados por Hacker. Exemplo: "Barum" "Hakye" e por ai vai. Bem vindos.

[RPs] Rhea

Ir em baixo

[RPs] Rhea

Mensagem por Bree Weckzourt em Ter Set 11, 2018 9:07 pm

Rhea
— Me acompanhe, querida. — a funcionária do do espaço pet disse, conduzindo-me pela esquerda da recepção. Depois de uma porta dupla, chegamos em uma espécie de quintal, um espaço aberto, grande o suficiente para conter diversos filhotes de diversas espécies de criaturas. — Fique à vontade. Quando se decidir, chame por Flora.

Assenti, descruzando os braços. A camiseta alaranjada do acampamento grego me punha em destaque naquele lugar, mas eu não me importava. Depois de conhecer Otto, o cão infernal do pretor Bernocchi, eu senti uma necessidade absurda de possuir o mesmo, talvez por ser filha do deus do submundo.

Em uma rápida análise, encontrei o cercado destinado aos pequeninos cães infernais. Outros dois semideuses os olhavam, portanto quase todos os bichinhos estavam apoiados na grade para ter contato com a dupla. O arquear da minha sobrancelha esquerda se deu assim que vi, do outro lado do espaço, um cão isolado. Deitado, ele parecia entediado e sem muita vontade de interagir com humanos ou com seus possíveis irmãos. Querendo ou não, vi um pouco de mim e de Rhea nele.

— Flora! — gritei pela mulher, recebendo um joinha como resposta. Meus olhos voltaram para o animal em seguida, contemplando-o em seu momento de calmaria. Assim que a funcionária chegou, ergui o indicador para mostrar o desejado cão infernal.

— Tem certeza? — ela perguntou, claramente surpresa pela minha escolha.

— Uhum. — anexei um movimento de cabeça à fala, retificando. E me limitei a isso, porque não havia necessidade alguma de explicar minhas motivações à mulher. Felizmente, ela só concordou e me pediu um minuto.

Deixei de lado os jovens que interagiam com os cachorrinhos infernais, contornando o cercado para ficar menos distante do que eu havia escolhido. Agachei, sorrindo timidamente, e fiz um barulhozinho com a boca para cativá-lo até mim. À princípio, ele só ergueu as orelhas ao me olhar, mas com um pouco de insistência veio até mim.

— Olá. — sussurrei, enfiando os dedos pela grade para tocar a pelagem enegrecida da criatura. Apesar de filhote, ela já era grandinha, ainda que mais magra que os demais.

— É esta, né? — Flora reapareceu dentro do cercado e apanhou o cão infernal assim que respondi sua pergunta. Pelo artigo usado ao se referir à criatura, entendi que era uma fêmea, e somente um nome piscou em minha mente: Rhea. Fora Rhea que me ajudou a voltar ao normal, que me ajudou a retomar as rédeas do meu próprio corpo, e por isso eu desejei homenageá-la desta forma.

Ao pegar a cadela no colo, esbocei um largo sorriso. Flora, em resposta, fez o mesmo. E ela se afastou para nos deixar a sós por algum tempo. A princípio, estranhei a calmaria constante do bicho, mas à medida com que acariciava sua barriga, agradeci por ela ser assim. Uma mascote agitada não me parecia muito interessante.

Seus dentinhos em crescimento aparentemente gostaram dos meus dedos. Quando a passei para a grama, ela não deu a mínima para o que acontecia ao seu redor, focada somente no movimento frenético dos meus dedos em frente ao seu focinho. As vezes que me abocanhou, entalei um grito na garganta. E assim permanecemos por mais algum tempo, brincando e nos conhecendo.

missão fixa:
Adote um bichinho – Existem inúmeros filhotes precisando de carinho dentro do espaço Pet e eles estão ansiosos para fazerem novos amigos, tente ser um deles! Vá conhecer o espaço Pet e os filhotes, crie uma ligação com um deles e conte-nos como foi que ele prendeu sua atenção. Conte como foi conseguir a confiança dele, dê um nome e mostre seu interesse em adotar esse filhote.

▬ Recompensas 100 XP e 1.000 Dracmas + 1 nível de lealdade para o Pet escolhido + 1 ponto.
(C) Ross
avatar
Bree Weckzourt
Feiticeiras de Circe
Feiticeiras de Circe

Mensagens : 348

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPs] Rhea

Mensagem por Bree Weckzourt em Ter Set 18, 2018 5:29 am

Rhea II
— Você não quer passar o resto do dia aqui, senhorita? — Flora questionou ao se aproximar, exibindo um sorrisinho no rosto ao me ver brincar com a cadela.

— Pode ser. — respondi quase que de imediato, desviando o olhar para a criatura ao também sorrir.

Mantive meus dedos em constante movimento enquanto balançava as mãos por sobre a cabeça felpuda de Rhea, ainda tendo sua atenção. Ela estava na fase de morder tudo que via pela frente, portanto minha tentativa de distraí-la era funcional.

— Daqui a pouco eu volto com o almoço dela. — informou a funcionária do pet center, fazendo um rápido cafuné no cocuruto do animal antes de se retirar. Acenei com a cabeça, sem mover o olhar.

Apesar de entusiasmada com a possibilidade de ter minha própria cadela infernal, eu ainda precisava aprender algumas coisas. Com Valefar, eu já havia aprendido um pouco, mas um leão é diferente de um cão infernal, certo? E apesar de meu pai contar com vários cães em seu palácio, o único com o qual eu tive contato fora o de Romeo. Talvez futuramente, quando estivesse maior e sem chance de ser esmagada, Rhea e Otto pudessem ser amigos.

Enquanto isso, porém, eu precisava conquistá-la completamente. Já enfezada de tentar abocanhar meus dedos - e de fato conseguindo algumas vezes, o que me fez emitir gritinhos -, a cadela se afastou um pouco. Eu sabia que não era fácil para um filhote se manter focado em uma coisa só por muito tempo, mesmo ela aparentemente sendo tranquila, por isso logo me levantei e recorri a uma mesa com alguns brinquedos e apanhei o primeiro que vi.

Ao apertá-lo, não atraí somente a atenção de Rhea. O ruído agudo emitido por um objeto misterioso no interior do coelho roxo de pelúcia soou interessante para vários filhotes. No entanto, já me conhecendo e talvez sendo a única com liberdade completa no espaço, a cadela infernal se aproximou com suas orelhinhas erguidas.

Ri com a cena, abaixando-me. Apertei o brinquedo mais algumas vezes e o balancei no ar antes de jogá-lo para a direita. O movimento foi acompanhado pela corrida da cadela que, sem costume nem muito equilíbrio, capotou e rolou algumas vezes sobre a grama ao abocanhar o coelho.

— Traz pra mim, Rhea! — falei em um tom simpático, a fim de fazê-la atender minha ordem. No entanto, como eu deveria saber, ela guinou à direita ao avançar um pouco, arrastando o brinquedo. Ergui-me, rindo, e apoiei as mãos na cintura. Acho que pedi demais a ela.

— Com um pouco de treino vai dar certo, não se preocupe. — a voz de Flora soou às minhas costas, assustando-me. Confirmei com a cabeça ainda rindo, decaindo o olhar para a tigela que ela tinha em mãos. — Carne moída pro almoço!

Franzi o cenho diante da animação da cuidadora. A alimentação de Rhea definitivamente seria algo que eu precisaria me acostumar, mas talvez ela pudesse caçar sozinha quando maior e mais experiente.

— Rhea! — chamei-a, indo em sua direção. Ao me abaixar, mostrando sua comida, o coelho de pelúcia foi completamente deixado de lado. Parecia que ela não comia fazia um bom tempo pois simplesmente atacou a carne.

Depois de comer, a cadela ficou um pouco preguiçosa. Aproveitei o momento, depois de devolver a tigela para Flora, para me sentar à sombra de uma árvore e acariciar seu pelo espesso e negro enquanto contava minha estranha história. Era óbvio que ela não entenderia nada, mas a ideia de se acostumar com a minha voz me parecia interessante. Ademais, eu não tinha amigos.

missão fixa:
Confiança e aprendizado – Você está interessado em adotar um bichinho, mas ainda não tem ideia dos cuidados que precisa ter com ele. Uma das cuidadoras do espaço Pet sugeriu que você passasse um dia com o filhote para aprender mais sobre ele e você aceitou. Agora precisa brincar com ele, descobrir qual o tipo de dieta ele segue (o que ele come) e o que precisa para ficar bem. Conte como descobriu que tipos de cuidado seu bichinho precisa.

▬ 100 XP e 2.000 Dracmas + 1 nível de lealdade e 50 XP para o pet escolhido + 1 ponto.
(C) Ross
avatar
Bree Weckzourt
Feiticeiras de Circe
Feiticeiras de Circe

Mensagens : 348

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPs] Rhea

Mensagem por Bree Weckzourt em Ter Set 18, 2018 6:28 am

Rhea III
O chalé de Hades no Acampamento Meio-Sangue felizmente estava vazio quando cheguei com Rhea. Na verdade, ele era constantemente vazio, já que o deus, assim como seus irmãos, tinha poucos filhos. Deles, uma mentalista e uma amazona, o que restava dois ou três além de mim.

— Conheça minha casa, Rhea! — falei com certa animação ao deixar a cadela no piso amadeirado. De acordo com Flora, uma das cuidadoras do pet center, levar o mascote para conhecer meus aposentos e os limites dentro dele era uma coisa importante a se fazer.

Meu par de chinelos foi a primeira vítima da criatura: ela agarrou um de cada vez e os levou para baixo da cama. Por sorte, a interceptei no carregamento do segundo pé do calçado, apertando as laterais da sua boca para forçá-la a abri-la. Exibi um semblante bravo, porque ela não podia fazer isso. — Nada disso, garota!

Com certo esforço, a mantive no colo enquanto me esticava para recuperar o outro pé do chinelo, deixando os dois em cima da cama. Dei uma rápida percorrida pelo quarto, tirando o que havia no chão que poderia ser mastigado, e só então soltei a cadelinha. Após isso, ela partiu em uma exploração de cheiros.

Permaneci sentada na cama enquanto Rhea rodava o quarto - cuja porta estava fechada - com o focinho colado no chão. Os minutos que se seguiram foram gastos pelo animal desta forma, ao passo em que eu, estática, a observava. Ela tinha muito a conhecer, ainda mais se meu plano de me unir a Circe fosse exitoso.

Quando ela se aproximou do meu criado mudo, lembrei-me de algo que havia guardado ali e que deveria ter usado com Valefar, mas não foi necessário. O pequeno frasco de poção comprado na loja da pretora do acampamento romano tinha como descrição aumentar a suscetibilidade de um mascote a comandos, além de deixá-lo mais dócil e tranquilo. Sem pensar duas vezes, então, eu busquei um recipiente para despejar o líquido e misturá-lo com um pouco de água.

Decidi passear com ela pelo acampamento, apresentando a praia e depois os campos de morangos, meus lugares preferidos. Precisei pegá-la no colo algumas vezes para evitar a destruição de alguns plantas ou a encheção de saco de outros semideuses, o que ocasionou certas dores nos meus braços por ela se espernear ao latir.

Felizmente, depois de zanzar e correr bastante, retornamos ao chalé de número 13, onde Rhea encontrou água com poção roxa. Pela fadiga, ingeriu boa parte do líquido, o que a deixou ainda mais lenta do que já estava. Sorri ao assisti-la se deixar no pé da cama, lugar no qual se encolheu e respirou fundo.

Fiquei por ali brincando com meu potinho de argila infinita enquanto esperava o tempo passar e a água roxa ser ingerida por completa, de modo que a poção fosse efetivamente funcional. Fazia um tempo que eu não me distraía em moldar argila, portanto fazê-lo agora foi muito bom e proveitoso.

item usado:
Bluberry – Frasco de poção arroxeada para ser dada a mascote. Ao ser consumida pela criatura, a deixa mais suscetível a comandos, mais dócil e calma. Tal poção tem como objetivo ampliar o conhecimento do pet, aumentando sua chance de aprendizado a fim de criar vínculos com seu domador. Dessa forma, quando o dono da mascote fizer uso dessa poção e realizar uma postagem, o nível de lealdade será aumentado em +2 em vez de +1. (É necessário descrever o uso da poção na postagem).

missão fixa:
Conhecendo – Bichinhos precisam de ar livre, precisam passear, correr, brincar, criar confiança em seu companheiro. Leve seu filhote para conhecer um espaço pessoal seu, deixe que ele aprenda sobre o lugar e ensine a eles os limites que não deve ultrapassar, afinal cada criatura tem seu próprio cantinho e o dele (em partes) será alguns locais do acampamento. Faça ele interagir com o ambiente, deixe que conheça seu cheiro, seus gostos e suas manias, brinque com ele e o leve para passear e conhecer outros semideuses, mostre a ele como ter interação para não se tornar uma criatura violenta.

▬ 100 XP e 2.000 Dracmas + 1 nível de lealdade e 50 XP para o pet escolhido + 1 ponto.
(C) Ross
avatar
Bree Weckzourt
Feiticeiras de Circe
Feiticeiras de Circe

Mensagens : 348

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPs] Rhea

Mensagem por Bree Weckzourt em Ter Set 18, 2018 8:22 pm

Rhea IV
— Não destrua nada, ok? — esfreguei as mãos sobre a cabeça de Rhea antes de sair do chalé. Com ela cansada pelo passeio que demos há pouco tempo, teoricamente ela ficaria quietinha enquanto eu ia ao pavilhão do refeitório petiscar alguma coisa.

Teoricamente.

Quando retornei, tendo uma garrafa de pepsi no sovaco e um pacote de Doritos em mãos, fiquei estática. Ao descer os dois andares do chalé de Hades, me deparei com quase a pior coisa que poderia ter acontecido: Rhea brincou com tudo, literalmente tudo. Havia um abajur quebrado no chão, cobertores e travesseiros arrastados para pontos aleatórios, meus chinelos finalmente roídos e xixi no chão.

— RHEA!! — trinquei os dentes após gritar, fechando os olhos por um instante. Deixei meu petisco no criado mudo e bati as mãos nas pernas para eliminar os farelos alaranjados, seguindo até a cadela em passos pesados. Abanando o rabo, ela se mostrava feliz e novamente enérgica. — Você não tem noção alguma, né?!

Ao agarrá-la, puxei-a até a pequena poça de xixi e esfreguei seu nariz nela. Eu não sabia se isso deveria ser feito, mas já vi algo do tipo na TV. Em resposta, ela chiou um pouco e eu a soltei. Bufei, então, esbaforida, e apontei para um canto. — Some daqui!

Ela entendeu minha braveza pois, com o rabo entre as pernas, se afastou. Comecei pelos travesseiros, lençóis e cobertores, devolvendo-os aos seus lugares se estavam em boas condições. Felizmente, fora dois travesseiros, meus chinelos e o abajur, estava tudo bem. Amontoei tais coisas estragadas na porta do cômodo para que depois as tirasse dali.

Papel higiênico serviu para secar o xixi da cadela e novamente ele, agora com água e shampoo, serviu para eliminar o cheiro. Ao voltar para o banheiro para descartar o papel, vi Rhea amuada no canto da parede, com uma carinha fofa que me deixou com bastante dó.  

— Se você fosse um pouco mais velha e adestrada, com certeza me ajudaria com isso. — falei, abaixando-me diante dela. — Mas agora é impossível. Só não faça mais isso, mocinha, por favor.

Apesar de ela não entender nada do que era dito, eu torcia para que a bronca fosse dada funcional. De qualquer forma, eu não a deixaria sozinha outra vez tão cedo para não correr riscos.

missão fixa:
• Mau comportamento
Você chegou no seu chalé/coorte, casa ou quarto e tudo estava uma bagunça! Seu mascote ficou sozinho e acabou bagunçando tudo. Ele só queria brincar e tinha muita energia para gastar, e no fim acabou deixando tudo numa completa desordem e você não ficou muito feliz com isso quando encontrou o cômodo de cabeça para baixo. Você precisa dar uma bronca nele para que ele saiba que não pode fazer isso, e também é necessário arrumar toda a bagunça que ele fez. Como punição pela bagunça, seu mascote também deve ajudar você a arrumar a confusão toda - dentro dos limites da espécie dele. Dessa forma ele vai compreender que o que ele fez foi errado e pensará duas vezes antes de bagunçar tudo de novo (ou não).

Recompensas: 400 XP + 4.000 dracmas + 120 xp e 1 nível de lealdade para o mascote + 2 pontos
(C) Ross
avatar
Bree Weckzourt
Feiticeiras de Circe
Feiticeiras de Circe

Mensagens : 348

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPs] Rhea

Mensagem por Becka Klasfox La'Fontaine em Sex Set 21, 2018 1:37 pm





Bree


Método de avaliação:
Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Adote um Bichinho
Avaliação obtida:
Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%
100 XP e 1.000 Dracmas + 1 nível de lealdade + 1 ponto

Confiança e Aprendizado
Avaliação obtida:
Realidade de postagem + Ações realizadas – 40%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 20%
80 XP e 1.400 Dracmas + 1 nível de lealdade e 40 XP para o pet  + 1 ponto

Conhecendo
Avaliação obtida:
Realidade de postagem + Ações realizadas – 10%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%
90 XP e 1.800 Dracmas + 1 nível de lealdade e 45 XP para o pet  + 1 ponto.

Mau comportamento
Avaliação obtida:
Realidade de postagem + Ações realizadas – 30%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 20%
280 XP + 2.800 dracmas + 84 xp e 1 nível de lealdade para o mascote + 2 pontos

Comentário:

Hey Bree, pode parecer que peguei pesado com você, mas vou explicar o porque. Na missão confiança e aprendizado a proposta era aprender sobre o Pet e descobrir mais sobre ele no ambiente em que ele estava, como alimenta-lo, como dar banho, os cuidados que precisa ter com a especie, como repreender, como ensinar e outras coisas e nesse ponto sua criatividade deixou a desejar, apesar de que na parte de confiança a proposta ficou impecável. Na missão conhecendo o desconto foi menor, mas a ideia era você ensinar os limites que o ambiente em que seu pet iria ficar possui, o que ele poderia ou não fazer e você apenas retirou as coisas do lugar, adendo a isso a proposta também ficou muito bem feita. Na última missão - Mau comportamento - a proposta também acabou sendo deixada de lado, você repreendeu o pet pela bagunça dele (e que bagunça hein!) mas acabou esquecendo de pedir ajuda ou ensina-lo a não fazer aquilo mais, a proposta era mostrar mais aquele erro a ele fazendo-o te ajudar de alguma maneira, ele é um filhote e não poderia fazer muito, mas até fazê-lo arrastar o travesseiro para o lugar de novo já ensinaria ele de alguma maneira. Adendo a isso amei suas missões, são de leitura fácil e bastante criativa. Parabéns.


Atualizado por Hades


Becka Klasfox La'Fontaine
Quer ser feliz? Seja louco, sorria sempre mesmo sem motivo..
avatar
Becka Klasfox La'Fontaine
Pretores
Pretores

Mensagens : 631
Idade : 23
Localização : Camp Jupiter

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPs] Rhea

Mensagem por Bree Weckzourt em Sex Set 28, 2018 5:55 pm

Harpias
Não pensei duas vezes antes de escolher um cenário noturno para o treinamento de Rhea. Sendo ela uma cadela infernal filhote, eu não podia dificultar demais os obstáculos do exercício, já que pretendia interferir somente se necessário. E com necessário eu queria dizer se eu me tornasse alvo ou se minha mascote não obtivesse progresso.

— Atenção, Rhea. — falei, segurando o recipiente que continha massa de modelar de coloração neutra. O ambiente ao nosso redor, antes os Campos de Marte do Acampamento Júpiter, agora assumia um aspecto ligeiramente sujo, estreito e escuro. Em outras palavras, um beco qualquer em uma cidade qualquer.

Permanecemos imóveis e em silêncio, a cadela a poucos metros à minha frente. Seu focinho ia de um lado para o outro, buscando por odores que não fossem os do lixo à nossa direita. Por incrível que parecesse - por se tratar de uma cidade -, não havia barulho. Eu escutava minha própria respiração e o modelar de um pequeno pedaço da massinha mágica parecia absurdamente ruidoso.

Repentinamente, um coral de grasnadas fez-se presente. Estreitei os olhos ao erguer o queixo, encontrando de imediato as autoras: duas harpias. Minha visão aprimorada no escuro me permitiu tal proeza, mas não pude reagir igualmente rápido porque elas vinham de diferentes sentidos.

A que vinha pelas minhas costas foi alvejada pela bolinha de massinha explosiva que eu tinha em mãos. Assim que me virei completamente, efetuei o disparo e, pela proximidade, consegui atingi-la em uma das asas. Seu voo desgovernou no instante seguinte, fazendo-a aterrissar brutal e precariamente na grande caixa verde de lixo.

— Burra. — murmurei, devolvendo a atenção à minha mascote que, pelo rosnado emitido, já estava enfrentando sua inimiga. A harpia era mais ágil do que a cadela, e por isso detinha certa vantagem sobre ela. Além disso, voando baixo, ela conseguia escapar das mordidas e arranhões de Rhea e, pior, investir com suas garras contra a pobrezinha.

Contraí os músculos faciais quando escutei o choro de Rhea, sentindo uma fúria crescer em meu âmago. A segunda bolinha explosiva que estava em minha mão direita, pelo nervosismo, havia sido esmagada e novamente estava disforme. Cogitei lançá-la contra a harpia que há pouco saíra do lixo e graças a mim não podia voar, mas me contive.

— Vamos, garota, vamos... — pensei alto, encostando-me na parede para tomar distância das três criaturas. Rhea aproveitou a desvantagem da segunda harpia para atacá-la enquanto sua amiga voava mais acima. O rosnado subsequente, gerado pelo ataque da cadela, me fez sorrir.

Todavia, antes que a harpia fosse reduzida a pó, sua companheira cravou as garras nas costas da cadela infernal e a jogou para o lado. Claramente abatida, Rhea choramingou mais um pouco e me buscou com o olhar. Nisso, notei minha postura rija, o cenho franzido e a bola de massinha - que há pouco a devolvera esse formato - outra vez esmagada.

Trinquei os dentes ao arremessar a massa, fazendo-a explodir um pequeno pedaço da parede de um dos edifícios que nos ladeava. A harpia pareceu rir diante do meu erro, alterando sua rota para vir até mim em um rasante. Joguei-me para o lado por instinto, soltando o tubo mágico, e logo tentei recuperá-lo, uma vez que não possuía arma alguma.

Fiquei estática ao notar a inimiga tão próxima de mim, não mais voando. Pelo visto, ela achava que tinha vencido, mas pelo canto dos meus olhos eu sabia que não. Rhea rosnou, chamando sua atenção, e mergulhou nas sombras, reaparecendo em seguida do outro lado. Lado este que, desprotegido, foi rasgado e mastigado pelas afiadas garras e presas da cadela.

A monstrenga remanescente se contorcia no chão, sofrendo pela investida dada pela minha mascote e pela sutil explosão em uma de suas asas. Ainda que ferida, Rhea não hesitou em ceifar a vida da oponente, pondo fim ao treinamento. De imediato, então, o cenário se modificou outra vez, e nos vimos de volta aos Campos de Marte.

— Boa garota, Rhea. — elogiei, afagando seu cocuruto depois de recuperar o pote de massinha que já estava cheio de novo. — Precisamos passar no Hospital do Fauno agora. Será que você consegue me acompanhar?

Analisei a criatura de perto, constatando que seus ferimentos eram superficiais. Ao arriscar chamá-la para caminhar comigo, ela se mostrou estranhamente disposta, como se a ligeira luta a tivesse animado bastante. Por consequência, comecei a cogitar uma segunda etapa do treinamento em breve.

mvp solo:
As harpias são criaturas da mitologia grega, frequentemente representadas como aves de rapina com rosto de mulher e seios. Na história de Jasão, as harpias foram enviadas para punir o cego rei trácio Fineu, roubando-lhe a comida em todas as refeições. Harpias na mitologia japonesa são vistas como seres que forçam as almas que se recusam a entrarem no barco do rio Estige. São consideradas criaturas cruéis. Nesta MvP, semideus e monstro devem combater duas harpias juntos.

Poderes Passivos:
► Força – Conseguem levantar com suas garras e carregar o dobro de seu peso facilmente.

Poderes Ativos:
► Garras – Devido sua parte ave, possuem grandes garras afiadas capazes de efetuar cortes profundos.
► Voo – Consegue voar grandes alturas.

HP/MP: 100/100
Nível mínimo (semideus+mascote): 5


Recompensas: 800 XP para semideus + 200 XP para mascote + 7.000 dracmas + 2 pontos

item:
• Tubo de Massas [Um pequeno tubo cheio de massinhas de modelar em cor nude, a massa presente no tubo é feita para dar formas. A pessoa que tiver esse tubo, pode modelar a massa, e dar vida a criaturas, como ovos, pássaros, e outras coisas. O tubo tem o tamanho de um copo, não muito grande, e é cheio dessa massa. Além disso, a massa tem a propriedade explosiva, algo semelhante ao temperamento de Augie, portanto, quando as criaturas entram em contato com o corpo, ou atacam alguém, acabam explodindo – se auto destruindo – antes de serem destruídas, causando ferimentos de tamanho médio. Lembrando que, quanto maior as criaturas moldadas – que geralmente não é muito pela quantidade de massa dentro do tubo – maior o estrago que podem causar. |Efeito 1: A explosão causada pelas figuras em movimento varia entre 10 HP e 50 HP (dependo unicamente do tamanho) | Efeito 2: A massa dentro do tubo é infinita, ou seja, sempre terá massa dentro do tubo. | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Evento]

habilidades da mascote:
Nível 1
Nome da habilidade: Imortalidade
Descrição: Como qualquer outro monstro mitológico o cão infernal não pode ser morto. Ele renasce no tártaro assim que é destruído, contudo pode ter sua lealdade e personalidade – ou simpatia – alterada, caso isso aconteça. O único metal que verdadeiramente pode acabar com um cão infernal é o ferro estigio, caso esse seja atingido/morto por ferro estigio, então desaparecera por completo, para cães infernais esse material serve como um calcanhar de Aquiles.
Tipo: Passivo
Dano: Nenhum
Bônus: Nenhum

Nível 2
Nome da habilidade: Garras
Descrição: Consegue fazer com que suas garras cresçam, consideravelmente, mesmo quando cortadas, tornando-as mais afiadas e destrutivas. As perfurações das garras de um cão infernal são semelhantes a perfurações de laminas curtas (como adagas), mas causam uma dor aguda e demoram mais tempo para curar.
Tipo: Ativo
Dano: 20 HP por arranhão.
Bônus: Nenhum

Nível 3
Nome da habilidade: Viagem pelas Sombras I
Descrição: Agora o filhote já consegue viajar pelas sombras, mas ainda é pequeno demais, e não consegue levar ninguém consigo. Isso é uma boa alternativa para um semideus em apuros, pois se o pet for fiel ao seu dono, poderá levar recados ou ir em busca de ajuda.
Tipo: Ativo
Dano: Nenhum
Gasto de MP: 10
Bônus: Nenhum

habilidades passivas de plutão:
Nível 1
Nome do poder: Visão Noturna
Descrição: Os filhos de Hades/Plutão enxergam tão bem no escuro, quanto no claro. A escuridão por magia ainda é capaz de afetar eles, mas a escuridão natural, como apagar a luz, ou entrar em uma caverna sem qualquer claridade não irá afetar o filho do deus dos mortos
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Desde que não seja escuridão magica que impeça a visão, não serão afetados.
Dano: Nenhum

Nível 47
Nome do poder: Movimentação escura I
Descrição: Ao estar envolto completamente na escuridão e durante a noite a prole de Hades/Plutão adquire uma maior velocidade, sendo que os golpes passam a ser mais efetivos.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: +25% de força e velocidade quando o semideus lutar na escuridão e/ou noite.
Dano: +20% de dano quando o inimigo for atingido pelos poderes ativos do semideus.
(C) Ross
avatar
Bree Weckzourt
Feiticeiras de Circe
Feiticeiras de Circe

Mensagens : 348

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPs] Rhea

Mensagem por Elena C. García em Sab Set 29, 2018 12:08 pm





Bree e Rhea


Método de avaliação:
Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Avaliação obtida:
Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Recompensas:
- Bree recebe 800 XP para semideus + 7.000 dracmas + 2 pontos
- Rhea recebe 200 XP para mascote


Rhe já soma 369 XP e 4 níveis de lealdade. Ao atingir o nível 6, deve ser adicionada ao registro de Bree.

comentários:

Eu acho que, apesar da narrativa breve, você e Rhe se saíram muito bem juntas e trabalharam em equipe, com uma boa sintonia - assim como era esperado nessa narrativa.

Atualizado por Hades





Elena Castillo García

Filha de Afrodite ⋆ Legado de Marte ⋆ Rainha das Amazonas

Minha FPA encontra-se aqui ~
avatar
Elena C. García
rainha das amazonas
rainha das amazonas

Mensagens : 769
Idade : 24

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPs] Rhea

Mensagem por Bree Weckzourt em Qua Out 03, 2018 6:06 pm

Weidragon
Pela segunda vez, o perímetro delimitado pela arena mágica nos Campos de Marte foi transformado em um estacionamento quase deserto quando pressionei um botão. Apesar da constante brisa noturna, eu vestia camiseta, short e tênis esportivos de coloração negra, o cabelo alaranjado preso em um alto e firme rabo de cavalo.

Mais uma vez eu optei por não levar armas, somente o pote com massinha mágica. Embora o monstro escolhido fosse mais forte do que duas harpias, eu contava com as minhas habilidades para ajudar Rhea. Além do mais, a ideia de utilizar espada me agradava cada vez menos.

De praxe, minhas mãos modelavam duas bolinhas de massinha explosiva enquanto o pote jazia prensado no meu sovaco direito. A cadela infernal, ansiosa, caminhava ao meu redor com o focinho colado no solo de concreto, buscando por indícios do nosso inimigo. Porém, como eu suspeitava, ele veio de cima.

A construção mais próxima, localizada a mais ou menos uns dez metros, foi parcialmente iluminada por uma baforada chamejante que acompanhou a descida de um pequeno dragão. Isso é um weidragon, pensei, dedilhando as duas bolinhas que tinha em mãos. Rhea postou-se ao meu lado, pondo o corpo ligeiramente inclinado para frente e rosnando, os olhos avermelhados cravados no monstro.

— Fica. — ordenei à cadela, deixando que o inimigo desengonçado viesse ao nosso encontro.

Pelo simples fato de Rhea ser uma cadela infernal e eu uma filha de Plutão, o cenário magicamente alterado era noturno. Ela não era muito forte, portanto eu ainda não queria arriscar uma luta sob a luz do sol para não pô-la em grande desvantagem.

O barulho emitido pelo weidragon me deixou um pouco receosa. Nunca havíamos enfrentado um e, pelo visto, suas baforadas eram aleatórias e, portanto, descontroladas. Isso poderia ser benéfico para nós duas, mas não podíamos contar com isso. Assim, mediante o avanço irracional da criatura, agimos.

Eu estava desenvolvendo uma espécie de estratégia de combate com Rhea, consistida no uso da viagem das sombras. Ainda estávamos em treinamento, uma vez que dita habilidade exigia muito do usuário. Todavia, era simples: eu permanecia onde estávamos e, pisando em minha sombra, a cadela mergulhava e reaparecia na de nosso inimigo, pegando-o por trás. Talvez fosse desonrosa, mas não importava. Era um método eficaz de começar com vantagem.

O weidragon cambaleou para frente quando minha mascote saltou contra suas costas, apoiando as patas dianteiras na base de suas asas em crescimento e as traseiras pouco acima de sua cauda. Ele urrou, agitando a cabeça, e o lança-chamas foi ligado. Por sorte, não estando próxima dele, eu só recuei alguns passos precavidos e me mantive intacta.

O espernear constante do monstro somado a inexperiência da cadela resultaram na queda da segunda e consequentemente na libertação do primeiro. Ele logo se virou, permitindo-me constatar que as garras de Rhea haviam feito um estrago considerável. Inevitavelmente, sorri. E esse sorriso se transformou em uma expressão raivosa, explícita pelo franzir da testa e o crispar dos lábios.

Embora persistente, Rhea não era tão forte quanto o weidragon. A prova disso foi a pseudo-mordida que ele deu em uma de suas patas, provocando um choramingo sinistro. O resultado só não pior porque eu interferi. A alguns metros de distância, gesticulei diante do meu peito e uma chuva de espinhos sombrios caiu sobre as costas do monstro, intensificado os ferimentos já presentes ali  e criando outros. Isso o fez emitir outro barulho sofrido e, por conseguinte, soltar minha mascote.

Antes que ele pudesse se virar para investir contra mim, sustentei a manipulação das sombras abundantes em nosso âmbito, criando uma espécie de garra que o pegou pela cauda e o puxou para perto de mim. Com isso, obtive ângulo para arremessar as duas bolinhas de massinha explosiva contra as costas feridas dele, desencadeando um jorro de sangue mais intenso.

Nisso, Rhea havia voltado para o meu lado ao imergir na sombra de um poste de luz bem próximo de si. Mesmo que tivesse com uma das patas feridas, ela estava disposta para prosseguir na luta. E logo avançou, aproveitando-se de que minha umbracinese mantinha o dragão bebê imóvel e de costas para nós, e retalhou, com suas garras e dentes, as asas dele.

O esforço, porém, a fez gritar de dor outra vez. Mancando mais agora, ela se afastou do monstro e eu cedi à umbracinese pelo simples fato de que mantê-la exigia muito de mim. Com isso, nosso adversário bambeou outra vez, uma vez que, preso, tentava se mover freneticamente. E então caiu, causando certo ruído e levantando poeira.

Com Rhea debilitada, restava a mim o trabalho de finalizar o monstro. Isto não era difícil, porém, já que a parte de trás do seu corpo estava completamente machucada. Assim sendo, a segunda leva de espinhos rígidos de sombra - desta vez em menor quantidade - unido às outras duas bolinhas explosivas, reduziram-no a poeira flavescente.

— Desculpa por isso, garota. — falei, parando diante da cadela depois de fecar o tubo de massas. Minhas mãos deslizaram sobre seu pescoço, o que ela pareceu apreciar. Simultaneamente, o cenário artificial se desfazia e logo nos vimos de volta aos Campos de Marte. — Vamos cuidar disso agora.

mvp solo:
Com a aparência de um dragão vermelho bebê, o weidragon é uma criatura prematura, ainda despreparada para uma batalha, mas dotada de habilidades imprevisíveis e ações inesperadas. Um Weidragon, apesar da pouca idade, é bastante ágil e capaz de interceptar alguns golpes com sua crosta áspera e sólida até demais, fora a constante mania de cuspir fogo. Ainda que seja um bebê, mede mais de dois metros (Visto pela primeira vez no CT Luriel).

Poderes passivos:
► Imunidade ao fogo: O filhote de dragão verde possui imunidade ao fogo desde a sua formação no ovo, esse elemento é o seu aliado e sua arma mais poderosa.
► Linguagem Draconiana: O filhote sabe se comunicar perfeitamente com outros dragões ou derivações dessa raça.

Poderes ativos:
► Sopro Flamejante: O dragão filhote pode expelir fogo pela boca com um alcance de um metro e meio, podendo provocar queimaduras graves em seus alvos. Dano: 15 a 25 HP.
► Voo de Bebê: É um voo ainda iniciante que permite o filhote de dragão atingir alturas medianas e ter uma agilidade proporcional ao seu tamanho.

HP/MP: 750/750
Nível mínimo (semideus+mascote): 40


Recompensas: 1.000 XP para semideus + 250 XP para mascote + 10.000 dracmas + 3 pontos

item:
• Tubo de Massas [Um pequeno tubo cheio de massinhas de modelar em cor nude, a massa presente no tubo é feita para dar formas. A pessoa que tiver esse tubo, pode modelar a massa, e dar vida a criaturas, como ovos, pássaros, e outras coisas. O tubo tem o tamanho de um copo, não muito grande, e é cheio dessa massa. Além disso, a massa tem a propriedade explosiva, algo semelhante ao temperamento de Augie, portanto, quando as criaturas entram em contato com o corpo, ou atacam alguém, acabam explodindo – se auto destruindo – antes de serem destruídas, causando ferimentos de tamanho médio. Lembrando que, quanto maior as criaturas moldadas – que geralmente não é muito pela quantidade de massa dentro do tubo – maior o estrago que podem causar. |Efeito 1: A explosão causada pelas figuras em movimento varia entre 10 HP e 50 HP (dependo unicamente do tamanho) | Efeito 2: A massa dentro do tubo é infinita, ou seja, sempre terá massa dentro do tubo. | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Evento]

habilidades da mascote:
Nível 1
Nome da habilidade: Imortalidade
Descrição: Como qualquer outro monstro mitológico o cão infernal não pode ser morto. Ele renasce no tártaro assim que é destruído, contudo pode ter sua lealdade e personalidade – ou simpatia – alterada, caso isso aconteça. O único metal que verdadeiramente pode acabar com um cão infernal é o ferro estigio, caso esse seja atingido/morto por ferro estigio, então desaparecera por completo, para cães infernais esse material serve como um calcanhar de Aquiles.
Tipo: Passivo
Dano: Nenhum
Bônus: Nenhum

Nível 2
Nome da habilidade: Garras
Descrição: Consegue fazer com que suas garras cresçam, consideravelmente, mesmo quando cortadas, tornando-as mais afiadas e destrutivas. As perfurações das garras de um cão infernal são semelhantes a perfurações de laminas curtas (como adagas), mas causam uma dor aguda e demoram mais tempo para curar.
Tipo: Ativo
Dano: 20 HP por arranhão.
Bônus: Nenhum

Nível 3
Nome da habilidade: Viagem pelas Sombras I
Descrição: Agora o filhote já consegue viajar pelas sombras, mas ainda é pequeno demais, e não consegue levar ninguém consigo. Isso é uma boa alternativa para um semideus em apuros, pois se o pet for fiel ao seu dono, poderá levar recados ou ir em busca de ajuda.
Tipo: Ativo
Dano: Nenhum
Gasto de MP: 10
Bônus: Nenhum

Nível 4
Nome da habilidade: Olhos demoníacos
Descrição: Ao olhar diretamente nos olhos do inimigo, poderá causar um medo terrível, o fazendo arrepiar e hesitar durante dois turnos. O oponente da fera fica aterrorizado, errando os golpes e tendo dificuldade de atacar.
Tipo: Passivo
Dano: Nenhum
Bônus: Faz o inimigo hesitar durante dois turnos, tornando-o alguém amedrontado.

Nível 5
Nome da habilidade: Viagem pelas Sombras II
Descrição: O seu cão infernal atingiu a maturidade, é um adulto, e agora ao viajar pelas sombras já consegue levar uma única pessoa junto a si, mas se usar tal habilidade por tempo demais, ou for muito longe, fica desgastado e cansado.
Tipo: Ativo
Dano: Nenhum
Gasto de MP: 10 (+5 se estiver com alguém)
Bônus: Nenhum

habilidades passivas de plutão:
Nível 1
Nome do poder: Visão Noturna
Descrição: Os filhos de Hades/Plutão enxergam tão bem no escuro, quanto no claro. A escuridão por magia ainda é capaz de afetar eles, mas a escuridão natural, como apagar a luz, ou entrar em uma caverna sem qualquer claridade não irá afetar o filho do deus dos mortos
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Desde que não seja escuridão magica que impeça a visão, não serão afetados.
Dano: Nenhum

Nível 47
Nome do poder: Movimentação escura I
Descrição: Ao estar envolto completamente na escuridão e durante a noite a prole de Hades/Plutão adquire uma maior velocidade, sendo que os golpes passam a ser mais efetivos.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: +25% de força e velocidade quando o semideus lutar na escuridão e/ou noite.
Dano: +20% de dano quando o inimigo for atingido pelos poderes ativos do semideus.

habilidades ativas de plutão:
Nível 21
Nome do poder: Umbracinese III
Descrição: Você dominou completamente sua técnica com sombras, e agora pode manipula-las e usa-las da forma como bem entender, incluindo criar uma prisão sombria, da qual seu oponente dificilmente escapara. Consegue mantê-la por até três rodadas.
Gasto de Mp: 20 MP por turno ativo
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus:  A prisão sombria prende o usuário por completo, fazendo com que ele seja incapacitado de se mover pelos turnos em que a prisão estiver ativa. O Filho de Hades/Plutão consegue mantê-la por no máximo 3 turnos. Pode usar as sombras para mover coisas, e prender coisas.
Dano: 30 HP (pela prisão incapacitar os membros e aperta-los, causando certa dormência). Esse HP é retirado conforme os turnos que ficar ativo, se ficar pelos 3 o valor total da perda de HP é de 90.
Extra: Nenhum
(C) Ross
avatar
Bree Weckzourt
Feiticeiras de Circe
Feiticeiras de Circe

Mensagens : 348

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPs] Rhea

Mensagem por Becka Klasfox La'Fontaine em Qui Out 04, 2018 2:13 pm





Bree


Método de avaliação:
Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Resultado obtido:
Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%
Recompensas: 1.000 XP para semideus  + 10.000 dracmas + 3 pontos
Rhea: 250 XP para mascote


Atualizado por Poseidon.



Becka Klasfox La'Fontaine
Quer ser feliz? Seja louco, sorria sempre mesmo sem motivo..
avatar
Becka Klasfox La'Fontaine
Pretores
Pretores

Mensagens : 631
Idade : 23
Localização : Camp Jupiter

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [RPs] Rhea

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum