The Blood of Olympus
Para visualizar o forum é necessário estar cadastrado, por favor registre-se no rpg ou entre em sua conta. É necessário estar cadastrado para ver as informações contidas no forum. Lembre-se de usar nome e sobrenome, não se cadastrar usando nomes geralmente utilizados por Hacker. Exemplo: "Barum" "Hakye" e por ai vai. Bem vindos.

[OP Externa para Harren] Humildade e compreensão

Ir em baixo

[OP Externa para Harren] Humildade e compreensão

Mensagem por Melinoe em Dom Set 02, 2018 5:14 pm


Humildade e Compreensão
Famosa por sua história envolvendo indígenas e luta por suas terras, Sacramento era hoje, cenário de uma árdua batalha entre índios e a Noite.

A lenda é que uma certa noite na tribo Tongva, uma menininha com seus traços típicos indígenas era encontrada no meio da mata, abandonada, e conforme crescia, encantava a todos que conviviam com ela. Por anos os índios a observaram plantar e colher com tanta facilidade que com seus poucos doze anos, teve o casamento arranjado com o filho do chefe da tribo, já que com a idade de vinte e cinco anos, precisava de um herdeiro e de uma mulher que soubesse produzir alimento independente da época do ano.

O que muitos não suspeitavam era que aquela garota era uma semideusa, filha de Ceres, que alimentava a tristeza por não ter uma família, além daquela que a encontrou, para defendê-la do abuso por ainda ser uma criança. De tempos em tempos, a Deusa da noite, Nox, encontrou seu paradeiro, e sabendo de sua habilidades e reputação especial entre a tribo, começou a persuadi-la a fugir.

Sem ter mais opções e desesperada conforme seu casamento com o filho do chefe chegava mais perto, a pequena índia decidiu aceitar a proposta de Nyx, e assim que a noite chegou, se encontrou com a Deusa no silêncio da noite e fez um singelo pacto com ela. Com a promessa de que se ela se livrasse daquela situação, serviria pelo resto de sua vida a Deusa Nox.

Avati, membro da IV Coorte estava com um pressentimento péssimo, sonhos o atormentavam com relação ao seu passado que havia escondido de todos. Ceres o perturbava pregando peças como ataques de mosquitos, vacas surgindo do nada e inclusive, plantas se enroscando em seus pés o tempo todo. O caso do semideusa filho de Marte com Ceres não era segredo para ninguém, inclusive, Lupa o havia usado de exemplo de o que não fazer para se manter dentro daquele acampamento sem problema algum. E como Centurião da IV coorte, Harren fora chamado para ajudá-lo.

Esclarecida a situação para o semideus de posição maior, Avati precisou implorar para que ele o acompanhasse nessa busca, sabia que não seria nada fácil e quem Ceres estava furiosa porque a filha não estava mais disponível para ela em lugar algum. Ela sabia que parte daquilo era sua culpa, mas que a criança, agora, se tornara um perigo em potencial e deveria ser encontrada.

AVATI: Filho de Marte, nível 20. Teve um caso com Ceres que gerou uma filha, porém, esta é a parte que a maioria dos semideuses não sabem e também não devem saber, é sua função além de tudo, manter a informação um segredo.A única parte que Lupa expôs como lição aos semideuses foi a parte em que o semideus de descendência indígena teve um caso com uma Deusa.

INSTRUÇÕES: Seu objetivo aqui é resgatar a criança, filha de Avati e Ceres e levá-la ao acampamento em segurança. Porém, o que pretendo com essa missão é desenvolver um pouco da humildade e da compreensão do seu personagem visto que o seu cargo está afetando suas ações e pensamentos um pouco além do que deveria, por isso o título. Em momento algum você terá contato direto com qualquer Deus, seja Ceres, ou Nox. A semideusa legado não se tornou um demônio de fato, por isso ela não pode entrar no castelo de Nyx, apenas possui um pacto com a Deusa, afinal, nenhum tipo de pacto de sangue foi feito, ele é apenas verbal, Nox somente queria agir em terrorismo. Ela se encontra em algum local de Sacramento, não fuja destas instruções de forma alguma!

Instruções:
- Sinta-se livre para fazer descrições mais detalhadas dos acontecimentos, das ambientações, a criatividade será a parte que mais irá contar na pontuação final.
- Você tem 30 dias para postar (prazo final: 02/10/2018).
- Não há limite de itens a serem levados, desde que seja coerente com o que você suporta carregar.
- Seus NPC’s não devem ser pessoas reais dentro do fórum, caso aconteça haverá descontos na pontuação final, não queremos conflitos e desentendimentos.
- Deverá conter pelo menos 80 linhas, o template não poderá ter menos do que 500 px de largura.
- Cores chamativas e berrantes no template podem dificultar a leitura, assim como letras muito pequenas, portanto preste atenção à isso para não sofrer descontos desnecessários na pontuação final.
- Caso o prazo não seja cumprido sem aviso prévio, haverá desconto de 20 pontos na barra de conduta, portanto se atente à isso!
- FPA, Poderes e Itens sempre em spoiler no fim da postagem!
- Boa sorte, semideus, qualquer coisa me envie uma MP, tudo pode ser conversado a respeito de prazos e questões acerca dos objetivos.




Ghost Queen
avatar
Melinoe
Deuses Estagiários
Deuses Estagiários

Mensagens : 195

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [OP Externa para Harren] Humildade e compreensão

Mensagem por Melinoe em Dom Set 30, 2018 3:55 pm

Novo prazo: 12/10/2018 às 23:59!




Ghost Queen
avatar
Melinoe
Deuses Estagiários
Deuses Estagiários

Mensagens : 195

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [OP Externa para Harren] Humildade e compreensão

Mensagem por Harren Oldenburg em Ter Out 09, 2018 5:02 pm




Inaceitável
Vine and Blood



Prólogo-- O que eu estou fazendo de minha vida?

A vida de um centurião poderia ser mais ocupada e pesada do que eu havia pensado, mas isso não era motivo para eu estar mudando tão bruscamente. Muitas vezes estava colocando meu trabalho dentro do cargo acima do que eu sempre fiz, que era ajudar meus companheiros, deve ter sido por isso que Lupa me colocou junto de Avati.

Encontrava-me dentro de uma floresta perto do Acampamento, junto de Lupa e o filho de Marte, era a hora de explicações, o que te dão grave poderia ter acontecido para a diretora do Júpiter vir pessoalmente até nós? Foi só ambos começarem a contar a história trágica que culminara em uma criança indefesa cercada por uma cultura onde mulheres eram tratadas como meio de reprodução, sem poder de escolha e sendo obrigada a ter uma vida infeliz, com alguém que nunca amou.

—Meu deus...— recuei alguns passos sentando-me sobre um tronco de árvore tombada, colocando as duas mãos sobre o rosto e tentando de alguma forma absorver toda a situação para não dizer coisas que fariam arrepender-me no futuro — E qual a atual situação, Avati?

—A última informação que temos é que ela está em Sacramento, foi parar lá ao fugir da tribo, por favor, me ajude Harren!!!— falou com certo desespero em sua voz, Nyx, Homens que abusam de crianças, agora só faltava a seita surgir e atrapalhar a nossa vida.

—Eu irei, com apenas uma condição, seguirá minhas ordens não importa a situação, se eu mandar correr, corra, se mandar ficar, fique, entendido?— sabia que ele era tão intenso em seus sentimentos quanto qualquer outro semideus, no entanto isso poderia acabar reduzindo nossos objetivos a pó, até mesmo arriscar ainda mais a vida da garota.

—E outra coisa, quando resgatarmos ela, você vai usar cada dia da sua vida para retratar todos os erros que cometeu, fazendo o que tiver em seu alcance para dar uma vida feliz para ela, é uma ordem.


O semideus ficou com os olhos cheios de lágrimas, dando um sorriso sincero e assentindo com a cabeça —Espero que os dois se saiam bem, estarei esperando por notícias, adeus— em meio a brisa que o vento trazia em meio aos carvalhos, a loba desapareceu ele me olhou nesse instante a procura de  um plano,  eu ainda estava pensando no que fazer, mas uma coisa era certa, precisávamos ir para a rodoviária de São Francisco o quanto antes. Por sorte nossas armas já estavam em posse, Lupa havia pedido que levássemos para não fazer alarde antes da partida, ''uma simples ronda rotineira''.

—Quando chegarmos na rodoviária, vamos ficar em assentos distantes um do outro— respirei profundamente e segui meu raciocínio, as pessoas muitas vezes ficavam confusas com minha velocidade de raciocínio— Eles não sentem meu cheiro, então você tem que ser o chamariz, deixa o resto comigo— sorri ladino enquanto percebia que ele tinha compreendido a estratégia, trabalhar com um filho do deus da guerra sempre era ótimo, meu amigo Mark tinha me salvado de várias encrencas com suas habilidades.

(...) Encontro indesejado

Nossa viagem de ônibus fora tranquila, tirando o fato de um monstro que eu nunca vi na vida estar dentro de nosso meio de transporte, ao chegar em sacramento fui o primeiro a descer, o cheiro podre dele inundou todo o veículo, pessoas reclamavam da ''pessoa'' que não sabia o que era banho. Por outro lado sabia que com toda a certeza aquilo tinha vindo do submundo, aquele cheiro me dava náuseas. Parei em frente a uma lanchonete e comprei uma garrafa de água, observando enquanto o filho de Marte caminhava até uma área mais isolada, ele sabia mesmo o que fazer, só me restava dar cobertura, deixei a garrafa sobre a mesinha que estava sentado e segui os passos de ambos.

Conforme saí da visão das demais pessoas, girei meu anel de ferro estígio e com meu arsenal, moldei novamente sua estrutura, transformando-o em uma adaga fatal para qualquer criatura asquerosa que viesse daquele local, seguir os dois a passos leves e rápidos agora era necessário. Ao adentrarmos em o que parecia um bosque, corri em direção ao monstro que parecia estar prestes a dar o golpe fatal na prole de Marte.
—Pssiu— chamei a atenção do monstro, mas antes mesmo que o mesmo pudesse me ver  já era tarde demais, a adaga de estígio adentrou na altura de seu dorso e partiu-o ao meio. Explodindo em milhões de partículas com cheiro de enxofre, que  cheiro repugnante.

—Eu falei para confiar em mim, agora vamos atrás da criança, tenho quase certeza de onde ela está— o filho de Marte pensou em resmungar ao ouvir minha frase, mas apenas acenou positivo com a cabeça e esperou que eu tomasse a frente — Obrigado, mesmo— falou em tom baixo,  apenas fiz um movimento com a mão como se não fosse nada, era meu dever resolver a vida dos meus legionários.

(...)

Decidi ir até uma estação de trens abandonadas, se eu estivesse em fuga era para lá que iria. Drogados por toda a parte e todos os outros tipos de crimes poderiam acontecer por ali, por sorte não estavam com forças suficiente devido a quantidade de químicos em sua corrente sanguínea. Foi então que detectei em meio a toda a vegetação morta um ''oasis'' que mantinha tudo verde e em cores vívidas, parece que meu pitaco tinha dado certo.

O que eu não esperava que ela era agora a mais nova empregada do 'dono' daquela zona de tráfico, fomos recebido com extrema elegância e humildade. Praticamente jogados no chão com armas apontadas para nossa cabeça.

— O que querem aqui? São da polícia? — deixei uma pequena risada escapar e olhei para Avati como se dissesse ''não reage, eu resolvo isso'' —
viemos atrás de uma garotinha, ela é filha de um amigo meu e ele está doente, quem sabe você poderia deixar ela retornar conosco —Ela agora é minha propriedade, manda seu amigo se foder, pirralho!

Foi aí, nesse momento que ele pisou em algo que não poderia, um filho de Mercúrio sendo chamado de pirralho por um criminoso de baixo escalão? Então as cartas tinham sido jogadas aos ares.

—Que tal uma pequena aposta,  igual os cartéis da Colombia? — o homem deu risada em deboche de mim,  ele achava que eu não tinha nada para apostar, eu não tinha, mas sempre é ótimo negociar, não é mesmo?

— E o que tem para apostar? Sua vida imprestável? —  suspirei irritado e fazendo pose — 1 milhão de dólares está bom para você? — puxei do bolso um pequeno papel do meu bolso, transformando ele em um cheque nominal para mim, com nome de James Norton.

— Uma pena que ele está nominal e só será liberado quando a garota estiver nas mãos do pai dela, acho que seria uma troca justa, não? — coloquei o cheque a frente da minha cabeça ainda no chão, eu fui tão rápido que eles só entenderam que eu estava falando deste tipo de pagamento quando finalmente tinha mostrado a folha—Vamos fazer um duelo simples, 2 contra 2, os seus dois melhores contra nós dois, quem vencer leva tudo.

—HAHAHA, Você é mesmo louco! Vamos fazer isso então pirralho, soltem eles agora! — Avati levantou exalando toda a raiva dele, era claro que eu sabia que o legionário iria ganhar— Bom, meu companheiro vai primeiro, eu  encerro contra seu segundo lutador, quem  é mesmo?

O traficante sorriu, a resposta era clara, ele se referia a si mesmo. Avati fitou-me com o canto dos olhos, e passou quase que telepáticamente, ''entendi porque você disse que o pai estava longe''. Era ótimo saber que ele entendeu meu plano, se eu contasse a eles que Avati era o pai matariam logo nós dois e resolvido o problema.

O oponente do filho de Marte era um homem gordo e com soqueiras. Que nem mesmo esperou que a ''luta'' começasse e pulou para cima de meu amigo, Avati desviou do primeiro soco, do segundo e revidou: um soco diferente de todos que eu já tinha vivenciado o maxilar do homem virou e a luta estava acabada.

O silêncio tomou de assalto toda aquela casa. Estalei o pescoço quando vi a jovenzinha, coloquei o ''cheque'' em meu bolso e sorri para o líder que parecia perplexo demais para lutar.

—Que tal uma aposta diferente? Eu e você vamos fazer uma luta até a morte, ou prefere uma parte nos meus lucros? Podemos ser bons sócios. O homem ficou pensativo por alguns segundos, minhas habilidades de persuasão mexiam com a cabeça do mesmo, fazendo-o ponderar cada sílaba dita por mim.

— Então, não aceito propostas de pirralhos — o mesmo correu em minha direção, e sacou um canivete com o objetivo de rasgar a minha garganta, um passo para a direita foi o suficiente para que tivesse a chance de pegar o pulso dele, desarmá-lo e colocar a lâmina sobre sua garganta.

— Quem aqui está descontente com o comandante? Ele coloca as vidas de vocês em perigo e ainda aceitam? — muitos concordaram com a cabeça, o que deixou o homem sob minha custódia em pânico — Deixem a menina ir conosco, eu dou um  fim na raça dele e vocês tomam o controle, fechado?

Quando outro cara trouxe a jovenzinha até Avati ele rapidamente pegou-a no colo e correu, fiquei mais alguns minutos ali para ter certeza que eles teriam tempo de fugir, pois eu teria mais vantagens para sair do que o troglodita, carreguei ele e fiquei ao lado de uma janela, me preparando para dar o fora. Quando contei o tempo suficiente, chutei o 'líder' deles para o meio da galera, e olhei um ponto pela janela, me teletransportando para lá, entre algumas folhagens altas que me cobririam, empecei a correr em direção à rodoviária, agora só precisávamos voltar para SF.

(...)

Toda a viagem de volta, foi mais tranquila  do que o esperado, devido ao cheiro da menina tivemos que sentar todos separados no ônibus e eliminar mais alguns monstros de pequeno porte. Avati me abraçou e agradeceu, ''uma dívida eterna'' como o mesmo  disse, eu não considerava tudo aquilo uma dívida, no  entanto disse que sim, para manter ele sempre por perto, era um aliado promissor e alguém confiável, eu precisaria bastante disto.
passivas:
Nível 15
Nome do poder: Velocidade II
Descrição: Hermes/Mercúrio é o deus mensageiro, portanto, precisa ser rápido. Por isso a ele é atribuído o dom da velocidade. Seu personagem ficou ainda mais rápido, e tudo graças a sua agilidade em combate, continue praticando.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +30% de velocidade.
Dano: Nenhum
Nível 12
Nome do poder: Influência
Descrição: Após tanto tempo fazendo amizades com mortais, semideuses e monstros, o Filho de Hermes/Mercúrio acaba adquirindo contatos e influência destes seres, podendo entrar em contatos com eles e ate mesmo pedir favores durante a narração.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Não são atacados por monstros com frequência, como acontece com a maioria dos campistas, sua influência e contato com outros seres lhe permitem conseguir favores mais facilmente do que a maioria dos campistas.
Dano: Nenhum

Nível 13
Nome do poder: Gatuno
Descrição: Sendo filho do deus dos ladrões, você é capaz de roubar itens e dracmas de ouro de um inimigo e... quem sabe até mesmo de um companheiro? Sempre que você estiver na jogada, alguém sairá no prejuízo.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +20% de furtividade.
Dano: Nenhum
Nível 8
Nome do poder: Perícia com Adagas e Caduceu II
Descrição: Você está treinando e pouco a pouco é possível notar a sua melhora no manuseio de uma dessas armas.
Gasto de Mp:
Gasto de Hp:
Bônus: +20% de assertividade no manuseio de Adagas e Caduceus.
Dano: +15% de dano, caso acerte o golpe.

Nível 10
Nome do poder: Manipulador I
Descrição: Seu poder de convencimento e manipulação começa a aflorar. Você encontra um modo de fazer com que semideuses, monstros e outros seres façam o que você quer sem que se deem conta disso. Mas, por ser apenas o começo, pouquíssimos cairão no poder de sua palavra.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +30% de persuasão e poderes de enganação ou ilusão.
Dano: +5% de dano se o inimigo for pego.

Nível 11
Nome do poder: Melhoria em Esquiva.
Descrição: Nesse nível o filho de Hermes/Mercúrio tem mais chances de se esquivar de um ataque, mas é bom que sempre tenha em mente que poderá ser acertado caso não utilize uma boa estratégia.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +20% de agilidade e esquiva.
Dano: Nenhum

Nível 7
Nome do poder: Escorregadio I
Descrição: Você é muito bom em se esquivar, se camuflar e se esconder podendo usar disso para se livrar de confusão. Nesse nível é capaz de se esconder facilmente de mortais e monstros comuns.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +20% de esquiva e agilidade.
Dano: Nenhum
ativas:


Nível 4
Nome do poder: Ouro dos Tolos
Descrição: O filho de Hermes/Mercúrio consegue "subornar" outras pessoas, que acreditam piamente que este está lhes pagando quando na verdade recebem algo sem valor. Necessita de um material para que a ilusão possa agir - um guardanapo de papel seria visto como uma nota de dinheiro, por exemplo. Não pode ser usado em trocas comerciais dentro do acampamento.
Gasto de Mp: 10 MP
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: Nenhum
Extra: A ilusão dura apenas 3 turnos, depois é desfeita. Caso queira ativar tal ilusão novamente, é necessário gastar mais MP.

Nível 9
Nome do poder: Num Piscar de Olhos I
Descrição: Os filhos de Hermes/Mercúrio só precisam piscar para se teletransportar de um lugar para o outro. O campo de movimento é pequeno, eles podem se mover com tal habilidade apenas em um raio de quatro metros.
Gasto de Mp: 15 MP (por turno usado)
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: Nenhum
Extra: Nenhum
equipamento:
• Sabre [Uma espada onde a destreza é mais influente que a força, podendo infligir grandes danos, feita com ferro estígio na lâmina e com o cabo revestido por um tipo de couro resistente e que se encaixa perfeitamente na mão daquele que a porta. | Efeito 1: A arma possui a característica incomum de ganhar um aspecto assustador quando está em um ambiente escuro, intimidando inimigos de menor nível, porém tal intimidação não é muito efetiva ao verem quem porta tal arma (rs). | Efeito 2: O sabre pode se tornar um anel liso e feito de ferro estígio. | Ferro estígio e couro. | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Arsenal do acampamento]
• Arsenal [Anel brilhante com uma pedra preciosa, esbranquiçada e minúscula em seu centro | Aço | . Possui o efeito de alterar uma arma, mudando assim sua forma, detalhes, e qualquer outra coisa que o portador desejar, desde que as alterações sejam apenas físicas. Ou seja, utilizando o efeito do anel, é possível transformar uma lança em uma espada ou faca, ou qualquer outro item de ataque. Um escudo circular pode ser transformado em um broquel, ou um escudo de corpo. Os materiais dos itens podem ser alterados, mas seus efeitos sempre serão os mesmos (exemplo: uma espada elétrica ainda causaria dano por eletricidade se transformada em uma lança) | Não possui espaços para gemas | Comum | Resistência: Sigma | Status: 100%, sem danos | Comum | Comprado na loja][

observação:
Esta foi uma missão de extrema dificuldade para mim, pois estou com problemas em off e também porque meu personagem foi construído em cima da humildade desde o início da trama, se tornando líder por esse principal fator, o que me deixou meio sem saída para criar um personagem que subiu a cabeça.

Template made by Kyra
avatar
Harren Oldenburg
Centurião da IV Coorte
Centurião da IV Coorte

Mensagens : 142

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [OP Externa para Harren] Humildade e compreensão

Mensagem por Hades em Sex Out 12, 2018 4:21 pm


Avaliação


Valores máximos que podem ser obtidos

Máximo de recompensa a ser obtida: 4.000 exp e dracmas.

Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc –20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Realidade de postagem + Ações realizadas – 20%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 10%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 10%

RECOMPENSAS: 1.600 xp e dracmas

Infelizmente não compreendi boa parte da sua missão. As informações fornecidas da missão e sua narrativa diferem em muitos pontos. Você tentou fazer a missão de forma resumida, mas acabou que ela soa como se parte houvessem sido perdidas. Tudo acontece de forma muito rápida e o proposito não é apresentado, de forma que tudo parece aleatório e confuso. Além do fato de que existe um excesso de pontuação e/ou mistura de informação nas fases, não finalizando o pensamento anterior.

avatar
Hades
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 1002
Localização : Importa? A morte ainda será capaz de te achar.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [OP Externa para Harren] Humildade e compreensão

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum