The Blood of Olympus
Para visualizar o forum é necessário estar cadastrado, por favor registre-se no rpg ou entre em sua conta. É necessário estar cadastrado para ver as informações contidas no forum. Lembre-se de usar nome e sobrenome, não se cadastrar usando nomes geralmente utilizados por Hacker. Exemplo: "Barum" "Hakye" e por ai vai. Bem vindos.

[O efeito Sun Hee] Missões fixas de Prowler

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ir em baixo

[O efeito Sun Hee] Missões fixas de Prowler

Mensagem por Prowler em Sab Maio 05, 2018 10:23 am

O EFEITO SUN HEE
Este tópico será destinado aos posts das missões fixas de Prowler, no evento "O efeito de Sun Hee". Seguindo sua trama, o legionário encontrava-se nos Jardins Hespérides, quando teve conhecimento da invasão à Nova Roma.


PROWLER • SON OF CERES
avatar
Prowler
Guardiões das Hesperides
Guardiões das Hesperides

Mensagens : 187
Idade : 18
Localização : Acampamento Júpiter

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [O efeito Sun Hee] Missões fixas de Prowler

Mensagem por Prowler em Sab Maio 05, 2018 12:27 pm


The death of the pretor, Rome in flames
The guardian returns to Jupiter, defends the camp
O dia estava pacífico nos Jardins Hespérides. Clete e Egéria alegravam os presentes, com contos e danças, ao tempo que as deusas vespertinas serviam néctar e frutas naquele recanto. Prowler, legionário do Júpiter e defensor daqueles jardins, desde o ataque de Senectus, a deusa romana da velhice, decidiu permanecer no local, para qualquer eventualidade. A prole de Ceres tinha conhecimento de seu dever em defender os três mundos e a ordem natural em cada um deles, mas sabia da fragilidade de suas mentoras e do impacto que os últimos ataques haviam causado nelas. Embora sua missão naquele momento fosse permanecer no Acampamento Júpiter, o jovem delongou sua estadia nos jardins, até sentir o desejo de sua saída, o que poderia nunca acontecer.

Entretanto, uma súbita visão das sete ninfas donzelas fez com que aquele momento trouxesse furor a todos ali. Despertas de seu remanso, as mentoras de Prowler logo trataram de demonstrar preocupação. Em verdade, problemas nunca parariam de acontecer, ainda mais quando o próprio Júpiter havia declarado guerra aos seguidores de Nox. Adendo a isto, a Seita já havia causado problemas suficientes para tornarem-se um empecilho para todos os semideuses.

— Nova Roma está sendo atacada. — bufou Hespéria, tomando voz entre as ninfas. — Nossas visões parecem embaçadas por uma força maior que a nossa. Mas sim, a cidade está a ruir. — disparou, trazendo surpresa e fazendo Prowler arregalar seus olhos, sem reação.

— O que houve, Hespéria? — indagou Héspera, a senhora dos jardins e líder das deusas e ninfas. — Como assim, "Nova Roma está sendo atacada"? — questionou. A vespertina sabia que qualquer distúrbio na ordem natural dos mundos não passaria despercebido por suas ninfas, protetoras do equilíbrio e com a capacidade de prever o futuro.

— Como dissemos, há uma força maior operando, isso diminui nossos poderes. — começou a responder, observando suas companheiras e irmãs assustadas. — Mas um portal foi aberto dentro de Nova Roma, diversos monstros estão a perambular e trazer o caos aos semideuses e criaturas ali. Devo dizer que a magnitude deste ataque é tão poderosa quanto o que ocorreu em São Francisco. — colocou, baixando a cabeça.

— Oh, céus! Não podemos permitir que isto aconteça. — proclamou Egle, indo com sua face em direção a sua mestra.

— Não sabemos direito o que está acontecendo, devemos ter calma. — pediu Héspera.

— Mestra Héspera. — tomou voz Prowler, claramente atônito sobre aquelas revelações. — Vocês me enviaram para ser um legionário romano, é meu dever proteger Nova Roma, sob qualquer circunstância. Dever como guardião e dever como legionário. — falou o semideus.

— Prowler já demonstrou suas habilidades de combate e de defesa. É nossa melhor opção, até convocarmos os outros guardiões e os enviar até lá. — comentou a ninfa, com suas irmãs a acenarem positivamente.

— Muito bem, em casos assim não tem como não ser direta. — bufou a lady Hespéride, tomando ar por um instante. — Enviaremos você até Nova Roma, quando puder envie informações sobre a situação do local e o que realmente está acontecendo. E tente não morrer. — disse Héspera, acariciando por fim o cabelo de seu pupilo.

O campista pouco se importava com sua vida, seu dever, mais do que nunca, era o de proteger e ele ficaria feliz se perder sua vida significasse vencer sua missão. Não demorou para que o jovem pegasse seus itens e os colocasse em posição, preparado para o combate. Logo, as Hespérides juntas fizeram uma árvore abrir um buraco-portal em seu meio, que levaria o filho da agricultura até à cidade.

Pôde-se sentir a adrenalina do garoto subir, assim que o portal o sugou e o lançou em Nova Roma. Todo o lugar parecia um campo de guerra, com pessoas correndo desesperadas, sangue e fogo visível em tudo ali. Prowler apenas suspirou forte e correu para dentro do furdunço, procurando informações do que poderia estar havendo. De cara, o garoto encontrou Thomas, um legionário de sua coorte, caído no chão, cuspindo sangue e com um grande ferimento em seu abdômen. Acudindo-o, a prole de Ceres apoiou a cabeça do companheiro sobre seu joelho e verificou o que poderia ser feito. Era tarde, o menino estava prestes a morrer.

— Sun Hee... Ela morreu... — bufou sem forças o lesionado, tentando dar as últimas informações para seu colega regressante. — Pro-proteja todos... — pediu Thomas, dando seu último suspiro.

Fechando os olhos do falecido com os dedos, Prowler levantou-se e armou-se, se uma pretora do Júpiter havia sido morta, a situação era mais crítica do que se imaginou. Era o momento de seus poderes serem postos à prova mais uma vez.

Poderes:
Passivos:
-
Ativos:
-

Observações:
- As ninfas Hespérides tem visões do futuro e presente e podem saber qualquer coisa que afetem a ordem natural das coisas, já que é tarefa delas manter tal. Coloquei a barreira sobre as visões dela, pois elas poderiam revelar demônios de Nox e acredito que a deusa teria capacidade de ocultar seus protegidos a estes poderes.
- Em outras ocasiões, os próprios narradores colocaram a capacidade das Hespérides criarem portais, então utilizei disto também
- FPA

Itens:
• Bastão [Arma feita inteiramente de madeira, com um metro e cinquenta de comprimento, mas ambas as pontas revestidas em metal para aumentar o dano de impacto. | Madeira e BS | Efeito: Comum | Não apresenta suporte ou espaço para gemas | Resistência: Sigma | Status: 100%, sem danos | Comum | Comprado na loja ] - Na mão direita

• Bindweed [Um escudo leve de metal, em formato circular, de cinquenta centímetros de diâmetro. Em sua frente, alguns espinhos pontiagudos possibilitam ser usado para contra-ataques. Atrás, uma empunhadura fixa o item no antebraço do usuário | Efeito 1: O escudo transforma-se em um relógio, quando não ativado | Efeito 2: Quando utilizado em meio campesino ou florestal, o escudo torna-se mais resistente | Aço | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Arsenal do Acampamento] - Em forma de escudo, no braço esquerdo

• Panic [Couraça de armadura que protege todo o peitoral, barriga, e costas do usuário (não acompanha outras peças de armadura). Possui espinhos longos nos ombros, e o desenho de um rosto em fúria no peitoral, além de um design bárbaro e acabamento bruto. | Ferro| Causa medo em qualquer semideus inimigo dentro de um raio de quinze metros, tornando-os hesitantes em combate. Dessa maneira, nenhum inimigo será capaz de atacar o usuário dessa armadura, a não ser que este seja atacado primeiro. Desse modo, a iniciativa do combate será sempre do portador do | Não possui espaços para gemas | Comum | Resistência: Sigma | Status: 100%, sem danos | Comum | Comprado na loja ] - Por baixo da camisa

Burgeon • [Um Katar composto por um bracelete negro e uma adaga dourada. A lâmina pode se esconder dentro do bracelete ou reaparecer quando o usuário faz um movimento específico. O bracelete possui um design atual e pode facilmente passar despercebido em meio a sociedade, como se fosse um acessório de moda. Efeito 1: Resistência a magia de ilusão, qualquer poder de ilusão, medo ou charme lançado contra o portador dessa arma, terá o efeito reduzido em 50%. Efeito 2: Sempre retorna ao bolso do dono na forma de um dracma com desenhos especiais que lhe trazem lembranças únicas para o seu personagem. O desenho sempre muda, nunca é o mesmo. (Não é possível acrescentar outros efeitos a essa arma). | Bronze Celestial | Espaço para 2 gemas | Alfa | Status: 100% Sem danos | Necessário nível 10 para domínio completo da arma | [Épica | Evento Cidade dos Monstros] - Em forma de bracelete, no braço direito

Velociraptor linha prime [ Tênis esportivo feito para promover conforto, estimular a movimentação e ajudar o semideus em batalha ou treino. Não têm um estilo específico, já que muda de acordo com as vontades e preferências do dono | Efeito 1: O calçado muda de acordo com o dono e suas preferências, o tênis será alterado magicamente para o modelo que mais o agrada. Efeito 2: Promove +30% de velocidade ao portador. | Tecido mágico resistente e outros | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Comprado na Ferreli & García - Mode et style] - Calçados

Backpack [Mochila escolar feita de couro e com fechos dourados no formato de maçã. O utensílio é capaz de ser utilizado para carregar armas, roupas, cadernos, frascos de poções e o que mais for necessário para a sobrevivência do guardião. | Efeito 1: Ao enfiar a mão no bolso principal da mochila, seu usuário é capaz de retirar de seu interior uma maçã dourada, muito parecida com as existentes no jardim das Hespérides. A maçã pode ser atirada como uma granada, soltando uma fumaça tóxica que faz aqueles que a inalarem ficarem enjoados, não conseguindo efetuar movimentos que não sejam para se defender durante uma rodada. Pode ser utilizado uma maçã a cada três turnos. | Resistência Beta. | Sem espaço para gemas. | Status 100%, sem danos. | Nível 3. | Lendário. | Presente de Reclamação dos Guardiões das Hesperídes.] - Costas

• Vitamina [Tubinho transparente com cerca de 15 cm preenchido com um liquido amarelado. | Ao ingerir tal liquido, o personagem recupera automaticamente 50 HP. | Usável durante a batalha, uso único, some após ser ingerido | Mágico | Evento, cidade dos monstros.] - Dentro da Mochila

• Pão de Mel [ É um pequeno pão de mel recheado com Néctar | Ao consumi-lo, o personagem recupera automaticamente 50 MP. | Usável durante a batalha, uso único, some após ser ingerido | Mágico | Evento, cidade dos monstros.] - Dentro da Mochila

Missão:
NOVA ROMA PEDE SOCORRO: Você não estava em Nova Roma no momento do ataque! Mas de alguma forma ficou sabendo do ocorrido e agora precisa chegar o quanto antes para ajudar os romanos. Todos que não vivem em Nova Roma ou no acampamento Júpiter devem postar nessa missão, ela está aberta a todos, mas aqueles que postarem essa fixa não poderão participar das duas primeiras rodadas dos MvPs.




PROWLER • SON OF CERES
avatar
Prowler
Guardiões das Hesperides
Guardiões das Hesperides

Mensagens : 187
Idade : 18
Localização : Acampamento Júpiter

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [O efeito Sun Hee] Missões fixas de Prowler

Mensagem por Éter em Dom Maio 06, 2018 3:45 pm

Recompensa máxima da missão: 500 xp + 500 dracmas

Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%


Realidade de postagem + Ações realizadas – 40%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 17%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Recompensa: 435 exp + 500 dracmas

Comentário:
O desconto veio apenas por um detalhe que faz toda a diferença no enredo e na trama atual: a morte de Sun Hee não foi divulgada ainda.

avatar
Éter
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 130

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [O efeito Sun Hee] Missões fixas de Prowler

Mensagem por Prowler em Ter Maio 08, 2018 9:24 pm


The death of the pretor, Rome in flames
The guardian returns to Jupiter, defends the camp
O furdunço era generalizado. As ruas e vielas de Nova Roma, antes calmas e tranquilas, eram abafadas pelos gritos e pelo caos, munido de fogo e destruição. Prowler era um dos que tentavam fornecer alguma proteção aos presentes, ao tempo que ia de encontro aos principais centros de pânico. Embora sua tarefa fosse árdua, o guardião daria sua vida para que pudesse proteger o recinto.

Em meio a correria, a prole de Ceres se deparou com um grupo de romanos, em frente a um prédio em chamas. A multidão tentava entrar no imóvel, que baforava fogo a cada momento.

— O prédio irá cair. A construção não vai aguentar tanto tempo. — colocou um dos presentes, indicando que as pessoas deveriam se dispersar.

— Ainda existe uma pessoa lá dentro, precisamos retirá-la. — falou uma legionária que ajudava na evacuação da cidade. A multidão, entretanto, alertava-a para impedir de ir para uma morte certa.

Ouvindo a situação, Prowler tratou de acalmar os romanos, aparecendo perto do local. — Sou Prowler, da primeira coorte e guardião das Hespérides. Meus poderes me permitirão adentrar nas chamas e salvar quem esteja lá dentro. — bufou, analisando a construção.

— Não acho que o imóvel vai aguentar mais que alguns minutos, é muito arriscado entrar. — alertou o homem.

— Não precisarei mais do que isso. — bufou, deixando seu bastão fora e partindo para a construção com fogo.

Antes de entrar, uma fina aura de energia cobriu seu corpo, como uma proteção. Tal barreira permitiria a prole da agriculta entrar no meio das chamas e não ser lesado pelo fogo em um estágio tão alto. Ainda assim tinha de se pensar que a fumaça inalada dentro e o forte calor, hora ou outra fariam efeito. Prowler deveria ser rápido e acima de tudo, preciso.

Caminhando pelo corredor estreito, o rapaz ouviu uma pessoa tossir. Provavelmente ela se dirigiu as saídas, mas o aumento do fogo na área a impediu de continuar, prendendo-a em um quarto detrás. Quebrando a porta com um chute, o filho de Ceres avistou uma garota bastante debilitada, caída ao chão.

— Eu não consegui sair. — falou, em meio as tossidas, apontando para sua perna esquerda. O membro parecia ter torcido durante a descida das escadas, o que explicava o porquê dela não ter condições de partir do perigo.

— Mantenha a calma, irei lhe tirar daqui. — pediu o guardião, pegando-a nos braços.

Voltando a visão para as saídas, o rapaz percebeu que o fogo aumentava naquele recanto, mesmo sua proteção não conteria as queimaduras mais graves. Sem outras escolhas, Prowler usou de seu controle elemental para abrir o corredor, jogando as chamas para as laterais. Mas seria necessário correr o mais rápido possível para fora. Fora o tempo até o fogo se alastrar novamente, aquela manobra provavelmente forçaria as estruturas laterais do lugar, o que poderia fazê-lo desabar. Com ímpeto e rapidez, o garoto correu para fora, se jogando na rua, antes de mais uma explosão ser ouvida e fechar a entrada totalmente do interior da construção.

A jovem possuía diversas queimaduras de segundo grau, principalmente nas costas, mas ainda estava viva e sã. Já o guardião, fora esfoliações, sofreu leves queimaduras nos braços, provavelmente nada que o impedisse imediatamente de ajudar Nova Roma.

— Você conseguiu! — exclamou um dos presentes, ao tempo que o legionário dava a moça resgatada em suas mãos.

— Leve-a até algum curandeiro, ela precisa de cuidados. — deu ordem a prole de Ceres. — Com relação a vocês, saíam da cidade o mais rápido possível. Não é mais seguro aqui. — deu voz, por fim, antes de pegar seu bastão e voltar a ir em direção dos tumultos.

Poderes:
Passivos:
-
Ativos:
Resistência elementar I [Elemento Escolhido: Fogo]
Descrição: O guardião cria uma fina camada de energia elemental ao seu redor, que funciona como uma barreira especial. Essa barreira aumenta a resistência do semideus a um elemento escolhido por ele na hora da ativação. Só pode escolher entre um dos quatro elementos da natureza. Se por exemplo ele escolher fogo, para ter resistência ao ar, teria de ativar uma outra barreira para isso e consequentemente acabaria com a resistência ao fogo.
Gasto de Mp: 20
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: 20% em resistência ao elemento escolhido
Dano: Nenhum
Extra: A resistência dura apenas 3 turnos

Controle elemental III
Descrição: Chegando ao ápice de seu controle, os guardiões conseguem controlar qualquer quantidade de matéria elementar existente em meio à natureza, podendo moldá-la como bem desejar. Podendo ser utilizado para defesa e ataque (fazer uma barreira de fogo, causar incêndio e etc), não funciona infelizmente com os elementos criado pelo próprio semideus, e se restringem aos quatro elementos primordiais da natureza (água, terra, fogo e ar).
Gasto de Mp: 25 por arma criada
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: 30 cada golpe da arma
Extra: Ele precisa do elemento em questão pronto no cenário, ou seja, não pode criar água, mas pode controlá-la se tiver água ambiente.

Observações:
- Considerando que uma pessoa deveria ser resgatada, o fogo não estava em um nível que um humano não aguentaria, então acredito que a barreira deve ser suficiente para proteger Prowler.
- O controle elemental pode ser utilizado para criar armas, ou como a própria descrição diz, fazer barreiras ou causar incêndios. No caso, Prowler utilizou seu poder para fazer o fogo mover-se lateralmente, o que é mais fácil que as duas situações citadas na habilidade.
- FPA

Itens:
• Bastão [Arma feita inteiramente de madeira, com um metro e cinquenta de comprimento, mas ambas as pontas revestidas em metal para aumentar o dano de impacto. | Madeira e BS | Efeito: Comum | Não apresenta suporte ou espaço para gemas | Resistência: Sigma | Status: 100%, sem danos | Comum | Comprado na loja ] - Na mão direita

• Bindweed [Um escudo leve de metal, em formato circular, de cinquenta centímetros de diâmetro. Em sua frente, alguns espinhos pontiagudos possibilitam ser usado para contra-ataques. Atrás, uma empunhadura fixa o item no antebraço do usuário | Efeito 1: O escudo transforma-se em um relógio, quando não ativado | Efeito 2: Quando utilizado em meio campesino ou florestal, o escudo torna-se mais resistente | Aço | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Arsenal do Acampamento] - Em forma de escudo, no braço esquerdo

• Panic [Couraça de armadura que protege todo o peitoral, barriga, e costas do usuário (não acompanha outras peças de armadura). Possui espinhos longos nos ombros, e o desenho de um rosto em fúria no peitoral, além de um design bárbaro e acabamento bruto. | Ferro| Causa medo em qualquer semideus inimigo dentro de um raio de quinze metros, tornando-os hesitantes em combate. Dessa maneira, nenhum inimigo será capaz de atacar o usuário dessa armadura, a não ser que este seja atacado primeiro. Desse modo, a iniciativa do combate será sempre do portador do | Não possui espaços para gemas | Comum | Resistência: Sigma | Status: 100%, sem danos | Comum | Comprado na loja ] - Por baixo da camisa

Burgeon • [Um Katar composto por um bracelete negro e uma adaga dourada. A lâmina pode se esconder dentro do bracelete ou reaparecer quando o usuário faz um movimento específico. O bracelete possui um design atual e pode facilmente passar despercebido em meio a sociedade, como se fosse um acessório de moda. Efeito 1: Resistência a magia de ilusão, qualquer poder de ilusão, medo ou charme lançado contra o portador dessa arma, terá o efeito reduzido em 50%. Efeito 2: Sempre retorna ao bolso do dono na forma de um dracma com desenhos especiais que lhe trazem lembranças únicas para o seu personagem. O desenho sempre muda, nunca é o mesmo. (Não é possível acrescentar outros efeitos a essa arma). | Bronze Celestial | Espaço para 2 gemas | Alfa | Status: 100% Sem danos | Necessário nível 10 para domínio completo da arma | [Épica | Evento Cidade dos Monstros] - Em forma de bracelete, no braço direito

Velociraptor linha prime [ Tênis esportivo feito para promover conforto, estimular a movimentação e ajudar o semideus em batalha ou treino. Não têm um estilo específico, já que muda de acordo com as vontades e preferências do dono | Efeito 1: O calçado muda de acordo com o dono e suas preferências, o tênis será alterado magicamente para o modelo que mais o agrada. Efeito 2: Promove +30% de velocidade ao portador. | Tecido mágico resistente e outros | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Comprado na Ferreli & García - Mode et style] - Calçados

Backpack [Mochila escolar feita de couro e com fechos dourados no formato de maçã. O utensílio é capaz de ser utilizado para carregar armas, roupas, cadernos, frascos de poções e o que mais for necessário para a sobrevivência do guardião. | Efeito 1: Ao enfiar a mão no bolso principal da mochila, seu usuário é capaz de retirar de seu interior uma maçã dourada, muito parecida com as existentes no jardim das Hespérides. A maçã pode ser atirada como uma granada, soltando uma fumaça tóxica que faz aqueles que a inalarem ficarem enjoados, não conseguindo efetuar movimentos que não sejam para se defender durante uma rodada. Pode ser utilizado uma maçã a cada três turnos. | Resistência Beta. | Sem espaço para gemas. | Status 100%, sem danos. | Nível 3. | Lendário. | Presente de Reclamação dos Guardiões das Hesperídes.] - Costas

• Vitamina [Tubinho transparente com cerca de 15 cm preenchido com um liquido amarelado. | Ao ingerir tal liquido, o personagem recupera automaticamente 50 HP. | Usável durante a batalha, uso único, some após ser ingerido | Mágico | Evento, cidade dos monstros.] - Dentro da Mochila

• Pão de Mel [ É um pequeno pão de mel recheado com Néctar | Ao consumi-lo, o personagem recupera automaticamente 50 MP. | Usável durante a batalha, uso único, some após ser ingerido | Mágico | Evento, cidade dos monstros.] - Dentro da Mochila

Missão:
EM CHAMAS: Um prédio ou uma casa em Nova Roma está em um estado avançado de um incêndio. Mas uma legionária está em desespero pois alguém ainda está dentro do prédio. Encontre e resgate a pessoa dentro do prédio antes que você e ela morram!




PROWLER • SON OF CERES
avatar
Prowler
Guardiões das Hesperides
Guardiões das Hesperides

Mensagens : 187
Idade : 18
Localização : Acampamento Júpiter

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [O efeito Sun Hee] Missões fixas de Prowler

Mensagem por Cupido em Ter Maio 08, 2018 10:00 pm


Prowler




Método de Avaliação:


   Recompensa Máxima: 900 exp e 900 dracmas

   Máximo de XP da missão: 500 XP

   Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
   Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
   Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

  Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
  Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
  Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Recompensa Máxima: 900 exp e 900 dracmas

Comentário:
Direto e efetivo, não vi motivos para descontar por ter sido uma narração prática.

ATUALIZADO POR ÉTER

avatar
Cupido
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 161

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [O efeito Sun Hee] Missões fixas de Prowler

Mensagem por Prowler em Sab Maio 12, 2018 12:44 pm


The death of the pretor, Rome in flames
The guardian returns to Jupiter, defends the camp
Quando toda minha história de semideus começou, eu apenas tinha uma tarefa: proteger os bosques onde me criei. Tanto tempo depois, lá estava eu naquele recanto de caos, me esgueirando entre as ruas, buscando salvar a vida daquela sociedade que jamais buscou a paz com a natureza. Contraditório ou não, eu estava pronto a dar minha vida para impedir que Nova Roma fosse destruída. No fim das contas eu havia treinado para ser um guardião desde minha infância, mas ao que parecia, eu não estava desempenhando tão bem aquela função. Sim, pensar que eu havia falhado com qualquer dever que eu impetrei a mim era muito mais tenebroso que qualquer futuro que eu poderia imaginar.

Legionários e cidadãos romanos corriam desesperados por toda a parte. Fogo, gritos e explosões eram ouvidos por todo lugar, como uma sinfonia macabra. Pensar que aquilo tudo, até ali, não havia tido uma explicação. Quem poderia imaginar alguém a ponto de fazer tal atrocidade? Deuses em guerra, Olimpo ameaçado, não parei para pensar em uma linha de raciocínio, até aquele momento só pensava em dar cabo daquela situação, que por sinal estava longe de terminar.

Foi quando passava por um dos pontos comerciais da cidade que percebi o quão crítica estava a situação. Um terrível demônio estava a depositar ovos em alguns homens semi-mortos ali. Sua aparência medonha e seu ato presunçoso me deram repúdio só de assistir aquela cena. Assim que me avistou, a fera grunhiu. Piedoso como sempre fui, tomei tempo para adverti-lo e ordenar sua saída de Nova Roma, afinal assim como aos homens, aprendi a respeitar também as criaturas mitológicas, mesmo as de origem sombria. Entretanto, antes de pronunciar qualquer palavra, algumas sombras se enrolaram em mim em grande velocidade, me imobilizando. Percebi então que a umbracinese vinha daquele monstro, que assim que percebeu meu estado aproximou-se um pouco e jorrou um enorme jato de fogo de sua boca. Seria um tremendo ataque efetivo, que se não me matasse, me deixaria inconsciente e carbonizado. Por sorte, minhas habilidades de guardião me permitiram criar um campo de força, de cerca de dois metros de raio, em volta de mim, antes das chamas me atingirem. Bloqueado o ataque do demônio, utilizei da minha própria força bruta para me libertar da prisão das sombras, enquanto o inimigo aproveitava esse tempo para cuspir ácido em minha direção, prontamente bloqueado pela minha barreira. Livre e atento, desfiz a defesa em minha volta, pronto para o combate.

— Não existirá piedade neste confronto. Esta escolha foi sua, fera. — coloquei, dando a chance à mesma de sair, antes de iniciar uma batalha mortal.

— Destruirei-o, homenzinho. — ameaçou-me, ficando em posição de combate e deixando claro que não haveria escolha de redenção.

Girei o bastão em minha mão direita, pondo meu escudo à frente do meu corpo. Meu katar permanecia como pulseira, sendo usado sorrateiramente quando tivesse oportunidade. Assim iniciamos o confronto físico naquele momento. Deveria admitir, o oponente era ágil e possuía um bote certeiro. Quando o atacava com minha arma, ele esquivava com dificuldades antes de tentar me golpear em algum ponto crítico. Claro que minhas habilidades com escudo me permitiam bloquear seus ataques, antes deles se tornarem efetivos. "Dançamos" por alguns minutos, comigo em vantagem naquele embate. Porém, utilizando de uma finta com os braços, a fera conseguiu atingir minha perna direita, cuspindo fogo nela em um momento oportuno, em que eu a deixei em amostra. O golpe me fez ajoelhar em dor por um segundo e lançar o bastão ao chão, tomando uma posição que em teoria, daria a chance de acabar comigo com facilidade.

Mas embora eu estivesse machucado, um ataque inimigo seria meu trunfo naquele momento. Assim que o monstro tentou golpear-me com suas garras para fincá-las em mim, afim de aproveitar meu estado, utilizei da minha velocidade para sair o quanto antes com uma acrobacia no solo, desviando por pouco da ofensiva. Tal como todos os guardiões, eu era perito em contra-atacar e utilizei das minhas habilidades ao meu favor. Após a esquiva, ativei meu katar e o rasguei na garganta, com velocidade e precisão, fazendo-o virar pó na sequência.

Com ele eliminado, manquitolei até os corpos onde ele havia depositado os ovos, infelizmente já mortos. Estava ressentido por desonrar a memória daqueles homens, mas não poderia fazer outra coisa. Pegando uma das tochas que iluminava a cidade, as pus sobre seus corpos e os vi queimar, impedindo que novas criaturas daquelas viessem a surgir. Mantive a calma e voltei a caminhar em direção aos centros, guardando meu katar e novamente com o bastão em mãos. Eu não sabia o que poderia encontrar, mas estava pronto para acabar com quem quer que fosse.

Poderes:
Passivos:
Mestres dos escudos/barreiras II
Descrição: Os guardiões, treinados para defender os jardins, tem melhor sinergia com magias que envolvem escudos/barreiras. Escudos/barreiras mágicos criados por eles são mais resistentes e duradouros.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +30% resistência aos escudos/barreiras mágicos criados pelo semideus.
Dano: Nenhum
Extra: A duração dos escudos/barreiras mágicos é aumentada em 2 turnos - ainda sendo necessário pagar a mana dos turnos extras.

Corpo acrobático II
Descrição: As Hespérides fazem a dança das horas, no caso modificando o tempo de estadia solar de acordo com as estações. Pelos longos treinamentos e graça natural de seus corpos, os guardiões são capazes de realizar acrobacias com grande esmero, tendo mais chances de desviar através de esquivas.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +40% de chance de esquivar-se de um ataque.
Dano: Nenhum

Contra-ataque I
Descrição: Um bom guardião não é aquele que possui apenas poderosos ataques, já que quase sempre quando se protege algo, é atacado primeiro. Aperfeiçoando suas técnicas, desenvolveram uma brutal capacidade de contra-atacar. Ao fazerem tal ato, os danos de seus ataques são melhorados, assim como sua velocidade e capacidade de movimentar o corpo agilmente.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: 10% em velocidade e destreza ao realizar um contra-ataque.
Dano: 10% dano extra caso o contra-ataque seja efetivo.
Extra: Os bônus só funcionam em ações de contra-ataque.

Perícia com Katar IV
Descrição: Katar é uma adaga composta de lâminas e um bracelete, para que possa formar uma extensão do braço. Uma arma usada na antiguidade por mercenários para executar vítimas com muita velocidade, precisão e silêncio. Os filhos de Ceres/Deméter possuem uma habilidade natural com essa arma. Esse semideus ao usar essa arma torna-se cada vez mais mortal, as taxas de sucesso superam as de erro.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +60% de assertividade
Dano: +30% de dano
Ativos:
Barreira mágica I
Descrição: Sendo a proteção uma das funções dos guardiões, eles são capazes de criarem barreiras feitas puramente de magia. A barreira criada com essa habilidade cobre uma área de até 10 metros ao redor do guardião e é estática, não podendo ser movida depois de criada. Atacar de dentro da barreira acarreta na destruição dela, sendo necessário pensar bem se for utilizar a habilidade em uma batalha.
Gasto de Mp: 25
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: Nenhum
Extra: A resistência da barreira é contada como HP. Cada escudo mágico possui 200 de HP. Somente uma barreira pode estar ativa por vez e ela dura 3 turnos.

Observações:
- Dentro da barreira, a umbracinese inimiga torna-se menos efetiva, por isto Prowler conseguiu libertar-se usando apenas a força.
- A barreira pode ser criado até dez metros, sendo gasto apenas quatro (dois metros de raio).
- FPA

Itens:
• Bastão [Arma feita inteiramente de madeira, com um metro e cinquenta de comprimento, mas ambas as pontas revestidas em metal para aumentar o dano de impacto. | Madeira e BS | Efeito: Comum | Não apresenta suporte ou espaço para gemas | Resistência: Sigma | Status: 100%, sem danos | Comum | Comprado na loja ] - Na mão direita

• Bindweed [Um escudo leve de metal, em formato circular, de cinquenta centímetros de diâmetro. Em sua frente, alguns espinhos pontiagudos possibilitam ser usado para contra-ataques. Atrás, uma empunhadura fixa o item no antebraço do usuário | Efeito 1: O escudo transforma-se em um relógio, quando não ativado | Efeito 2: Quando utilizado em meio campesino ou florestal, o escudo torna-se mais resistente | Aço | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Arsenal do Acampamento] - Em forma de escudo, no braço esquerdo

• Panic [Couraça de armadura que protege todo o peitoral, barriga, e costas do usuário (não acompanha outras peças de armadura). Possui espinhos longos nos ombros, e o desenho de um rosto em fúria no peitoral, além de um design bárbaro e acabamento bruto. | Ferro| Causa medo em qualquer semideus inimigo dentro de um raio de quinze metros, tornando-os hesitantes em combate. Dessa maneira, nenhum inimigo será capaz de atacar o usuário dessa armadura, a não ser que este seja atacado primeiro. Desse modo, a iniciativa do combate será sempre do portador do | Não possui espaços para gemas | Comum | Resistência: Sigma | Status: 100%, sem danos | Comum | Comprado na loja ] - Por baixo da camisa

Burgeon • [Um Katar composto por um bracelete negro e uma adaga dourada. A lâmina pode se esconder dentro do bracelete ou reaparecer quando o usuário faz um movimento específico. O bracelete possui um design atual e pode facilmente passar despercebido em meio a sociedade, como se fosse um acessório de moda. Efeito 1: Resistência a magia de ilusão, qualquer poder de ilusão, medo ou charme lançado contra o portador dessa arma, terá o efeito reduzido em 50%. Efeito 2: Sempre retorna ao bolso do dono na forma de um dracma com desenhos especiais que lhe trazem lembranças únicas para o seu personagem. O desenho sempre muda, nunca é o mesmo. (Não é possível acrescentar outros efeitos a essa arma). | Bronze Celestial | Espaço para 2 gemas | Alfa | Status: 100% Sem danos | Necessário nível 10 para domínio completo da arma | [Épica | Evento Cidade dos Monstros] - Em forma de bracelete, no braço direito

Velociraptor linha prime [ Tênis esportivo feito para promover conforto, estimular a movimentação e ajudar o semideus em batalha ou treino. Não têm um estilo específico, já que muda de acordo com as vontades e preferências do dono | Efeito 1: O calçado muda de acordo com o dono e suas preferências, o tênis será alterado magicamente para o modelo que mais o agrada. Efeito 2: Promove +30% de velocidade ao portador. | Tecido mágico resistente e outros | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Comprado na Ferreli & García - Mode et style] - Calçados

Backpack [Mochila escolar feita de couro e com fechos dourados no formato de maçã. O utensílio é capaz de ser utilizado para carregar armas, roupas, cadernos, frascos de poções e o que mais for necessário para a sobrevivência do guardião. | Efeito 1: Ao enfiar a mão no bolso principal da mochila, seu usuário é capaz de retirar de seu interior uma maçã dourada, muito parecida com as existentes no jardim das Hespérides. A maçã pode ser atirada como uma granada, soltando uma fumaça tóxica que faz aqueles que a inalarem ficarem enjoados, não conseguindo efetuar movimentos que não sejam para se defender durante uma rodada. Pode ser utilizado uma maçã a cada três turnos. | Resistência Beta. | Sem espaço para gemas. | Status 100%, sem danos. | Nível 3. | Lendário. | Presente de Reclamação dos Guardiões das Hesperídes.] - Costas

• Vitamina [Tubinho transparente com cerca de 15 cm preenchido com um liquido amarelado. | Ao ingerir tal liquido, o personagem recupera automaticamente 50 HP. | Usável durante a batalha, uso único, some após ser ingerido | Mágico | Evento, cidade dos monstros.] - Dentro da Mochila

• Pão de Mel [ É um pequeno pão de mel recheado com Néctar | Ao consumi-lo, o personagem recupera automaticamente 50 MP. | Usável durante a batalha, uso único, some após ser ingerido | Mágico | Evento, cidade dos monstros.] - Dentro da Mochila

MVP Solo:
DEMÔNIO SHAX
São demônios parasitas reprodutores, conhecidos por seu bom senso e olfato. São ótimos rastreadores e tendem a ser bastante inteligente. Usam os cadáveres para se reproduzir, botando ovos na pele da vitima ainda viva, mas machucada o suficiente para que não sobrevivam.  Possuem cerca de 2 metros de altura, uma pele escura em um tom avermelhado, são cuspidores de fogo e tem garras semelhantes a espinhos em algumas partes do corpo. Quando atacam, dão um bote certeiro e atingem a vitima em um ponto critico para que essa não tenha qualquer chance de defesa.




PROWLER • SON OF CERES
avatar
Prowler
Guardiões das Hesperides
Guardiões das Hesperides

Mensagens : 187
Idade : 18
Localização : Acampamento Júpiter

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [O efeito Sun Hee] Missões fixas de Prowler

Mensagem por Netuno em Sab Maio 12, 2018 3:15 pm


Prowler


Método de Avaliação:

Valores máximos que podem ser obtidos

Máximo de XP da missão:3000XP e Dracmas

Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Realidade de postagem + Ações realizadas: 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc: 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência: 30%


RECOMPENSAS: 3000XP +3000 dracmas



Comentários:

Ótimo post, entretanto senti um pouco a falta das emoções, nada que influencie no resultado final da MvP ou na premiação, só uma dica mesmo, Bom Trabalho Guardião!

Atualizado por Éter



_ Netuno_
Soberano dos mares

avatar
Netuno
Deuses Estagiários
Deuses Estagiários

Mensagens : 116

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [O efeito Sun Hee] Missões fixas de Prowler

Mensagem por Prowler em Seg Maio 28, 2018 10:56 am


The death of the pretor, Rome in flames
The guardian returns to Jupiter, defends the camp
A ilusão de uma vida segura em Nova Roma parecia ser uma mentira àquela hora. Entre escombros, renques de corpos estava sobre o chão. Rasgados, dilacerados, cobertos por poças de sangue que encharcavam o piso daquela cidade. Meus olhos tentavam fugir daquela cena, mas o caos já havia se instalado e o máximo que poderíamos fazer era amenizar e proteger aqueles que haviam conseguido se salvar.

Com o Endth destruído, saí da região do senado, em direção as ruas comerciais. Havia muitos feridos, entre eles crianças, idosos e mesmo legionários. Pouco suporte era oferecido aqueles seres, de maneira que como guardião, era minha obrigação protegê-los. Talvez os maiores perigos houvessem sido aniquilados, mas devia admitir que o terror estava longe de terminar. Será que tudo aquilo era reflexo do instinto social daquela comunidade? Fadados a subjugarem os outros, não respeitavam animais ou vegetais em suas tarefas, mantendo presos criaturas mitológicas apenas para treinarem aos seus. Ainda assim era de se admitir que tamanha catástrofe havia sido demais para qualquer carma, vidas inocentes se perderam naquele dia, de tal forma que a reflexão em minha mente deveria esperar para outra hora.

Entre as ruas e os feridos, alguns semideuses pareciam caminhar tranquilamente, averiguando os corpos. Em uma primeira vista imaginei que os três sujeitos estivessem ali para auxiliar, mas meu ledo engano se fez presente assim que vi as cenas posteriores. Os garotos, de provavelmente a mesma idade que eu, estavam a furtar os pertences dos desafortunados, aproveitando-se do tumulto e do estado em que se encontravam. Assim que me notaram, perceberam que eu assistia a cena e tentaram disfarçar, porém eu já havia visto o suficiente.

— Aproveitar-se de feridos e desacordados para roubá-los não parece ser algo que nossos senadores aprovariam. — murmurei, girando o bastão em minha direita, ao tempo que me aproximava deles.

— Eu acho que sim, mas na situação que estamos, acredito que não temos senadores. — bufou um dos jovens.

— Olha o estado da cidade, acha que há futuro aqui? Pegue aquilo que puder e parta daqui para um local seguro. — explicou o motivo de suas ações o outro ladrão.

— Com tudo isso, talvez Nox esteja certa. Júpiter é um bundão e ficou parado olhando Nova Roma ser quase destruída. Não há porquê continuar aqui. — completou o primeiro rapaz.

— Não estou aqui para julgar seus ideais, apenas os seus atos e nesse momento, afirmo que não deixarei nenhum de vocês sair com estes furtos. — proclamei, fazendo os jovens se olharem e soltarem sorrisos de canto de boca por um segundo.

Sem pestanejar, os oponentes puxaram suas espadas e vieram em minha direção. Lâminas eram instrumentos para matar ou ferir gravemente e eu tinha consciência disto, entretanto eles eram semideuses e eu não poderia revidar a mesma altura, ao menos não até não ter uma segunda opção. Assim que me encurralaram, os três atacaram quase simultaneamente, mas graças a minha perícia em saltos e meu corpo naturalmente acrobático, executei um pulo com giro para fora do raio de ação deles, os fazendo golpearem o vento.

Em ira, os inimigos atacaram-me com fúria, totalmente desordenados. Esquivar de seus ataques e bloquear alguns não me foi uma tarefa muito difícil. Eles mantiveram o ímpeto ofensivo por alguns minutos, até começarem a desaceleram um pouco. Nesse meio tempo, utilizei minha capacidade de contra-ataque para fugir de uma ofensiva e golpear um deles na têmpora com meu bastão, o fazendo ir ao chão nocauteado.

— Maldito! — exclamou um deles, vendo seu companheiro desnorteado.

Sem perder tempo, tratei de iniciar minha ofensiva contra eles, tentando atingi-los com minha arma de madeira. Ambos conseguiam bloquear com dificuldades, mas indo sempre para trás. Assim que vi um espaço suficiente entre eles, fingi um ataque, saltei para detrás deles e os golpeei com potência, os fazendo caírem desacordados também. Com os inimigos vencidos, peguei os itens roubados, que estavam guardados em uma pequena bolsa. Nessa hora, alguns legionários surgiram dentro do recinto, expliquei a situação a eles e os pedi para guardarem o furto e levarem todos às enfermarias, inclusive os amotinados, já que seria função dos superiores julgar os seus atos.

Com aquilo providenciado, continuei minha saga por Nova Roma, tentando ser útil de mais alguma forma

Poderes:
Passivos:
Corpo acrobático II
Descrição: As Hespérides fazem a dança das horas, no caso modificando o tempo de estadia solar de acordo com as estações. Pelos longos treinamentos e graça natural de seus corpos, os guardiões são capazes de realizar acrobacias com grande esmero, tendo mais chances de desviar através de esquivas.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +40% de chance de esquivar-se de um ataque.
Dano: Nenhum

Perícia com escudos II
Descrição: Uma boa defesa, às vezes, garante o sucesso de uma missão. Os guardiões, que na maioria das vezes precisam defender algo, treinam o uso do item em questão justamente para garantir que serão efetivos na defesa propriamente dita.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: 20% na guarda utilizando algum escudo (não funciona para os escudos mágicos).
Dano: Nenhum

Perícia com cajados e bastões III
Descrição: Os guardiões não são assassinos cruéis, atacando apenas caso aquilo que defende está em perigo. Muitas vezes preferem tentar não matar, utilizando de armas que não causem ferimentos cortantes em seus adversários, sendo suas preferidas os cajados e bastões. Ao manusear uma dessas duas armas, conseguem desferir golpes mais precisos e que exijam maior habilidade, além de conseguirem utilizar essas armas de duas mãos, utilizando apenas uma.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: 50% de assertividade no uso de cajados ou bastões.
Dano: +40% de dano ao ser acertado pelo cajado ou bastão de um guardião. (Válido para feitiços ou magias utilizadas com o cajado).

Contra-ataque II
Descrição: Um bom guardião não é aquele que possui apenas poderosos ataques, já que quase sempre quando se protege algo, é atacado primeiro. Aperfeiçoando suas técnicas, desenvolveram uma brutal capacidade de contra-atacar. Ao fazerem tal ato, os danos de seus ataques são melhorados, assim como sua velocidade e capacidade de movimentar o corpo agilmente.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: 30% em velocidade e destreza ao realizar um contra-ataque.
Dano: 30% dano extra caso o contra-ataque seja efetivo.
Extra: Os bônus só funcionam em ações de contra-ataque.
Ativos:
-
Habilidades Aprendidas:
Perícia Acrobática - Saltos
Descrição: Treinar a técnica de diversos saltos deu ao semideus a experiência necessária para aplicá-lo nas mais diversas situações, inclusive em combate ou durante a fuga. Com essa aula, você pode justificar movimentos mais complexos em sua narração, além de ter melhorado a sua condição física com o treinamento recebido.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +30% agilidade, flexibilidade e equilíbrio
Dano: Nenhum

Observações:
- FPA

Itens:
• Bastão [Arma feita inteiramente de madeira, com um metro e cinquenta de comprimento, mas ambas as pontas revestidas em metal para aumentar o dano de impacto. | Madeira e BS | Efeito: Comum | Não apresenta suporte ou espaço para gemas | Resistência: Sigma | Status: 100%, sem danos | Comum | Comprado na loja ] - Na mão direita

• Bindweed [Um escudo leve de metal, em formato circular, de cinquenta centímetros de diâmetro. Em sua frente, alguns espinhos pontiagudos possibilitam ser usado para contra-ataques. Atrás, uma empunhadura fixa o item no antebraço do usuário | Efeito 1: O escudo transforma-se em um relógio, quando não ativado | Efeito 2: Quando utilizado em meio campesino ou florestal, o escudo torna-se mais resistente | Aço | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Arsenal do Acampamento] - Em forma de escudo, no braço esquerdo

• Panic [Couraça de armadura que protege todo o peitoral, barriga, e costas do usuário (não acompanha outras peças de armadura). Possui espinhos longos nos ombros, e o desenho de um rosto em fúria no peitoral, além de um design bárbaro e acabamento bruto. | Ferro| Causa medo em qualquer semideus inimigo dentro de um raio de quinze metros, tornando-os hesitantes em combate. Dessa maneira, nenhum inimigo será capaz de atacar o usuário dessa armadura, a não ser que este seja atacado primeiro. Desse modo, a iniciativa do combate será sempre do portador do | Não possui espaços para gemas | Comum | Resistência: Sigma | Status: 100%, sem danos | Comum | Comprado na loja ] - Por baixo da camisa

Burgeon • [Um Katar composto por um bracelete negro e uma adaga dourada. A lâmina pode se esconder dentro do bracelete ou reaparecer quando o usuário faz um movimento específico. O bracelete possui um design atual e pode facilmente passar despercebido em meio a sociedade, como se fosse um acessório de moda. Efeito 1: Resistência a magia de ilusão, qualquer poder de ilusão, medo ou charme lançado contra o portador dessa arma, terá o efeito reduzido em 50%. Efeito 2: Sempre retorna ao bolso do dono na forma de um dracma com desenhos especiais que lhe trazem lembranças únicas para o seu personagem. O desenho sempre muda, nunca é o mesmo. (Não é possível acrescentar outros efeitos a essa arma). | Bronze Celestial | Espaço para 2 gemas | Alfa | Status: 100% Sem danos | Necessário nível 10 para domínio completo da arma | [Épica | Evento Cidade dos Monstros] - Em forma de bracelete, no braço direito

Velociraptor linha prime [ Tênis esportivo feito para promover conforto, estimular a movimentação e ajudar o semideus em batalha ou treino. Não têm um estilo específico, já que muda de acordo com as vontades e preferências do dono | Efeito 1: O calçado muda de acordo com o dono e suas preferências, o tênis será alterado magicamente para o modelo que mais o agrada. Efeito 2: Promove +30% de velocidade ao portador. | Tecido mágico resistente e outros | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Comprado na Ferreli & García - Mode et style] - Calçados

Backpack [Mochila escolar feita de couro e com fechos dourados no formato de maçã. O utensílio é capaz de ser utilizado para carregar armas, roupas, cadernos, frascos de poções e o que mais for necessário para a sobrevivência do guardião. | Efeito 1: Ao enfiar a mão no bolso principal da mochila, seu usuário é capaz de retirar de seu interior uma maçã dourada, muito parecida com as existentes no jardim das Hespérides. A maçã pode ser atirada como uma granada, soltando uma fumaça tóxica que faz aqueles que a inalarem ficarem enjoados, não conseguindo efetuar movimentos que não sejam para se defender durante uma rodada. Pode ser utilizado uma maçã a cada três turnos. | Resistência Beta. | Sem espaço para gemas. | Status 100%, sem danos. | Nível 3. | Lendário. | Presente de Reclamação dos Guardiões das Hesperídes.] - Costas

• Vitamina [Tubinho transparente com cerca de 15 cm preenchido com um liquido amarelado. | Ao ingerir tal liquido, o personagem recupera automaticamente 50 HP. | Usável durante a batalha, uso único, some após ser ingerido | Mágico | Evento, cidade dos monstros.] - Dentro da Mochila

• Pão de Mel [ É um pequeno pão de mel recheado com Néctar | Ao consumi-lo, o personagem recupera automaticamente 50 MP. | Usável durante a batalha, uso único, some após ser ingerido | Mágico | Evento, cidade dos monstros.] - Dentro da Mochila

Missão:
IMPEDINDO AMOTINADOS: Aparentemente existem pessoas que não querem ajudar. Estes semideuses mau-intencionados estavam apenas andando de um lado para o outro, verificando os corpos desacordados dos que foram atacados, e saqueando seus bolsos, tomando suas carteiras e pertences. Afugente-os, incapacite-os se for necessário, e pegue os pertences das pessoas de volta. De praxe, leve os feridos à enfermaria ou chame alguém de confiança para o fazer.




PROWLER • SON OF CERES
avatar
Prowler
Guardiões das Hesperides
Guardiões das Hesperides

Mensagens : 187
Idade : 18
Localização : Acampamento Júpiter

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [O efeito Sun Hee] Missões fixas de Prowler

Mensagem por Nice em Ter Maio 29, 2018 5:49 pm


Prowler  

Método de Avaliação:

Valores máximos que podem ser obtidos

Máximo de XP da missão: 1.000 xp e 600 dracmas

Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Realidade de postagem + Ações realizadas: 47%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc: 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência: 27%

RECOMPENSAS: 940xp e 564 dracmas

Comentários:
Olá, Prowler!

Eu nunca tinha lido um post seu e fiquei contente por finalmente fazê-lo. Dá pra ver bem o jeito da personagem (o que é muito legal porque difere de praticamente todos os outros) e, claro, por sua escrita também ser ótima! Os descontos que fiz são referentes à seguinte coisa: embora a personagem seja relativamente forte, você resumiu demais as ações da luta. Eu senti falta, e por isso te peço que explore mais isso numa próxima fixa ou whatever.

Parabéns!

Qualquer dúvida é só me mandar uma MP!

Atualizado por Febo!
avatar
Nice
Deuses Estagiários
Deuses Estagiários

Mensagens : 69

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [O efeito Sun Hee] Missões fixas de Prowler

Mensagem por Prowler em Sex Jun 01, 2018 11:26 pm


The death of the pretor, Rome in flames
The guardian returns to Jupiter, defends the camp
Minha jornada pelas ruínas de Nova Roma continuava. Na situação em que nos encontrávamos, há cada rua em que se via menos corpos, mais regozijo se poderia ter. No fim das contas, aquele ataque à nossa cidade poderia ter destruído muito mais do que nossas simples construções, o nosso espírito talvez tivesse enfrentado um ataque pior. Treinados a vida inteira para sermos precisos e cirúrgicos, víamos nossos iguais caírem perante a força das trevas, enquanto apenas assistimos sem muito poder fazer. Mas antes de pensarmos em reconstruir e em melhorar, ainda era necessário auxiliar os que estavam em perigo, para que maiores tragédias pudessem ser evitadas.

Passando por uma rua menos movimentada, pude perceber algumas residências facilmente condenadas. As estruturas delas estavam visivelmente lesadas, ao ponto de que era uma questão de tempo até que elas caíssem de uma vez. Sabendo desta situação, alguns legionários menos experientes ajudavam alguns feridos a evacuarem a área, antes de que os escombros caíssem sobre suas cabeças.

— Não haverá tempo para ficarmos aqui e não podemos avançar mais.  — colocou um dos jovens, ao ponto em que eu me aproximava do grupo de ajuda. — As batalhas por toda a cidade e as fissuras no solo estão encadeando vibrações terrestres a todo momento. Não vai demorar muito até que os prédios à frente ruam de vez. — alertou o garoto, indicando que naquela rua os trabalhos haviam acabado.

— Sou Prowler, da primeira Coorte. Todos já evacuarem a área? — indaguei, questionando se minha presença era necessária ali.

— Não sabemos mais adiante, o fim da rua está praticamente inacessível. — respondeu o garoto.

— Meu cachorro! — exclamou uma criança, apertando forte minha mão. — Meu cão está entre os escombros. Se não resgatarem ele irá morrer. — falou ele.

— Já falamos a ele que é muito arriscado ir até lá. Mais um estrondo e toda essa rua pode ir abaixo. — complementou o legionário que parecia liderar aquele grupo.

— A vida de um animal vale tanto quanto a de qualquer desses romanos. — disse, ajoelhando-me e pondo a mão sobre o ombro do menino. — Vá para um lugar seguro, eu o salvarei, tudo bem? — retoriquei para ele, voltando a ficar de pé. — Leve os feridos para a enfermaria, eu cuido do animal e dos que eu achar mais a frente, se houver mais algupem. — adicionei ao grupo, indicando que poderiam partir e eu tomaria conta da situação.

Infelizmente os homens tinham o péssimo costume de colocar suas vidas acima da fauna e da flora, como se valessem mais, devido a sua racionalidade. Isso era uma questão de cultura, cultura da qual que não cresci e abominava fortemente. Ainda assim, minha colocação deveria ficar para outro momento. Naquela hora, salvar a vida daquele pobre animal era mais importante.

A verdade era que o chão da viela já estava bastante deformado e alguns imóveis já haviam ido ao solo. Estar naquele lugar era realmente perigoso, uma vez que alguma vibração mais forte destruiria por vez o local. A medida que ia descendo a rua, podia ouvir o latir, mesmo que fraco, do pequeno cãozinho. O animal estava escondido embaixo de alguns escombros. Seu choro fraco talvez fosse o suficiente para fazer tudo ir abaixo.

— Calma amiguinho, eu vim lhe tirar daqui. — falei, tentando acalmá-lo. Sua pata parecia bastante machucada, o que implicava o fato dele não ter corrido para sair dali. Observando adiante, eu tive a certeza que não restava mais ninguém a ser resgatado.

Eu sabia que graças a minha ascendência, a criatura me obedeceria sem muitas delongas e assim eu tratei de retirá-lo de seu refúgio e pô-lo em meus braços. A grande questão foi quando um barulho se ouviu mais adiante, em outra rua, talvez uma batalha estivesse acontecendo ali. Mas as vibrações foram suficientes para fazer todas as estruturas ali ruírem de uma vez, iniciando pelos fundos e vindo em nossa direção, como uma fileira de dominós. Realmente, se aqueles legionários tivessem ido resgatar o cachorro, teriam morrido naquele instante, pois não restaria para onde fugir, senão por cima. Para minha sorte e a de meu protegido, eu era um discípulo das ninfas Hespérides e tal como elas, dominava completamente a arte da transformação animal. Sendo assim, com meus conhecimentos precisos sobre todos os tipos de animais, me transformei em um Condor Andino, que deveria ser o suficiente para erguer um filhote de cão. Com ele preso em minhas patas, ergui voo e sai do ponto central antes que os escombros me pegassem por fim.

Batendo asas até a enfermaria, voltei ao normal e entreguei ao menino seu companheiro canino. Ver a alegria de ambos me deixava satisfeito, finalmente pareceu que minhas habilidades de vigília estavam sendo úteis naquele fatídico dia.

Poderes:
Passivos:
Domador Natural III
Descrição: Pela ligação com a fauna, o filho de Deméter/Ceres tem mais facilidade em domar – momentaneamente – um animal. O animal o auxiliará, seja oferecendo-se como guia, apontando para dicas ou ajudando em combate. O meio-sangue alcançou o título de mestre domador, podendo influenciar com facilidade – ainda passível de erros – os animais mitológicos. Há algumas criaturas que são independentes demais para serem domadas, porém elas podem tender a oferecer informação ou um breve auxílio.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: 100% de chances de um animal de pequeno porte ou de baixa inteligência o obedecer/ajudar. +100% de chance dos outros animais fazerem o mesmo. +60% de chances com animais mitológicos.
Dano: Nenhum
Extra: O animal não permanecerá com o semideus depois da missão/evento. Apenas dois animais.

Conhecimento Natural
Descrição: O filho de Deméter/Ceres possui uma grande conexão com a natureza, aprendendo e associando rapidamente todo o conhecimento que a natureza pode oferecer. Assim, esse semideus consegue distinguir plantas e sentir, quase que como uma forte intuição, quais são benéficas ou venenosas. A mesma facilidade se dar para com os animais, podendo saber detalhes de sua espécie com uma simples observação. Poderia, por exemplo, analisar se o animal tem sangue frio ou quente, qual sentido é mais apurado e menos apurado etc. Em uma luta contra monstros, esse tipo de conhecimento será bastante útil na criação de estratégias.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +60% de chance de sua estratégia contra o monstro funcionar, baseado nas análises que você fez da espécie.
Dano: Nenhum
Extra: Poderá solicitar ao narrador, uma vez na missão, que diga pelo menos 2 informações sobre o monstro ou a planta que encontrou na natureza.
Ativos:
Metamorfismo completo
Descrição: As ninfas Hespérides dominam os poderes do metamorfismo, abençoando então os guardiões com a mesma habilidade. Nesse nível, esses semideuses são capazes de fazerem seus corpos tomarem a forma completa de um animal, desde que não esteja extinto e possa viver no ambiente em que estiver.
Gasto de Mp: 50 + 20 todo turno ativo
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: Nenhum
Extra: A transformação dura 3 turnos

Observações:
- FPA

Itens:
• Bastão [Arma feita inteiramente de madeira, com um metro e cinquenta de comprimento, mas ambas as pontas revestidas em metal para aumentar o dano de impacto. | Madeira e BS | Efeito: Comum | Não apresenta suporte ou espaço para gemas | Resistência: Sigma | Status: 100%, sem danos | Comum | Comprado na loja ] - Na mão direita

• Bindweed [Um escudo leve de metal, em formato circular, de cinquenta centímetros de diâmetro. Em sua frente, alguns espinhos pontiagudos possibilitam ser usado para contra-ataques. Atrás, uma empunhadura fixa o item no antebraço do usuário | Efeito 1: O escudo transforma-se em um relógio, quando não ativado | Efeito 2: Quando utilizado em meio campesino ou florestal, o escudo torna-se mais resistente | Aço | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Arsenal do Acampamento] - Em forma de escudo, no braço esquerdo

• Panic [Couraça de armadura que protege todo o peitoral, barriga, e costas do usuário (não acompanha outras peças de armadura). Possui espinhos longos nos ombros, e o desenho de um rosto em fúria no peitoral, além de um design bárbaro e acabamento bruto. | Ferro| Causa medo em qualquer semideus inimigo dentro de um raio de quinze metros, tornando-os hesitantes em combate. Dessa maneira, nenhum inimigo será capaz de atacar o usuário dessa armadura, a não ser que este seja atacado primeiro. Desse modo, a iniciativa do combate será sempre do portador do | Não possui espaços para gemas | Comum | Resistência: Sigma | Status: 100%, sem danos | Comum | Comprado na loja ] - Por baixo da camisa

Burgeon • [Um Katar composto por um bracelete negro e uma adaga dourada. A lâmina pode se esconder dentro do bracelete ou reaparecer quando o usuário faz um movimento específico. O bracelete possui um design atual e pode facilmente passar despercebido em meio a sociedade, como se fosse um acessório de moda. Efeito 1: Resistência a magia de ilusão, qualquer poder de ilusão, medo ou charme lançado contra o portador dessa arma, terá o efeito reduzido em 50%. Efeito 2: Sempre retorna ao bolso do dono na forma de um dracma com desenhos especiais que lhe trazem lembranças únicas para o seu personagem. O desenho sempre muda, nunca é o mesmo. (Não é possível acrescentar outros efeitos a essa arma). | Bronze Celestial | Espaço para 2 gemas | Alfa | Status: 100% Sem danos | Necessário nível 10 para domínio completo da arma | [Épica | Evento Cidade dos Monstros] - Em forma de bracelete, no braço direito

Velociraptor linha prime [ Tênis esportivo feito para promover conforto, estimular a movimentação e ajudar o semideus em batalha ou treino. Não têm um estilo específico, já que muda de acordo com as vontades e preferências do dono | Efeito 1: O calçado muda de acordo com o dono e suas preferências, o tênis será alterado magicamente para o modelo que mais o agrada. Efeito 2: Promove +30% de velocidade ao portador. | Tecido mágico resistente e outros | Sem espaço para gemas | Beta | Status: 100% sem danos | Mágico | Comprado na Ferreli & García - Mode et style] - Calçados

Backpack [Mochila escolar feita de couro e com fechos dourados no formato de maçã. O utensílio é capaz de ser utilizado para carregar armas, roupas, cadernos, frascos de poções e o que mais for necessário para a sobrevivência do guardião. | Efeito 1: Ao enfiar a mão no bolso principal da mochila, seu usuário é capaz de retirar de seu interior uma maçã dourada, muito parecida com as existentes no jardim das Hespérides. A maçã pode ser atirada como uma granada, soltando uma fumaça tóxica que faz aqueles que a inalarem ficarem enjoados, não conseguindo efetuar movimentos que não sejam para se defender durante uma rodada. Pode ser utilizado uma maçã a cada três turnos. | Resistência Beta. | Sem espaço para gemas. | Status 100%, sem danos. | Nível 3. | Lendário. | Presente de Reclamação dos Guardiões das Hesperídes.] - Costas

• Vitamina [Tubinho transparente com cerca de 15 cm preenchido com um liquido amarelado. | Ao ingerir tal liquido, o personagem recupera automaticamente 50 HP. | Usável durante a batalha, uso único, some após ser ingerido | Mágico | Evento, cidade dos monstros.] - Dentro da Mochila

• Pão de Mel [ É um pequeno pão de mel recheado com Néctar | Ao consumi-lo, o personagem recupera automaticamente 50 MP. | Usável durante a batalha, uso único, some após ser ingerido | Mágico | Evento, cidade dos monstros.] - Dentro da Mochila

Missão:
O BICHINHO: Se não bastassem as diversas pessoas feridas, um animalzinho (de sua preferência) se machucou e irá morrer se você não o resgatar! Corra até ele e o leve para um lugar seguro.
Recompensa Máxima: 950 XP e 950 dracmas.




PROWLER • SON OF CERES
avatar
Prowler
Guardiões das Hesperides
Guardiões das Hesperides

Mensagens : 187
Idade : 18
Localização : Acampamento Júpiter

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: [O efeito Sun Hee] Missões fixas de Prowler

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum