The Blood of Olympus
Para visualizar o forum é necessário estar cadastrado, por favor registre-se no rpg ou entre em sua conta. É necessário estar cadastrado para ver as informações contidas no forum. Lembre-se de usar nome e sobrenome, não se cadastrar usando nomes geralmente utilizados por Hacker. Exemplo: "Barum" "Hakye" e por ai vai. Bem vindos.

▬ RP's Charlotte A. Blackwell

Ir em baixo

▬ RP's Charlotte A. Blackwell

Mensagem por Charlotte A. Blackwell em Qua Jan 03, 2018 2:14 pm

Evento
Aqui ficarão postadas as fixas e batalhas do mini evento de Charlotte, tópico de RP's destinado a isso.



Charlotte Aimée Blackwell
One of the happiest moments is when you find the courage to let go of what you can’t change.
avatar
Charlotte A. Blackwell
Curandeiros de Asclepios
Curandeiros de Asclepios

Mensagens : 295

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ▬ RP's Charlotte A. Blackwell

Mensagem por Charlotte A. Blackwell em Qua Jan 03, 2018 2:58 pm

Someday, somehow, I'm gonna make it all right but not right now
— Sabe a vantagem de ter dois mascotes que gostam de peixe? Posso alimentar vocês juntos, não preciso ficar buscando mais comida — Meu monologo com os dois estava literalmente sem noção alguma. Era meu dia de folga e eu tinha partido com Asuna e Pesadelo em direção ao lago no fim da tarde, meu plano era esperar Frannie ali e armar o acampamento para criar um clima romântico de ano novo para nós duas em vez de me juntar ao resto das festividades.

Minha mochila estava do lado da barraca já armada e o inicio de uma fogueira iluminava parcialmente o lugar. Eu estava mais a beira do lago, pescando peixes para meus dois esfomeados preguiçosos enquanto tentava ensinar o dragão a falar. O de Frannie já tinha aprendido duas línguas e o meu ainda só ronronava, mas eu desconfiava de que ele não falava por ser preguiçoso e teimoso, não porque não sabia de verdade.

— Okay vamos tentar de novo, fala peixe. P-E-I-X-E — Soletrei devagar para o pequeno – ou não tanto assim – fúria da noite, que me encarava desconfiado, meio entediado talvez. Asuna, minha raposa, estava deitada entre minhas pernas, ressonando tranquilamente. — Vamos Pesadelo, eu sei que você consegue, peixe, fala peixe!!! — Nada, apenas aquele ronronar mais uma vez. — Tá, então não fala!

Suspirei baixinho e joguei outro dos peixes em direção a ele antes de me abaixar cuidadosamente para limpar as mãos nas águas claras, e foi aí, que tudo aconteceu. Inicialmente pensei ter visto uma pequena sombra se movimentando, mas essa foi crescendo e crescendo, me fazendo assustar Asuna enquanto eu mesma me afastava das margens. A pequena raposa pareceu sentir que algo estava errado, seus pelos se eriçaram e ela saltou do meu colo, se colocando de frente para o lago e o encarando de maneira desconfiada.

Nisso, Pesadelo também pareceu grunhir e irritado até mostrou as escamas escondidas enquanto recuava e mantinha a cabeça abaixada, os olhos pregados no que seria a sombra do lado. Cortei meu dedo e me levantei de um salto, pingando sangue em minha palma dominante e ativando o arco de luz flamejante para me defender. Puxei a corda e materializei uma flecha, então gritei. — Apareça! Eu sei que tem alguém aí — Podia ser alguma coisa também... ainda assim não custava tentar. Um predador estava a espreita e esperando o momento certo de executar um ataque, eu não ficaria parada esperando acontecer.

Os ruídos ao meu redor se tornaram mais nítidos diante a percepção de um inimigo iminente. Eu podia ouvir o movimento sobre a água e por isso soube o exato momento de atacar. Pesadelo grunhiu e recuou quando a criatura saltou da água me obrigando a soltar a flecha, que não o atingiu, mas passou raspando pela lateral de seu corpo. O Réptil tinha cerca de dois metros de altura, olhos brilhantes e corpo coberto por escamas que eram relativamente protegidas pelo que parecia o peitoral de uma armadura. Sua cauda balançava de um lado para o outro e ele tinha pousado sobre o gramado, bem ao lado de Asuna, que de forma impulsiva lhe atacou e acabou levando a pior. Minha pequena raposa tinha cravado as garrinhas sobre a pata monstruosa do monstro esverdeado, que em resposta, a chutou para longe antes de avançar em minha direção.

Puxei a corda do arco mais uma vez para materializar uma nova flecha enquanto recuava, mas não mirei no crocodilo, e sim a soltei para um ponto atrás dele, longe o suficiente para poder ativar seu poder e me teletransportar para longe, bem a tempo de não ser atingida. A fera urrou, mas não se virou a tempo, puxei uma nova flecha e mirei em direção ao seu braço direito, atirando-a contra ele e lhe atingindo em cheio. No mesmo momento, Pesadelo reagiu e lhe atingiu com fogo plástico, fazendo o Jacaré se irritar mais ainda e atirar o que seria uma lança em minha direção. Sua precisão e mira foram perfeitas e certeiras, tentei saltar para o lado, mas a arma passou raspando por minha coxa e abriu um corte profundo em minha perna direita, dificultando minha movimentação e fazendo sangue manchar meu jeans novinho.

A distancia entre nós era razoavelmente longa, contudo eu não esperava ser atingida da maneira mais inesperada e esquisita possível. Foi nojento... para não dizer um pouco mais. Não sei direito o que aconteceu, mas o jacaré abriu a boca e do nada sua língua se estendeu feito uma corda e voou em minha direção. Parte desta se enroscou e enrolou em meu arco e acabou me puxando e arrastando para o chão, resultado, cai de cara no gramado e fui arrastada mais para frente. Com isso, a criatura cortou a distancia que nos separava e me obrigou a soltar o arco. Tentei rolar para o lado, mas sua cauda atingiu minhas costas com força e me obrigou a permanecer no chão.

Fui salva pelo gongo.

Asuna de alguma maneira me salvou naquele momento. Saltou sobre o jacaré e arranhou seu rosto com as finas patinhas, perfurando um de seus olhos. ao mesmo tempo, meu dragão mordeu sua cauda e passou a puxa-lo para longe de mim, arrastando-o para longe, já recuperado pela falta do fogo causado pela explosão anterior. O jacaré agora estava cheio de marcas de arranhões e mordidas, além de ter grandes queimaduras pelo corpo e uma flecha perfurando seu braço replaino esquerdo. Ergui-me de qualquer jeito, sentindo todo meu corpo reclamar por conta da dor, então invoquei três pequenas laminas de luz e me preparei para lança-las, mirando o peito e as pernas do monstro verde. — Asuna, agora! — Gritei, a pequena saltou para longe do monstro e pesadelo recuou alguns metros. Nisso, joguei as laminas em direção ao monstro e Pesadelo lhe atingiu com uma segunda onda de fogo plasmático.

O jacaré foi queimado vivo e acabou não resistindo, deixou para trás apenas uma pilha de pó, uma Asuna machucada e um Pesalo bastante entediado. Me aproximei mancando de minha raposa e me abaixei ao seu lado para analisar seus ferimentos. — Esta tudo bem, já passou — Sorri para ela e a puxei para o colo antes de recostar minhas mãos em suas costas e enviar ondas de energia e cura para ela, a fazendo se acalmar.

— O que diabos aconteceu aqui? — A voz de Francesca preencheu o ambiente, me virei em direção a ela e sorri sem jeito.

— Acho que preciso de ajuda, machuquei a perna — Dei de ombros. — Fui atacada — Expliquei antes de me levantar, fazendo mais uma careta surgir em meu rosto. — Acho melhor não acamparmos na floresta essa noite — A careta no rosto de Frannie foi adorável, mas no fundo, eu sabia que ela concordava comigo.

— Vou te curar e voltamos para o chalé de Héstia, acho melhor passar a noite de um jeito mais tradicional — Ela ajustou os óculos no rosto e desviou o olhar, me aproximei dela e lhe peguei o rosto entre minhas mãos.

— Com beijos? — Perguntei risonha.

— Charlie! — Ela conseguia ficar ainda mais adorável quando corava.

Roubei um selinho dela.

A noite tinha acabado de começar a ficar melhor, só a presença dela bastava para fazer isso acontecer, só que disso, ela não precisava saber.

Arma usada:

• Zahir [ Um conjunto de arco e flechas com certa de 1,35 centímetros. Possui uma cor semelhante a prata brilhante, mas que é ofuscada por uma luz vermelho alaranjada que fazem parecer que o arco está em chamas. Possui uma curvatura delicada e uma corda simples, não é pesado e seu manejo é fácil, permitindo a portadora realizar movimentos mais ousados. As flechas desse arco são incorpóreas, e quando disparadas, dão a impressão de estarem pegando fogo. A iluminação ao redor é coberta por marcas delicadas e palavras em grego antigo, que sempre formam a frase “Uma vez tocado ou visto, jamais é esquecido”, a mesma frase que está gravada no arco. | Efeito 1: A arma se encaixa perfeitamente na mão do seu portador, assim sendo, quando esse escolhe batalhar com essa arma, eles ficam ligados de uma maneira única, e durante os dois primeiros turnos do combate, todo dano causado por essa arma contra os oponentes do semideus, terão 50% dos danos revertidos em HP para o seu portador. Ex: O semideus retirou 100 HP da vida do seu oponente, 50 são revertidos em vida para o portador da arma. Efeito 2: O semideus pode usar a arma para converter seu corpo em magia de teletransporte, usando-a para se mover de um canto a outro, contudo, a arma só consegue leva-lo para até 500 metros de distância do ponto de partida, além disso, cada vez que usar o poder, perdera 50 MP. Efeito 3: Transforma-se em uma tatuagem de clave de sol que ficará fixa na palma do semideus, sumindo após um tempo, para ativa-la, o semideus só precisa cortar o dedo polegar e pingar uma gota de sangue sobre a palma da mão dominante, a arma ativa automaticamente, aparecendo em sua mão. (Não é possível colocar mais efeitos nessa arma). | Vibranium | Espaço para 3 gemas | Alfa Prime | Status: 100% Sem danos | Necessário nível 20 para domínio completo da arma | Lendária | Evento Cidade dos Monstros]
Passivas de Apolo:

Nível 26
Nome do poder: Arqueiro IV
Descrição: Você aprendeu que um arco pode ser uma arma perfeita para seu personagem, além de aprender a atirar mais de quatro flechas ao mesmo tempo, agora também consegue atingir o alvo com mais facilidade, sua precisão com essa arma cresceu num nível em que a margem de acerto é maior do que a de erro. Além disso, agora consegue utilizar flechas com veneno, ou elementos mágicos, mas para isso, precisa tê-las em seu arsenal, ou combina-las com um poder ativo que possua,
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +55% de assertividade no manuseio do arco.
Dano: + 30% de dano ao ser acertado pela arma do semideus.

Nível 30
Nome do poder: Concentração de Arqueiro III
Descrição: Arqueiros precisam se concentrar para acertarem o alvo, pois qualquer distração, podem fazer seu tiro certeiro sair pela culatra. Os filhos de Apolo têm a benção de seu pai, que faz com que eles sejam mais calmos e objetivos quando precisam realizar uma tarefa que exija concentração. Ao estarem usando o arco/bestas, essa concentração torna-se natural, fazendo do filho de Apolo/Febo um prodígio.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus:+ 50% de vantagem ao realizarem uma tarefa que exija concentração. +75% de facilidade em concentrar-se ao estar usando o arco/bestas.
Dano: Nenhum

Nome do poder: Saúde Perfeita
Descrição: Apolo/Febo é conhecido por ser não apenas o deus ligado a cura, mas também as pragas e doenças. Os descendentes desse deus acabam nascendo com uma resistência maior sobre a queda da saúde. Doenças comuns não os afligem com a mesma intensidade que são para os outros. Poderes que provoquem algum tipo de adoecimento, fraqueza corporal tem o seu efeito reduzido seja pela sua intensidade ou pelo seu tempo de ação.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +50% de resistência a doenças diversas, as mais severas têm seu efeito reduzido. É extremamente raro ver uma prole desse deus resfriado ou gripado, por exemplo.
Dano: Nenhum

Nível 33
Nome do poder: Audição Aguçada II
Descrição: Músicos não possuem só uma capacidade técnica apurada, eles também têm um ouvido muito sensível e com os filhos de Apolo isso não seria diferente. O Semideus neste nível consegue distinguir os sons a sua volta. E com bastante concentração, poderá distinguir sons até de outra quadra. Essa concentração é tamanha que ele não poderá estar movimentando-se bruscamente – como em uma batalha ou correndo – para poder captar os estímulos sonoros tão distantes.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus:+ 60% de vantagem em escutar ao seu redor, diminuindo a chance de ataques surpresas contra ele.
Dano: Nenhum


Nível 35
Nome do poder: Resistência IV
Descrição: Sua resistência ao fogo é gigante, nesse nível temperaturas mais elevadas - como um incêndio de escala grande - não afetara seu personagem, apesar de ainda poder queima-lo, porém, as chances de permanecer vivo também aumentaram significativamente.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: + 60% de chance ao fogo/calor.
Dano: Nenhum

Nível 39
Nome do poder: Visão Aguçada IV
Descrição: Um bom arqueiro precisa de uma visão perfeito, e os filhos de Apolo/Febo herdam de seu pai olhos perfeitos, melhores que os dos mortais comuns. Seus olhos são tão perfeitos como do melhor predador existente.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: 70% de assertividade com qualquer habilidade de lançamento, disparo ou afins.
Dano: + 25 de dano ao lançar algo em algum inimigo.

Nível 41
Nome do poder: Corpo Atlético IV
Descrição: Apolo sempre foi descrito como um Deus jovem e no auge do seu vigor físico. Filhos de Apolo herdaram essa característica de seu pai, sempre são vistos praticando esportes e atividades físicas para se manterem atléticos.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus:+50% de agilidade e esquiva
Dano: Nenhum
Passivas dos curandeiros:

Nível 3
Nome do poder: Resistência a venenos
Descrição: Como um semideus saudável, com o corpo purificado por asclépio, nenhum veneno terá efeito sobre seu corpo.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Imunidade a venenos.
Dano: Nenhum

Nível 24
Nome do poder: Força aprimorada
Descrição: Carregar pacientes e imobilizar pacientes em estado de eclampsia e epilepsia exige força, por isso, os abençoados do deus Asclépio são mais fortes que o comum.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: 15% Força
Dano: Nenhum.

Nível 25
Nome do poder: Convicção Inabalável
Descrição: Médicos não podem deixar-se abalar por nada: eles dificilmente ficarão assustados ou abalados com algo, assim como serão surpreendidos com menos eficácia e nenhuma mentira lhes escapa, embora às vezes os mentirosos mais hábeis, como os filhos de Éris, consigam ocultar em parte sua mentira. Omissão não é afetada, pois não é uma mentira.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Capazes de detectar facilmente mentiras de semideuses com nível igual ou inferior, exceto os semideuses com habilidades para tal.
Dano: Nenhum

Nível 23
Nome do poder: Agilidade II
Descrição: Os procedimentos médicos exigem certa agilidade, portanto, curandeiros são um pouco mais ágeis que os humanos normais.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: 15% agilidade
Dano: Nenhum.
Habilidades Aprendidas:

Nome: Afinidade
Descrição: Cuidados podem criar ligação entre semideuses e mascotes, mas para isso, é necessário técnica. Conforme o semideus vai aprendendo a lidar com seu bichinho, também ganha certa afinidade com ele, aprende a ler seus movimentos, seus gestos, a forma com que ele expressa, acaba refletindo em seu dono, que mesmo imperceptivelmente pode descobrir se algo está certo ou errado. É como a lei de Newton: para toda reação, existe uma reação. Neste caso, os cuidados criam ligações, o mascote, acaba se afeiçoando mais rapidamente ao seu dono, pois, sabe que nele, poderá ver uma segurança única.
Gasto de MP: Nenhum
Gasto de HP: Nenhum
Bônus: +50% de percepção em reações relacionadas ao mascote, saberá distinguir quando este está com raiva, com fome, confuso, arisco, entre outras coisas. Tais demonstrações também podem alertá-lo do perigo, afinal, quando o animal se sente ameaçado tende a demonstrar mais facilmente, além de perceber antes mesmo dos humanos, eles sentem quando algo está errado.
Dano: Nenhum
Extra: Nenhum

Nome do poder: Pericia em Mira de Arcos II
Descrição: O semideus ao executar certo treinamento, acabou aprimorando sua mira, de forma que, atirar em alvos com um arco se tornou muito mais fácil. O tempo com essa arma é um inimigo, mas agora que possui o conhecimento adequado, a vantagem está a seu favor e sua mira, está muito melhor.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +40% de mira com arcos, tendo facilidade em atirar em alvos em movimento.
Dano: +25% de dano se o inimigo for atingido pelo arco do semideus.
Extra: Nenhum
Ativas:

Nível 9
Nome do poder: Lâminas de Luz I
Descrição: O filho de Apolo/Febo poderá conjurar pequenas camadas de esferas de energia em suas mãos. A esfera poderá apenas cortar o oponente como se fosse um armamento metálico (facas pequenas, ou algo semelhante), com um leve impacto, nesse nível, o dano não será grande.
Gasto de Mp: 25 de MP
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: 10 de dano. (40 por lamina - dano verdadeiro) x3 = 120.
Mascotes e seus poderes:

Pesadelo - Furia da Noite (Dragão Adulto)

Nível 9 - Sopro Plasmático III
Descrição: O dragão jovem pode expelir fogo plasmático pela boca em um alcance de 20 metros. É um tiro silencioso, escutado apenas ao ter o impacto explosivo contra o alvo.
Tipo: Ativo
Dano: 50-70
Gasto de MP: 25
Bônus: Pode causar queimaduras e provocar incêndios, além de derreter material de média resistência (gama).
Extra: Necessário um turno para usá-lo novamente.

Nível 11 – Presença Intimidadora
Descrição: O dragão é uma presença intimidadora só por aparecer no ambiente. Sua aura inspira medo nos inimigos e muito poderão até mesmo fugir ao sentir o quão poderoso o dragão é.
Tipo: Passivo
Dano: Nenhum
Gasto de MP: Nenhum
Bônus: Apenas seres com proteção ao medo poderão parcialmente resistir a presença de um dragão nesse nível, porém irá sentir o quão poderoso ele é.
Extra: Outras criaturas irão respeitar e temer o dragão.

Filhote de Raposa (Asuna)

Nível 1
Nome da habilidade: Audição apurada
Descrição: Os felinos são conhecidos por terem uma audição muito apurada, eles conseguem escutar tudo ao seu redor.
Tipo: Passivo
Dano: Nenhum
Bônus: Nenhum

Nível 3
Nome da habilidade: Silencioso
Descrição: Prestes a se tornar um jovem felino, esse animal já tem uma noção melhor de seu corpo. Eles já podem se mover sem provocar nenhum barulho, aproximando-se do inimigo silenciosamente.
Tipo: Passivo
Dano: Nenhum
Bônus: Nenhum

Nível 5
Nome da habilidade: Mordida Selvagem
Descrição: Um dos ataques mais notórios dos felinos é a sua mordida. Esse mascote ao alcançar esse nível, ele conseguirá aplicar mordidas muito mais eficazes e violentas, tirando mais dano do que um animal qualquer da mesma raça. Tudo isso graças ao treino e o convívio com o seu mestre.
Tipo: Passivo
Dano: 15 a 20
Bônus: Pode provocar sangramento.

Nível 6
Nome da habilidade: Garras Ferozes
Descrição: As garras finalmente cresceram, tornaram-se mais fortes e mortíferas. Nesse nível, o mascote possuem garras tão afiadas quanto uma lâmina.
Tipo: Passivo
Dano: 15 a 20
Bônus: Pode provocar sangramento.



Charlotte Aimée Blackwell
One of the happiest moments is when you find the courage to let go of what you can’t change.
avatar
Charlotte A. Blackwell
Curandeiros de Asclepios
Curandeiros de Asclepios

Mensagens : 295

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ▬ RP's Charlotte A. Blackwell

Mensagem por Nice em Sex Jan 05, 2018 6:48 am


Charlotte A. Blackwell

Recompensa máxima da missão: 4.000 XP + 6.000 dracmas + 8 estrelas

Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Realidade de postagem + Ações realizadas: 45%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc: 19%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência: 28%

Recompensas finais: 3.680 XP + 5.520 Dracmas + 8 Estrelas
HP : 410/520 (- 45 pelo corte profundo em sua perna direita e - 55 pelo golpe da cauda)
MP : 248/520 (- 25 pela habilidade Lâminas de Luz I)

Asuna e Pesadelo recebem 150 XP + 1 nível de lealdade cada um.

Comentário:
Oie, Charlotte! Tudo bem?

Adorei a ligação da sua personagem com os mascotes e a forma como você narra a participação deles ao longo da missão. Entretanto, mesmo que eles tenham ajudado na hora da luta, esta, por sua vez, ficou um pouquinho enxuta. O que me causou maior incômodo foi a interpretação do "corte profundo" causado pela lança do jacaré que aparentemente ficou esquecida. E convenhamos que não dá pra esquecer um machucado que chega ao ponto de manchar a sua calça pela quantidade excessiva de sangue jorrado, né? No mais, querida, meus parabéns!

Se você quiser conversar sobre a minha avaliação é só me mandar uma MP!

Atualizado por Nox.
avatar
Nice
Deuses Estagiários
Deuses Estagiários

Mensagens : 55

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ▬ RP's Charlotte A. Blackwell

Mensagem por Charlotte A. Blackwell em Seg Jan 15, 2018 11:29 pm

Someday, somehow, I'm gonna make it all right but not right now

Me sentei na cama de qualquer jeito, ofegando com dificuldade de respirar. As imagens do meu sonho ainda eram bastante nítidas e justamente por isso eu sabia que não tinha sido apenas uma visão e sim um belo de um vislumbre do futuro daquela noite. Joguei as cobertas para o lado e puxei os tênis debaixo da cama, os calçando de qualquer jeito antes de pegar também um casaco, pronta para sair correndo porta a fora, sem ninguém me impedir.

— Onde vai? — Cheguei a resmungar baixinho, meus dedos já tinham circulado a fechadura da porta e eu jurei que tudo daria certo, mas não deu.

— Preciso salvar alguém, sonhei de novo — Expliquei a Frannie, suplicando com o olhar para que ela não me tentasse me deter pelo menos daquela vez.

— Vou com você — Assenti, abrindo a porta e disparando na frente, sabendo que minha irmã daria um jeito de me encontrar.

Fazia alguns dias que eu andava sonhando e tendo vislumbres de visões do futuro no meio do nada. Muitas vezes não compreendia as imagens que me eram mostradas, mas sabia o que significavam. A clarividência é um dom que demora para um tempo relativo para despertar nos filhos de Apolo, mas que todos eles aprendem em algum momento. Às vezes – enquanto dormimos – chegamos a recitar algumas profecias e imagens de desastres que estão prestes a acontecer.

Aquele era um dos muitos casos...

Eu me arrependia de não ter vestido uma calça. Podia sentir o vento cortante congelando minhas pernas enquanto continuava a correr em direção a colina, ainda tendo vislumbres leves de um dos meus irmãos batalhando com três criaturas vampirescas. Empousas disfarçadas de entregadoras que seduziam e matavam um pequeno guardião no pinheiro de Thalia.

Eu me recusava a deixar aquilo acontecer.

Atingi os campos de morango e dei a volta pelas arvores que beiravam boa parte das margens da floresta, então subi arfando em direção a entrada do acampamento, já vislumbrando os monstros seduzindo um Joshuel totalmente alheio aquela situação.

Mordi o dedão e pinguei sangue na palma de minha mão dominante, fazendo o arco crescer por entre meus dedos. Em seguida puxei a corda e materializei uma das flechas para poder acabar com aquela suposta brincadeira. Fechei um dos olhos e mirei, tomando cuidado para não acertar meu irmão enquanto mirava na criatura a sua frente, usando o ombro do garoto como ponto de precisão antes de soltar a flecha. Foi certeira.

Minha lamina perfurou o rosto da criatura a fazendo gritar e guinchar, revelando sua verdadeira aparência e fazendo Joshuel piscar totalmente atordoado. Nisso, a segunda vampira avançou de encontro a ele e eu materializei uma segunda flecha, sem mirar muito a atirei de encontro ao corpo da criatura, a fazendo se afastar antes de poder fincar as garras afiadas no peito do filho de Apolo, que finalmente reagiu.

O loiro fechou a expressão e puxou uma espada presa a cintura, então avançou contra a criatura a sua frente – a que eu tinha acertado no rosto – e começou uma batalha árdua contra ela. Era três contra um, uma batalha bastante injusta e surreal para um único semideus, contudo, eu estava presente e isso equilibrava as coisas de alguma maneira.

Corri em direção ao pequeno grupo já materializando uma nova flecha, contudo, não tive tempo de atirar na direção certa. A empousa se jogou contra meu corpo e fez meu arco mirar para cima, jogando minha flecha longe antes de arrancar a arma de minhas mãos. Rolamos juntas pelo gramado, eu socando o rosto dela e ela arranhando meu corpo. Eu nunca lutei muito bem, mas estava agindo pelo instinto protetor e natural causado pelas imagens de meus sonhos e por isso também estava levando a melhor.

Minha mão foi certeira de encontro ao rosto da criatura, ao mesmo tempo que uma luz crescia em minha palma, fazendo uma bola de energia solar explodir de encontro ao seu rosto a queimando completamente. A empousa se contorceu me dando chance de levantar e chutar sua barriga enquanto o fogo se espalhava e a queimava completamente, fazendo o monstro virar pó diante dos meus olhos.

Ergui o olhar bem a tempo de ver Frannie atirando as últimas flechas contra o monstro que restara, acabando com a situação rapidamente. Ela tinha chegado enquanto eu estava focada na empousa que tinha me derrubado e por isso eu não a vira logo de cara, mas ela estava ali agora e no fim era exatamente isso que importava. Me aproximei dos meus dois irmãos e fui acolhida pela Blackwell mais nova antes de Joshuel nos questionar.

— Como sabiam?

— Charlie sonhou com você, teve uma visão desse momento e nele você acabava morrendo — Frannie explicou.

— Despertou as previsões? — Ele me perguntou sorrindo, assenti de leve.

— No meu sonho você era encurralado pelas três vampiras e acabava sendo iludido pelo charme delas, quando percebeu já era tarde demais e já não tinha como reagir, não podia deixar isso acontecer — Expliquei envergonhada, o fazendo assentir e me abraçar forte.

— Obrigado meninas, fico devendo uma a vocês — Sorrimos largamente em conjunto, mas não ficamos ali muito mais. Minha noite na enfermaria tinha sido longa e Frannie ainda estava ralhando comigo por não descansar. Voltamos ao chalé com ela alegando que eu precisava dormir por muitas horas antes de me aventurar daquele jeito novamente. Em partes eu concordava, apenas não queria dar o braço a torcer.

É como dizer afinal... ninguém nunca quer estar errado, mas naquele momento? Posso afirmar com toda certeza de que eu estava.

Armas:

• Zahir [ Um conjunto de arco e flechas com certa de 1,35 centímetros. Possui uma cor semelhante a prata brilhante, mas que é ofuscada por uma luz vermelho alaranjada que fazem parecer que o arco está em chamas. Possui uma curvatura delicada e uma corda simples, não é pesado e seu manejo é fácil, permitindo a portadora realizar movimentos mais ousados. As flechas desse arco são incorpóreas, e quando disparadas, dão a impressão de estarem pegando fogo. A iluminação ao redor é coberta por marcas delicadas e palavras em grego antigo, que sempre formam a frase “Uma vez tocado ou visto, jamais é esquecido”, a mesma frase que está gravada no arco. | Efeito 1: A arma se encaixa perfeitamente na mão do seu portador, assim sendo, quando esse escolhe batalhar com essa arma, eles ficam ligados de uma maneira única, e durante os dois primeiros turnos do combate, todo dano causado por essa arma contra os oponentes do semideus, terão 50% dos danos revertidos em HP para o seu portador. Ex: O semideus retirou 100 HP da vida do seu oponente, 50 são revertidos em vida para o portador da arma. Efeito 2: O semideus pode usar a arma para converter seu corpo em magia de teletransporte, usando-a para se mover de um canto a outro, contudo, a arma só consegue leva-lo para até 500 metros de distância do ponto de partida, além disso, cada vez que usar o poder, perdera 50 MP. Efeito 3: Transforma-se em uma tatuagem de clave de sol que ficará fixa na palma do semideus, sumindo após um tempo, para ativa-la, o semideus só precisa cortar o dedo polegar e pingar uma gota de sangue sobre a palma da mão dominante, a arma ativa automaticamente, aparecendo em sua mão. (Não é possível colocar mais efeitos nessa arma). | Vibranium | Espaço para 3 gemas | Alfa Prime | Status: 100% Sem danos | Necessário nível 20 para domínio completo da arma | Lendária | Evento Cidade dos Monstros]
Poderes Ativos:

Nível 27
Nome do poder: Previsões III
Descrição: Você se tornou parte clarividente, e apesar de não conseguir adivinhar o futuro, pode prever algumas coisas que irão acontecer, e se antecipar com elas. Nesse nível o semideus consegue fazer previsões de ataques a um local antes que aconteça. Ex: Prever que o acampamento será atacado. Porém, não pode dizer quando, ou como irá acontecer. Só pode ser usado uma vez por evento, missão, ou algo semelhante.
Gasto de Mp: 50 HP
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: Nenhum
Passivos:

Nome do poder: Quente como o sol
Descrição: Filhos do deus solar, esses semideuses possuem naturalmente uma temperatura corporal mais elevada. Sentem dificuldade em sentir a mudança de temperatura, sentindo frio apenas quando a temperatura se aproxima do zero. Em ambientes quentes, sentem-se confortáveis e mais agitados do que o comum.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +60% de resistência ao frio; +20% de resistência física em locais quentes.
Dano: Nenhum

Nível 27
Nome do poder: Resistência III
Descrição: Sua resistência ao fogo aumentou de uma forma bastante satisfatória, nesse nível temperaturas mais elevadas - como um incêndio de escala média - não afetara seu personagem, apesar de ainda poder queima-lo, e incêndios maiores também poderão fazê-lo, porém as chances de permanecer vivo também aumentou.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: + 45% de chance ao fogo/calor.
Dano: Nenhum

Nível 30
Nome do poder: Concentração de Arqueiro III
Descrição: Arqueiros precisam se concentrar para acertarem o alvo, pois qualquer distração, podem fazer seu tiro certeiro sair pela culatra. Os filhos de Apolo têm a benção de seu pai, que faz com que eles sejam mais calmos e objetivos quando precisam realizar uma tarefa que exija concentração. Ao estarem usando o arco/bestas, essa concentração torna-se natural, fazendo do filho de Apolo/Febo um prodígio.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus:+ 50% de vantagem ao realizarem uma tarefa que exija concentração. +75% de facilidade em concentrar-se ao estar usando o arco/bestas.
Dano: Nenhum

Nível 33
Nome do poder: Audição Aguçada II
Descrição: Músicos não possuem só uma capacidade técnica apurada, eles também têm um ouvido muito sensível e com os filhos de Apolo isso não seria diferente. O Semideus neste nível consegue distinguir os sons a sua volta. E com bastante concentração, poderá distinguir sons até de outra quadra. Essa concentração é tamanha que ele não poderá estar movimentando-se bruscamente – como em uma batalha ou correndo – para poder captar os estímulos sonoros tão distantes.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus:+ 60% de vantagem em escutar ao seu redor, diminuindo a chance de ataques surpresas contra ele.
Dano: Nenhum

Nível 39
Nome do poder: Visão Aguçada IV
Descrição: Um bom arqueiro precisa de uma visão perfeito, e os filhos de Apolo/Febo herdam de seu pai olhos perfeitos, melhores que os dos mortais comuns. Seus olhos são tão perfeitos como do melhor predador existente.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: 70% de assertividade com qualquer habilidade de lançamento, disparo ou afins.
Dano: + 25 de dano ao lançar algo em algum inimigo.

Nível 41
Nome do poder: Corpo Atlético IV
Descrição: Apolo sempre foi descrito como um Deus jovem e no auge do seu vigor físico. Filhos de Apolo herdaram essa característica de seu pai, sempre são vistos praticando esportes e atividades físicas para se manterem atléticos.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus:+50% de agilidade e esquiva
Dano: Nenhum

Nível 50
Nome do poder: Arqueiro V
Descrição: O arco em suas mãos se tornou uma arma quase imbatível, acertar um alvo parado já não é um problema, o seu personagem consegue, além de atirar mais de uma flecha por vez, também consegue atingir alvos bloqueados por alguma coisa - como uma arvore - desde que esteja em uma posição razoável.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus:  +100% de assertividade no manuseio do arco.
Dano: + 45% de dano ao ser acertado pela arma do semideus.



Charlotte Aimée Blackwell
One of the happiest moments is when you find the courage to let go of what you can’t change.
avatar
Charlotte A. Blackwell
Curandeiros de Asclepios
Curandeiros de Asclepios

Mensagens : 295

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ▬ RP's Charlotte A. Blackwell

Mensagem por Nox em Ter Jan 16, 2018 4:25 pm


Fast Food do Mal

Recompensa máxima da missão:  4.000 XP + 4.000 Dracmas + 8 Estrelas.

Realidade de postagem + Ações realizadas – 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc – 20%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência – 30%

Realidade de postagem + Ações realizadas: 50%
Escrita: Gramática, erros, pontuação, coerência, concordância, etc: 15%
Criatividade/Estratégia em combate + inteligência: 30%

Recompensas finais: 3800 xp  + 3800 dracmas + 8 estrelas
HP: 350/590
MP: 200/590

Comentário:
Gostei da ideia da previsão, achei interessante. O plot ficou bom,
uma coisa fraterna... Gosto como os filhos de Apolo são bem fraternais e tal... Bem,
mas a senhorita continua comendo acentos: árvore, lâmina e uma crase.

Acho bom a senhora curandeira ir atrás de um descanso, inclusive...

Atualizado







        Here's the night...






avatar
Nox
deuses primordiais
deuses primordiais

Mensagens : 158

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ▬ RP's Charlotte A. Blackwell

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum