The Blood of Olympus
Para visualizar o forum é necessário estar cadastrado, por favor registre-se no rpg ou entre em sua conta. É necessário estar cadastrado para ver as informações contidas no forum. Lembre-se de usar nome e sobrenome, não se cadastrar usando nomes geralmente utilizados por Hacker. Exemplo: "Barum" "Hakye" e por ai vai. Bem vindos.

Grupo 4 (Lee Chae-rin, Peter C. Gallagher , Freya Kravinoff , Vince Le Fay Karkaroff e Beorn Jarbeon)

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ir em baixo

Re: Grupo 4 (Lee Chae-rin, Peter C. Gallagher , Freya Kravinoff , Vince Le Fay Karkaroff e Beorn Jarbeon)

Mensagem por Hades em Seg Dez 25, 2017 7:07 pm


Boss
As correntes de ar tinham potência o suficiente para arrancar o braço esquerdo da prole de Éris, que foi absorvido e – em seguida – arremessado contra o filho de Eros, que ficou atônito. Embora a menina sentisse uma extrema dor, manteve-se firme em tentar auxiliar seu grupo, se utilizando de seus poderes enquanto seu grupo encontrava-se refugiado. A menina tentou induzir discórdia nos dois monstros e, embora tivesse funcionado com os seres, também fizera com que o filho de Apolo e o celestial começassem a trocar ofensas.

Perdendo sangue como nunca, Freya decidiu usar outro dom contra os monstros. A criatura – que absorvia tudo aquilo usado em si e refletia – direcionou a maldição do esquecimento para a lupina que se preparava para ataca-los, fazendo-a se esquecer por um momento do que estava prestes a fazer.

A jovem ceifadora consumiu sua maçã para tentar aliviar seu estado, escondeu-se em sua própria sombra e rezou para que funcionasse, já que o caos que criara entre os inimigos tornara tais seres ainda mais poderosos e perigosos, além de atingir também a seus amigos. O duelo incandescente liberava ondas de energia que atingiam os membros desprotegidos do grupo.

Quando se recobrou do que deveria fazer, a lycan emitiu seu uivo mental, que atingiu os monstros, assim como atingiu Vince e Freya, fazendo com que o manto da menina se desfizesse. Chae-rin esboçou sua irritação com o monstro, “banindo-o” antes de se resguardar em um canto, tentando – assim como Freya – sair do alcance. Pegou a foice e a jogou para Freya, no entanto, ela foi “engolida” pelo buraco negro e jogada de volta contra si, o cabo atingindo seu corpo.

Vince sofreu uma pequena torção no tornozelo com a queda brusca, mas logo tratou de se proteger e, ademais o fato de ter esbravejado com o companheiro de grupo, o garoto não sofrera grandes danos. No entanto, teve a total atenção do monstro quando suas batalhas – finalmente – cessaram e um “devorou” o outro. Resultando em uma criatura que possuía a soma da massa de ambos.

O garoto estava sendo arrastado e, como tática, tentou cegar o monstro que – com seu porte – ao refletir o poder do filho de Apolo, acabou por deturpar a visão de todos ali presentes. Ainda assim, seu pedido atingiu os ouvidos do celestial que, recuperado do efeito dos poderes de Freya, permanecera escondido e camuflado por seu perfume. Até porque os monstros encontravam-se ocupados demais se digladiando.

Com o grande vórtice de ventos, o semideus de Eros só conseguiu se manter estável por encontrar-se ainda manipulando o ar ao seu redor. Tendo conseguido reduzir a periculosidade do ser graças à suas habilidades, Peter findou o ser que explodiu, liberando uma grande quantidade de energia que lançou aqueles que estavam desprotegidos contra as paredes da caverna, enquanto as moças – escondidas – receberam a mesma rajada com menor eficácia. No entanto, apesar dos ferimentos, todos estavam vivos.

Monstros:
Domador
Com a aparência de um homem de meia idade, com uma espessa barba e corpo grande – com cerca de dois metros – o homem carrega um chicote e é bastante corpulento. Seus olhos possuem uma coloração avermelhada anormal e ele é bastante agressivo, rindo e sendo sarcástico com os semideuses. Os tratando como verdadeiros animais.
• Tal homem se denomina como domador e é capaz de entrar na mente dos semideuses, os domando, especificamente aqueles ligados bestialidade. Ele pode controlar até dois semideuses por vez, os fazendo atacar os aliados ou coisa semelhante.
• É 100% resistente a gelo/neve e a ilusões, charme, medo etc.
• É resistente em 75% a qualquer ataque físico.
• Qualquer poder relacionado a transformação em animais não é permitido na presença do domador.
• O seu chicote é capaz de alcançar distancias absurdas. Com isso o domador como fazer com que estacas de gelo do teto desprendam logo acima do semideus alvo.
Existe 1 desse monstro.
O HP e MP base do monstro é igual a 5.000/5.000.
• Cabe a vocês definirem fraquezas e outros aspectos, lembrando que com a facilidade vem grandes descontos. <3

Regras:
• Vocês estão impedidos de sair da caverna, qualquer um que sair eu vou considerar e colocar como morto.
• O prazo de postagem é até o dia 31/12, as 23:59 (horário de Brasília). Quem não postar estará assumindo as consequências.
• Todos devem postar, o formato é OP e os itens e poderes utilizados devem estar citados em SPOILER no final do post. Caso você se esqueça de algo ou coloque a mais será descontado, tenha atenção.
• Boa sorte.

HP/MP:
FREYA KRAVINOFF
HP: 76/370 (-50% do HP total por perder o braço, -40% pelas ondas de energia do duelo das criaturas, +5 (passiva energia), +25 (passiva do pomo), -5 HP (Brilho Solar), -20% pela explosão do monstro.)
MP: 205/370

VINCE LE FAY BOUWKNECH
HP: 142/530 (-10% pela queda de mal jeito, -40% pelas ondas de energia do duelo das criaturas, - 5 HP (Brilho Solar), -40% da explosão do monstro.)
MP: 315/530

PETER C. GALLAGHER
HP: 142/460 (-40% pelas ondas de energia do duelo das criaturas, -5 HP (Brilho Solar), -40% pela explosão do monstro.)
MP: 225/460

LEE CHAE-RIN
HP: 121/320 (-20% do HP total pelos cortes nas pernas, -10 pela habilidade de Freya que o monstro "espelhou", -40% pelas ondas de energia do duelo das criaturas, -5% da pancada pelo item que foi atirado de volta, + 40 (passiva), - 5 HP (Brilho Solar), -20% pela explosão do monstro. )
MP: 300/320

Desafios:
Os semideuses podem escolher fazer dois dos desafios listados a baixo. E, com isso (caso o façam), podem ganhar um bônus na premiação total do evento. Entretanto deverão fazer por todos os posts dentro do evento. Caso você escolha UM dos desafios toda a sua equipe deverá fazê-lo. Se alguém não o fizer o desafio não será mais válido.
• Desafio 1: Não devem usar feitiços durante o combate – 20% de xp - 1º TURNO OK
• Desafio 4: Sem uso de poderes relacionados à charme ou psicológico. – 30% de xp - 1º TURNO OK


Ἅιδης
avatar
Hades
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 792
Localização : Importa? A morte ainda será capaz de te achar.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grupo 4 (Lee Chae-rin, Peter C. Gallagher , Freya Kravinoff , Vince Le Fay Karkaroff e Beorn Jarbeon)

Mensagem por Lee Chae-rin em Qui Dez 28, 2017 6:30 pm

Save the Santa Claus
Time to shine, babys

Ainda havia um sentimento de dor e perda tão grande em meu coração que de alguma forma não conseguia pensar direito naquele momento. Enquanto havia jogado a foice para Freya, não havia notado o tamanho descuido que havia tido e por culpa deste, acabei fazendo com que a garota perdesse o braço naquele momento. Não podia evitar, estava com tanta raiva que só queria terminar aquilo e voltar para casa ou ao menos ir até o acampamento romano e avisar a noiva de meu irmão sobre o que havia acontecido... É para desespero de muitos, Beorn era noivo de uma menina grega, filha de Perséfone e neta de Belona, podia de alguma forma considerar ela como parte da família.

Não pude ver muita coisa da batalha que se sucedeu, mas tudo que senti naquele momento foi o impacto contra a parede e logo em seguida a abertura de uma nova porta ── Não temos muito tempo ── dizia ainda em harmonia com Hakkeshu naquele momento abrindo a mochila mágica e dela retirando duas garrafas ── Vamos nos recuperar rápido ── de início ia em direção a Vince e Peter que pareciam as pessoas em pior estado naquele momento, mesmo que Freya tivesse um dos braços decepados, era possível ainda manejar o outro ── Vince, Peter, Bebam isso. Metade para cada um de vocês e creio que é nossa melhor maneira de ajudar nesse momento ── sim, você ouviu certo, eu havia dito nossa, minha e de Hakkeshu que também se sentia culpado de alguma forma ── Eu ganhei isso a muito tempo de minha pretora, mas nunca tinha usado. Espero que se sintam melhor depois de beber isso ── Depois corria em direção a Freya que parecia bem machucada. O cheiro do sangue fez com que meu coração batesse muito mais rápido naquele momento e um longo suspiro fez com que eu acabasse por me controlar naquele momento.

── Desculpa por isso ── falei enquanto rasgava a parte inferior de minha blusa e fazia um curativo improvisado no local decepado ── Você perdeu um braço por minha culpa, e agora não posso fazer muita coisa ── resmungava enquanto terminava de fechar o pequeno improviso e entregava a garota à garrafa de néctar ── Não é muito, mas sei que podemos dividir isso. Eu não tenho outra garrafa como aquela, mas acho que essa pode quebrar um galho por agora ── sorria tentando amenizar o momento, mas por algum motivo sentia o rosto queimar em finos caminhos. Passei a mão esquerda abaixo dos olhos e acabei notando que estava chorando, mas por quê? Pela morte de Beorn? Por ter feito a legionária perder o braço? Ou pela possível premissa que poderíamos morrer ali a qualquer momento e que poderíamos nunca mais ver nossos amigos e familiares?

Ainda não sabia ao certo o porquê daquele estranho sentimento. Hakkeshu estava inquieto então acabei fechando os olhos para que pudesse ver meu "amigo" ali dentro. " O que houve? " pensei enquanto ele continuava movendo as orelhas e tentando farejar o ar de alguma forma " Hakkeshu? " pensava enquanto ele continuava com o mesmo movimento. Algo parecia atrapalhar nossa comunicação e isso poderia ser perigoso demais naquele momento; abri os olhos lentamente e tentava farejar o ar de alguma forma, o desespero começava a tomar conta do meu corpo ── Pessoal... ── falava agora em minha voz normal, sem a presença do lobo ── Não consigo mais usar meus poderes lupinos... Isso pode ser um probleminha ──

Por algum motivo não conseguia escutar nada, algo interferia nos meus sentidos e Hakkeshu estava desesperado demais para conseguir se comunicar comigo ── Eu não sei o que pode nos esperar na próxima sala ── falava em tom baixo, mas antes que conseguisse virar um forte golpe foi dado contra minha nuca. Não sabia quem ou porque fizera aquilo... Mas tudo agora se tornava turvo e aos poucos escuro ── Pessoal... Porque ── tentei finalizar a frase, mas acabei caindo no chão. Desmaiada.






ao narrador:
Para título de ajuda , a chae se Encontra assim neste momento. Devido a trama da mesma, em alguns momento ela e o lobo conseguem entrar em comunhão e falar juntos, quem os ouve não consegue distinguir a voz e ouve duas ao mesmo tempo, por este motivo houve a troca da cor da fonte da fala de chae no final do texto

Poderes utilizados:
Filha de Vênus:
Passivos:
Nível 1
Nome do poder: Beleza Natural
Descrição: Os filhos da deusa do amor são campistas naturalmente bonitos e charmosos. A beleza supera a de qualquer outro semideus no acampamento, sendo algo beirando ao sobrenatural. É simplesmente indescritível. Isso faz com que inimigos e aliados acabem se distraindo por sua beleza perturbadora, ou encantados pela mesma.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Pode deixar o inimigo atordoado durante o primeiro turno, evitando atacar logo de cara, ou se atacar (poderes que exijam miras, ou armas com a mesma característica), irão errar o alvo. Não acertarão o filho de Afrodite/Vênus, pois, de primeira, o inimigo não saberá porque não nutre o desejo de ataca-lo.
Dano: Nenhum

Nível 7
Nome do poder: Eterna Boa Forma
Descrição: A boa forma que você possui não confere apenas belas curvas, no caso das meninas, ou músculos definidos, no caso dos meninos, mas também confere certa agilidade e destreza para se esquivar de alguns ataques. Isso permite que você ganhe certa facilidade em se esquivar, ou defender em ataques diretos.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +20% de defesa, esquiva e agilidade.
Dano: Nenhum

Nível 16
Nome do poder: Voz Melodiosa
Descrição: Sua voz tem uma melodia que agrada aos ouvidos das outras pessoas. Nem todos escutam a sua voz com o mesmo timbre, será de acordo com aquilo que mais agrada ao ouvinte. Isso facilitará persuasão com pessoas do sexo oposto drasticamente, e com do mesmo sexo influenciará um pouco.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: O poder ativo “charme” do filho de Afrodite/Vênus, ao ser combinado com essa passiva ganha um bônus de força de 20%, podendo causar um estrago ainda maior.
Dano: Nenhum

Nível 20
Nome do poder: Elasticidade Natural II
Descrição: Em tal nível a elasticidade e esquiva das proles de Vênus/Afrodite são maiores, semelhantes à de uma bailarina profissional, com músculos firmes e uma boa movimentação durante a batalha. Tais semideuses esquivam como se estivessem dançando.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: + 35% em esquiva e flexibilidade
Dano: Nenhum


Ativos:
Nível 6
Nome do poder: Rosnado Mental
Descrição: O lycan emite um rosnado tanto físico quanto mental. Este invade a mente de um oponente em seu campo de visão, e desconcentra o mesmo brevemente.
Gasto de Mp: 10.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: Nenhum.
Extra: 1 vez a cada 2 turnos.

Nível 19
Nome do poder: Olhos Demoníacos II
Descrição: Como nas antigas lendas, o lycan pode ativar essa habilidade para ficar com os olhos tão vermelhos que eles parecerão estar em brasas. Nesse nível, o inimigo que estiver sendo mirado pelo semideus será incapaz de realizar uma ação ofensiva pelo resto daquele turno.  
Gasto de Mp: 20.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: Nenhum.
Extra: 1 vez a cada 4 turnos.

Nível 21
Nome do poder: Manto da Gnose
Descrição: Ao concentrar as energias espirituais ao seu redor em si mesmo, o lycan é capaz de se camuflar no tecido da realidade ficando invisível. Até mesmo seus sons e cheiros são mascarados, contudo, a habilidade não pode ser utilizada caso ele esteja em frenesi de batalha, pois requer uma concentração grande.
Gasto de Mp: 25.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: Nenhum.
Extra: Dura enquanto não se revelar com uma ação ofensiva ou algo do tipo, e requer 3 turnos para reativação.


Lycans de Phobos:
Passivos:


Nível 6
Nome do poder: Humor da Lua
Descrição: A lua influência muito nos poderes e no humor do lycan, sendo o astro que guia na escuridão, ela proporciona bônus que variam de acordo com suas fases. Segue em spoiler as variações e suas consequências:

Spoiler:
Lua Cheia – Aumenta a força de um lycan em 30%.

Lua Crescente – Aumenta a velocidade e regeneração (passivas de cura) do Lycan em 20%.

Lua Minguante – Diminui todos os seus atributos em 20%, deixando-o mais vulnerável.

Lua Nova – Diminui todos os seus atributos em 25% e corta sua regeneração pela metade.

Eclipse Lunar– Anula totalmente os poderes do lycan.

Lua de Sangue – Aumenta todos os status do lycan em 60%.

Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Estão dentro do spoiler.
Dano: Nenhum.

Nível 14
Nome do poder: Regeneração I
Descrição: Em diferentes interpretações dos lobisomens e suas variações ao redor mundo e suas civilizações, é de conhecimento geral a marcante regeneração de seus tecidos e ossos. Com os lycans não é diferente. O servo de Phobos possui a habilidade de se regenerar que apenas evolui com o tempo. Nesse nível, cortes básicos e ferimentos leves na pele são inteiramente curados em questão de segundos, além da recuperação de HP e MP para critérios de RPG.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Recupera 40 de HP e MP.
Dano: Nenhum.
Extra: 1 vez a cada 2 turnos.

Nível 16
Nome do poder: Humor da Fera II
Descrição: Por natureza, os lycans em sua forma humana são mau humorados e extremamente alertas a tudo.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: 20% de percepção ao seu redor, cabendo ao narrador lhe alertar de algo ache cabível durante uma narração.
Dano: Nenhum.

Nível 17
Nome do poder: Audição Aguçada II
Descrição: Independente da forma em que estiverem, os lycans têm esse sentido em especial muito mais desenvolvido que o restante das pessoas. Aqui já não mais têm dificuldades por ouvir tudo sem querer, podendo oprimir as conversas desnecessárias e focar no que lhes interessa. Além disso, caso se concentrem unicamente nisso, podem ouvir os batimentos cardíacos alheios. Ambos os efeitos funcionam até 100m de distância.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: 30% em audição, 40% se estiver na forma da besta.
Dano: Nenhum.

Nível 20
Nome do poder: Gnose
Descrição: É um poder místico que liga o lycan ao seu lado espiritual. A Gnose é um pedaço de Gaia que cada lycan recebe, mesmo estando sobre a influência de Phobos; uma característica intrínseca dos lycans, antes mesmo do deus em questão os apadrinhar. Graças a ela, o semideus é capaz transitar entre o mundo dos espíritos, que, no universo em questão, funciona como o mundo inferior e suas ramificações. Para todos os efeitos, é esta habilidade especial que rege os poderes anímicos desse grupo secundário.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: Nenhum.

Nível 21
Nome do poder: Olfato Apurado II
Descrição: Independente da forma em que estiverem, os lycans têm esse sentido em especial muito mais desenvolvido que o restante das pessoas. Dessa forma, são capazes de identificar os cheiros ao seu redor, e os gravam para nunca se esquecerem de suas presas. Por outro lado, seu olfato é muito sensível, portanto cheiros fortes ou incomuns lhes incomodam bastante. Podem seguir uma pessoa pelo seu cheiro mesmo que ela se distancie até 100m.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: 30% em olfato, 40% se estiver na forma da besta.
Dano: Nenhum.

Nível 22
Nome do poder: Força II
Descrição: A força dos lycans é elevada devido aos músculos naturalmente melhor desenvolvidos para dilacerar e matar suas presas.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: 20% em força; 30% em força se estiver na forma da besta.
Dano: Nenhum.

Ativos:
Nível 1
Nome do poder: Transformação Parcial da Besta
Descrição: Ainda inexperiente, o lycan consegue transformar apenas algumas partes do seu corpo em partes da fera. Nesse nível, é capaz de transformar suas mãos em patas de lobisomem com garras, por exemplo, ou modificar a boca para afiar os dentes e possibilitar mordidas mais fortes.
Gasto de Mp: 5.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: 15 dano se atingir alguém com as garras ou morder.
Extra: Nenhum.

Itens levados:
• Mochila sem fundo [Mochila de prata com material simples, sem bolsos laterais, com um único zíper, uma única entrada e uma única saída.| A mochila não possui fundo, foi encantada para caber inúmeros objetos, ou seja, seu espaço é infinito, tudo que você colocar dentro dela permanece ali, desde que passe pela parte de cima, ou seja, você precisa conseguir colocar o item pelo buraco, que é largo o suficiente para passar até uma panela de pressão. Para pegar o item de volta basta colocar a mão dentro da mochila e pensar nele, e ele retorna para suas mãos.| Indefinido | Sem espaço para gemas | Alfa | Status: 100% sem danos |Lendário e mágico | Loja especial do dia dos namorados]
itens dentro da mochila:

Luvas de Couro [Luvas feitas de couro negro de dragão, cobrindo até a metade do antebraço. Banhadas com o elixir de prometeu e seladas com a runa de Naudhiz e um feitiço de fixação. | Efeitos: As luvas permitem ao portador passar pelo fogo – apenas duas vezes – sem se queimar, sofrendo apenas uma leve ardência, semelhante a ardência de estar exposta ao sol. A luva ainda permite a semideusa criar bolas de fogo com sua energia, usando 20 de MP para cada bola feita, as bolinhas surgem na ponta dos dedos das luvas da semideusa.| Material: Couro de Dragão | Resistência: Gama. Quando ativadas tornam-se alfa contra o elemento fogo | Sem espaço para gemas | Status: 100%, sem danos | Encantado e Criado por Pandora]

Chicote Inebriante [Feito de couro trançado, com o cabo de bronze celestial que se adapta ao punho de seu portador – o que facilita o manejo – com pequenas rosas desenhadas. O chicote é longo, e sua ponta se abre em pequenos seguimentos que soltam essência da poção perfume inebriante. |Efeitos: Aqueles que sentem o cheiro de tal perfume, sentirão o cheiro daquilo que mais gosta no mundo, ficando zonzos ou desnorteados, o que faz com que percam a linha do raciocínio perfeito, e sintam-se fascinados por sua portadora. Um efeito de paixão. O perfume só se solta ao comando da semideusa, para abrir o compartimento da ponta – que exala o perfume – ela precisa pressionar a rosa no vermelha no centro do cabo de bronze em sua mão. | Bronze Celestial | Resistência Beta | Status: 100%, sem danos | Encantado e Criado por Pandora]

Garrafa (2 litros) de Néctar dos deuses |
• Néctar dos deuses – Se ingerido pelos semideuses pode curar pequenas feridas, mas também mata-los, em grandes quantidades é mais maléfico que benéfico. Uma pequena xicara de néctar é suficiente para ajudar na recuperação, sendo que uma xícara (meio litro) dessa pode restaurar até 30 MP e HP de uma vez só, mais que isso pode trazer consequências negativas. Para poções tem propriedades curativas, de regeneração rápida e purificação.

Poção de Energia: Um frasco de poção rosa em formato de coração. Quando consumida recupera 100% do HP e do MP do semideus automaticamente, ele ficaria com a potencia total ao consumir a poção de energia, lembrando que o frasco só pode ser consumido duas vezes, após o uso some do perfil automaticamente. {Intacto, pronto para consumo de duas vezes}

Griffes Aureus [Manopla feita couro com pequenos entalhes em ouro comum, seu comprimento é de exatamente sessenta (60) centímetros indo do cotovelo até o pulso do semideus. Junto do mesmo existe uma luva feita de couro e ouro, mas o diferencial são suas garras retráteis feitas de Ouro imperial. As garras em si tem o formato de meia lua medindo dez (10) centímetros de comprimento, sua ponta é afiada de forma a facilitar cortes e ferimentos. | - | Ouro, Ouro Imperial, Couro e Seda | 1 espaço para gema | Gama | Status 100% | Comum | Forjado por Mikhaela D. Dyatlova

item usados no post :
Poção de Energia: Um frasco de poção rosa em formato de coração. Quando consumida recupera 100% do HP e do MP do semideus automaticamente, ele ficaria com a potencia total ao consumir a poção de energia, lembrando que o frasco só pode ser consumido duas vezes, após o uso some do perfil automaticamente. {Intacto, pronto para consumo de duas vezes} ( uma dose para Vince e outra para Peter)

Garrafa (2 litros) de Néctar dos deuses |
• Néctar dos deuses – Se ingerido pelos semideuses pode curar pequenas feridas, mas também mata-los, em grandes quantidades é mais maléfico que benéfico. Uma pequena xicara de néctar é suficiente para ajudar na recuperação, sendo que uma xícara (meio litro) dessa pode restaurar até 30 MP e HP de uma vez só, mais que isso pode trazer consequências negativas. Para poções tem propriedades curativas, de regeneração rápida e purificação. ( Meia dose para Freya )

itens equipados ao corpo:
Campeão dos Campeões [Para aqueles que olham ao longe, é apenas um cinto - uma faixa preta que muito se assemelha àquelas utilizadas por judocas e caratecas com detalhes em dourado que falam sobre honra e vitória em todas as línguas conhecidas. | Efeitos mecânicos: Torna-se um cinturão de campeão de mma quando ativado, adaptando-se perfeitamente ao seu portador. Efeito 1: Aumento de seus atributos físicos, dando ao semideus mais força (+50%), vigor e resistência em comparação ao que já se tinha. Efeito 2: Uma vez por RP, este item pode tornar o semideus imparável e imune a dores físicas e psicológicas. (Vale lembrar que, mesmo sem sentir dor, o semideus pode ser ferido) Efeito 3: Magicamente ligado a seu portador, não sendo possível roubar, retirar ou tomar deste - apenas em caso de morte. | Material indefinido | Alfa | Espaço para uma única Gema | Status: 100%, sem danos | Lendário | Evento Cidade dos Monstros.]

• Garras Felizes [São garras extremamente afiadas, acopladas em uma luva negra que cobre todo o antebraço. Essas garras possuem mais duas formas: quando inativas elas assumem a aparência de duas pulseiras com desenhos lupinos; sua terceira forma envolve a transformação em lobo, pois ela ajusta-se aos membros superiores, tornando-se garras para lobos. Para acionar as garras, o usuário precisa girar o pulso duas vezes em seu próprio eixo, assim o material irá desdobrar-se até ter sua forma completa de garras. Elas se adaptam automaticamente para a forma lupina. | Efeito 1: Mudança de forma; Efeito 2: Possui pedras ametista em cada garra, conferindo a propriedade veneno para o item. Ao ferir o inimigo, provoca 20 de dano por turno. | Material: Adamantino, ametistas e tecido | Espaço para duas pedras: ocupados | Resistência: Alfa | Status: 100%, sem danos | Magico | Forjado por Leo Valdez]

Velociraptor linha Luxo [ Nessa linha não é apenas o conforto que predomina, mas também o poder, apesar de aparentar ser um tênis comum, esse foi fabricado para auxiliar e estimular o semideus a melhorar seus movimentos em combate, o tornando mais forte e mais rápido | Efeito 1: O calçado muda de acordo com o dono e suas preferências, o tênis será alterado magicamente para o modelo que mais o agrada. Efeito 2: Promove +40% de velocidade ao portador. Efeito 3: Quando estiver com o tênis nos pés, golpes relacionados as pernas, como chutes ou saltos ganham 30% a mais de força | Material mágico especial |Sem espaço para gemas | Alfa | Status: 100% sem danos | Mágico | Comprado na Ferreli & García - Mode et style] {Presente de Elena C. García}

Boucles d'oreilles [ Um par de brincos argola pequenos. | Efeito: Produzido a partir do mesmo mecanismo usado para fabricar aparelhos auditivos, o brinco melhora a percepção auditiva da usuária em 30%. | Ligas metálicas diversas | Sem espaço para gemas | Gama | Status: 100% sem danos | Comprado no Ferreli & García - Mode et style] | Comprado na Ferreli & García - Mode et Style ]


Coldre [ Um coldre para carregar qualquer arma de porte médio. Se adapta ao formato de qualquer arma de médio porte, como adagas, e foi projetado para ser usado discretamente sob as roupas. Sua tira é extensível, podendo ser colocada na perna, no braço, na cintura, onde o semideus achar adequado, e se camufla junto à roupa do semideus tornando a arma imperceptível. | Efeito 1: Se adapta ao formato da arma e à necessidade do semideus. | Efeito 2: Camufla-se de acordo com as roupas do usuário, podendo passar despercebido aos olhos de quase qualquer um. | Efeito 3: Quando a arma está armazenada no coldre, não é percebida por detectores de metais e outras formas de identificação. | Material sintético | Sem espaço para gemas | Gama | 100%, sem danos | Mágico | Comprado na loja “Ferreli & García - Mode et Style” ]

tatuagens:
Nome do poder: Tatuagem SPQR
Descrição: Tatuagem de coloração negra feita na parte inferior do antebraço direito. Possui o desenho de uma concha marinha com uma flor, seguido abaixo pelas letras SPQR, dois riscos para cada ano servindo a Legião e escrito I Coorte. Não pode ser removida do braço do semideus nem mesmo através da utilização de magia, sendo para sempre marcado como um romano.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Uma vez por missão/evento, os poderes ativos utilizados pelo semideus terão um bônus de 15% de força/funcionalidade durante três turnos.
Dano: Nenhum.

Linked | Armas e escudos | tatoo da cabeça de um Lobo uivando para a meia lua | Cria um elo entre o dono e a arma (Garras Felizes ), o usuário pode ativar a tatuagem que abre um pequeno portal onde a arma estará armazenada, podendo puxá-la. Válido para qualquer item. | Pulso direito | marca pequena | Permanente

Anjos caídos [ Habilidade Peculiar | Dois riscos gigantes, que se assemelham a cicatrizes dos anjos caídos, essa tatuagem tem uma coloração semelhante e inclusive, lembra a cicatriz de um anjo que perdeu as asas. | Efeito: Concede ao portador um par de asas, que se formam no lugar onde estão as cicatrizes das asas arrancadas, elas se expandem e crescem gradativamente, formando um par de asas fortes e angelicais, que aumentam a força e a velocidade do semideus em +10%, além de permitir que ele voe livremente. Gasto de 30 MP por turno ativo| Costas| Marca grande | Permanente.]

Desafios :
• Desafio 1: Não devem usar feitiços durante o combate – 20% de xp




♥️
Lee Chae-rin

''A força do lobo é sua matilha, a força da matilha é o lobo''
avatar
Lee Chae-rin
I Coorte
I Coorte

Mensagens : 301
Idade : 23
Localização : Acampamento Romano

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grupo 4 (Lee Chae-rin, Peter C. Gallagher , Freya Kravinoff , Vince Le Fay Karkaroff e Beorn Jarbeon)

Mensagem por Vince Le Fay em Sex Dez 29, 2017 12:42 pm




SALVE O PAPAI NOEL



▬ Caverna Nevada, Sul da Ilha de Natal ▬
Estava transtornado, parecia que minha cabeça iria explodir assim que alguém apertasse algum botão que eu imaginava existir. Por um momento, poderia jurar ter visto um braço voar até a face de Peter. O pior de tudo, era que isso era uma verdade. Estava difícil ajudar, quanto se defender. O clima da batalha havia sido tanto influenciado por nós, quanto pelos monstros, e eu jamais teria culhões para suportar tamanhos impactos. Sabia que tinha minha parcela de culpa nos danos causados aos demais, mas chega um momento em que infelizmente o desespero toma conta de você. Meu tiro de misericórdia foi dado através de um sussurro ao anjo, que conseguira de fato atender a meu pedido.

Sentir a dura parede da caverna em minhas costas, me fez arfar, envergando as costas com a dor. Atordoado, caí de mau jeito no chão, xingando a quem tivesse disposto a ouvir, com palavrões. Estava insatisfeito, principalmente, por não ter recebido nenhum alerta quanto à onda de energia que nos atingira.

— Vamos nos recuperar rápido. Não temos muito tempo. — A oriental se aproximou mais rápida do que eu imaginava, enquanto eu ainda estava tentando cuidar de meu tornozelo, com uma das mãos livres, liberando uma aura alaranjada para que pudesse aliviar a dor e manter um pouco mais de minha mobilidade por ali.

— Vince, Peter, Bebam isso. Metade para cada um de vocês e creio que é nossa melhor maneira de ajudar nesse momento. Eu ganhei isso há muito tempo de minha pretora, mas nunca tinha usado. Espero que se sintam melhor depois de beber isso. — A moça tinha em mãos um frasco peculiar, em formato de coração e com um líquido rosado a preenchê-lo. Por ainda estar me recuperando, e fazendo alguns exercícios leves — como girar o pé torcido para recuperar os movimentos, por exemplo —, deixei com que o celestial ingerisse a primeira dose, mas logo vejo que ele iria se exceder.

— Ei monamour, eu também gostaria de tomar a minha dose! — Pronunciei um pouco bravo, notando até mesmo uma gota escorrer pelo canto dos lábios do celestial. Outra vez fui surpreendido por não receber educadamente o frasco em minhas mãos, tendo que pegá-lo no ar. Respirei fundo a fim de não causar mais confusão Desolé, desculpe, e merci, obrigado. — Assim que destampei novamente o frasco, elevei-o levemente em agradecimento antes de dar goles generosos no que ali restava. Assim que o líquido desce pela minha garganta, sinto alguns arrepios, acompanhados de uma sensação de vigor renovado.

— VAMOS! SE NUVENS DE GÁS AINDA NÃO SE APROXIMARAM, ALGO PIOR PODE ACONTECER! — Talvez estivesse um pouco alterado, eu não sabia. Em certo ponto eu tinha lá minhas razões. A oriental também parecia demonstrar alguma generosidade com a outra semideusa do grupo. Apesar de eu lidar frequentemente com enfermos, ver um dos braços da moça por ali, longe dela, me fez revirar o estômago. Talvez para romanos aquilo poderia ser um orgulho futuro, pelo menos assim eu esperava.

Eu estava errado em muitas coisas, principalmente em pensar que as coisas poderiam melhorar a partir dali. Pelo contrário, elas pioraram. Logo que ousamos atravessar a próxima passagem aberta, mesmo que as mudanças no ambiente fossem poucas, nosso adversário havia se superado dos demais: em resumo, se tratava de um domador típico dos circos bárbaros de dois metros. Era forte, com olhos vermelhos, e um chicote ameaçador. Ainda estava bravo com muitas coisas, mas vê-lo, num primeiro instante, me fez segurar a onda e começar a imaginar o que poderia fazer enquanto novamente armava a meu redor minha cúpula de energia solar, procurando evitar maiores complicações.

— Não consigo mais usar meus poderes lupinos… Isso pode ser um probleminha. — Parecia uma relação óbvia, mas assim que a moça admitiu que seus dons eram inúteis contra aquele inimigo, eu somente pude imaginar que ela seria a primeira a ser usada contra nós, caso nosso adversário assim pudesse fazer — Pessoal… Porquê. — Eu sentia que isso justificava muita coisa, a voz de Chae já não tinha a mesma força do que em momentos anteriores, parecia que algo estava sendo bloqueado dentro dela.

Aquilo seria triste, mas necessário. Num primeiro ato, me aproximo da jovem de forma cautelosa — já que tinha de manter uma cúpula energética —, em seguida, com a mão livre, mantenho a palma esticada, infligindo-a um golpe lateral em sua nuca, a fim de nocauteá-la e poupá-la de quaisquer manipulações.

— CALEM-SE! PROTEJAM-SE! — Era difícil dizer se eu havia me auto-proclamado líder, ou algo do tipo, na realidade, eu tinha um plano parcial em mente e queria aplicá-lo, nada mais. Isso me fazia ignorar os outros, ao menos momentaneamente. O domador ria-se daquilo, movendo seu olhar para Chae, agora desacordada. Assim que a golpeei, me afastei, deixando-a tal qual como uma isca, era uma maldade, e poderia ser fatal. Infelizmente, era a minha única chance.

— Desgraçado! Isso é por tentar atacar uma moça de caráter! — Murmurei entrementes enquanto novamente empunhava mais uma vez a retalhação de Apolo, preparando uma de minhas flechas venenosas, de bronze celestial, para o disparo. De fato aquele ser não pensaria duas vezes em chicotear Chae, e por sua vez, preparava-se para fazê-lo, empunhando o chicote com sua destra — Apollo mecum benedictionem, et venenum sagitta Liberae. — Eu não pouparia esforços em desarmá-lo. Logo estava cantando em latim para potencializar o efeito da flecha, a fim de trazer à tona venenos paralisantes e um dano ainda maior. Teria que ser rápido, e assim que fechei um dos olhos para uma melhor mira, estiquei o cordão do arco o máximo que pude, logo executando o disparo.

O projétil seguia um curso satisfatório, mas naquela situação, eu não teria possibilidade para falhas, e queria garantir ao máximo que pudesse, a boa execução daquilo. Assim que a flecha, saiu de minha custódia, procurei focar-me especificamente no pulso destro do domador, responsável pela empunhadura de seu chicote. Fazia daquilo uma clara perseguição, a qual não cessaria até que meu alvo fosse atingido. Por um instante, chego até mesmo a semicerrar os olhos, como se pudesse aplicar um efeito de zoom em minha visão para ter um foco mais exato.

— PETER! AGORA! — Posso ouvir algo cair sobre o gelo, e berro sem hesitar. Ser discreto não era a minha atenção, e eu esperava agir na surdina enquanto a atenção do domador pudesse ser, de alguma forma, desviada. Corria o mais rápido possível, ficando atrás de Peter. Enquanto o rapaz tomava as próprias atitudes, tirava a aljava de minhas costas, pendurando-a, com certa liberdade, em um dos ombros de Peter — Fique com isto, um estoque infinito de flechas venenosas de bronze celestial. E com isto… — Por um momento aquilo era constrangedor demais, mas o celestial sabia que apesar de tudo, ainda o tinha como um grande amigo — Ao utilizar este anel, poderá tornar as flechas capazes de causarem explosões. Desculpe por qualquer coisa… Mas quero que saiba que… — Eu queria dizer mais, mas não consegui. A última coisa que eu vi antes de tudo ficar turvo e escuro foi a de um par de olhos, vermelhos como sangue que circula em minhas veias.

Poderes e Habilidades:

Ativos:

▬ Nível 8:
Nome do poder: Flecha Paralisante.
Descrição: O veneno de algumas cobras pode matar, outros apenas paralisam, ao cantar uma pequena frase em latim antes do lançamento de uma flecha a mesma carregará um veneno paralisante.
Gasto de Mp: 15 de MP
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: O local atingido é paralisado por uma ação.
Dano: – 5 de HP por rodada por 3 turnos. Efeito acumulativo

▬ Nível 15:
Nome do poder: Cúpula Solar
Descrição: O filho de Apolo/Febo cria uma cúpula de energia ao redor de seu corpo para se proteger de ataques físicos, o campo irradia um brilho amarelo dourado, e o envolve completamente. Durante um turno, o que entrar em contanto com o a cúpula sofrera queimaduras de primeiro grau, mas o filho de Apolo/Febo não será capaz de controlar o que ele quer que queime. Além disso, a cúpula não se expande, portanto é preciso que o adversário toque nela para ser queimado. E como observação final, apenas a parte do corpo do oponente que tocar a cúpula será queimada, as demais permanecem intactas, pois como dito, a cúpula não se expande.  Poderes de fogo não funcionam contra a cúpula, e armamentos sólidos batem contra ela e caem, não a penetram. (É possível ativar a cúpula mais de uma vez, porém o gasto da cúpula é por turno ativo).
Gasto de Mp: 40 MP
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: Nenhum

▬ Nível 22:
Nome do poder: Tiro Potente
Descrição: Ao por energia no próximo tiro, seja por flecha ou dardos, o arqueiro filho do deus Apolo/Febo irá fazer com que o ataque atinja até o dobro de danos.
Gasto de Mp: 10MP por projétil abençoado.
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: Poderá tirar até o dobro do dano do material da flecha/dardo.
Extra: Nenhum

▬ Nível 24:
Nome do poder: Cura II
Descrição: Como seu pai Apolo/Febo, o semideus consegue conjurar uma aura alaranjada fina, que pode e diminuir dores, independente de seus estados ao ser interior ou exterior, curar arranhões simples e inchaços. Durante o seu uso, plantas ao seu redor estarão mais vivas ao serem eficientes à aura. Cura doenças fracas como gripes, resfriados, alergias fracas.
Gasto de Mp: 25 de MP
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: + 15% de HP e MP e analgesia, dores na região curada não irão atrapalhar.
Dano: Nenhum

▬ Nível 31:
Nome do poder: Desarme
Descrição: Ao usar essa habilidade, o filho de Apolo/Febo usa de seus encantos de arqueiro para atingir o inimigo de modo a desarmá-lo. Isso não irá provocar danos ao inimigo, porém irá desarmá-lo e irá obriga-lo a perder uma ação de recuperação ou poderá deixa-lo momentaneamente vulnerável. Essa habilidade só funciona com projéteis arremessados, atingindo geralmente pontos não vitais e que façam o inimigo perder a arma que porta.
Gasto de Mp: 20MP
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +75% de desarmar o inimigo ao disparar algo contra ele.
Dano: Nenhum
Extra: As chances são maiores se descrever bem como o desarme aconteceria, as chances são extremamente baixas caso descreva precariamente a ação de desarmar.

▬ Nível 40:
Nome do poder: Flecha Perseguidora
Descrição: Ao encantar essa flecha, ela irá perseguir o seu inimigo até atingi-lo. Se mantiver o foco dele em sua visão, as chances de acerto no local em que mirou serão altas. Porém, caso ele saia de seu campo de visão, será acertado de maneira aleatória, cabendo a sorte – vulgo narrador – definir onde foi acertado.
Gasto de Mp: 50MP
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: Relativo
Extra: Nenhum
Passivos:

▬ Nível 26:
Nome do poder: Arqueiro IV
Descrição: Você aprendeu que um arco pode ser uma arma perfeita para seu personagem, além de aprender a atirar mais de quatro flechas ao mesmo tempo, agora também consegue atingir o alvo com mais facilidade, sua precisão com essa arma cresceu num nível em que a margem de acerto é maior do que a de erro. Além disso, agora consegue utilizar flechas com veneno, ou elementos mágicos, mas para isso, precisa tê-las em seu arsenal, ou combina-las com um poder ativo que possua,
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus:  +55% de assertividade no manuseio do arco.
Dano: + 30% de dano ao ser acertado pela arma do semideus.

▬ Nível 30:
Nome do poder: Concentração de Arqueiro III
Descrição: Arqueiros precisam se concentrar para acertarem o alvo, pois qualquer distração, podem fazer seu tiro certeiro sair pela culatra. Os filhos de Apolo têm a benção de seu pai, que faz com que eles sejam mais calmos e objetivos quando precisam realizar uma tarefa que exija concentração. Ao estarem usando o arco/bestas, essa concentração torna-se natural, fazendo do filho de Apolo/Febo um prodígio.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus:+ 50% de vantagem ao realizarem uma tarefa que exija concentração. +75% de facilidade em concentrar-se ao estar usando o arco/bestas.
Dano: Nenhum

▬ Nível 33:
Nome do poder: Audição Aguçada II
Descrição: Músicos não possuem só uma capacidade técnica apurada, eles também têm um ouvido muito sensível e com os filhos de Apolo isso não seria diferente. O Semideus neste nível consegue distinguir os sons a sua volta. E com bastante concentração, poderá distinguir sons até de outra quadra. Essa concentração é tamanha que ele não poderá estar movimentando-se bruscamente – como em uma batalha ou correndo – para poder captar os estímulos sonoros tão distantes.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus:+ 60% de vantagem em escutar ao seu redor, diminuindo a chance de ataques surpresas contra ele.
Dano: Nenhum

▬ Nível 39:
Nome do poder: Visão Aguçada IV
Descrição: Um bom arqueiro precisa de uma visão perfeito, e os filhos de Apolo/Febo herdam de seu pai olhos perfeitos, melhores que os dos mortais comuns. Seus olhos são tão perfeitos como do melhor predador existente.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: 70% de assertividade com qualquer habilidade de lançamento, disparo ou afins.
Dano: + 25 de dano ao lançar algo em algum inimigo.

▬ Nível 41:
Nome do poder: Corpo Atlético IV
Descrição: Apolo sempre foi descrito como um Deus jovem e no auge do seu vigor físico. Filhos de Apolo herdaram essa característica de seu pai, sempre são vistos praticando esportes e atividades físicas para se manterem atléticos.
Gasto de Mp:: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus:+50% de agilidade e esquiva
Dano: Nenhum

Equipamentos e Armamentos:

Empréstimo (Peter):

Aljava:
• Aljava [Trata-se de um aljava feito de tecido comum e que possui flechas douradas – feitas de bronze celestial – em seu interior. | Efeito 1: Flecha incrementada com um veneno potente, que causa 10 de dano ao oponente por turno, sendo que o veneno age na corrente sanguínea apenas uma vez e o efeito passa após três turnos. Efeito 2: O estoque dessas flechas nunca acaba, é sempre reposto magicamente. | Bronze Celestial | Não possui espaços para gemas | Resistência: Beta | Status: 100%, sem danos | Mágico | Desconhecido.]
Anel:
• Solstício de Verão [Anel dourado e de aparência discreta. Em seu corpo possui ranhuras onduladas, em baixo relevo, entalhadas de tal forma a lembrar a tremulação do ar com o calor escaldante do verão. Em seu topo existe uma pedra laranja e brilhante com a peculiar habilidade de se alimentar da energia do semideus (10% MP total por flecha) para encantar flechas com propriedades explosivas. O dano é acrescido de 50%. | Efeito 1: O anel possui o poder de pegar 10% da MP total do semideus, transformado tal energia na habilidade de explosão para flechas – lembrando que as flechas já devem existir e 10% será retirado POR flecha – o dano acrescido as flechas é igual a +50 | Ferro | Sem espaço para gemas. | Sigma. | Status 100%, sem danos. | Mágico. | Desconhecido

Empossados (Vince):

Mochila:
• Mochila sem fundo [Mochila de prata com material simples, sem bolsos laterais, com um único zíper, uma única entrada e uma única saída.| Efeito 1: A mochila não possui fundo, foi encantada para caber inúmeros objetos, ou seja, seu espaço é infinito, tudo que você colocar dentro dela permanece ali, desde que passe pela parte de cima, ou seja, você precisa conseguir colocar o item pelo buraco, que é largo o suficiente para passar até uma panela de pressão. Para pegar o item de volta basta colocar a mão dentro da mochila e pensar nele, e ele retorna para suas mãos.| Efeito 2: A mochila permite ao semideus levar 3 itens a mais em missões e eventos, como uma forma de burlar as regras. Por exemplo, se o narrador estipulou apenas 1 item para a missão, o meio-sangue poderá levar essa mochila e com ela liberar mais 2 itens (pois ela conta como 1, gastando um dos 3 extras) | Indefinido | Sem espaço para gemas | Alfa | Status: 100% sem danos |Lendário e mágico | Comprado na Loja Especial do BO]
Anel:
Arsenal [Anel brilhante feito em aço polido, com uma pedra preciosa esbranquiçada minúscula em seu centro. Possui o efeito de alterar uma arma, mudando assim sua forma, detalhes, e qualquer outra coisa que o portador desejar, desde que as alterações sejam apenas físicas. Ou seja, utilizando o efeito do anel, é possível transformar uma lança em uma espada ou faca, ou qualquer outro item de ataque. Um escudo circular pode ser transformado em um broquel, ou um escudo de corpo. Os materiais dos itens podem ser alterados, mas seus efeitos sempre serão os mesmos (exemplo: uma espada elétrica ainda causaria dano por eletricidade se transformada em uma lança).]
Pingentes:
• Estrela de Davi [Um pequeno pingente de prata preso a uma corrente de ferro. A estrela apresenta seis pontas, mas apenas 3 delas servem para algo. Quando ativado transforma-se em uma das três armas a seguir: Arco e flecha da lua (feitos de prata lunar e com flechas mais finas e rápidas que o normal perfurar mais fundo do que qualquer outro arco, se a pessoa retirar a flecha do corpo ao ser atingido o estrago será maior). Espada de prata (feito de prata lunar assim como arco, a espada se ajusta perfeitamente a mão do usuário, sempre será leve para o portador tornando seu manuseio ainda mais fácil, inscrições de grego antigo adornam a arma, e se alguém for atingido duas vezes seguidas pela espada o terceiro golpe será ainda mais letal, a arma dobra a força e o peso, e ao atingir o corpo causa cortes mais profundos). Escudo refletor: Aparentemente um escudo/espelho (Ao ser ativado surge na frente do corpo do semideus, quando ativo o escudo é capaz de proteger qualquer ataque mental desferido contra o portador da arma, tais ataques serão refletidos e retornam a pessoa que lançou, o escudo não protege ataques físicos, apenas mentais). Quando inativo volta a ser a corrente. | Arco e flecha: +15% de dano; Espada: +15% de dano nos dois primeiros golpes e +30% em um terceiro golpe; Escudo: Confere imunidade à magia e redução de dano de outros ataques. | Prata lunar. | Sem espaço para gemas. | Alfa. | Status 100%, sem danos. | Mágico. | Nível 5 | TV Hefesto - A Roleta do Azar.]

• Retalhação de Apolo [Arco dourado, extremamente resistente, de formato e comprimento (1,5 m) baseado em um Arco Recurvo comum. As ranhuras da corda são curvadas para frente do arco e o material, por mais que permita ao semideus puxar a corda com menos força do que o usual, dispara flechas com a mesma força de um arco cuja pressão nos Limbos é extrema. | Efeito 1: Quando a mira é feita, uma vez por missão/evento/mpv/pvp etc., a primeira flecha disparada é otimizada em 30% (Ocasionando um dano de 45 HP), enquanto as outras flechas dão o dano padrão de 35 HP. Efeito 2: Além disto, no Limbo Superior e Limbo Inferior estão acopladas lâminas de Bronze Celestial que permitem, ao filho de Apolo, golpear inimigos à distância corpo-a-corpo tal qual uma lâmina gêmea. As lâminas se prolongam até além da ranhura da corda, permitindo estocadas, também, entretanto as mesmas só podem ser utilizadas quando o arco não está em uso, se retraindo automaticamente em até dois turnos. Efeito 3: Quando não está em uso o arco se transforma em uma palheta. | Ferro | Sem espaço para gemas. | Sigma. | Status 100%, sem danos. | Mágico. | Desconhecido]

Desafios de XP e Duplicador:

Desafios de XP - Restrições da Equipe:
• Desafio: Não devem usar feitiços durante o combate – 20% de xp
Duplicador de XP:
Nome: Pacote intermediário de XP - Nível 2
Descrição: Por 1 mês em OFF, todo ganho de XP do semideus é duplicado. (Valido até 13/01/2018)




▬▬▬ Vince Le Fay
TOUT CE QUE VOUS FAITES, UN JOUR VOUS REVIENT
avatar
Vince Le Fay
Demônios de Nyx
Demônios de Nyx

Mensagens : 450
Idade : 21
Localização : Nyx Palace

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grupo 4 (Lee Chae-rin, Peter C. Gallagher , Freya Kravinoff , Vince Le Fay Karkaroff e Beorn Jarbeon)

Mensagem por Peter C. Gallagher em Dom Dez 31, 2017 4:24 pm

ciontacht agus cothromaíocht

Repentinamente o ambiente tornou-se extremamente caótico. No fulgor do combate, eu não tive tempo de refletir sobre o que acontecera, apenas compreendera que muita coisa dera errado ao final, apesar de termos vencido nosso adversário.

Meus ouvidos estavam novamente com aquela sensação de opacidade, dessa vez devido ao deslocamento da onda de choque que me atingira no momento que desferira o golpe com a Gáe Buidhe contra aquela criatura estranha. Consegui pôr-me sentado com clara dificuldade, apenas em tempo de ter Chae próxima a mim e ao filho de Apolo, com uma expressão incomum para uma loba, os olhos amendoados transmitiam dor genuína e pungente. Pensei em falar alguma coisa à ela, mas não era capaz de encontrar as palavras certas, portanto apenas segurei o frasco que a oriental oferecera e abri-o com dedos ainda trêmulos por efeito da batalha.

Ei monamour, eu também gostaria de tomar a minha dose! – O tom um pouco agressivo do rapaz me fez olhá-lo de modo contrariado, mas compreendia que deveríamos dividir o conteúdo do frasco e eu já havia consumido metade dele.

Perdão. – Murmurei, com a voz um pouco esganiçada e baixa, fraca não por razões físicas, mas por ausência de disposição psicológica.

Já que fora citada, meu estado físico apresentava uma melhora notável, com certeza fruto do líquido a nós ofertado por Chae. Ao ouvir as palavras de Le Fay, eu me pus de pé usando a lança caída ao meu lado como apoio. No caminho para recuperar minha bolsa, eu notei a forma pálida e longa no solo, o braço de Freya que fora decepado pelo monstro. O enxergava apenas em minha visão periférica, uma simples mancha, e preferi não o focalizar para evitar reações fisiológicas indesejadas.

Seguimos.


Nosso inimigo não parecia ser sutil ou tímido, já que assim que entramos no espaço onde ele se localizava, eu o avistei parado do outro lado. Era uma criatura ao mesmo tempo caricata e ameaçadora. Sua indumentária era quase engraçada, mas sua expressão era sádica e travessa, o que me deixava um pouco inseguro.

Ignorei esses sentimentos inúteis, porém, ciente de que precisava me concentrar na batalha que se seguiria. Evoquei a Armour Love para que me protegesse e o Loving Arc para poder atacar a uma distância segura.

Você é louco?! – Eu bradei para Vince quando me dei conta que ele golpeara Chae na nuca, fazendo com que a garota desmaiasse.

Quando ele berrou para que nos protegêssemos eu pensei em retrucar e talvez iniciar uma discussão ali mesmo, mas um estalido soou no ar acima de mim e eu mal tive tempo de me lançar para o lado antes de uma estalactite furar o solo próximo a mim, derrubada pelo chicote do domador.

Apesar de não compreender a atitude do filho de Apolo, eu sabia que não teria tempo de fazer qualquer questionamento naquele momento, já que o nosso adversário não iria aguardar pelo nosso diálogo antes de tentar nos matar. Primeiro eu invoquei o Cão Maior para me auxiliar no combate.

Ataque-o com tudo que você tiver. – Eu ordenei a criatura.

O canino avançou velozmente, enquanto eu armava uma flecha, pronto para disparar contra o domador. Ele golpeou o pescoço do cão, enquanto eu soltava a flecha materializada na corda contra o seu corpanzil. A ponta cravou-se a ele, mas aparentemente não tivera grande efeito. Eu soltei uma ofensa em grego mentalmente, transformando meu arco em sua forma contraída para poder ataca-lo apenas com a luz.

Concentrei uma grande quantidade de energia luminosa entre minhas mãos e em seguida a disparei contra o corpo do domador, enquanto o cão investia com mordidas contra suas pernas.

O raio o atingira, mas enquanto isso o adversário abatera o cão que o atacava, afastando-o com um chute e logo em seguida fazendo cair uma estalactite sobre o pescoço do animal feito de estrelas. No instante em que ele começou a me procurar, eu manipulei a luz no local para criar três hologramas que se assemelhavam a mim, com o intuito de confundir o tomador. As ilusões moviam-se, tentando se afastar do chicote, cada uma delas portando uma projeção ótica das minhas armas.

Para o meu azar, entretanto, nas suas tentativas quase aleatórias de atingir, o domador conseguiu acertar meu corpo. Pior do que isso, eu fui capaz de ver o sorriso sádico em seu rosto quando a corda do seu chicote envolveu o meu pescoço. Mal tive tempo de expressar minha surpresa quando com um puxão o domador me trouxe ao chão.

Desesperado, eu tentava desenrolar aquilo da minha garganta, puxando a corda com os dedos conforme era arrastado sobre o solo da caverna na direção do meu inimigo. Apesar dos meus esforços, eu nada conseguia fazer já que o chicote prendia com força minha garganta, impedindo-me de respirar. Eu já pensava no que iria acontecer quando ele finalmente me tivesse próximo o suficiente – e provavelmente desacordado devido a desoxigenação em meu cérebro – quando eu vi o cabo da arma cair de suas mãos.

Rapidamente eu me livrei da corda e me arrastei tossindo pelo chão.

PETER! AGORA! – Olhei para Vince com uma expressão confusa quando ele se aproximou de mim.

Ajudei-o a colocar a aljava em minhas costas com um olhar intrigado, mas não fiz nenhuma pergunta, provavelmente aquilo era alguma estratégia dele.

Saiba o quê? – Eu indaguei após suas palavras.

Mas ele não respondeu. Em vez disso, seus olhos se tornaram distantes por dois segundos e então ele voltou sua atenção para meu rosto. Com a face vazia de qualquer expressão, ele ergueu a mão para frente e subitamente disparou uma esfera de energia contra o peito da minha armadura.

O que você pensa que está fazendo?! – Eu disparei de modo agressivo, mas ele não me respondeu, apenas avançou em minha direção.

Apesar de estar confuso com a atitude do filho de Apolo eu entendi que por algum motivo ele estava disposto a me ferir. Por isso, eu me defendi empurrando-o com uma corrente de ar para longe de mim, nada muito agressivo, mas que o manteria distante por vários segundos. Em seguida, eu evoquei dois clones e manipulei a luz ao nosso redor para gerar um holograma de luz em que nós nos movíamos rápido, trocando de lugar como em um truque de mágica, apesar de estarmos parados, além de fazer com que eles aparentassem portar a aljava e meu arco. O domador nos fitou com indecisão e então um dos clones avançou contra o outro, iniciando um combate físico com ele. Supus – apesar de não ter certeza – que o domador era capaz de controlar-nos, mas ele tivera que escolher qual dos três ele iria manipular e quem o manipulado iria atacar. Escolhera os errados.

Eu então armei uma das flechas da aljava dada a mim por Vince. Senti minha energia sendo transferida do meu corpo para o anel e em seguida provavelmente se dissipando para o projétil. Encantei ela com o poder de Ludus antes de erguer o arco. Apesar de ter pouco tempo, normalizei minha respiração, sendo tomado pela consciência de que se meu tiro fosse perfeitamente preciso, poderia gerar um grande dano. Não pude esperar muito, com a corda tensa, eu fechei o olho direito e apontei a ponta para a cabeça do domador, focando no seu nariz, o ponto mais central. Disparei a seta contra a sua cabeça, explodindo-a com o impacto e prendendo-o com a corda de ouro imperial que estava atada ao projétil.
Wake me slowly Or watch me fall;


Armas e itens utilizados:
Loving Arc - Uma réplica do próprio arco de Eros. Este é feito de ouro branco com detalhes coberto de bronze celestial, sua corda é coberta pela mais pura prata, é bastante elástica e jamais arrebenta. O arco materializa flechas mágicas assim que o filho de Eros toca na corda, sendo que as flechas possuem duas propriedade, uma é fazer com que pessoas fiquem apaixonadas ( durante 3 turnos ) pela primeira pessoa ou coisa que ver, e, a outra é que a flecha pode causar danos. A flecha materializada é toda feita de uma mistura de ouro branco e bronze celestial, sendo sua ponta um rubi vermelho no formato de um coração, tornando-a totalmente mortal. Quando não utilizado o arco se transforma em uma pulseira com um pingente no formato de coração. [Indestrutível] [Caso o semideus perca, o item volta ao seu pulso depois de um turno].

Armour Love - Uma armadura totalmente adaptável ao corpo do semideus, sendo esta constituída de ferro estígio e ouro, reforçando sua defesa e sua coloração é um leve rosa com gemas prateadas em alguns pontos.. Juntamente com à armadura vêm duas corrente que se esticam até 30 metros, sendo estas feitas de prata e bronze celestial e suas pontas possuem formatos de coração. As correntes possuem a habilidade que permite que o filho de Eros a controle que qualquer maneira. Apenas o filho de Eros pode vesti-la. Torna-se um colar com um pingente que o semideus escolher. [Indestrutível] [Caso a perce, retorna ao pescoço do semideus após dois turnos].
Outros itens e armas:
Rage [Espada longa, com cerca de um metro de comprimento e largura consideravelmente grande. A lâmina é feita de bronze celestial, tão afiada que um mero toque é capaz de causar ferimentos, possuindo setenta centímetros da ponta à base. Abaixo da base, a guarda da arma é o entalhe da cabeça de um javali, feita em ferro e com dois rubis em seus olhos, aparentemente foscos e apagados. O punho é feito de madeira, e seu design permite que a espada seja segurada com uma ou duas mãos – embora a força exigida seja bem maior caso seja empunhada com apenas uma. Quando o dono da espada entra em combate, as joias do javali começam a brilhar em um tom intenso de vermelho. Sempre que a espada causa dano em um inimigo, ela suga parte da vida retirada – 25% - e passa para o portador, caso este esteja ferido, restaurando assim parte da sua vida.] (Na Mochila sem fundo)

Gáe Buidhe [Uma lança de tamanho mediano, cento e quarenta centímetros. O bronze celestial é recoberto por uma camada de tintura dourada que confere a aparência áureo-amarelada que o nome da arma sugere. Abaixo da lâmina longa há uma região retangular em que se inscreve "Πέτρος, ο γιος του Έρωτα". No extremo inferior da arma, há uma espécie de contrapeso de metal que permite equilibrar a massa dela, tornando o manuseio mais simples. Entre a placa inscrita e o contrapeso há o cabo, adornado com traços que circundam todo ele, conferindo beleza e aderência, nos espaços gerados se misturam letras gregas, em gaélico clássico e no alfabeto latino. | Efeito 1: a arma é revestida pelo elemento raio, provocando 20% a mais de dano e tendo a chance de provocar paralisia pelo choque; Efeito 2: a arma sempre irá retornar para o dono, aparecendo ao seu lado | Bronze Celestial | Espaço para duas gemas | Beta | Status: 100%, sem dano | Épica | Conquistada no evento Quando o Passado Revive] (Na Mochila)

Pulseira de perícia Avançada [Pulseira de couro que se ajusta perfeitamente ao pulso do usuário, possui amarras de cordinhas na parte de baixo, então é fácil de equipar-se com ele, se for cortado, ou destruído, perde totalmente o efeito, ou seja, é preciso estar em uso, no pulso, para que o efeito continue a ser efetivo para o semideus, do contrário, ele perde o bônus da perícia completamente, só funciona através da pulseira | Aumenta a perícia de uma arma de sua escolha em +50%, provocando um dano de +30% (Lanças) | Couro | Sem espaço para gemas| Sigma | Status: 100% sem danos | Mágico | Loja especial do dia dos namorados]

Acheron [Uma espada de 70cm bastante peculiar. A lâmina possui dois cortes, ou seja, possui dois gumes afiados. O metal predominante é o Bronze Celestial, cravado em seu corpo metálico está palavras em enoque – língua dos celestiais – que confere a arma uma benção-maldição. A guarda mão da espada é um dos pontos mais belos, pois possui o formato de asas. Sua empunhadura é feita de madeira reforçada e com ondulações suaves que melhoram a forma de segurá-la. | Efeitos mecânicos: a espada pode se transformar em um chaveiro com um pingente de sua miniatura. Ela sempre retorna ao celestial depois de perdida, em sua forma de acessório; Efeito 1: Ao ser empunhada por um ser não celestial, a espada se torna extremamente pesada, ao ponto de nem mesmo os dotados com força apurada podem levantá-la. Efeito 2: xxxx. Efeito 3: xxxx | Resistência Beta | Engaste para uma gema | Status: 100%, sem danos | Mágico | Item de reclamação dos Celestiais de Éter] (Em forma de acessório)

Constelação Fênix [Um escudo circular que possui em seu centro a constelação da fênix desenhada. Quando atingido, essa constelação brilha suavemente, absorvendo um pouco do impacto desferido. O escudo mede 85 cm de altura, por 74 cm de largura, por 11,5 cm de profundidade. Seu principal material é o bronze celestial | Efeito mecânico: transforma-se em um bracelete dourado, tendo a forma e traços que o celestial desejar. Caso perdido/roubado, ele sempre retornará para o dono em algum momento; Efeito 1: graças ao poder contido na constelação de fênix desenhada no escudo, 25% do impacto é absorvido por ela; Efeito 2: xxx; Efeito 3: xxx | Resistência Beta | Engaste para uma gema | Status: 100%, sem danos | Mágico | Item de reclamação dos Celestiais de Éter] (Em forma de acessório)

Mochila sem fundo [Mochila de prata com material simples, sem bolsos laterais, com um único zíper, uma única entrada e uma única saída.| A mochila não possui fundo, foi encantada para caber inúmeros objetos, ou seja, seu espaço é infinito, tudo que você colocar dentro dela permanece ali, desde que passe pela parte de cima, ou seja, você precisa conseguir colocar o item pelo buraco, que é largo o suficiente para passar até uma panela de pressão. Para pegar o item de volta basta colocar a mão dentro da mochila e pensar nele, e ele retorna para suas mãos.| Indefinido | Sem espaço para gemas | Alfa | Status: 100% sem danos |Lendário e mágico | Loja especial do dia dos namorados]
Poderes e Habilidades como Filho de Eros:
Passivos

Nível 5
Nome do poder: Pequeno Corajoso
Descrição: Filhos de Eros/Cupido são extremamente audazes, ousados e destemidos. Não importa o inimigo os semideuses não se sentirão intimidados pela aparência ou potencial do inimigo.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Poderes relacionados a intimidação e medo, são 50% menos efetivos com filhos de Eros.
Dano: Nenhum

Nível 6
Nome do poder: Perfume Inebriante
Descrição:  Seu cheiro natural é um perfume delicioso para qualquer ser. Todos os seres vivos ficam com o humor melhor perto de você, monstros nunca te detectaram, pois seu perfume lembra a eles cheiros dos seus habitats naturais.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Não será rastreado por monstros. Pode confundir o inimigo em luta, inclusive, o fazendo hesitar ao sentir seu perfume, errando ataques durante um turno.
Dano: Nenhum

Nível 8
Nome do poder: Mira do Cupido
Descrição: A principal arma de Eros/Cupido e sua mais famosa era o arco-e-flecha, no qual Eros/Cupido acertava os deuses e mortais, criando e desfazendo casais. Por conta disto, os filhos de Eros/Cupido possuem uma mira muito boa, comparada a dos filhos/seguidores dos Gêmeos Arqueiros. Isso não funciona apenas com flechas, mas com facas, e armas de arremesso.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +30% de chance de acertar pontos críticos em lançamento de armas, arremesso de armas, como facas, adagas, lanças e flechas.
Dano: Nenhum

Nível 20
Nome do poder: Mania de Domador
Descrição: Filhos de Eros são extremamente hábeis quando se trata da dominação de animais, por enquanto, você consegue dominar com grande facilidade animais normais que sejam selvagens, como ursos, cavalos selvagens, lobos e felinos. Não funciona contra as criaturas que voam ou que habitam ambientes aquáticos.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Terão facilidade em lidar com criaturas, sendo naturalmente mandões, podendo inclusive, doma-las e controla-las por um tempo considerável. Em batalha, pode impedi-los de lhe atacar durante 3 turnos.
Dano: Nenhum

Nível 23
Nome do poder: Pericia com Arcos III
Descrição: O filho de Eros/Cupido, descobriu que o arco é a arma perfeita para ele, agora consegue acertar o alvo com uma precisão impressionante, e também aprendeu a atirar mais de uma flecha ao mesmo tempo.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +65% de assertividade no manuseio do arco.
Dano: +25% de dano se a arma do semideus acertar.

Ativos

Nível 5
Nome do poder: Ludus
Descrição: Você pode encantar uma flecha, e faze-la ser lançada com uma corda fina, dourada, que se prende ao redor do tronco do inimigo. Ao acerta-lo, e prendê-lo, poderá puxa-lo para si, ou arrasta-lo. As mãos do alvo – e braços – serão presas ao redor do tronco, o impedindo de usar as mãos, nada acontece com as pernas. A corda é extremamente resistente, pois, é banhada em ouro imperial, então é complicado rompe-la. Também poderá usar o artefato, para escalar, puxar coisas, e etc, ela se prende e se enrola, o que a torna bastante útil.
Gasto de Mp: 20 MP
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: Nenhum
Extra: Nenhum

Nível 24
Nome do poder: clonagem
Descrição: Os filhos de Eros são capazes de criar copias de si mesmo. Contudo, só conseguem criar duas copias, sendo que, tais clones, irão compartilhar de parte do HP do semideus, ou seja, a vida do mesmo será divida em 3 e todo aprendizado do clone, quando esses voltarem ao corpo original, passa a ser também do filho de Eros.
Gasto de Mp: 20 MP por clone
Gasto de Hp: O HP do semideus é divido de acordo com a quantidade de clones em campo. Ou seja, se seu HP total é 200, passara a ser apenas 100, e os outros 100 HP, serão transferidos para o clone dele.
Bônus: Nenhum
Dano: Nenhum
Extra: Os clones só são capazes de utilizar habilidades ativas e passivas até o nível 10.
Poderes e Habilidades como Celestial de Éter:
Passivos

Nível 5
Nome do poder: Detectar intenções
Descrição: A intuição do celestial é bastante apurada. Ele saberá reconhecer quando está sendo enganado ou quando alguém está sendo sincero. Durante o combate, ele sentirá o desejo de atacar do outro, podendo ficar em alerta e diminuir as chances de ser pego em um ataque surpresa.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: Nenhum

Nível 9
Nome do poder: Metal Celestial
Descrição: Bronze Celestial é um metal que é potencializado nas mãos do semideus seguidor de Éter. O metal fica naturalmente mais forte e poderoso quando usados por um celestial.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +10% de assertividade na arma que for feita de Bronze Celestial
Dano: +10% de dano em armas que contem Bronze Celestial

Nível 10
Nome do poder:  Precisão
Descrição: É a capacidade que permite ao semideus ter grande foco e atenção aos detalhes, de forma que sempre que realize uma mesma tarefa mais de uma vez o faça com perfeição. Eles aprendem com muita facilidade, e isso permite que dominem armas, resolvem enigmas e descubram alguma coisa de maneira mais rápida e precisa.
Gasto de Mp:  Nenhum
Gasto de Hp:  Nenhum
Bônus: +30% de percepção e inteligência. +20% de descobrir algo. Pode pedir ao narrador uma única pista ao resolver um enigma ou uma charada.
Dano: Nenhum

Nível 11
Nome do poder: Atributos melhorados II
Descrição: O celestial agora está mais evoluído. A experiência em batalhas melhorou ainda mais as suas condições físicas. O semideus seguidor de Éter torna-se ainda mais veloz e esquiva-se com mais facilidade. Seus reflexos também melhoraram.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +30% de velocidade, esquiva e reflexos.
Dano: Nenhum

Nível 12
Nome do poder: Cura Acelerada
Descrição: Ao adentrar nos celestiais de Éter, o semideus terá o seu metabolismo acelerado. Graças a isso, o processo de cura torna-se mais rápido e eficiente.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Os ferimentos pequenos se fecham depois de 2 turnos. Ferimentos profundos levam 4 turnos e ossos quebrados um dia inteiro.
Dano: Nenhum

Nível 15
Nome do poder: Resistência a possessão
Descrição: Os seguidores de Éter passam a ser o mais próximo de criaturas celestiais. Sendo assim, sua alma e corpo são protegidos pelo deus primordial, impedindo que sejam possuídos ou controlados.
Gasto de Mp:  Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: A possessão é possível apenas se o outro tiver 5 níveis a mais que o celestial, sendo necessário enfraquece-lo antes de possuir o corpo. Níveis menores que o celestial não conseguem concluir o procedimento.
Dano: 60 de dano a quem estar tentando possuir e falhe no processo.

Nível 16
Nome do poder: Sussurros ao vento
Descrição: Palavras ditas mesmo distantes podem ser carregadas até o celestial. Raramente ele pegará frases muito longas ou discursos inteiros. Geralmente são frases curtas e que são levadas pelo ar em forma de sussurros até o seguidor de Éter. Ele não possui controle sobre esse poder, sendo obrigado a escutar o que o vento carrega até ele.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp:  Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: Nenhum

Nível 25
Nome do poder: Força Estelar II
Descrição: Durante a noite, quando o brilho das estrelas se torna mais perceptível, o celestial fica ainda mais forte e resistente.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +30% de força e resistência corporal.
Dano: +15% de dano.

Nome do poder: Determinação
Descrição: O celestial é um guerreiro com determinação inabalável, determinação e força interior. Sabe aquela coragem de passar por algo difícil? Suportar a dor? Eles têm ela dentro de si, por isso, dificilmente se deixam abalar em situações de tortura ou que exijam coragem.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +10% de coragem para o celestial. +10% de resistência a dor.
Dano: Nenhum

Nível 27
Nome do poder: Sentidos Aguçados
Descrição: Os sentidos dos celestiais ao chegarem nesse nível se tornam mais aguçados e apurados.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +25% de melhoria nos cinco sentidos.
Dano: Nenhum

Ativos

Nível 3
Nome do poder: Constelação do Cão Maior
Descrição: A constelação do Cão Maior é uma das mais fáceis de localizar no céu, talvez por ser composto pela estrela mais brilhante, e talvez a mais célebre, de todo o céu: Sirius. A lenda dessa constelação envolve um mito greco-romano, em que um cão mítico Laelaps possuía uma velocidade que lhe permitia alcançar qualquer presa. Ao usar dessa habilidade, o Celestial estará invocando uma figura celestial canina. Seu corpo é translúcido e levemente brilhante, sendo possível ver as estrelas em forma da constelação dentro do animal. O Cão Maior irá auxiliar o celestial em batalha durante três turnos.
Gasto de MP: 25
Gasto de HP: Nenhum
Bônus: O Cão maior corre duas vezes mais rápido do que um cão comum.
Dano: O cão causará dano variável de 20 a 40, a depender de seu ataque.
Extra: O Cão Maior possui um porte similar a um cachorro grande, assim como ataques de um canídeo comum (mordidas, garras e velocidade). Ele possui de vida 150HP, podendo morrer antes dos três turnos finalizarem.

Nível 20
Nome do poder: Aerocinese II
Descrição: Permite ao celestial controlar, manipular, gerar e absorver o elemento do vento. Agora o semideus já desenvolvido consegue criar ventanias mais fortes, podendo fazer inclusive o oponente levitar alguns poucos centímetros do chão, e atira-lo para longe de si com uma força considerável (ainda pequena).
Gasto de Mp: 20 MP por turno ativo
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: Não existe um dano fixo para esse poder.
Extra: Nenhum

Nível 26
Nome do poder: Raio de Luz
Descrição: Uma grande quantidade de energia luminosa é concentrada nas palmas das mãos do seguidor de Éter. Essa energia acumulada é liberada em um raio que seguirá em linha reta, provocando um dano focado e poderoso.
Gasto de MP: 60
Gasto de HP: Nenhum
Bônus: 60% de chance de provocar queimaduras de 3 grau.
Dano: 70
Extra: Nenhum

Nível 27
Nome do poder: Constelação de Órion
Descrição: A constelação de Órion faz referência ao grande caçador mitológico, filho de Netuno/Poseidon e uma ninfa. Gigante e mestre no arco, Órion possui vários mitos relacionados a sua prepotência e suposto caso proibido com Ártemis/Diana. Ao usar dessa constelação, o celeste consegue a benção do caçador. Em suas costas, a constelação passa a ser tatuada em pontos suavemente brilhantes por 3 turnos.
Gasto de MP: 25 por turno ativo, totalizando 75
Gasto de HP: Nenhum
Bônus: Torna-se capaz de rastrear qualquer coisa no ambiente. +60% de mira, +30% de agilidade.
Dano: Nenhum
Extra: nenhum

Nível 30
Nome do poder: Fotocinese III
Descrição: Seu controle sobre a luz tornou-se perfeito, assim como a criação dela. Seus hologramas são visualmente perfeitos e sem falhas, tornando-os praticamente reais se não fosse a falta de som (afinal ainda são construtos de luz). Você já pode manipular a intensidade da luz no ambiente de uma rua, aumentando ou diminuindo. Quanto a manipulação de luz em um objeto, o semideus tornou-se capaz de deixar uma casa inteira invisível ou até seis objetos. Assim como também pode modificar a cores desse mesmo objeto.
Gasto de Mp: 20 MP por turno ativo
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: Nenhum
Dano: Não existe um dano fixo para esse poder.
Extra: Nenhum
Habilidades Adquiridas:
Nome: Perícia em Mira
Descrição: Mirar é a capacidade de usar de seus movimentos corporais e visualização de um objeto para atingi-lo. Ao fazer essa aula, o campista possui o treino o básico para acertar um alvo parado ou em movimento com diferentes objetos, desde armas a qualquer item corriqueiro. É necessário atentar-se para a equação de: quanto mais concentrado, mais precisa é a mira.
Gasto de MP: Nenhum
Gasto de HP: Nenhum
Bônus: +30% em mira
Dano: Nenhum
Extra: Uma vez por missão, você pode solicitar o Acerto Perfeito, acertando o alvo caso ele esteja a menos de 100m de distância. O post também deverá conter a narrativa de como foi realizada a mira. Ações como “mirei e acertei” serão invalidadas.

Nome do poder: Pericia em Mira de Arcos II
Descrição: O semideus ao executar certo treinamento, acabou aprimorando sua mira, de forma que, atirar em alvos com um arco se tornou muito mais fácil. O tempo com essa arma é um inimigo, mas agora que possui o conhecimento adequado, a vantagem está a seu favor e sua mira, está muito melhor.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +40% de mira com arcos, tendo facilidade em atirar em alvos em movimento.
Dano: +25% de dano se o inimigo for atingido pelo arco do semideus.
Extra: Nenhum
Observações:
Então, tem esse bonificador:

Tubo Pack de Dracmas único (Em uma postagem de sua escolha – valido para qualquer missão, evento, mvp, pvp, e afins – o semideus terá os dracmas duplicados pelo avaliador, lembrando que é necessário colocar esse prêmio em spoiler caso deseje que seus dracmas sejam duplicados. Não tem prazo, mas só poderá ser usado uma vez). Situação: Cheio 0/1, não foi utilizado.

E esse prêmio da Roleta de Ano Novo:

17. Pequenas grandes festas – 2018 chegou com tudo e quer te premiar em dobro. Ganhando essa benção as estrelas da sua próxima postagem serão duplicadas! Isso mesmo, essa promoção é válida apenas para postagens que lhe deem estrelas, lembrando que, é válida apenas UMA VEZ, e apenas em sua PRÓXIMA POSTAGEM. A Staff também deixa claro que, caso o semideus não coloque a as pequenas grandes festas em spoiler no fim da próxima postagem, esse deixa de valer e é perdido completamente, afinal, como dito, é valido apenas para próxima postagem após ganhar essa benção.

Que caso puderem ser contabilizados fossem levados em consideração na hora do prêmio, caso a gente consiga cumprir a missão. Do contrário, só avisar mesmo que não pode e eu uso em algum outro post KKKKK Brigado
avatar
Peter C. Gallagher
Celestiais de Èter
Celestiais de Èter

Mensagens : 272
Idade : 20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grupo 4 (Lee Chae-rin, Peter C. Gallagher , Freya Kravinoff , Vince Le Fay Karkaroff e Beorn Jarbeon)

Mensagem por Veronica Grindelwald em Dom Dez 31, 2017 5:01 pm



SAVING SANTA CLAUS
Dor.... Era a única palavra que eu conseguia processar naquele exato momento. Era como se uma parte de mim tivesse me deixado e bem isso era verídico visto que agora eu estava sem um braço para contar história. Eu não conseguia me mover, estava em estado de choque enquanto que meus companheiros de batalha lutavam para deter o último buraco negro restante. O monstro estava lidando bem contra eles, mas no fim os três semideuses conseguiam nocauteá-lo.

Meu semblante estava o pior possível, eu apenas conseguia derramar lágrimas de dor. Meu corpo estava ardente e enfraquecido e Chae percebia e caminhava em minha direção. — Desculpa por isso — proferia Chae enquanto rasgava parte de sua blusa para fazer um curativo básico na parte do meu braço decepado. Gritei bem alto, pois a dor ainda era constante. — Você perdeu um braço por minha culpa, e agora não posso fazer muita coisa — dissera e eu falei para ela que a culpa não era sua, erros como aquele acontecia e bem eu fui uma das felizardas a recebê-lo.  —Não é muito, mas sei que podemos dividir isso. Eu não tenho outra garrafa como aquela, mas acho que essa pode quebrar um galho por agora — balbuciou enquanto me entregava meio líquido da garrafa de néctar dos deuses onde eu poderia usar para ficar um pouquinho melhor antes de prosseguirmos em frente.

VAMOS! SE NUVENS DE GÁS AINDA NÃO SE APROXIMARAM, ALGO PIOR PODE ACONTECER!  — Proferiu o filho de Apolo e logo tentei me levantar com cuidado para a outra sala j unto dos três semideuses antes que aquele gás mortífero nos atingisse. Meu corpo ainda estava doendo, mas eu não poderia fazer nada. Tentava segurar a minha foice, mas por um motivo aparentemente inútil eu não estava conseguindo manejar direito a foice, mas segui tentando.

Assim que travessamos para a próxima sala a anterior fora fechada e então seguimos em frente. Para a nossa infelicidade surgirá o grande causador daquilo tudo, o chefão. Era um cara gigantesco que aparentava ser bastante poderoso. Enquanto isso Chae parecia não estar bem e logo Vince a desacordou, mas era para um bem maior e fazia parte da estratégia do grupo cujo eu havia concordado, mesmo relutando um pouco.

Aquele gigante seria um desafio e tanto e devo admitir que eu não estava preparada fisicamente para lidar com aquilo, mesmo eu tendo que dar o golpe final naquele maldito. Enquanto que Vince e Peter atacavam-no aproveitei rapidamente para criar uma maça com os meus poderes para me recuperar um pouco. A maçã estava deliciosa e então abocanhei a mesma na minha boca, me sentindo um pouco melhor. A região do meu braço esquerdo ainda não estava em suas melhores condições, iria demorar bastante até me acostumar a ter um braço só daqui pra frente.

Sentindo-me um pouco melhor, deixei com que Peter se divertisse com o monstro enquanto atingia-o com a sua flecha explosiva, mas antes disso acontecer o Domador percebia a minha aproximação e logo com o seu chicote atingiu-me em cheio, fazendo com que eu caísse e atingisse o chão com tudo. Meu braço fora danificado novamente e novas dores começavam a tomar conta do meu corpo.  

Eu me sentia fraca e inútil e não conseguiria deter um monstro como esse. O grupo estava contando com a minha ajuda para isso e eu nem ao menos conseguia ficar de pé sem ser atingida pelo gigante. — Porque.... Porque isso? Eu não posso decepcionar minha mãe e muito menos Thanatos... Que péssima Ceifadora eu sou? — Dissera enquanto tentava convencer a mim mesma de que aquilo tudo era errado e que eu deveria seguir em frente e me sacrificar talvez para ajudar os meus amigos... Eu deveria tentar pelo menos atingi-lo antes de dizer adeus...

Com este pensamento em mente decidi me levantar e então peguei a foice apadrinhada por Thanatos e então corri o máximo que eu podia tentando ignorar a bendita dor do meu falecido braço e então em um grito de guerra manejei a foice com dificuldades e então mirei-a no gigante, atingindo-o em cheio com um corte mortal. Com o combo do filho de Eros — que havia prendido-o com a corda de ouro imperial — nós golpeamos o monstro rapidamente.

Este seria o fim? Nós vencemos? O que aconteceria agora?

Adendos:
Armas:
• Julgadora [Uma bonita e grandiosa foice toda feita de material negro enquanto sua lâmina, prateada, dizem ser feita de adamantino. É uma arma pesada nas mãos de qualquer outro semideus que ouse empunhar a arma mas tende a se tornar leve nas mãos dos ceifadores afinal, a foice sempre foi uma das marcas registradas de seu mestre. | Efeitos mecânicos: Se torna um bracelete quando não está sendo utilizada. Para ativar a arma, gire o pulso duas vezes em sentido horário para que o cabo comece a se desprender de seu pulso e cresça até se tornar a arma que é. | Cortes realizados por esta arma recuperam o HP de seu portador em 10% do dano causado.| Resistência Beta | Espaço para uma gema | Status: 100%, sem danos | Nível 3. | Lendária |Presente de reclamação dos Ceifadores de Thânatos].

Habilidades:
← Panic: O semideus que porta de tal habilidade é neutralizado de qualquer ataque referente ao pânico quando está em batalha. Sua mente torna-se impenetrável, impossibilitando a manipulação de tal emoção quando está em campo de guerra, seja lá para qual for a situação, tornando-o mais preciso, utilizando o pânico como arma para efetivar ataques ao transformá-lo em incentivo para lutar, aumentando o dano causado pelo golpe escolhido tanto por habilidade, como por elemento de combate físico corpo-a-corpo. (2x por turno)
Gasto de Mp: 15mp.
Gasto de Hp: 10hp.
Bônus:  +20% de assertividade na tentativa de bloqueio.
Dano: +20% de dano com o uso da habilidade.
Extra: Nenhum.
← Sensitti Vitale: O semideus que porta de tal habilidade é capaz de agir de forma veloz, conseguindo distinguir a verdade da mentira com mais efetividade, tal como ser mais rápido que o seu oponente quando opta por utilizá-la. Sua velocidade é dobrada e todos os sentidos do corpo são estimulados a ajudá-lo, dando-lhe um penhor de destreza assertiva num contra-ataque. (2x por turno)
Gasto de Mp: 15mp.
Gasto de Hp: 15hp.
Bônus:  +25% em velocidade.
Dano: +25% de dano com o uso da habilidade.
Extra: A destreza vai depender do golpe escolhido. Valerá somente em caso de uso das habilidades ativas.

Tatuagens:
Tatuagem SPQR [Tatuagem de coloração negra feita na parte inferior do antebraço direito. Possui o desenho de uma maçã podre, seguido abaixo pelas letras SPQR, um risco para cada ano servindo a Legião e escrito V Coorte. 5ª Coorte: Uma vez por missão/evento, os poderes relacionados á agilidade e/ou esquiva/defesa proferidos pelo semideus membro da 5ª Coorte, dobram de efetividade durante três turnos. Não pode ser removida do braço do semideus nem mesmo através da utilização de magia, sendo para sempre marcado como um romano.]

Force Upgrade | Força | Tatuagem em formato de duas foices cruzadas. | Aumenta a força do Semideus em 10% | Braço Esquerdo | Micro Marca | Permanente.

Linked | Armas e Escudos | Tatuagem de uma caveira ensaguentada. | Cria um elo entre o dono e a arma(Julgadora), o usuário pode ativar a tatuagem que abre um pequeno portal onde a arma estará armazenada, podendo puxá-la. Válido para qualquer item. | Braço Direito | Marca Pequena | Permanente

Poderes:
Passivos Éris:
Nível 3
Nome do poder: Energia
Descrição: Caso haja um clima de discórdia, vingança ou ira no campo de batalha, você irá se sentir mais forte e revigorado.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: + 5 de HP e + 5 de MP.
Dano: Nenhum

Nível 13
Nome do poder: Estrategista Habilidoso
Descrição: De tanto criar mentiras você começa a se tornar um bom estrategista, sendo capaz de criar estratégias de batalha quase tão eficientes quanto a das proles de Atena.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +20% de chance de que seus planos funcionem conforme o esperado.
Dano: Nenhum

Nível 16
Nome do poder: Furtividade I
Descrição: Os filhos de Eris/Discórdia tendem a ser bastante espertos, furtivos, devido as palavras venenosas e da má sorte que instalam ao seu redor. Isso faz com que consigam se esquivar mais facilmente, e se locomover sem serem notados com facilidade, podendo evitar fazer barulhos, ou serem detectados.
Gasto de Mp: Nenhum
Gasto de Hp: Nenhum
Bônus: +15% de furtividade em luta. +20% de chance de pegar o inimigo de surpresa.
Dano: Nenhum

Nível 22
Nome do poder: Cura do Pomo II
Descrição: Agora, ao ingerir do fruto, além de se sentir revigorado, você consegue fazer com que pequenas feridas/feridas superficiais se fechem.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: + 25 de HP e + 25 de MP
Dano: Nenhum

Ativos de Éris:
Nenhum ativo utilizado.

Passivos Ceifadores:
Nível 2
Nome do poder: Silenciosos
Descrição: Assim como a morte nem sempre anuncia sua chegada, os membros desse grupo secundário podem escolher abafar seus sons. Podendo assim passarem despercebidos, ou então não denunciar sua aproximação.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: Nenhum.

Nível 16
Nome do poder: Visão Noturna II
Descrição: Acostumados com a escuridão, os ceifadores possuem facilidade em enxergar em meio a esta. Entretanto, nesse nível, sua visão alcança até 40 metros à sua frente.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: Nenhum.

Nível 22
Nome do poder: Bestiário Humano II
Descrição: Um ceifador tem como função auxiliar seu mestre, ceifando as almas das criaturas que estão pela terra. Portanto, nesse nível, ele é capaz de identificar, também graças à memória eidética, todos os monstros com os quais cruzar. Nesse nível já possui mais informações, como, além do nome e seus atributos ou poderes principais, curiosidades e pontos fracos da criatura.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: Nenhum.

Nome do poder: Emboscada II
Descrição: Sempre que realizar um golpe surpresa, as chances de ser um golpe crítico são maiores, além de causar mais da dano que o normal.
Gasto de Mp: Nenhum.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: 20% de chance de acerto crítico.
Dano: Nenhum.

Ativos Ceifadores:
Nível 27
Nome do poder: Ferida Mortal II
Descrição: Utilizando a energia sombria para deixar suas lâminas mais afiadas, seu próximo golpe irá cortar/perfurar mais fundo, ignorando resistências naturais e bônus que não de armaduras ou itens.
Gasto de Mp: 40 de MP.
Gasto de Hp: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: 80; além do dano da arma.
Extra: Nenhum.
✿✿
avatar
Veronica Grindelwald
V Coorte
V Coorte

Mensagens : 246
Idade : 21
Localização : Anyone knows.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grupo 4 (Lee Chae-rin, Peter C. Gallagher , Freya Kravinoff , Vince Le Fay Karkaroff e Beorn Jarbeon)

Mensagem por Hades em Qui Jan 04, 2018 11:56 pm


Boss
A cura proveniente da asiática havia garantido a prosperidade e vida dos membros do seu grupo ao passo que era desmaiada, não imaginando que seu corpo seria utilizado como isca para os demais membros do grupo.

Entretanto uma sequência de fatos ocorridos minou as esperanças: Vince acertou o monstro enquanto o mesmo agarrava Peter e após isso ambos os homens desaparecerem das vistas do domador, deixando-o livre para golpear a desacordada Chaerin. Porém logo Peter retornou, sendo perseguido por Vince. Que dava indícios de estar sendo possuído, mesmo assim o filho de Eros conseguiu atingir o monstro e lidar com Vince que o atingia. Porém o golpe final veio de Freya – subjugada e ferida – que matou atingiu o monstro, ao passo que colapsava diante dos próprios ferimentos.

O monstro foi morto, mas ela também.

HP/MP:
FREYA KRAVINOFF
HP: 0/370 +30 + 25 (curas) - 40% ao ser atingida - 10% hemorragia.
MP: 222/370 + 30 + 25 - 40 (poder ativo)

VINCE LE FAY BOUWKNECH
HP: 159/530 HP recuperado// -70% por ser atingido
MP: 370/530 -160 de poderes ativos

PETER C. GALLAGHER
HP: 46/460 HP recuperado// -50% por ser atingido - 40% (pelos golpes de vince)
MP: 230/460 -230 por poderes ativos

LEE CHAE-RIN
HP: 25/320 -30% por ser atingida
MP: 240/320 -60 por poderes ativos (esqueceu de tirar do spoiler)

TODOS PRECISAM POSTAR NA ENFERMARIA.

Avaliação
COMENTÁRIO: Novamente irei fazer um comentário geral. Logo se quiserem uma análise mais detalhada sobre vocês me procurem por MP pois irei escreve-la com prazer!

As informações contidas não bateram ou forma supridas, ou seja, enquanto X fazia algo no post de Y não tinha a ação de X. Além de uma ausência de ações imediatas que dá a entender que seu personagem ficou parado enquanto o outro agia. Além de confusão de postagens. E isso resultou em descontos altos, além da ausência de trabalho de equipe que só percebi em três posts: o ultimo da Chaerin, o primeiro do Vince e o ultimo do Peter.

Sinceramente essa abertura de postagem dava margem para todos vocês saírem mortos, além da falta de organização e de ações. Compreendi que vocês como equipe depositaram esperanças nos dois mais fortes da equipe e apenas o Peter fez um trabalho para salvar a equipe, aliada ao golpe final da Freya – que acabou levando a vida dela –. A saída para desmaiar a Chaerin foi inteligente, mas utilizar um membro com menos da metade do HP e desmaiado como isca?! Isso não é trabalho em equipe, mas o oposto. Além do já citado ponto narrativo onde não houve nada ocorrendo e nenhuma ação de qualquer membro foi colocada no local. Eu poderia utilizar dessa brecha e fazer o monstro matar a Freya. Sem golpe final quem derrotaria o monstro?! Ninguém e vocês todos estariam mortos.

Os descontos foram nos campos de desenvolvimento da história e ações realizadas. Por conta dos pontos já citados. Com isso Vince ganha uma maldição pela forte ausência de trabalho de equipe.

Freya
Ortografia/Gramática: 28%
Desenvolvimento da História: 20% XP
Ações realizadas: 35%
RECOMPENSAS: 13.280 (+50%) = 19.920 XP
13.000 dracmas

Vince
Ortografia/Gramática: 30%
Desenvolvimento da História: 20% XP
Ações realizadas: 25%
RECOMPENSAS: 18.750 (+50% +50%) x2 = 75.000 XP
18.000 dracmas
Maldição
Nome da Maldição: Trabalho em Equipe
Descrição: Sempre que trabalhar em equipes o semideus irá obedecer a qualquer comando que seus colegas solicitarem, mesmo que seja completamente humilhante. O filho de Apolo será compelido a fazer. – Some após 5 postagens em equipes com semideuses que existem dentro do RPG.
Gasto de MP: Nenhum.
Gasto de HP: Nenhum.
Bônus: Nenhum.
Dano: Nenhum.

Peter
Ortografia/Gramática: 30%
Desenvolvimento da História: 20% XP
Ações realizadas: 32%
RECOMPENSAS: 16.400 (+50%) = 24.600 XP
16.000 x2 = 32.000 dracmas

Chaerin
Ortografia/Gramática: 25%
Desenvolvimento da História: 20% XP
Ações realizadas: 35%
RECOMPENSAS: 12.800 (+50%) x2 = 38.400 XP
12.000 dracmas

Todo mundo ganha 120 estrelas, o Peter tem duplicador de estrelas e fica com 240.


Ἅιδης
avatar
Hades
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 792
Localização : Importa? A morte ainda será capaz de te achar.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Grupo 4 (Lee Chae-rin, Peter C. Gallagher , Freya Kravinoff , Vince Le Fay Karkaroff e Beorn Jarbeon)

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum