The Blood of Olympus
Para visualizar o forum é necessário estar cadastrado, por favor registre-se no rpg ou entre em sua conta. É necessário estar cadastrado para ver as informações contidas no forum. Lembre-se de usar nome e sobrenome, não se cadastrar usando nomes geralmente utilizados por Hacker. Exemplo: "Barum" "Hakye" e por ai vai. Bem vindos.

Evento Relâmpago - Missão

Página 2 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Evento Relâmpago - Missão

Mensagem por Samantha R. Prescott em Qua Dez 14, 2016 3:44 pm

Defense
shipper/wanted
A frustração de perder o valioso item sem receber o caos em troca preencheu os pensamentos da desordeira. Samantha, irritada, fixou o olhar revoltado na fera. Ficara ainda mais furiosa, mas isso ainda a divertia de certa forma. A semideusa inspirou fundo, e recordou-se que podia invocar monstros. Samantha sorriu, um sorriso ferino carregado de malícia. Este aumentou ainda mais ao receber o aval de que poderia invocar um monstro.

Quando o grito de guerra da prole de Ares ecoou, a Prescott fechou os olhos e começou a convocar um monstro, não era a primeira vez que fazia isso, já tinha mais prática por isso ela sabia que invocaria o que queria: uma harpia.  O ar ao redor da semideusa ganhou um aspecto mais pesado, quando a Prescott abriu os olhos, esses se encontravam negros como o céu à noite. Um portal se abriu no chão e direto do tártaro surgiu o que ela queria, uma harpia adulta.

A fera sobrevoou acima dela, aguardando ordens. A penas cor de bronze se destacavam na visão da semideusa, Samantha sorriu.

— Ataque-o, arranhe-o, cegue-o. Só... faça algo útil. — a semideusa rosnou a ordem para a Harpia, esperando que ela acatasse. Ao mesmo tempo o cérebro ágil da Prescott se movia, "Cody disse que tiraria o monstro de cima de Andrew", refletiu ela. Esperando que as ações do companheiro desse certo, Samantha se preparou para se aproximar do semideus abatido e tentar afasta-lo do monstro para um lugar mais seguro, pronta para usar teletransporte caso fosse necessário.


Armas:

Purgatory Sword - Essa espada é feita de ferro estígio a cada vítima que morre por sua lâmina têm sua alma presa, tornando a espada mais forte. Quando o semideus usar esta espada durante a batalha os seus adversários poderão ouvir os gritos de dor e desespero dos mortos em batalha por todos os filhos de Éris, causando medo. [Número de almas - 00]. Embainhada na cintura.

Adaga de Ares  - Uma adaga banhada nos mais nobres sangues de todas as guerras, que quando usada pelo semi-deus  aumenta em 50% sua força. Escondida na bota esquerda.

Anel - Um anel que recupera 100HP. Precisa estar no dedo representante ao casamento na mão esquerda, só assim funcionará. (x1) desintegra após o uso. (Presente de Hera) Dedo esquerdo do casamento.

Cartão Manipulador(x1)- O cartão manipulador dá ao semideus a capacidade de controlar a água por cerca de três minutos cada um. Só pode ser utilizado uma única vez, antes de se auto destruir após o uso. Bolso traseiro da calça.

[Bracelete da Guerra]- Um bracelete de bronze celestial que, quando ativado, se transforma em um escudo circular. Escudo esse de alta resistência e que quem o usa é beneficiado pelos espíritos da guerra, lhe dando mais força durante uma batalha.
Obs: Direito a um espírito da guerra para ser usado pelo usuário... Escolha fica por conta dele e dura de 2 a 4 turnos (escolha do Narrador de tal batalha.)
Em caso de perda, ou sumiço, ou desfeita do objeto, ele voltará a aparecer a seu dono de origem (Presente de Ares.... sem mimimi) Pulso esquerdo.

Amuleto da sorte:Um colar de prata com um medalhão de ferro estígio onde há duas runas gravadas, uma a frente e uma atrás a runa da frente é para força e a de trás para proteção. Quando ativo a runa da frente da um aumento de velocidade para a semideusa, durando 2 rodadas. E após ativado, fica 5 rodadas sem o poder.(presente de James)

-Daily Poison:  consiste numa adaga feita de ferro estigio com fios em prata, cujo a lâmina libera uma nevoa escura retirada de Isabella somente uma vez por dia, essa capaz de atortoar o oponente por alguns segundos. [Presente da Bella] Escondida na bota direita.

Ao semideus é dada uma faca em formato de raio, semelhante a espada da semideusa prole de Zeus. A faca é extremamente cortante e fere gravemente, porem não mortal. Sempre retorna ao semideus portador. [Presente da Vic] Embainhada na coxa.

Cristal de expansão: Uma gema pequena que pode ser encaixada em qualquer arma. Quando encaixada cria uma pequena corrente de ar cortante que expande o poder de alcance da lamina. Quando atinge seu alvo o corte fica duas vezes mais fundo. Quando não está em uso torna-se um pequeno pingente transparente em forma de gota preso a uma fina corrente de prata. Fixado na Purgatory Sword

Anel do amor: Permite que uma vez por evento ou missão o semideus consiga seduzir o inimigo a ponto de deixa-lo atordoado ou querendo fazer algo para satisfazer seus desejos, segue um dos seus comandos, durante uma rodada. Mão direita, dedo anelar.

Frasco de fogo grego: líquido mágico espesso e verde que solta fumaça da mesma cor e então explode. Pode ser usado uma única vez. (x1) Na mochila, junto com muda de roupa.
Poderes Ativos:

Nível 4 - Convocação de monstros (Iniciante)- Por sua mãe esta dentro do Tártaro,você ganha a habilidade de Invocar um Monstro direto do Tártaro como Harpias,Empousas e etc... .O monstro terá 50 hp e mp.

Nível 5 - Teletransporte Rápido: Quando assumir o tal nível, o filho da discórdia poderá se teletransportar a curtas distâncias. (Limite: 4 metros)

Poderes Passivos:

- Agilidade - Éris era sempre vista acompanhando Ares, seu irmão, nas guerras e assim como ele possui uma grande agilidade em batalhar.

-Agilidade - Éris quase nunca perde em uma batalha, por isso seus filhos são ágeis, velozes e fortes.
Explicações/Resumo:


  1. Samantha invoca a Harpia e manda atacar o monstro.

  2. Graças as suas passivas de agilidade, ela se move rapidamente até Andrew para ajuda-lo, mas, ela só faz isso se o Cody conseguir tirar o monstro de cima dele, se não, ela permanece parada.

  3. Como ela vai ajudar? Ela vai arrastar ele pra um lugar seguro.

  4. O teletransporte será usado? Somente se o monstro se rebelar, ela usará ele como última opção para sair da mira. Se estiver com Andrew, ela se teletransporta levando ele.
© DFRabelo




Sammy Roux Prescott
"Sem proposta, sem resposta, sem conceito, só discórdia."

.soph.


avatar
Samantha R. Prescott
Filhos de Eris
Filhos de Eris

Mensagens : 99
Data de inscrição : 03/07/2013
Idade : 18

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento Relâmpago - Missão

Mensagem por Peter C. Gallagher em Qua Dez 14, 2016 3:47 pm



The Amazing Six

No primeiro dia toda a paz se desfez. O que ocorrera foi um dos ataques mais súbitos que o Acampamento já enfrentara. Rompendo toda a tranquilidade que existia em um dia que parecia ser completamente igual a qualquer outro, monstros começaram a invadir o espaço que deveria estar cercado por poderosas barreiras mágicas que impediam a passagem de qualquer um deles.

As batalhas se estenderam durante praticamente todo dia e eu fui informado ainda antes do mesmo se encerrar que na manhã seguinte, assim que os primeiros raios de Sol despontassem, deveria partir em uma missão externa. As informações passadas eram poucas, o que era compreensível já que nem mesmo Quíron compreendia com perfeição o que estava acontecendo, mas me surpreendeu o número de campistas. Via de regra, toda missão tinha no máximo três componentes, talvez por uma questão estratégica ou para não chamar a atenção de monstros. Aquela empreitada contaria com dez semideuses, o que indicava, eu supus, seu grau de dificuldade.

Agradeci aos dons dados a mim por Thanatos por não ser sentido dificuldade em despertar apesar de um repouso instável. Arrumei a mochila com os poucos itens que eu tinha, mas em meio à indecisão sobre qual deles seria mais adequado, optei por carregar todos. Despedi-me do meu pégaso, explicando novamente ao meu mascote e amigo as razões para ele não ir comigo. Como última ação dentro daquelas fronteiras, fiz uma visita rápida ao chalé de Apolo com o intuito de falar com um... amigo.

O caminho até o nosso destino final fora envolto em um silêncio sepulcral. As circunstâncias pareciam exercer uma pressão sufocante em todos nós, inclusive em mim; apesar de não sentir muito medo, eu tinha aquela sensação de tensão pelo meu corpo, como se uma responsabilidade perigosa se colocasse sobre nós. Balancei a cabeça para os lados, afastando pensamentos dispensáveis, assim que visualizei aquela construção incomum. As palavras disparadas pela divindade foram – ficou flutuando no ar aquela velha dúvida: esperávamos mesmo que uma deusa grega fosse fugir do protocolo e uma vez na existência da sociedade ocidental simplesmente dizer quem era o atual inimigo querendo destruir a humanidade e qual seria o melhor método de detê-lo? – surpreendentemente enigmáticas. Eu tentava formular teorias para o significado de tal charada em forma de fala divina quando tudo desvaneceu ao meu redor e onde antes havia uma deusa com tendência a atuações misteriosas e uma lojinha de produtos naturais agora se apresentava uma situação de risco de vida protagonizada por nós, semideuses, e antagonizada por uma criatura bestial, pelo escuro, olhos vermelhos, cauda reptiliana, dimensões próximas a de um tanque, corriqueiras garras e presas imensas e, como se não bastante existir uma mandíbula cheia de dentes capazes de triturar carne humana, três mandíbulas capazes de triturar carne humana, cada uma em uma cabeça diferente.

O meu instrutor de esgrima adiantou-se na ofensiva e eu franzi a testa, tentando compreender qual era a lógica daquela situação.

A deusa do arco-íris com déficit de objetividade não disse com todas as letras que a nossa inimiga misteriosa iria tentar nos atrasar e que deveríamos fugir e detê-la caso encontrássemos um monstro forte demais? – Todos estavam bem dedicados em seus ataques, porém. – O guardião do inferno não é um monstro forte demais? – Ninguém parecia ser capaz de me ouvir com o barulho intenso que o cachorrinho fazia.

A batalha se arrastou enquanto eu divagava e me dei conta de que nós não parecíamos ter outra opção. Até que fazia sentido, já que quando meus companheiros tentaram ataca-lo, Cérbero moveu-se a uma velocidade absurda, logo, caso tentássemos fugir deste, ele nos alcançaria antes que déssemos nosso primeiro passo utilizando sua descomunal agilidade. Obviamente se batalhássemos a velocidade bestial dele não seria um problema.

Não tinha outra opção, iria ajudar.

Ouvi aos comandos dados pelo filho de Ares, que sabiamente cumpria papel de líder no momento e uma ideia surgiu de imediato em minha mente.

A pulseira em meu pulso direito transformou-se em um arco de ouro branco e eu o utilizei para invocar uma flecha de mesmo material. Aproximei o rubi em formato de coração do dedo polegar e realizei um corte considerável, cobrindo a pedra com meu sangue antes de levar os olhos ao céu levemente pálido na região fronteiriça.

Mestra do Inverno, senhora da neve, filha do vento. Abençoa-me, Quione, empreste-me um pouco de seu poder e permeie este projétil com seus dons”, a prece era recitada silenciosamente, apenas em minha mente. Corri de modo a me posicionar diante do animal gigante, mas a uma distância segura e armei a flecha que encantara alguns instantes antes. Minha mira era quase perfeita e tirara proveito da tentativa de Luuk e Helena de imobilizar nosso adversário para diminuir as minhas chances de errar. Com uma noção básica da localização de um coração canino, concentrei meu olhar no lado esquerdo do peito de Cérbero e disparei a flecha.



This is a fight for the day, night, black, white


Poderes e Habilidades Adquiridas:

Poderes Passivos

Nível 1
Perícia em Mira – Eros tem uma mira muito boa em qualquer coisa que precise ser jogada longe. Como, lanças e principalmente flechas. Sua família são os melhores Arqueiros. Ele consegue entender e é perito em qualquer tipo de arma.

Mira de Cupido – A principal arma de Eros e sua mais famosa era o arco-e-flecha, no qual Eros acertava os deuses e mortais, criando e desfazendo casais. Por conta disto, os filhos de Eros possuem uma mira muito boa, comparada a dos filhos/seguidores dos Gêmeos Arqueiros.

Nível 2
Silenciosos – Quando os Ceifadores se mechem eles não fazem barulho os deixando menos propícios a ataques de monstros.

Nível 3
Perfume Inebriante – Seu cheiro natural é um perfume delicioso para qualquer ser. Todos os seres vivos ficam com o humor melhor perto de você, monstros nunca te detectaram, pois seu perfume lembra a eles cheiros dos seus habitats naturais.

Nível 8
Hipercinese – Esta habilidade permite que o seu cérebro processar o movimento muito mais rápido do que as outras pessoas. Essa capacidade lhe permite melhores reflexos e excelente pontaria com armas de longo alcance ou com objetos atirados, bem como prever uma determinada trajetória.

Nível 10
Energia Natural – Concentra energia espiritual no seu corpo, impulsionando movimentos, acrobacias e velocidade em alto nível.

Habilidades Adquiridas

Selo de Gelo – Retirando um filete de sangue do polegar o semideus poderá criar um selo ao passa-lo na frente da flecha (como oferenda ou sacrifício, especificamente a deusa Quione). Selando a flecha dessa forma será capaz de “invocar” criar uma flecha gelada, a aparência será de uma flecha comum, porém ao atingir seu alvo o gelo se espalha na corrente sanguínea, deixando o alvo atingido rijo, duro, ou parado por um turno. Tal habilidade só poderá ser invocada uma única vez por missão, evento, ou treino.

Armas e Itens:

Em uso

Loving Arc – Uma réplica do próprio arco de Eros. Este é feito de ouro branco com detalhes coberto de bronze celestial, sua corda é coberta pela mais pura prata, é bastante elástica e jamais arrebenta. O arco materializa flechas mágicas assim que o filho de Eros toca na corda, sendo que as flechas possuem duas propriedade, uma é fazer com que pessoas fiquem apaixonadas ( durante 3 turnos ) pela primeira pessoa ou coisa que ver, e, a outra é que a flecha pode causar danos. A flecha materializada é toda feita de uma mistura de ouro branco e bronze celestial, sendo sua ponta um rubi vermelho no formato de um coração, tornando-a totalmente mortal. Quando não utilizado o arco se transforma em uma pulseira com um pingente no formato de coração. [Indestrutível] [Caso o semideus perca, o item volta ao seu pulso depois de um turno].

Capa Negra – Uma capa desfiada que cobre completamente o corpo do ceifador, escondendo sua identidade e tem a resistência de uma armadura. Protege em 40% dos ataques desferidos, não é possível outra pessoa retira-la apenas o ceifador pode.

Outros
(Podem estar transformados em um item de transporte fácil, mas junto com o usuário)

Foice da Morte – Uma foice forjada no rio estige, onde sua foice queima onde toca. Algumas podem ser abençoadas por Thanatos e terem poderes como invocação de fantasmas infinita, que não afeta a saúde do usuário. Caso alguém que não seja ceifeiro tente manuseá-la sem permissão, sofrerá uma dor agonizante. (Nas costas)

Rage – Espada longa, com cerca de um metro de comprimento e largura consideravelmente grande. A lâmina é feita de bronze celestial, tão afiada que um mero toque é capaz de causar ferimentos, possuindo setenta centímetros da ponta à base. Abaixo da base, a guarda da arma é o entalhe da cabeça de um javali, feita em ferro e com dois rubis em seus olhos, aparentemente foscos e apagados. O punho é feito de madeira, e seu design permite que a espada seja segurada com uma ou duas mãos – embora a força exigida seja bem maior caso seja empunhada com apenas uma. Quando o dono da espada entra em combate, as joias do javali começam a brilhar em um tom intenso de vermelho. Sempre que a espada causa dano em um inimigo, ela suga parte da vida retirada – 25% - e passa para o portador, caso este esteja ferido, restaurando assim parte da sua vida. (Sob efeito do Arsenal, na forma de Punhal, no cinto)

Armour Love – Uma armadura totalmente adaptável ao corpo do semideus, sendo esta constituída de ferro estígio e ouro, reforçando sua defesa e sua coloração é um leve rosa com gemas prateadas em alguns pontos.. Juntamente com à armadura vêm duas corrente que se esticam até 30 metros, sendo estas feitas de prata e bronze celestial e suas pontas possuem formatos de coração. As correntes possuem a habilidade que permite que o filho de Eros a controle que qualquer maneira. Apenas o filho de Eros pode vesti-la. Torna-se um colar com um pingente que o semideus escolher. [Indestrutível] [Caso a perce, retorna ao pescoço do semideus após dois turnos]. (Na forma de colar)

Diadema de Fênix – A diadema de fênix, aparentemente é um objeto inofensivo forjado em adamantium, seu formato lembra o de uma coroa incrustada com pequenas esmeraldas por toda sua extensão. Uma esmeralda um pouco maior, se concentra em seu centro ao ser tocada faz com que uma fênix protetora apareça para ajudar seu portador. A fênix é capaz de expelir fogo por suas assas causando queimaduras de tamanho médio. A habilidade da fênix pode ser usada apenas duas vezes em missão e evento. (Na mochila)

Arsenal – Anel brilhante feito em aço polido, com uma pedra preciosa esbranquiçada minúscula em seu centro. Possui o efeito de alterar uma arma, mudando assim sua forma, detalhes, e qualquer outra coisa que o portador desejar, desde que as alterações sejam apenas físicas. Ou seja, utilizando o efeito do anel, é possível transformar uma lança em uma espada ou faca, ou qualquer outro item de ataque. Um escudo circular pode ser transformado em um broquel, ou um escudo de corpo. Os materiais dos itens podem ser alterados, mas seus efeitos sempre serão os mesmos (exemplo: uma espada elétrica ainda causaria dano por eletricidade se transformada em uma lança).
avatar
Peter C. Gallagher
Celestiais de Èter
Celestiais de Èter

Mensagens : 147
Data de inscrição : 11/07/2015
Idade : 19

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento Relâmpago - Missão

Mensagem por Ares em Qua Dez 14, 2016 5:49 pm


A defesa se rompeu...
Cody outra vez tomara a dianteira e organizara seu grupo, distribuindo ordens a todos. Algo perigoso no meio da batalha, afinal, o resto das criaturas não iriam esperar as ordens serem dadas para matarem seus adversários.

O primeiro a agir fora o filho de Ares que movera sua montante com um único braço, a posicionando para liberar toda sua habilidade. Com um corte horizontal, lançou uma poderosa onda de ar para decepar o pescoço central da criatura. Porém, a onda tivera um poder destrutivo tão grande que quando atingiu o corpo do animal, o transformara em poeira dourada imediatamente.

Todos estavam perplexos, pois acreditavam que teriam que se esforçar muito mais para acabar com Cérbero. Andrew se engasgava com toda a purpurina que caía sobre si, mas estava acordado novamente. Finalmente o grupo estava reunido novamente e poderiam discutir como iriam encontrar a deusa que fazia aquilo.

Todos os pensamentos eram escutados com cuidado e eles pensavam juntos. As coisas pareciam fluir para os cinco semideuses até que uma gargalhada ressonar no ar e o chão abaixo deles se desfazer. Não somente isso, algo parecia os sugar para dentro da escuridão, roubando-lhes todos os sentidos.

Horas depois

Os pequenos heróis pareciam voltar a consciência e se viam presos em um cárcere medieval. Sentiam-se fracos e cansados, algo ali sugava suas energias, os enfraquecendo ou talvez apenas a queda houvesse feito aquilo.

No túnel ao fundo do salão de prisões alguém se aproximava.  Uma mulher alta, com cabelos escuros que pareciam possuir vida própria, enrolando-se em torno dos braços da mulher, eventualmente pareciam cacheados, outrora lisos, cheios, finos, mas sem nunca abandonar o tom escurecido. Trajava uma espécie de vestido colado ao corpo, parecendo ser salpicado de estrelas assim como céu noturno em noites onde as estrelas parecem brilhar intensamente. Já sua aparência parecia varia a cada piscada dos semideuses, eventualmente parecia uma mulher negra, com a pele pigmentada de melanina – como se a noite se manifestasse na própria pele da Deusa –, outras vezes parecia possuir a coloração prata pálida da lua. Nyx era, certamente incrível de se observar.

Ela parou à frente da cela e observou todos

- Pequenos semideuses... Parece que vocês me encontraram. Ou melhor, eu os encontrei. - A mulher deu as costas para eles e parecia ponderar algo. - Vocês preferem se unir a mim e destruir o acampamento ou perecer diante de meu campeão?



Informações e regras:

• É obrigatório a identificação dos poderes utilizados, assim como as armas, através do spoiler. Caso algo não seja constado a arma/poder não terá sido utilizado.
• A MP e HP de cada um será contado de acordo com o nível de cada um, por exemplo, a HP de alguém pertencente ao nível dois (2) será igual a 110.
• Mascotes são PROIBIDOS.
• Proibido o uso de qualquer item que seja igual ou superior a velocidade do som.
• Tenham plena ciência de que mortes poderão ocorrer, de forma que, caso você poste algum turno e não poste os demais sem alguma justificativa plausível poderá ser considerado morto.
• O narrador sou eu (Ares), portanto tenho plenos direitos de decidir qual é a melhor interpretação. Alguns dos poderes tem ampla interpretação e não informam gasto de MP, por exemplo, reclamar informando que sua interpretação é a correta não irá leva-lo a lugar algum.
• Qualquer reclamação e afins a minha caixa de MP está aberta, assim como a do Athena.
• Edições nos posts só serão toleradas até as onze (23 horas) da noite do dia 14/12/2016 no horário de Brasília.
• Em tal turno, ao iniciar o ataque, vocês deverão fazer APENAS três ações. Por exemplo, corri até ciclano, dei uma rasteira e pulei para trás. Mais do que isso as ações serão desconsideradas. O USO DE PODER ATIVO CONTA COMO AÇÃO.
• O mínimo de linhas é igual a cinco (5).
• Vocês terão até as três (15) horas da tarde dia 15/12/2016 para postar, lembrando que estamos no horário de Brasília. Não se atrasem.
avatar
Ares
Deuses Estagiários
Deuses Estagiários

Mensagens : 484
Data de inscrição : 30/05/2013
Localização : Olimpo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento Relâmpago - Missão

Mensagem por Samantha R. Prescott em Qua Dez 14, 2016 8:29 pm

Defense
shipper/wanted


A cabeça estaza zonza, os sentidos ainda estavam despertando, mas Samantha conseguia sentir a presença dela. Era obscura demais para que a semideusa não a sentisse. A Prescott sorriu, sentido a aura divina da mulher. Os olhos castanhos demoraram-se na deusa, que mudava de aparência a cada instante, ficando impossível para a semideusa tirar os olhos dela.

— Então... esse é o seu joguinho? Nos comprar? Cadê o tratamento V.I.P? Não se trata as pessoas que quer do seu lado assim, dona Nyx. — a voz da morena se fez presente carregada de ironia e prepotência características dela, um sorriso ferino brincava em seus lábios.

— Sabe, eu esperava muito que fosse minha mãe. Se fosse Éris em seu lugar, não pensaria duas vezes, apesar de odiá-la bastante. Seria perfeito para no fim trai-la e vê-la cair. Mas é apenas você, Nyx. Não tenho motivos para me aliar a você. — Samantha renegou a proposta, revelando até mesmo um dos poucos sentimentos que guardava para sim, o ódio profundo pela detentora de sua herança divina.

Armas:

Purgatory Sword - Essa espada é feita de ferro estígio a cada vítima que morre por sua lâmina têm sua alma presa, tornando a espada mais forte. Quando o semideus usar esta espada durante a batalha os seus adversários poderão ouvir os gritos de dor e desespero dos mortos em batalha por todos os filhos de Éris, causando medo. [Número de almas - 00]. Embainhada na cintura.

Adaga de Ares  - Uma adaga banhada nos mais nobres sangues de todas as guerras, que quando usada pelo semi-deus  aumenta em 50% sua força. Escondida na bota esquerda.

Anel - Um anel que recupera 100HP. Precisa estar no dedo representante ao casamento na mão esquerda, só assim funcionará. (x1) desintegra após o uso. (Presente de Hera) Dedo esquerdo do casamento.

Cartão Manipulador(x1)- O cartão manipulador dá ao semideus a capacidade de controlar a água por cerca de três minutos cada um. Só pode ser utilizado uma única vez, antes de se auto destruir após o uso. Bolso traseiro da calça.

[Bracelete da Guerra]- Um bracelete de bronze celestial que, quando ativado, se transforma em um escudo circular. Escudo esse de alta resistência e que quem o usa é beneficiado pelos espíritos da guerra, lhe dando mais força durante uma batalha.
Obs: Direito a um espírito da guerra para ser usado pelo usuário... Escolha fica por conta dele e dura de 2 a 4 turnos (escolha do Narrador de tal batalha.)
Em caso de perda, ou sumiço, ou desfeita do objeto, ele voltará a aparecer a seu dono de origem (Presente de Ares.... sem mimimi) Pulso esquerdo.

Amuleto da sorte:Um colar de prata com um medalhão de ferro estígio onde há duas runas gravadas, uma a frente e uma atrás a runa da frente é para força e a de trás para proteção. Quando ativo a runa da frente da um aumento de velocidade para a semideusa, durando 2 rodadas. E após ativado, fica 5 rodadas sem o poder.(presente de James)

-Daily Poison:  consiste numa adaga feita de ferro estigio com fios em prata, cujo a lâmina libera uma nevoa escura retirada de Isabella somente uma vez por dia, essa capaz de atortoar o oponente por alguns segundos. [Presente da Bella] Escondida na bota direita.

Ao semideus é dada uma faca em formato de raio, semelhante a espada da semideusa prole de Zeus. A faca é extremamente cortante e fere gravemente, porem não mortal. Sempre retorna ao semideus portador. [Presente da Vic] Embainhada na coxa.

Cristal de expansão: Uma gema pequena que pode ser encaixada em qualquer arma. Quando encaixada cria uma pequena corrente de ar cortante que expande o poder de alcance da lamina. Quando atinge seu alvo o corte fica duas vezes mais fundo. Quando não está em uso torna-se um pequeno pingente transparente em forma de gota preso a uma fina corrente de prata. Fixado na Purgatory Sword

Anel do amor: Permite que uma vez por evento ou missão o semideus consiga seduzir o inimigo a ponto de deixa-lo atordoado ou querendo fazer algo para satisfazer seus desejos, segue um dos seus comandos, durante uma rodada. Mão direita, dedo anelar.

Frasco de fogo grego: líquido mágico espesso e verde que solta fumaça da mesma cor e então explode. Pode ser usado uma única vez. (x1) Na mochila, junto com muda de roupa.


© DFRabelo




Sammy Roux Prescott
"Sem proposta, sem resposta, sem conceito, só discórdia."

.soph.


avatar
Samantha R. Prescott
Filhos de Eris
Filhos de Eris

Mensagens : 99
Data de inscrição : 03/07/2013
Idade : 18

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento Relâmpago - Missão

Mensagem por Cody Morgensten em Qua Dez 14, 2016 11:26 pm


The Night
Cody sorriu em um misto de satisfação e frustração ao ver que seu ataque, que tinha unicamente o objetivo de afastar a criatura de três cabeças, havia sido responsável por destruí-la. Esperava muito mais de uma criatura com tamanha Divação, e sentia-se meio bobo por ter passado tanto tempo dando instruções de combate sem qualquer razão, já que nenhuma delas havia sido colocada em prática, mas ainda assim era bom ver que havia conseguido lidar com o monstro sem tantos problemas para a sua equipe. Como sempre ao vencer uma batalha, uma aura de harmonia tomou conta do corpo do semideus, curando suas feridas e restaurando a energia que gastara em batalha. Cody devolveu a espada para seu lugar de origem, e aguardou que o restante do grupo se recuperasse para que pudessem pensar em seu próximo passo.

Passo este que nunca chegou. Antes mesmo que pudessem executar qualquer plano, uma longa gargalhada ressoou por todo o ambiente. Imediatamente, o rapaz levou a mão ao cabo de sua montante uma vez mais, porém antes mesmo que pudesse sacar a arma, sentiu que perdera todo o apoio que tinha sobre o chão. Olhando para baixo, viu que o solo simplesmente havia sumido, guiando todos os semideuses do grupo para nada mais que a pura escuridão. O guerreiro tentou manter-se em uma posição apropriada para o provável impacto, dobrando os joelhos e preparando-se para absorver toda a queda de uma só vez, porém não teve a chance. Sua consciência fluiu aos poucos para fora de seu corpo, e ele perdeu os sentidos.

Quando acordou, sua mente demorou muito para voltar à razão. Primeiramente, imaginou que estava acordando após uma noite de sono em seu chalé. Não sentia qualquer ferida e nem marca de cansaço, como sempre acontecia após uma boa noite de sono. Seus olhos se abriram aos poucos em meio a um grande bocejo, e foi só então que ele foi capaz de se lembrar do que havia acontecido, e colocou-se de pé em um salto. O que foi um erro, pois só então ele percebeu que algo retirava a energia de seu corpo, e a pressão fez com que ele se sentisse levemente tonto, quase cambaleando antes de conseguir retornar a si e poder olhar melhor para o ambiente.

Estava preso. Ele e todos os outros membros daquela exploração encontravam-se em uma espécie de masmorra medieval, o que o fez sentir que os deuses não possuíam criatividade alguma. Era a terceira vez em que era desacordado e então acordava em um lugar exatamente como aquele por influência divina, e não podia se sentir mais impotente e ao mesmo tempo entediado com a situação repetida. Porém, sentia que era diferente que nas outras vezes. Nas duas anteriores, o semideus encontrava-se em uma ilusão. Um plano do qual simplesmente acordara sem qualquer ferimento. Embora não soubesse como, ele tinha certeza de que não era o caso naquela vez.

Não demorou muito para que o semideus a visse se aproximando. A mulher era bela de uma maneira diferente do comum, com seus longos cabelos que mudavam constantemente de forma e penteado, embora sempre se mantivessem negros como a própria noite. Seu vestido, colado ao corpo, era também negro e brilhava em diversos pontos, quase como se estrelas iluminassem com intensidade um céu completamente negro. A própria mulher era completamente difícil de decifrar, com sua forma e detalhes que alternavam tanto quanto os fios de cabelo. Mas de uma coisa, uma única coisa em toda aquela existência confusa, Cody tinha certeza: estava diante da deusa primordial da noite.

Nyx aproximou-se com palavras simples e rápidas, e foi isso. Nenhuma explicação a respeito de um super plano maligno contra o Olimpo, nenhum falatório sobre como havia sido injustiçada, ou como estava brava com os semideuses, ou qualquer coisa desse tipo. A deusa simplesmente ofereceu que os campistas se unissem a ela para fazer algo que apenas ela sabia. O filho de Ares sentiu vontade de rir, porém, Nyx ainda era uma deusa imensamente mais poderosa que os semideuses ali, e por isso o rapaz decidiu que não seria esperto demonstrar desrespeito. Infelizmente, nem todos acharam o mesmo, pois Samantha logo começou a debochar da deusa, o que fez com que os instintos de Cody se agitassem perigosamente.

Imediatamente, o rapaz retirou a montante de suas costas e a empunhou, apontada na direção da deusa. Suas mãos agarravam a empunhadura com muito mais força que o necessário enquanto o semideus tentava analisar a situação de modo a obter qualquer vantagem possível, porém não conseguia pensar tão bem enquanto a vida de seus companheiros estava em risco, e enquanto a própria lealdade de algum deles poderia ser arriscada. O que faria caso algum deles decidisse trocar de lado? Seu dever e sua honra o impeliam a atacar para matar qualquer um que fosse traidor.

— Eu morreria antes de sacrificar minha honra, Nyx — respondeu o jovem rapaz, corajosamente, enquanto a lâmina mantinha-se empunhada. — Traga o seu campeão e veremos quem irá perecer, pois não irei trair meus amigos e meu lar!

Importante:
Itens Levados:
♈ Merciless [Espada longa com um leve tom de vermelho na lâmina e feita de bronze celestial. Ao Comando do usuário, a espada adquire um tom vermelho sangue e dobra o dano causado por ele.] - Em forma de adada, na calça de Cody.

♈ Masterwork [Uma montante com dois metros de comprimento, desde o pomo até a ponta, sendo que destes, um metro e sessenta é de lâmina. O restante é formado por um punho feito de aço polido e revestido por couro para não machucar as mãos do usuário. O pomo da espada é uma esfera com o tamanho aproximando de uma maçã, feito também de aço polido. A espada não possui guarda, sendo que do punho passa direto para a lâmina, feita em bronze celestial puro - pintado para adquirir um tom vermelho sangue -, e com diversos entalhes em baixo relevo de símbolos gregos antigos. A lâmina possui vinte centímetros de largura em sua base, sendo muito mais larga que qualquer espada comum, e por isso também muito mais pesada. Com dez quilos, seu uso apropriado é impossível para qualquer mortal ou semideus que não possua a força necessária para isso, mas em compensação a arma é poderosa o bastante para dividir um mortal ao meio, causando muito mais dano que qualquer espada, quando usada apropriadamente. Não pode ser empunhada com uma mão, mesmo para quem é forte o bastante para isso, pois suas manobras exigem duas mãos na guarda. Dentro do pomo da montante, existe uma joia mágica, que dá ao semideus que empunha a espada a habilidade de se teleportar uma vez a cada dois turnos. Não existem limites para o teleporte além do turno de recarga, de modo que a arma pode levar seu usuário para qualquer lugar instantaneamente.] - Empunhada por Cody.

♈ Fallen [Pingente feito do sangue dos guerreiros mais vitoriosos. Ao utilizar esse item, as almas dos guerreiros virão em seu favor e lhe proporcionarão um exército de até 4 guerreiros zumbis.] - No colar de contas do Acampamento.

♈ Death [Uma capa desfiada que cobre completamente o corpo do ceifador, escondendo sua identidade e tem a resistência de uma armadura. Protege em 40% dos ataques desferidos, não é possível outra pessoa retira-la apenas o ceifador pode.] - Sobre o corpo de Cody.

♈ Arsenal [Anel brilhante feito em aço polido, com uma pedra preciosa esbranquiçada minúscula em seu centro. Possui o efeito de alterar uma arma, mudando assim sua forma, detalhes, e qualquer outra coisa que o portador desejar, desde que as alterações sejam apenas físicas. Ou seja, utilizando o efeito do anel, é possível transformar uma lança em uma espada ou faca, ou qualquer outro item de ataque. Um escudo circular pode ser transformado em um broquel, ou um escudo de corpo. Os materiais dos itens podem ser alterados, mas seus efeitos sempre serão os mesmos (exemplo: uma espada elétrica ainda causaria dano por eletricidade se transformada em uma lança).] - No anelar direito de Cody.

♈ Vampire [Manopla única de armadura, feita em ferro, protegendo os dedos, mãos e antebraço do usuário(não acompanha outras peças de armadura). Possui um desgin baseada na dos cavaleiros medievais, embora alterada para que os dedos se assemelhem a garras - podem ser usados para ataque, em último caso. Quando utilizadas, seu portador pode utilizar a HP no lugar da MP para utilizar poderes ativos. O gasto ainda será o mesmo, mas será descontado na vida, e não na energia. Não é um efeito obrigatório, ativado apenas se o usuário desejar.] - Na mão esquerda de Cody.

Cure: Uma pulseira de couro, contendo três pingentes. Uma gota, uma folha e um coração. Ao se combinar os três pingentes o semideus consegue produzir uma cúpula ao redor de seu inimigo que o reprime por cerca de três minutos. Perfeito para quem deseja fugir. Pode ser usado apenas duas vezes em missão e evento. - Na mochila de Cody.

♈ Cage [É um pequeno diamante que quando jogada na direção de um monstro vira uma grande prisão. Prendendo o inimigo. O efeito não dura pra sempre. Só por no máximo duas rodadas de ataque.] - Na mochila de Cody.

♈ Ambrosy [Uma caixa de trufas feitas com ambrosia (contem 5 trufas ao todo, quando usadas recuperam 10 de Hp + 10 de Mp do semideus que ingerir).] - Na mochila de Cody.
Poderes Passivos:

Thanatos

Nível 4 - Benção do Sono - Como benção do irmão gêmeo do seu mestre, quando os Ceifadores dormem, recebem cura de seus ferimentos e restauração de sua energia. Mesmo não havendo necessidade de dormir, há para os Ceifadores, utilidade no ato.

Nível 5 - Sem Medo - Todos tem medo, de fato, mas os ceifadores sabem o quão psicológico o medo é. Desta forma eles são imunes ao medo criado por um inimigo, só o sentem quando a própria natureza o cria.

Nível 7 - Cura sombria II – Através da sombra e da escuridão, você recupera HP (+5 por turno) e a recuperação de um ferimento é três vezes mais rápida.


Ares

3 - Força I: A força é sem dúvida alguma a principal arma de um guerreiro,que o faz vencer seus inimigos mesmo que precise utilizar apenas seus punhos. Independente do porte físico do filho de Ares e da sua idade, o semideus terá a força de um atleta de MMA profissional, sendo capaz de carregar até cinquenta quilos e desferir poderosos golpes desarmados capazes de causar danos internos sobre o corpo de monstros e humanos.

4 – Sexo sentido - Em meio a um campo de batalha, descansar não é opção e os filhos de Ares sempre estão atentos. Além de conseguirem notar com mais precisão e facilidade sinais de aproximação (sons, cheiro e etc), esses semideuses possuem uma espécie de sexto sentido, de modo que ao serem alvo de um ataque direta ou indiretamente, pressentirão o perigo, podendo se prepararem melhor para o combate e evitarem serem emboscados.

5 – Disciplina: Os campistas do chalé 5 são os mais disciplinados e focados. Com isso, sua resistência a poderes/habilidades que envolvam alterações emocionais ou na personalidade do campista é bastante forte. Poderes mentais possuem no máximo 50% de seu efeito sobre os filhos de Ares, assim como dificilmente o semideus irá deixar que distrações tirem de si o foco em sua missão.

17- Regeneração Gradual III: Os filhos de Ares se recuperam bem mais rápido que os demais, mesmo entre os semideuses, para poderem voltar logo para a batalha e esmagar mais alguns crânios. Ganham 4 ponto de HP por rodada, 5 se estiverem em batalha.

18 - Sobrevivência claustrofóbica: Ares ficou treze meses trancafiado em urna de bronze pelos gigantes Oto e Efialtes, de modo que apenas conseguia uivando e gritando. Pelo tempo que Ares conseguiu sobreviver em um lugar tão pequeno e apertado, seus filhos herdaram uma habilidade natural de seu pai; a de conseguir sobreviver em lugares fechados e pequenos, de modo que se sintam desconfortáveis em ambientes fechados mas não sofrem possíveis efeitos negativos referente a escuridão, assim como não possuem dificuldade para lutar em lugares com pouco espaço.

19 - Harmonia: Harmonia é uma das filhas de Ares, tendo um comportamento contrario a sua tia Éris, sendo responsável pela harmonização e calmaria, ao contrário de Éris que é uma deusa que faz de tudo para provocar confusos e intrigas. Após um combate, o filho de Ares vitorioso recebe como recompensa da deusa um espírito de calmaria, fazendo com que os sentimentos do semideus se harmonizem e o mesmo relaxe, aumentando em 15% sua HP e MP.

® Credits to Lux



avatar
Cody Morgensten
Ceifadores de Thanatos/Leto
Ceifadores de Thanatos/Leto

Mensagens : 62
Data de inscrição : 05/09/2015
Idade : 19
Localização : Indefinida

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento Relâmpago - Missão

Mensagem por Helena Rodis Katsaros em Qui Dez 15, 2016 2:22 am


Will you watch me
room 1040 ♠ rock. ♠ watch me.
Helena viu a grande fera se desfazer em pó quando a espada de Cody o cortou ao meio com um golpe de espada apenas. Abismada, correu o olhar pelos braços dele e pra sua enorme espada. Como era possível tanta força assim? Ares era um deus surpreendente, e suas proles, mais ainda. Sentia-se agradecida por ter alguém tão capaz e poderoso ao seu lado nos Ceifadores. Seu pai deveria sentir mais orgulho de Cody do que da própria menina.

Assim que o silêncio reinou e apenas o arfar de seus companheiros era ouvido, a dúvida e preocupação de algo mais aparecer era bem presentes. — E agora? — murmurou consigo mesma, rodando no próprio eixo com as asas brilhantes. Porém, alguns segundos mais tarde, pôde perceber - sentir - que algo estava errado. O ar abaixo de si pareceu ter aumentado a pressão e uma enorme cratera começou a abrir-se, puxando todos para dentro dela. Helena tentou resistir, mas mesmo suas asas não suportaram.


[...]


Não lembrou de mais nada a seguir. O chão gélido abaixo de si a despertou, fazendo com que piscasse os olhos rapidamente e tentasse erguer-se. O vigor não era o mesmo, sentia a fraqueza tomar conta de seus músculos e até sua mente que era tão ativa sempre, estava lenta e confusa. Paredes antigas e grossas, grotescas. Onde estava? Ou melhor, onde estavam? Ali também estavam seus companheiros de missão, juntamente com Cody. Tossindo, conseguiu sentar-se e encostar as costas na parede, esticando as pernas e respirando fundo. Odiava a impotência a acometer. — Cody? — chamou baixinho, logo calando-se quando uma presença estranha e divina. Seria a deusa misteriosa que estava causando todo aquele alvoroço?

Seus cabelos eram negros como a noite, e se enrolavam em seu corpo. Um vestido que realçavam sua beleza extremamente natural. Nyx. pensou e ergueu-se apoiando-se nas paredes. Suas palavras eram frias bem como a donotação de sua voz. Como ela tinha a audácia de achar que se renderiam à ela? Justamente ela? . Um sorriso irônico espalhou-se no rosto da ceifadora. — Sério? Tipo, sério mesmo, vovó? — deu uma risada. Não sabia pelos outros companheiros o que resolveriam, mesmo que Samantha e Cody haviam negado. Ela não se curvaria. Não fazia parte de sua natureza. — Patética. Por achar que eu, prole de seu próprio filho, me curvaria a algo tão ridiculo assim. Invadir um acampamento cheio de crianças? Eu esperava mais de você. — comentou por fim.

Poderes usados:
Ativos

...


Passivos

ʡ Sem Medo - Todos tem medo, de fato, mas os ceifadores sabem o quão psicológico o medo é. Desta forma eles são imunes ao medo criado por um inimigo, só o sentem quando a própria natureza o cria.

ʡ Hipercinese – Esta habilidade permite que o seu cérebro processar o movimento muito mais rápido do que as outras pessoas. Essa capacidade lhe permite melhores reflexos e excelente pontaria com armas de longo alcance ou com objetos atirados, bem como prever uma determinada trajetória.

ʡ Phobos e Deimos – Temor e Pânico. Se estas são características da guerra, são ainda mais da morte. Um ceifador ativa instintos e acelera qualquer coração. Sentir a proximidade da morte é uma tortura para quem guarda a vida, e retira deste ser a capacidade de agir perfeitamente ou com total determinação. O efeito aumenta conforme o uso (e o aumento de nível) de “Visão da Morte”.

Anjo da Morte II A partir desse nível, as asas dos filhos de Thanatos adquirem resistência a ataques mágicos e elementais, podendo ser usadas como escudo em último recurso pelo filho de Thanatos. As asas bloqueiam completamente ataques de inimigos com mesmo nível, e reduzem o dano pela metade caso o nível seja maior. Ataques físicos não poderão ser defendidos. Além disso, os semideuses agora passam a ter maior agilidade quando em voo, facilitando combates e afins, além de aumentarem o limite de altura para 50 metros acima do ponto de partida.



Itens levados:
A Foice Lendária -> Uma réplica da foice carregada pelo próprio Thanatos. A arma, apesar de uma cópia, é tão mortal quando a original, sendo feita de ferro estígio e o cabo de um material indefinido, negro e indestrutível. Cada vez que um oponente morrer por um golpe dado por esse arma, seu portador é curado em 5 HP. Semideuses que não tiverem o sangue de Thanatos e tocarem na foice terão a palma da mão queimada imediatamente. Se transforma num colar com um pingente de foice quando não está sendo usado.


Capa da Morte -> Uma capa que pode cobrir o corpo todo do filho de Thanatos. Ao usá-la, o mesmo se torna invisível pelo tempo que a usar, mas note que a mesma não camufla seus passos, nem oferece proteção alguma, sendo feita de uma espécie de seda tão lisa que desliza como água por entre os dedos.


Poção de Camuflagem - Quando essa poção é jogada no chão, uma densa neblina é criada no local.

Chicote de Nero: O Chicote de Nero tem inicialmente um metro de comprimento, vermelho-sangue. Quando segurado pelo seu legítimo dono, escolhido por Phobos, o chicote instantaneamente pega fogo por toda a sua extensão, sem queimar o portador, mas incendiando qualquer coisa que tocar. Além disso, o chicote pode atingir até 5 metros de comprimento, caso o portador queira.


Cantil magico – Um cantil atribuído a deusa Nike (abençoado) que contem um liquido claro inacabável que recupera vida e força durante um combate ou uma luta (restaura 15 hp e 15 mp), podendo ser usado apenas uma vez durante a luta, missão, pvp ou mvp).

Bracelete de Cristal: Uma peça delicada prateada com pequenas pedras de safira incrustado, quando ativado transforma-se em uma espada de luz inquebrável capaz de soltar pequenos raios e atira-los contra o inimigo.

♈ Arsenal [Anel brilhante feito em aço polido, com uma pedra preciosa esbranquiçada minúscula em seu centro. Possui o efeito de alterar uma arma, mudando assim sua forma, detalhes, e qualquer outra coisa que o portador desejar, desde que as alterações sejam apenas físicas. Ou seja, utilizando o efeito do anel, é possível transformar uma lança em uma espada ou faca, ou qualquer outro item de ataque. Um escudo circular pode ser transformado em um broquel, ou um escudo de corpo. Os materiais dos itens podem ser alterados, mas seus efeitos sempre serão os mesmos (exemplo: uma espada elétrica ainda causaria dano por eletricidade se transformada em uma lança).]

Rubi encantado: Um anel com um grande rubi a enfeitar, moldado do mais puro bronze. Capaz de quando usado para fins de luta e defesa criar duas copias idênticas do semideus repetindo gestos, fala, vestes causando confusão no oponente.










avatar
Helena Rodis Katsaros
lider dos ceifadores
lider dos ceifadores

Mensagens : 140
Data de inscrição : 04/06/2015
Idade : 20
Localização : Atrás de você.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento Relâmpago - Missão

Mensagem por Peter C. Gallagher em Qui Dez 15, 2016 5:36 am



The Amazing Six

O polegar ainda vertia uma linha delgada de sangue; a rabeira da flecha já estava a poucos centímetros do meu rosto, além do final do tubo apoiado à corda prateada e tensa do arco, um tiro completamente preparado. Meu atual alvo era um perigo iminente para as donas de casa atribuladas e meticulosas: poeira. Poeira dourada! Poeira dourada de monstro!

Apesar de uma certa decepção por ter aberto um corte no meu dedo completamente à toa, não poderia negar que estava contente que Cody tivesse sido capaz de abater nosso adversário com apenas um golpe por ele realizado, além de também me encontrar um pouco surpreso com a eficácia de tal movimento. “Por essas e outras que nunca devemos desafiar um filho de Ares, Gallagher”, observei mentalmente conforme andava em direção aos meus companheiros de missão, sentindo o Loving Arc retornar progressivamente à forma de uma pulseira.

Foi com um sorriso leve e um tapa simpático no ombro que eu parabenizei Cody pelo seu sucesso. Seguiu-se um momento de discussão pouco enérgica entre nós, comentários sendo feitos, possibilidades postas em questão e refutadas, além de algumas que se revelavam como uma teoria aceita por todos nós – como quem seria a tal divindade a quem Íris se referira, uma dúvida que já tínhamos sanado sem nem ao menos precisar dividir nossos pensamentos.

A conclusão me trazia um receio aversivo. Se nossa principal aposta estivesse certa – e pelo modo como Íris falara, eu tinha certeza que ela estava – nosso inimigo era uma existência ancestral, complexa e primordial. Tão poderosa que eu era capaz de sentir a aura de seus poucos filhos à distância. Até mesmo Luuk, que era apenas um de seus seguidores, emanava aquela energia antiga e que causava simultaneamente aversão e curiosidade. O louro era, inclusive, uma indagação para mim. Afinal, se a deusa que desejava destruir o nosso lar fosse a sua mestra, o que ele faria? Aliar-se-ia à divindade que o selecionou para ser devoto ou permaneceria ao lado daqueles que efetivamente o acolheram? Já me preparava para perguntar ao filho de Afrodite o que eu questionava internamente quando o som inesperado de uma risada preencheu o ar como se viesse de todos os lados. Nem ao menos tive tempo de evocar meu arco antes de sentir meu corpo sendo jogado pela gravidade para baixo. Com a camiseta, era inviável invocar minhas asas e, enquanto minha mente esforçava-se em traçar um plano, eu desmaiei.



Franzi os olhos. Respirei devagar, ainda com os olhos cerrados. Movi os braços, dedos e pernas languidamente, lentamente retomando o tato e coordenação em tais. O despertar foi lento e quando, mais consciente, abri os olhos, soltei um suspiro de enfado que foi seguido de uma expressão de alívio ao perceber que todos os meus companheiros de missão estavam a salvo. Parte de tal sensação positiva era preocupação real com a segurança deles, enquanto a outra era a confirmação de que caso houvesse um embate eu não teria de travá-lo sozinho.

Não foi preciso que tentasse me levantar, como alguns dos semideuses fizeram, para notar o torpor que tomava meu corpo. Especialmente depois que me tornara ceifador havia me acostumado a um despertar tranquilo e relaxado, mas agora era como se eu houvesse dormido quarenta minutos na madrugada depois de dar três voltas correndo pelo perímetro do Acampamento.

Quando a vi se aproximar, a primeira coisa que senti foi encantamento. Seus cabelos se estendiam com uma fluidez inexplicável, dançando ao seu redor como se fossem fios de um tecido mais leve que o ar, em um momento formavam um véu contínuo e reto, para depois ondularem e repartirem-se em faixas que nadavam para pontos diferentes. A pele era sempre de tons contratantes, mas uniformes e belos. Sua roupa era simples, uma peça só, mas que parecia integrar seu corpo, tanto envolver como ser parte da sua pele – e considerando a sua natureza, não seria impossível que realmente fizesse. Eu respirei fundo quando ela parou diante de nós, arrebatado por sua presença impositiva. A deusa da noite eterna e superior não poderia ser descrita com precisão apenas como bonita; ela era, de uma forma até assustadora, algo como deslumbrante e altiva.

Foi então que ela resolveu abrir a boca e todo o meu fascínio se dissolveu.

Antigos falam que os deuses não fizeram os homens, os homens fizeram os deuses. Analisando o convite da divindade diante de nós para que nos juntássemos a ela e destruíssemos nosso acampamento, com o mesmo tom de quem realiza um convite para limpar janelas, eu tive certeza que aqueles supremos seres tinham muita coisa de humanos. Sem explicar o porquê que levara ao seu desejo de destroçar com o acampamento – provavelmente para retomar o poder do Olimpo, como foi com seus parentes mais novos anos antes –, abstendo-se de qualquer explicação mais detalhada, ela nos forneceu uma escolha bem simples: juntarmo-nos a ela ou enfrentar um tal “meu campeão”.  No exato momento respostas ácidas começaram a surgir na minha mente, mas eu apenas observava as reações dos meus companheiros. Apesar de seus modos nada divinos, eu sentira a força estranha e poderosa que a presença de Nyx tinha e ponderei um pouco melhor sobre o meu ímpeto de provoca-la. Aliar-me a ela não era realmente uma possibilidade. Primeiro, porque eu não sentia ódio, nem amor, por Eros. Segundo, e principalmente, porque, por mais inegavelmente cliché que fosse, o Acampamento Meio-Sangue me lembrava um lar, era onde eu conhecera boas pessoas e desfrutara de ótimos momentos quando não estava enfrentando a morte certa.

Assim, com cuidado, procurei construir a frase menos agressiva cabível para não deixar a divindade sem uma resposta.

Acho que todos aqui nos sentimos profundamente gratos pelo convite, senhorita Nyx. Mas, respondendo apenas por mim, eu acho que duas outras divindades fizeram a mesma pergunta nos últimos anos... a mesma coisa ocorreu há alguns milênios e ninguém que optou pela primeira opção terminou muito bem. – A simpatia no meu tom era bastante clara, da mesma forma que a acidez era inquestionável. – Por isso, acho que vou tentar a sorte contra o seu campeão. – Olhei o local ao nosso redor “Que cafofo de mer...” – Belo cômodo este, aliás, gostei da estética neo-medievalista.

Assim, eu esperei sobreviver aos próximos instantes.


This is a fight for the day, night, black, white


Armas e Itens:

Em uso

Loving Arc – Uma réplica do próprio arco de Eros. Este é feito de ouro branco com detalhes coberto de bronze celestial, sua corda é coberta pela mais pura prata, é bastante elástica e jamais arrebenta. O arco materializa flechas mágicas assim que o filho de Eros toca na corda, sendo que as flechas possuem duas propriedade, uma é fazer com que pessoas fiquem apaixonadas ( durante 3 turnos ) pela primeira pessoa ou coisa que ver, e, a outra é que a flecha pode causar danos. A flecha materializada é toda feita de uma mistura de ouro branco e bronze celestial, sendo sua ponta um rubi vermelho no formato de um coração, tornando-a totalmente mortal. Quando não utilizado o arco se transforma em uma pulseira com um pingente no formato de coração. [Indestrutível] [Caso o semideus perca, o item volta ao seu pulso depois de um turno].

Capa Negra – Uma capa desfiada que cobre completamente o corpo do ceifador, escondendo sua identidade e tem a resistência de uma armadura. Protege em 40% dos ataques desferidos, não é possível outra pessoa retira-la apenas o ceifador pode.

Outros
(Podem estar transformados em um item de transporte fácil, mas junto com o usuário)

Foice da Morte – Uma foice forjada no rio estige, onde sua foice queima onde toca. Algumas podem ser abençoadas por Thanatos e terem poderes como invocação de fantasmas infinita, que não afeta a saúde do usuário. Caso alguém que não seja ceifeiro tente manuseá-la sem permissão, sofrerá uma dor agonizante. (Nas costas)

Rage – Espada longa, com cerca de um metro de comprimento e largura consideravelmente grande. A lâmina é feita de bronze celestial, tão afiada que um mero toque é capaz de causar ferimentos, possuindo setenta centímetros da ponta à base. Abaixo da base, a guarda da arma é o entalhe da cabeça de um javali, feita em ferro e com dois rubis em seus olhos, aparentemente foscos e apagados. O punho é feito de madeira, e seu design permite que a espada seja segurada com uma ou duas mãos – embora a força exigida seja bem maior caso seja empunhada com apenas uma. Quando o dono da espada entra em combate, as joias do javali começam a brilhar em um tom intenso de vermelho. Sempre que a espada causa dano em um inimigo, ela suga parte da vida retirada – 25% - e passa para o portador, caso este esteja ferido, restaurando assim parte da sua vida. (Sob efeito do Arsenal, na forma de Punhal, no cinto)

Armour Love – Uma armadura totalmente adaptável ao corpo do semideus, sendo esta constituída de ferro estígio e ouro, reforçando sua defesa e sua coloração é um leve rosa com gemas prateadas em alguns pontos.. Juntamente com à armadura vêm duas corrente que se esticam até 30 metros, sendo estas feitas de prata e bronze celestial e suas pontas possuem formatos de coração. As correntes possuem a habilidade que permite que o filho de Eros a controle que qualquer maneira. Apenas o filho de Eros pode vesti-la. Torna-se um colar com um pingente que o semideus escolher. [Indestrutível] [Caso a perce, retorna ao pescoço do semideus após dois turnos]. (Na forma de colar)

Diadema de Fênix – A diadema de fênix, aparentemente é um objeto inofensivo forjado em adamantium, seu formato lembra o de uma coroa incrustada com pequenas esmeraldas por toda sua extensão. Uma esmeralda um pouco maior, se concentra em seu centro ao ser tocada faz com que uma fênix protetora apareça para ajudar seu portador. A fênix é capaz de expelir fogo por suas assas causando queimaduras de tamanho médio. A habilidade da fênix pode ser usada apenas duas vezes em missão e evento. (Na mochila)

Arsenal – Anel brilhante feito em aço polido, com uma pedra preciosa esbranquiçada minúscula em seu centro. Possui o efeito de alterar uma arma, mudando assim sua forma, detalhes, e qualquer outra coisa que o portador desejar, desde que as alterações sejam apenas físicas. Ou seja, utilizando o efeito do anel, é possível transformar uma lança em uma espada ou faca, ou qualquer outro item de ataque. Um escudo circular pode ser transformado em um broquel, ou um escudo de corpo. Os materiais dos itens podem ser alterados, mas seus efeitos sempre serão os mesmos (exemplo: uma espada elétrica ainda causaria dano por eletricidade se transformada em uma lança).
avatar
Peter C. Gallagher
Celestiais de Èter
Celestiais de Èter

Mensagens : 147
Data de inscrição : 11/07/2015
Idade : 19

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento Relâmpago - Missão

Mensagem por Andrew Watanabe em Qui Dez 15, 2016 1:28 pm


Kurutte Hey Kids!!
Algo: ??? | Algo: ??? | Algo: ???


A luta estava indo bem até que Andrew conseguiu o feito de heroicamente servir de tapete para o Cérbero e ficar desmaiado. Ele ficou desacordado por todo esse tempo e só acordou porque parte da areia dourada que os monstros viram quando morrem caiu em seu rosto, engasgando-o e fazendo com que ele despertasse de forma bem heroica tossindo, engulhando e xingando incoerentemente em japonês. Se você viu o Jon Snow quando a Melisandre ressuscitou ele, foi tipo assim. E nem reclama, o spoiler é velho. Tipo o de Ned Stark morrer no fim da primeira temporada de Game of Thrones.

Enquanto os outros conversavam brevemente sobre o que fazer a partir dali, Andrew se manteve quieto. Estava muito envergonhado e com o orgulho ferido por ser tão... fraco. Ele foi inútil naquela luta. Agora ele sabia como um samurai desonrado se sentia. Era ruim, pesado e incômodo.

Porém o que é bom dura pouco. Algum tempo depois, o solo se tornou incrivelmente negro e então ele foi puxado pela escuridão, desacordando de novo. Quando despertou novamente, estava em algum tipo de masmorra medieval ou coisa do tipo. No túnel ao fundo, ele podia sentir uma presença que irradiava poder. E quando a sua dona chegou, ele pôde enfim conhecê-la. Nyx, deusa da noite. Olhar pra ela era desorientador, era como olhar uma supernova explodindo, porque ela mudava de cor o tempo todo, ahhh o déficit de atenção, olha aquela estrela ali e cara que buraco negro daora...

Ele se forçou a voltar à realidade. Unir-se a ela ou tentar a sorte no mano-a-mano. Todos já tinham uma resposta unânime pronta e Andrew daria a dele.

- Huh. Olha, foi mal, mas eu dei azar com o dog ali. Só isso. Mas tipo, já lutei contra coisas maiores e mais assustadoras e tipo... eu tô aqui, bem vivo. E outra, você invadiu meu acampamento, fez eu ver a morte de uma companheira, e agora quer a minha ajuda? - ele diria, com seu típico sarcasmo - Mais fácil Izanami esquecer do seu ódio pela humanidade e voltar ao Takamagahara. Minha resposta é não. E, pelos cuecões folgados de Izanagi, escolha uma forma só, isso tá matando meu TDAH
Spoiler:

HP 90/170
MP 170/170
Arsenal:
Sakura Blades– Uma espada feita completamente de ouro imperial que possui entalhada em sua lâmina a imagem de centenas de flores de sakura. A lamina dessa espada é tão fina quando uma folha, o que lhe permite um maior corte. A habilidade dessa lâmina é que sempre que o filho de Vênus desejar se transforma em centenas de flores de sakura que se movem conforme a vontade do semideus, o protegendo e atacando sempre que esse mandar. ( Vira um bracelete com uma flor de sakura entalhada)

Claws Tamer - Um par de luvas brancas (daquelas sem dedos) que ao comando do filho(a) de Vênus faz com que garras vermelhas saiam da mão do semideus, essas garras ao cortarem a pele de um oponente, permitem ao semideus dar uma ordem simples ao oponente ( Nada como se matar ou matar um oponente)

Espada Relicário: Espada de luz: Uma espada de luz com um fio reluzente branco e uma pedra de diamante na ponta do cabo. Quando não esta em uso se transforma em um bracelete fino de ouro branco.

♡ Um frasco de perfume Dior Home, quando acionado com a válvula em sentido contrario ao nome da marca cria uma espessa camada negra ocultando-o dificultando a visão do adversário.
♡ Um relógio suíço feito de ouro celestial, funciona normalmente como um relógio, quando acionado o botão central direito possibilita seu dono a tornasse mais agil que os demais. Porém conforme o relógio lembra que tudo tem hora sua agilidade dura 3 rodadas e só volta a funcionar após 5 rodadas.

Kusanagi - uma espada japonesa (katana) e de punho preto assim como a bainha, e era de um tamanho maior do que um chokuto normal (80cm ao total de comprimento). Ela é feita de ferro. Seu peso mínimo possibilita cortes rápidos, mas precisos. Ela também é resistente.

The Destructor - Uma espada de aproximadamente 60 centímetros de comprimento, está é toda torneada em alguns detalhes em vermelho que passam a impressão de ter chamas envolta de sua lâmina enquanto este a manuseia, ainda sim tornando uma espada ótima e de fácil manuseio. Em seu punhal existe um botão que ao clicar no mesmo faz com que ela se torne um bracelete.

Presente: The Helmslett - Quando este está desativado, não passa de um anel com alguns detalhes em caveira. Ou até mesmo em formato de coração - depende de qual a pessoa quiser - e quando utilizado, este anel cria um holograma perfeito da pessoa mais querida para ela, além de se transformar em um escudo possuindo oito módulos de altura e sete módulos de comprimento

Wakizashi - A Wakizashi (Kanji: 脇差 Hiragana: わきざし), também conhecida como Oo-wakizashi ou Naga-wakizashi, é uma espada curta japonesa, usada em conjunto com a katana pelos samurais.
Poderes ativos e passivos:
Serão postados à medida que forem usados

Ran @ Cupcake Graphics


Andrew
Son of Venus ♦️   I Coorte ♦️ Sons Love's
.........................................................
"Se a vida te der as costas, passe a mão na bunda dela."
@Venus
avatar
Andrew Watanabe
I Coorte
I Coorte

Mensagens : 35
Data de inscrição : 30/10/2015
Idade : 20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento Relâmpago - Missão

Mensagem por Luuk Köhler Bradshaw em Qui Dez 15, 2016 2:24 pm



Fuck you, little dog;
Hey ho, lets go!
O lobo começa a rodear o menino, garras de aço negro, pelo negro como a noite, olhos de rubis flamejantes, joias vindas do inferno! O lobo gigantesco fareja, saboreando a refeição que está por vir. Ele não sente medo, somente a alta percepção das coisas, o ar em seus pulmões, o vento nos pinheiros que se movimentam contra a noite que cai; suas mãos estão firmes, sua postura perfeita! E então o menino dado como morto retorna a seu povo, para a sagrada Esparta, um rei, nosso rei, Leônidas!

Os lábios sutilmente entre-abertos e o ar escasso nos pulmões demonstravam o quanto Bradshaw estava surpreso, Cody havia matado o Cerbero num golpe só, inutilizando assim as ações de todos os outros semideuses. — Toooooooouchdown Miami Dolphins! — o demônio de Nyx murmurou contente, apesar de estar um pouco decepcionado, afinal sua contribuição naquela batalha havia sido de aproximadamente 0%. Entretanto, antes que pudesse saudar a prole de Ares por sua bela vitória, acabou sendo sugado por uma espécie de buraco negro, desaparecendo completamente.


♦♣♦

— Eu...Morri? — foi a primeira coisa que Luuk disse assim que acordou, obtendo uma resposta negativa de seus companheiros. Certo, ele estava vivo, mas o que diabos estava fazendo numa prisão como aquela? Não se lembrava de ter sido pego e de tampouco cometer algum crime. A resposta para todas essas perguntas veio alguns segundos depois, quando uma bela mulher fez-se presente, trajando uma vestido enegrecido e esbanjando uma expressão serena, quase bondosa. — Nyx... — o sussurro veio quase que automaticamente, escapando sem maiores precedentes. O filho de Afrodite agora estava numa encruzilhada, seguir sua patrona e trair seus amigos ou fazer o contrário, trair sua patrona e seguir sendo um membro do team.

Porém, tudo resumia-se a poder, Bradshaw queria poder, estava farto de ser um completo inútil, precisava ser o protagonista. Então eis a verdadeira questão, qual dos lados lhe entregaria mais nesse quesito? Bem, Nyx certamente possuía um exército incrível, com monstros, semideuses e até deuses a seu favor, mas será mesmo que iriam conseguir destruir o Acampamento? Luuk tinha suas dúvidas. Do outro lado, a resistência apresentava-se como fraca, porém já duradoura, tendo em sua história diversas vitórias contra rebeliões fajutas. Além do mais, o rapaz não conseguia parar de pensar em o quanto derrotar uma deusa aumentaria o seu status, levando-o a um outro nível.

A decisão era clara, mas enquanto todos os outros desperdiçavam seu tempo murmurando baboseiras, o semideus limitou-se a pensar numa estratégia e quando todos finalmente se calaram, ele agiu.

— Nyx, minha patrona, aproxime-se. — a voz ecoou grossa, mas cheia de persuasão, de modo a convencer totalmente a deusa a seguir sua ordem. — Eu, como eterno seguidor seu, tenho que dizer sua oferta foi...Patética. — murmurou já ativando um de seus poderes passivo, tornando-se assim invisível, simultaneamente quitando o ar dos pulmões da deusa na tentativa de asfixiá-la e finalmente disparando sua adaga buscando acertar em cheio o peito dela. Era hora do pau.


Armas:

Capa da Noite: A capa de seda negra, extremamente leve e confortável, pode parecer apenas uma questão de vaidade... Mas a roupa, abençoada por Nyx, possui a propriedade de armadura, podendo reduzir até 50% do dano total causado em seu usuário, além de tornar o demônio praticamente invisível de noite. (Para a invisibilidade o portador deve deixar bem claro que usa essa habilidade, mas dependerá também do narrador - em casos de missão, PvP ou MvP - se sentir convencido de que você está usando direito o presente. Caso esteja, poderá se esconder até seu próximo ataque ou até o narrador achar que falhou com sua descrição) - Só pode ser retirada pelo dono - Sendo trajada

Foice Negra: Foice dupla, feita de bronze celestial com alguns detalhes em ouro primordial. Na lamina está gravado seu nome. Ao ferir o inimigo com essa arma, ele terá alucinações. Quanto mais profundo o corte, mais alucinações o inimigo terá. Transforma-se em um bracelete, que sempre volta para você. - Pulso direito.

Death and Stroke - Ambas as armas têm o mesmo design, com Death como a pistola preto, e Stroke como o branco. As pistolas assemelham Desert Eagles, com apertos estilizados torcendo em pontos afiados. O cartucho de cada pistola suporta 8 balas de 9mm. Os disparos são rápidos, como as outras armas do mesmo estilo. Perto do furo de cada pistola são gravuras de pergaminhos, e cada um também ostenta um martelo anel.Presas na cintura.

Adaga demoníaca: A arma curta - feita de uma mistura de ferro estígio e aço comum - é tão letal para homens quanto para monstros. Envolta em energia negra, a adaga, tem a habilidade de causar pequenas dores a mais e uma sensação de desnorteamento em seu alvo. Além do mais, pode se facilmente arremessada, já que esta volta para seu dono em apenas um turno. Quando não utilizada transformasse em um anel negro com pequenos pontinhos brilhantes. - Indestrutível - {By Nyx}Atirada na deusa q


Poderes:

PASSIVOS



7- Guerra e amor: Apesar de Afrodite ser casada com Hefesto, o lord das forjas, com seu jeito rude de ser, Ares foi quem tomou o coração da deusa para si, tornando-se seu amante. Seus filhos possuem também uma certa adoração pelas filhas de Afrodite (ou pelos filhos, a depender da opção sexual e sexo da prole do deus da guerra), de modo que quando lutam ao lado de uma delas, seus movimentos são mais precisos e seus poderes mais potentes, aumentando em 50% todas as suas capacidades físicas, habilidades e estratégia. Apenas é válido quando os semideuses lutam juntos e ao mesmo tempo contra o mesmo oponente. Poder do Cody que também me beneficia.

13-Persuasão – Habilidade de convencer ou obrigar pessoas a fazer o que se pede usando a voz.

16- Invisibilidade  - Ninguém vê o amor, ninguém sente o seu cheiro ou ouve. Assim um filho de Afrodite pode ficar invisível quando quiser, e ninguém irá notá-lo. E as armas que o(a) semideus(a) tocar também ficarão invisíveis assim como as suas roupas. Nesse nível dura apenas 3 turnos, e para ser utilizado novamente é necessário um intervalo de 1 turno.




ATIVOS

(Lv13)
Asfixia por escuridão - O demônio pode usar a escuridão para asfixiar o oponente, não sendo capaz de mata-lo, mas o deixando zonzo ou até mesmo o fazendo desmaiar caso este não reaja. A asfixia dura até o demônio ter que se defender de algum golpe, o que tirará sua atenção. .

TEXTO MAROTO AQUI, PEQUENO OU MÉDIO



call me a hunter
Baby I'm preying on you tonight, hunt you down eat you alive,
just like animals, animals, like animals-mals [...]
avatar
Luuk Köhler Bradshaw
Filhos de Afrodite
Filhos de Afrodite

Mensagens : 355
Data de inscrição : 20/03/2014
Localização : Nárnia

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento Relâmpago - Missão

Mensagem por Ares em Qui Dez 15, 2016 4:17 pm


A defesa se rompeu...
Um a um os semideuses negavam a oferta de Nyx, todos desejando defender seu acampamento. Alguns mais arrogantes que outros, porém sempre mantendo um certo respeito e distância da deusa, exceto pelo apadrinhado da Noite, Luuk.  O mesmo tentara atacar a deusa, sufocando-a com trevas e atirar uma adaga contra o corpo esbelto de sua patrona. Tudo inútil, todas as tentativas foram em vão, pois suas sombras e arma tentaram sair da cela e uma barreira mágica as paravam.

– Que fofo. – Disse a mulher antes de dar as costas e estalar os dedos.

De repente tudo ao redor dos semideuses tremeu e girou até que o cenário mudasse por completo. Os jovens estavam, agora, em um deserto abandonado, perdidos e longe de casa. Onde estaria o campeão de Nyx? Seria aquele mais um desafio antes da batalha final? Muitas dúvidas e nenhuma resposta. Algo estava errado... Alguém faltava no grupo.

Um portal azulado de luz trêmulas se abriu há 100 metros dos semideuses. E de dentro uma criatura colossal com 30 metros de altura, sua pele era rochosa e espinhos se espalhavam por ali.

– Divirtam-se pequenos semideuses e boa sorte, vão precisar. – Do mesmo jeito que surgiu, Nyx sumiu, os deixando com aquela criatura assombrosa.


Monstro:


http://doddlercon.com/images/satan_morroc.gif  - Gifzinho pra terem uma visão diferente



Peter C. Gallagher
HP - 260/260
MP - 260/260


Helena Rodis Katsaros
HP - 170/170
MP - 170/170


Luuk Köhler Bradshaw
MORTO

Samantha R. Prescott
HP - 170/170
MP - 170/170

Cody Morgensteen
HP - 220/220
MP - 220/220

Andrew Watanabe
HP - 90/170
MP - 170/170

Satã Morroc
HP - ?????/?????
MP - ?????/?????

Informações e regras:

• É obrigatório a identificação dos poderes utilizados, assim como as armas, através do spoiler. Caso algo não seja constado a arma/poder não terá sido utilizado.
• A MP e HP de cada um será contado de acordo com o nível de cada um, por exemplo, a HP de alguém pertencente ao nível dois (2) será igual a 110.
• Mascotes são PROIBIDOS.
• Proibido o uso de qualquer item que seja igual ou superior a velocidade do som.
• Tenham plena ciência de que mortes poderão ocorrer, de forma que, caso você poste algum turno e não poste os demais sem alguma justificativa plausível poderá ser considerado morto.
• O narrador sou eu (Ares), portanto tenho plenos direitos de decidir qual é a melhor interpretação. Alguns dos poderes tem ampla interpretação e não informam gasto de MP, por exemplo, reclamar informando que sua interpretação é a correta não irá leva-lo a lugar algum.
• Qualquer reclamação e afins a minha caixa de MP está aberta, assim como a do Athena.
• Edições nos posts só serão toleradas até as onze (23 horas) da noite do dia 15/12/2016 no horário de Brasília.
• Em tal turno, ao iniciar o ataque, vocês deverão fazer APENAS três ações. Por exemplo, corri até ciclano, dei uma rasteira e pulei para trás. Mais do que isso as ações serão desconsideradas. O USO DE PODER ATIVO CONTA COMO AÇÃO.
• O mínimo de linhas é igual a cinco (5).
• Vocês terão até as três (15) horas da tarde dia 16/12/2016 para postar, lembrando que estamos no horário de Brasília. Não se atrasem.
avatar
Ares
Deuses Estagiários
Deuses Estagiários

Mensagens : 484
Data de inscrição : 30/05/2013
Localização : Olimpo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Evento Relâmpago - Missão

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum