The Blood of Olympus
Para visualizar o forum é necessário estar cadastrado, por favor registre-se no rpg ou entre em sua conta. É necessário estar cadastrado para ver as informações contidas no forum. Lembre-se de usar nome e sobrenome, não se cadastrar usando nomes geralmente utilizados por Hacker. Exemplo: "Barum" "Hakye" e por ai vai. Bem vindos.

Taurus' Forge.

Página 2 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Taurus' Forge.

Mensagem por Psique em Qui Abr 27, 2017 2:10 pm


Avaliado
Ortografia e afins - 100 XP
Criação - 100 XP
Aparência - 50 XP
Outras considerações - 150 XP
Bônus - 150 XP acrescentado pelo excelente trabalho.
Total de ganhos = 550 XP



Lady Psique
I’ll always keep you with me.
avatar
Psique
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 227
Data de inscrição : 11/05/2016
Localização : No abraço de Eros ♥

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Taurus' Forge.

Mensagem por Samanta Sink em Qua Maio 10, 2017 11:08 pm

Tipo de Item: O Katana
Nome: Lâmina de Prisma
Materiais: Vibranium, Arambarium e Topázio Real.
Descrição da arma: A bainha desta magnífica espada foi pintada de roxo cromado e é feita de Vibranium, assim como a lâmina, possibilitando à portadora bloquear ataques sem que precise sacar sua espada. O punho da espada é grande, com faixas roxas, tendo cerca de 30 centímetros, possibilitando um manejo sem debilidade, podendo ser usada com ambas as mãos ou com apenas uma. A lâmina de 73 cm foi forjada de forma a ser perolada, mudando de cor de acordo com o ângulo da visão. Seu protetor de punho tem a forma de uma Flor de Lótus. Na ponta do cabo há uma corrente com um pingente de unicórnio colorido pequeno, de cerca de 2cm.
Efeitos Extras: Ao comando de sua portadora, a lâmina adquire propriedades elétricas, aumentando o seu dano base em 15 HP, porém, é potencializado em 25% graças à confecção fundida ao Arambarium. Ao ser manejada com ambas as mãos, ganha potência e aumenta seu dano em 50%. Possui magia de retorno, impedindo que a sua portadora fique mais de um turno desarmada.
Observações: Presente da Sun.
Imagem da Katana:

Lâmina da Katana:
Materiais:
Vibranium (5000 dracmas)
Descrição: metal conhecido por sua defesa perfeita, absorve 100% do impacto, assim, quando qualquer golpe atinge esse metal, nenhum dano será sofrido (golpes de energia, mágicos e o impacto do golpe ainda afetam o semideus).
Resistência: Super Alfa (único item que decrescem em 5 em 5).
Uso: 1 forja
Dano base em humanos: 45 (+15 de sangramento por turno, podendo ser adicionado mais dano, pois a arma absorve substancias e impactos)
Dano base em semideuses: 45 (+15 de sangramento por turno, podendo ser adicionado mais dano, pois a arma absorve substancias e impactos)
Dano base em monstros: 45 (+15 de sangramento por turno, podendo ser adicionado mais dano, pois a arma absorve substancias e impactos)

Arambarium (900 dracmas)
Descrição: metal extremamente raro e que se assemelha visualmente a prata polida. Esse material é raro por sua sintonia energética com o primordial e o elementar. Assim, amplifica os poderes mágicos em 25%. Também aceita com perfeição acessório mágicos como as gemas.
Resistência: Beta
Uso: 1 forja.
Dano base em humanos: 10
Dano base em semideuses: 10
Dano base em monstros: 25

Topázio Real – 750 Dracmas: Adiciona pequenos raios na extensão da lâmina, os quais causam 15 de dano elétrico e paralisam momentaneamente o músculo atingido ao contado. (Se permanecer cravado, o efeito continua).


TOTAL: 6.650


Última edição por Samanta Sink em Qua Maio 10, 2017 11:36 pm, editado 1 vez(es)


You Want a Battle? Here’s a War
avatar
Samanta Sink
Lider de Ares
Lider de Ares

Mensagens : 264
Data de inscrição : 20/04/2016
Idade : 17

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Taurus' Forge.

Mensagem por Andrew J. Parker em Qua Maio 10, 2017 11:16 pm

Samanta, devido ao item... Estarei pedindo o adiantamento do valor dos materiais que seria no valor de 6650 Dracmas, e cobrando 500 pela mão de obra.

Está de acordo com o valor?
avatar
Andrew J. Parker
I Coorte
I Coorte

Mensagens : 62
Data de inscrição : 18/10/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Taurus' Forge.

Mensagem por Samanta Sink em Qua Maio 10, 2017 11:17 pm

De acordo.


You Want a Battle? Here’s a War
avatar
Samanta Sink
Lider de Ares
Lider de Ares

Mensagens : 264
Data de inscrição : 20/04/2016
Idade : 17

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Taurus' Forge.

Mensagem por Andrew J. Parker em Sex Maio 12, 2017 8:10 pm

 


O dia mal havia se iniciado, eram três e meia da manhã e Andrew encontrava-se nos fundos já de sua forja. Estava colocando alguns tijolos em um formato de retângulo, deixando apenas uma peça aberta quase ficando em formato de um “u”. Juntou o trabalho com cimento para criar uma parede exatamente para sua nova forja. Havia recebido uma encomenda bastante incomum, principalmente pelo seu método que a cliente gostaria que o fizesse e não era todo dia que ele revivia os tempos medievais asiáticas. Sorriu após terminar a construção daquele “muro” logo adicionando feno ali e um carro cheio de carvão logo ao lado, os preparativos iniciais estavam prontos, agora vinha a parte divertida.

Sorriu, espreguiçando-se enquanto bocejava levemente levando as mãos ao bolso do Jeans para abrir sua loja, as encomendas como havia encomendado acedo já haviam sido entregues, agradecia a Mercúrio por isso. Vestiu seus EPI (Equipamentos de Proteção Individual) e se preparou para iniciar seus serviços ali dentro. Para não perder tempo, levou uma chapa de Arambarium levando ao caldeirão para que derretesse da mesma maneira, utilizaria aquele material derretido para uma única coisa, quando a lâmina estivesse finalizada, ele a mergulharia ali enquanto o metal estava efervescido e derretido, para que o Vibranium já moldado se misture junto ao Arambarium e desse uma propriedade única a arma, que seria a fusão de todos os seus efeitos adicionais e obviamente seu dano.

Foi até uma pequena área onde continua uma “mini-cozinha” dentro da forja, colocando um pouco de água para efervescer, enquanto caçava o pó de café.

[...]



Retornava para o seu local de periculosidade com uma grande caneca preenchida pelo líquido negro quente, bebericando um pouco daquilo e vendo o projeto da arma na parte da “Kashira” e “Tsuba”, sentou-se em uma mesa próxima ao seu computador e começou a fazer os desenhos dos formatos necessários com toda a espessura da lâmina, e da “Tsuka”, que eram essenciais para que os detalhes mais importantes ficassem extremamente condizentes com o trabalho que teria forjando a arma em si. Desenhos e cálculos feitos, hora de por a mão na massa. Levou uma segunda placa do Arambarium para a base da “Plasma Cutter” deixando em uma posição favorável.  Andrew utilizou da scanner para passar os desenhos do papel para o computador, primeiro o da Tsuba que seria o anel de guarda. Fez o desenho no próprio programa cuidadosamente utilizando de cada cálculo, e assim que pronto pôs sua máscara para impedir que as faíscas da máquina de corte chegassem a sua vista, logo em seguida a ligou que já iniciou a fazer os cortes.  Um minuto se passou de forma lenta e intrigante, e logo uma peça da chapa fora ao chão com o formato e cálculos exatos daquilo que ele pediu. Segurou a guarda prateada da Katana calmamente a levando para um local seguro, a guardando ali para ser utilizada no futuro. Agora era a vez de fazer o mesmo em relação as medidas da Kashira. Ajeitou a chapa do material prateado na máquina e ajeitou todas as proporções e logo depois religou a máquina. Que cortou quatro peças que se encaixavam formando as duas peças da Kashira.  Guardou no mesmo recinto que guardou a outra peça metálica, pegando alguns blocos de Vibranium indo para a parte de trás da sua garagem, desligando todos os aparelhos deixando apenas a caldeira acesa com o Arambarium fervilhando ali.

Voltou para a “casinha” de tijolos que montara há trinta minutos atrás, mesmo que já tivesse uma hora de que iniciou seu trabalho, sorria de forma nervosa enquanto tacava fogo em toda aquela palha, aplicando o carvão ali iniciando uma grande labareda que era contida pelas paredes de tijolos. Utilizou da pinça pegando um grosso pedaço de Vibranium, o afundando na palha e deixando que aqueça. De imediato enquanto esperava aquela pedaço do ferro aquecer, abriu a entrada dos fundos da garagem, colocando próximo a bigorna um balde com água e seu martelo mergulhado nele, em instantes seu trabalho real teria inicio e deveria estar preparado.

Sem perceber enquanto arrumava as coisas para receber o Vibranium, um cheiro adentrou suas narinas de forma que o obrigou a ficar em estado de alerta, era uma fragrância de queimada e logo tratou de correr em direção em direção ao local. Pegou a pinça apressadamente, coletando o minério em uma tonalidade avermelhada o levando para a bigorna com velocidade.  Após ajeitar o material flamejando no seu devido espaço, pediu para que Tulio, seu autômato colocasse o álbum “Meteora” do Linkin park para tocar. Sacou o martelo de baixo d’água no mesmo instante ao ouvir o início da “Don’t Stay” martelando brutalmente o material onde chamas faiscavam para todos os lados, e assim repetidas vezes fora feito o processo da martelada. Suor escorria por seus cabelos negros e pelas suas tatuagens pelo braço. Levou o material de volta a palha o esquentando, recolocando o processo diversas vezes

[...]



A lâmina estava finalmente preparada depois de horas de trabalho árduo. Sorriu em resposta colocando o álbum “Hybrid Theory” dessa vez para tocar, enquanto mergulhava a arma naquele caldeirão com o Arambarium prontinho para ser utilizado. Removeu a arma um minuto depois a jogando na água de imediato desligando o caldeirão. O choque térmico fez com que o ferro líquido acoplasse em partes específicas da espada, sorriu vendo aquela “metamorfose” pegando a sua lixa de ferro. Pôs a longa arma na bigorna, ficando atrás dela passando a lixa tirando todo o excesso daquele material e ao mesmo tempo mantendo sua zona de corte e obviamente seu formato.  Tendo o trabalho feito, assobiou vendo o brilho da arma, pegando o polidor de carro que tinha, pondo o líquido e passando por todas as suas extremidades.

Aquela sim era a arma perfeita para uma garota, sorriu a manuseando com calma pelas mãos, agora era a parte interessante afiar a arma. Enquanto levou o equipamento ofensivo até uma máquina que ele apelidava como “rolo” que servia justamente para afiar qualquer lâmina. Chamou Tulio durante seu procedimento falando para o autômato. — Por favor, leve aquele último pedaço do Vibranium lá para fora e coloque naquela palha adicionando um pouco mais de carvão, obrigado. Pediu com educação, vendo o seu fiel assistente fazer o pedido sem dificuldades, sorriu largo observando aquela lâmina ficar extremamente afiada e voltou sua concentração nela.

Finalizado ali, largou o material que estava segurando perto de onde estava no momento para pegar a peça do material restante que provavelmente já estava aquecida. Se ele tivesse a mesma capacidade de interpretar cheiro de minérios como sorte na loteria, hoje estaria rico. O Vibranium estava realmente no ponto que ele queria. Levou este até um local específico onde tinha uma pequena alavanca. Primeiramente golpeou o minério efervescido com o martelo até ele tomar um formato retangular, e depois o dobrou em um formato de “u”, colocando uma peça de metal entre as dobradiças do tamanho em comprimento, largura e espessura da lâmina já criada. Terminando o serviço da “Saya” (Que seria a bainha) mergulhou o material que acabara de moldar na água para que resfriasse.

Suspirou pesadamente, estava visivelmente cansado e logo se lembrou de uma parte do pedido, transformar aquela lâmina de prateada em uma colorida. Gritou pelo Tulio uma vez mais, pedindo que ele avisasse uma amiga sua de nome Evie, mais conhecida como pretora, e lá foi o robô cumprir mais uma missão enquanto Gerrard pegava aquela peça do minério defensivo já aquecida a polindo lentamente e preparando as tintas e fitas.

Evie apareceu quando este acabava de confeccionar a “Tsuka”, que era o cabo da espada feito em madeira, este sorriu para ela e falou concentrado, estava começando a pintar a “Saya” em uma tonalidade de roxo. — Olá, bom... vamos direto ao assunto que pode ver que estou bastante enrolado aqui... como sei que você é uma excelente bruxa, você não teria nada que pudesse fazer aquela espada ali brilhar não? Foi um pedido feito para presentear Sun Hee, aquela filha de Arcos sabe? E uma das exigências era uma lâmina de arco-íris e isso não consegui achar o fator ainda, poderia me ajudar? Disse em um só fôlego observando a tintura contra a luz e vendo algumas falhas a preenchendo com um pincel.

[...]



A garota havia resolvido ficar para terminar de ver a confecção do presente. Sorriu com a presença da garota. Pegou o maçarico indo em direção as quatro partes da “Kashira”aquecendo a parte inferior e as encaixando com a madeira em seu interior. Manteve ambas as entradas friccionadas uma contra a outra para que colassem e a “Tsuka” ficasse presa. Limpou o suor da testa e da barba tendo isso concluído, indo até uma prateleira que tinha alguns moldes para encaixar gemas.

Tendo concluído todo o mecanismo, o colocou dentro da “Tsuka” e fechou, fazendo o mesmo processo da parte inferior da “Kashira”, na superior. Tendo a empunhadura da Katana lacrada, sorriu aliviado. Levou o encaixe da “Tsuba” que seria a guarda do equipamento ofensivo primeiro, e a prendendo com a “Tsuka”, agora era só os mínimos detalhes.

Pegou uma espécie de pinça só que maior e a aqueceu levando ao fogo, logo depois foi até a “Kashira”, começando a introduzir a agulha fervendo no metal iniciando a criar rosas por todo seu entorno na parte inferior, e na parte superior em sua superfície. Finalizado isso, começou a colocar as fitas roxas ao redor da “Tsuka” já pintada de branco e começou a enlaçar devidamente mantendo o mesmo formato a cada nó. E voilá, estava pronta! Andrew apenas fez o favor de carregar a arma com sua pequena quantidade de energia restante de um filho de Vulcano para que o topázio se ativasse envolvendo a lâmina em uma vasta carga elétrica que era aumentada pelo minério de nome Arambarium. Sorriu para a pretora satisfeito colocando a lâmina em sua devida bainha, prendendo um pequeno unicórnio colorido na conta da empunhadura dado por Samanta e finalizando sua longa tarefa.




RESULTADO FINAL

• Lâmina Prismática: A bainha desta magnífica espada foi pintada de roxo cromado e é feita de Vibranium, assim como a lâmina, possibilitando à portadora bloquear ataques sem que precise sacar sua espada. O punho da espada é grande e feito em madeira, com faixas roxas, tendo cerca de 30 centímetros, possibilitando um manejo sem debilidade, podendo ser usada com ambas as mãos ou com apenas uma. A lâmina de 73 cm foi forjada com a mistura de dois materiais, o Vibranium e Arambarium, tendo assim uma espessura de 2 centímetros podendo cortar coisas resistentes com facilidade.A lâmina fora energizada com uma Runa de coloração feita por Evie Farrier, fazendo com que a lâmina mude de cor variante a luminosidade local. Também há uma gema contida dentro da "Tsuka", um Topázio real, criando eletricidade ao redor da lâmina sempre que seu portador quiser.  Na ponta do cabo há uma corrente com um pingente de unicórnio colorido| Vibranium e Arambarium | Topázio Real | Resistência: Super Alfa| Status: 100%, sem danos. |Comum - Mágico | Nível mínimo para manejo: 15 | ??? |Forjado por Andrew J. Parker] [Presente de Aniversário de Sun Hee por Samanta Sink]

As duas últimas compras:
Compras:

PS: Caso achem o post bom o suficiente, gostaria de rolar os dados para que este item pudesse se tornar lendário, grato.

A Nic é a melhor autistona minha betinha do mundo♥
[/b][/size]
avatar
Andrew J. Parker
I Coorte
I Coorte

Mensagens : 62
Data de inscrição : 18/10/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Taurus' Forge.

Mensagem por Evie Farrier em Sex Maio 12, 2017 8:28 pm




Hora da Macumba!
I put a spell on you


Todos os dias eu recebia algum tipo de recado, um aviso ou um lembrete. Mas era extremamente raro quando um autômato aparece convocando a minha presença nas forjas. Eu não pude segurar a minha curiosidade, nem de aproveitar essa desculpa para sair do escritório e estica rum pouco as pernas. Segui o autômato como uma criança seguiria um robô, a animação mal contida, os olhos brilhando em expectativa. Eu sabia de antemão a gama de variedades que os filhos de Vulcano tinham em suas criações. Mas ainda assim, não deixava de me surpreender.

Adentrei a forja e ela já tinha um ponto a favor, pois tocava Linkin Park no ambiente, um de seus álbuns antigos. Saudei o jovem legionário forjador, ele logo vinha com sua explicação um tanto quanto afobada, fazendo-me sorrir de lado e erguer a mão como se pedisse para ele desacelerar.

-Calma rapaz. Eu conheço a Sun Hee e ajudarei com prazer – aleguei alargando um sorriso – Agora deixe-me ver essa lâmina... Caramba, você está mesmo se dedicando aqui, está ficando perfeita.

O elogio escapou de maneira sincera enquanto eu admirava a lâmina forjada. Eu podia ver nas mãos do ferreiro as peças que ele estava construindo. Era singular a forma como ele estava trabalhando, retrocedendo as maneiras mais antigas de forjaria. Seria essa uma maneira de produzir um metal mais resistente ou obter um resultado melhor? Provavelmente. Dei de ombros perante minhas indagações mentais, pedindo licença enquanto solicitava que ele colocasse a lâmina da Katana em uma mesa limpa e próxima da fornalha.

Quanto mais próximo do grande fogão a lenha, mais quente era o ambiente. Um preço a pagar para que eu pudesse obter um auxílio do fogo quando fosse selar as runas mágicas. De meu bolso, retirei a minha Blood Magic, uma caneta extremamente singular e que usava o meu sangue no lugar de uma tinta comum. Por um momento, minha mente trabalhou em inúmeras possibilidades e combinações que fossem surtir o efeito solicitado.

Decida com os passos a seguir, inclinei meu corpo sobre a mesa, apoiando um braço dobrado sobre a superfície enquanto deixava meu rosto bem próximo a lâmina. Seria similar a uma criança que quando estava aprendendo a escrever deixava o rosto bem próximo do papel. Eu odiava falhar na construção das runas, pois um traço errado e eu colocaria tudo a perder. Literalmente falando, o garoto teria de reforjar a lâmina pois ela se tornaria inútil com uma magia defeituosa.

A primeira runa desenhada foi a de Gebo, a runa do equilíbrio. Ela foi feita próxima do encaixe da empunhadura. A segunda era a Algiz, uma runa que provocava a energização intensa, sendo desenhada logo acima da primeira runa feita. Por último a runa principal e que daria toda a base do efeito, a runa da luz: Jera. A lógica não era complicada, em verdade encantamento poderiam ser bem simples na maior parte do tempo. Estava usando a runa de algiz para intensificar a runa de luz, que daria o efeito de todas as cores refratarias da luz. Basicamente, as cores do arco-íris quando iluminadas pelo sol. Mesmo intensificando a luz para que ela fosse constante, era necessário um equilíbrio entre efeito e metal, até mesmo para que ela não se expandisse e se tornasse uma verdadeira lanterna multicolorida.

Terminada as runas, fechei minha caneta mágica e a coloquei em meu bolso. Estralei os dedos e pedi para que o volume da música fosse diminuído um pouco, não me importando que ele ficasse no volume ambiente. Precisaria de um pouco de concentração para acalmar meu espírito, deixar que minha energia circulasse e conectasse com a energia do ambiente. Da energia do ambiente, busquei o auxílio do fogo. Não era uma magia específica, apenas uma crença minha de que os elementos da natureza possuíam uma energia natural que ajudava a fluir a nossa própria, pois nós também fazíamos parte da natureza como um todo.

Alcançada a sintonia e concentração que eu precisava, estiquei as mãos sobre a lâmina, deixando minhas palmas alguns centímetros distantes do metal. A primeira runa a brilhar foi a de Gebo, assumindo uma tonalidade esbranquiçada. A segunda foi a Algiz, brilhando tão intenso que provavelmente o filho de Vulcano estaria percebendo a luz azulada. Por último, Jera fez o seu trabalho, iluminando e expandindo o elemento da luz por toda a lâmina da Katana.

Ao terminar de selar as runas com a magia, fechei minhas mãos em punhos, respirando fundo várias vezes. Movi os ombros levemente, o pequeno desgaste era o preço a pagar por um encantamento.

-Está pronto, eu tenho certeza de que Sun Hee vai adorar esse presente. Vou deixá-lo terminar seu serviço e voltar para o meu, até mais!


Informações:
Jera
Posição normal: Invocação da Luz (Tal runa deverá ser aliada a outras runas para ter efeito mais efetivo, caso não seja, uma pequena área, irá surgir o elemento invocado. Será o suficiente para caber na mão de uma pessoa e desaparecerá depois de um turno).

Algiz
Posição normal: Tal Runa é ideal para provocar energização mais intensa, fazendo com que sua próxima runa criada dure dois turnos a mais. Entretanto irá perder 20 hp.

Gebo
Posição normal: Equilíbrio (dura 3 turnos desde o momento de sua ativação, tem 15% de chances de funcionar).

Itens


• Blood Magic [Uma caneta aparentemente comum, porém de aparência elegante. Porém essa caneta não funciona com tinta normal, mas apenas com sangue. Para encher o tubo, é preciso encostar a ponta da caneta em um pequeno machucado ou qualquer fonte do sangue a ser usado. Sua grafia varia de acordo com o desejo do dono, podendo ser mais forte e assim usando mais da tinta sangrenta, ou mais fina e delicada. Feita basicamente de arambarium - metal que conduz magia com mais facilidade – e ouro compondo todos os detalhes. | Efeito: Ela tem o efeito de sempre retornar ao dono depois de algum tempo. Foi encantada para criar runas mais duradouras, e com uma intensidade 10% maior do que de uma runa original, além disso, a caneta diminui o gasto de MP em 50%, e da choques em qualquer um que tentar rouba-la. A caneta possui sangue suficiente para a criação de até 10 runas, depois disso precisa ser recarregada novamente. | Arambarium e Ouro | Resistência: Beta | Status: 100%, sem danos | Mágica | Forjado por Leo Valdez e Encantado por Pandora] (x2)

Grimorio: Encadernado com couro vermelho, é um livro de feitiços selado, que apenas se abre pelas mãos de seu portador – qualquer outro individuo que conseguir abrir o grimorio, só vera páginas em branco – a capa tem o desenho de um pentagrama de cinco pontas, e é coberto por símbolos. O Nome do portador é gravado na capa. – 1.200 Dracmas

Template made by Kyra




avatar
Evie Farrier
Pretores
Pretores

Mensagens : 288
Data de inscrição : 26/12/2016
Idade : 20
Localização : Acampamento Romano

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Taurus' Forge.

Mensagem por Belona em Dom Maio 14, 2017 2:46 pm

Observação: Andrew, você ainda está no nível 19, só poderá solicitar a rolagem de dados no nível 20 seguindo as regras do sistema:

"Nível 20: Os filhos de Vulcano/Hefesto chegaram a maestria podendo usar qualquer material e criar qualquer mecanismo plausível que possa ser imaginado os misturando com suas armas. Itens Lendários podem ser forjados. "

Avaliação

Item comum: 100 a 1.500 de XP (podendo ser acrescentado um bônus de até 800 xp no post de acordo com o desenvolvimento e escrita do personagem)

Ortografia e afins - 800 Xp
Criação - 600 Xp
Aparência - 100 xp
Bônus - 300 xp
Total de ganhos = 1.800 xp


Pequenas coisas foram alteradas na descrição do item, acrescentei a área de Efeitos e retirei o ??? já que não foi possível a rolagem de dado lendário.

Nova descrição:
Lâmina Prismática [A bainha desta magnífica espada foi pintada de roxo cromado e é feita de Vibranium, assim como a lâmina, possibilitando à portadora bloquear ataques sem que precise sacar sua espada. O punho da espada é grande e feito em madeira, com faixas roxas, tendo cerca de 30 centímetros, possibilitando um manejo sem debilidade, podendo ser usada com ambas as mãos ou com apenas uma. A lâmina de 73 cm foi forjada com a mistura de dois materiais, o Vibranium e Arambarium, tendo assim uma espessura de 2 centímetros podendo cortar coisas resistentes com facilidade. A lâmina fora energizada com uma Runa de coloração feita por Evie Farrier, fazendo com que a lâmina mude de cor variante a luminosidade local. Também há uma gema contida dentro da "Tsuka", um Topázio real, criando eletricidade ao redor da lâmina sempre que seu portador quiser.  Na ponta do cabo há uma corrente com um pingente de unicórnio colorido | Efeito: Elétrico | Vibranium e Arambarium | Topázio Real | Resistência: Super Alfa| Status: 100%, sem danos. | Mágico | Nível mínimo para manejo: 15 |Forjado por Andrew J. Parker] [Presente de Aniversário de Sun Hee por Samanta Sink]



Belona
Somente os mortos conhecem o fim da guerra-
avatar
Belona
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 192
Data de inscrição : 23/01/2015
Localização : Em toda, e qualquer guerra.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Taurus' Forge.

Mensagem por Samanta Sink em Dom Maio 21, 2017 4:55 pm

Antigo pedido escreveu:

Nome: ♂ Phobos
Material: Vibranium + Adamantino + Arambarium
Descrição: Machado de guerra com um metro e meio de comprimento, da ponta de lança irregular no cabo até a parte mais alto da lâmina negra, polida para ter tal tonalidade. Toda a sua constituição é irregular e mescla serrilha com lâmina limpa e lisa, tendo pontos estratégicos onde rubis, adquiridos de espadas caídas, foram acoplados para saciar a sede deste monstro da guerra. Na parte oposta à lâmina serrilhada/reta existe duas pontas afiadas, plenamente capazes de perfurar resistentes carapaças, couraças e armaduras leves. Nas mãos certas é uma arma extremamente letal e multiuso.
Efeito¹: Ao Comando do usuário os sulcos de rubi do machado adquirem um tom vermelho sangue e dobra o dano causado por ele.
Efeito²: Quando o dono do machado entra em combate, os sulcos de rubi começam a brilhar em um tom intenso de vermelho. Sempre que o machado causa dano em um inimigo, ela suga parte da vida retirada – 25% – e passa para o portador, caso este esteja ferido, restaurando assim parte da sua vida.
Efeito³: Quando o dono do machado for ferido em batalha os sulcos de rubi começam a brilhar, potencializando o dano causado. O efeito é proporcional, ou seja, quanto maior o dano recebido, maior vai ser o bônus dado pelo machado(se o usuário perder 50% da sua vida, por exemplo, o dano será 50% maior.)
Extras: As seguintes armas serão desfeitas para essa belezinha que estou planejando: ♂ Wrath, ♂ Rage e ♂ Espada da Guerra.

Eu não sou uma perita na área de confecção de armas, mas eu pensei no seguinte:

Pandora retira os efeitos das armas e armazena em algum receptáculo temporário, como rubis entalhados já no formato exato para que sejam acoplados à lâmina da arma. (Os três triângulos próximo à lâmina) armazenarão os efeitos respectivos, sendo assim, não precisam fazer mágica para que eles funcionem na mesma pedra. Apenas certifiquem-se de que eles não entrem em conflito e acabem se destruindo.

Você derrete as três armas e faz o machado com os melhores e mais danosos materiais. Acho que não é nada muito diferente do que já tenha trabalhado antes, mas tenta, se possível, deixar espaço pra colocar duas ou três pedras. Eu quero essa arma tão mortífera quanto... sei lá, eu mesma.

Os efeitos da arma ali em cima descritos foram todos tirados das armas que disse que poderia derreter pra isso, mas eu não calculei o bônus que eles ganhariam com o Arambarium. Se quiser, ele aumenta o bônus pra 56% do dano que é convertido em vida (Efeito 2) e aumenta o dano em 150% (Efeito 1). No caso do efeito 3, caso minha vida chegue em 50%, o dano é acrescido de um bônus de 86%. Os cálculos seguem a seguinte lógica:

Efeito 1 = 100% (Dobro de dano) * 25% (Bônus do Arambarium) = 2 * 1,25 = 2,5 ou 150%

Efeito 2 = 25% (do dano convertido em vida) * 25% (Bônus do Arambarium) = 1,25 * 1,25 = 1,56 ou 56% do dano convertido em vida.

Efeito 3 = x% (de vida perdida) * 25% (Bônus do Arambarium) = 1,x * 1,25 = Bônus de dano. Usando como exemplo o 50%. 50% (de vida perdida) * 25% (Bônus do Arambarium) = 1,5 * 1,25 = 1,86 ou 86% de bônus de dano.

Depois é só acoplar as joias com os efeitos na lâmina e torcer pra dar certo. Eu pago até 10k se essa arma der certo.

Estou disposta a negociações e sugestões para melhoria da arma. Qualquer dúvida me enviar via MP :3

Abaixo as pedras que já mandei fazer e a Pandora o fez.

Yndra – Um rubi vermelho brilhante, que ao ser encaixado a uma arma da a lamina dobra o dano causado por ela. A arma assumira uma cor de vermelho brilhante, semelhante a sangue, e sempre que o inimigo for atingido por ela o dano será dobrado.

Madja – Um rubi vermelho brilhante, que ao ser encaixado na arma da a lamina a propriedade de roubou de vida.  Sempre que a lamina atingir o inimigo e causar dano, 25% da vida retirada desse inimigo, passa ao seu portador, restaurando uma pequena parte de sua vida.

Drya – Um rubi vermelho brilhante, que ao ser encaixado na arma da a lamina um efeito potencializador. Quando o dono da arma for ferido em batalha, esta começa a brilhar, potencializando o dano causado. O efeito é proporcional, ou seja, quanto maior o dano recebido, maior vai ser o bônus dado pela arma (se o usuário perder 50% da sua vida, por exemplo, o dano será 50% maior.

Se puder adiciona isso nela, também.

Gema de fogo: Aparentemente uma pedra comum, tem formado oval, e uma tonalidade vermelha, em seu centro uma chama de vida parece brilhas incansavelmente. A gema serve para fortalecer uma arma, basta colocar na mesma – sem necessidade de forjar – é uma combinação, e ela se encaixara perfeitamente. Quando ativa, a gema + a arma, a arma adquiri a propriedade de fogo, pode soltar labaredas leves, e ao tocar o inimigo causa queimaduras de segundo grau. {Possível combinar a gema com apenas uma arma, depois disso ela some do perfil, pois estará na arma}.


You Want a Battle? Here’s a War
avatar
Samanta Sink
Lider de Ares
Lider de Ares

Mensagens : 264
Data de inscrição : 20/04/2016
Idade : 17

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Taurus' Forge.

Mensagem por Andrew J. Parker em Dom Maio 21, 2017 5:15 pm

Pedido Aceito!


Discriminações: O valor total do projeto é de 7800 Dracmas... O preço dos materiais necessários (Os minérios) são no total de 6900... E cobraria 900 Dracmas do serviço pelo seu serviço trabalhoso... Alguma dúvida? Aceita o valor?
avatar
Andrew J. Parker
I Coorte
I Coorte

Mensagens : 62
Data de inscrição : 18/10/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Taurus' Forge.

Mensagem por Samanta Sink em Dom Maio 21, 2017 5:16 pm

Arredondamos pra 8.000 e não se fala mais nisso.


You Want a Battle? Here’s a War
avatar
Samanta Sink
Lider de Ares
Lider de Ares

Mensagens : 264
Data de inscrição : 20/04/2016
Idade : 17

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Taurus' Forge.

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum