The Blood of Olympus
Para visualizar o forum é necessário estar cadastrado, por favor registre-se no rpg ou entre em sua conta. É necessário estar cadastrado para ver as informações contidas no forum. Lembre-se de usar nome e sobrenome, não se cadastrar usando nomes geralmente utilizados por Hacker. Exemplo: "Barum" "Hakye" e por ai vai. Bem vindos.

❀ Evento Primaveril

Página 1 de 8 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

❀ Evento Primaveril

Mensagem por Perséfone em Sex Set 23, 2016 11:52 am


Equinócio de Primavera
Os dedos pálidos acariciavam o mármore negro do peitoril da pequena varanda do palácio, os múrmuros das almas atormentadas no rio serviam de melodia para o ambiente enquanto a deusa observava o reino até onde a visão se dissipa. Em suas maçãs do rosto uma leve cor rosava voltava a surgir conforme se aproximava do solstício da Primavera, sua mãe a deusa Deméter a esperava depois de um longo período distante, a jovem deusa retornava a sua essência donzela. Gélidas mãos tocaram seus ombros descendo por seus braços até repousar em sua cintura a puxando para fora de seus pensamentos. – Assumo que ainda admiro quando suas bochechas voltam a ficar coradas, mas desprezo a idéia que retorne ao mundo dos vivos. – A voz de Hades era intensa mesmo que permanecesse calma e seus dedos ficavam mais presentes, Perséfone esboçou um sorriso sobre o ombro encontrando o olhar frio do marido. – Acordo é acordo, não foi de minha vontade ser presa aqui – Seus olhos voltavam para frente caindo sobre seu jardim fantasmagórico até o pomar de romã à muito tempo presente em sua existência. – Mas assumir as consequências dos meus atos. – Virou-se para Hades apoiando o quadril contra o mármore. - Seis meses não é nada para um marido poderoso como o meu... Harley vai comigo desta vez.
- Jamais! Ela é minha filha, me pertence... – Os dedos pálidos de Perséfone tocaram a face enfurecida do marido que de longe conseguiria ser ainda mais “sem vida”, a outra mão subia sobre o seu peito sobre o terno alinhado que vestia, um toque dos lábios foi feito em forma de beijo sobre a bochecha magra do senhor dos mortos. – Nossa filha, não me negue sua companhia enquanto entrego metade do que sou para ficar com você em seus domínios! Não me faça acreditar que suas palavras são falhas e sem valor, ou devo duvidar de qualquer promessa vinda de você? – O rosto da bela deusa franziu, mas Hades já estava com a mão entrelaçado pelos dourados cabelos da esposa, um sorriso sombrio estampado nos finos lábios. – Antes de cede-las há algo...

(...)

O Equinócio de Primavera chegava e com ele as flores desabrochavam com a presença de Perséfone, Deméter tornava a terra fértil em comemoração do retorno de sua tão amada filha. A festa estava já planejada começava a ser enfeitada, flores ornamentava as barracas, o perfume ficava mais presente no Olimpo. Alguns semideuses se ofereciam para auxiliar em erguer as barracas, o perfume tornara mais intenso deixando-os lentamente desorientados, ramas e raízes subiam por suas pernas os envolvendo até serem sugados ao submundo. Os semideuses eram deixados a beira do rio das almas atormentadas, diante ao palácio de Hades, o imponente portão de bronze se abria e das nevoas negras uma silhueta marcada surgia, os cabelos dourados e o vestido tubo preto fúnebre, revelava a rainha do submundo. – Bem vindos à minha singela moradia. – Sua voz era doce como mel e nítida para cada semideus que ainda buscava entender. – Devem se perguntar o motivo dessa visita, podemos dizer que é apenas uma brincadeira antes da festa lá em cima. Três pequenas provas estão entre vocês e seu doce lar. Passem e vão embora, se recusem e ficarão presos aqui pela eternidade. – Sua fina sobrancelha se ergueu. – A vontade para escolherem... E que comecem o jogo...

Informações:

O prazo de inscrição é de 48 horas (dois dias), ou seja, finaliza no domingo;
O post de inscrição deve conter no minimo 20 linhas seguindo a ideia da trama de introdução;
É atemporal então não interfere nenhum outro evento posterior ou atual;
Consiste de três etapas simples, cada uma será revelada ao final da etapa anterior;
Contas que participam da casa dos 12 não podem participar. (Apenas estão liberados para as barracas);
Dúvidas serão respondidas por MP.

prêmios:

Evolução de níveis: Quem completar a primeira etapa sobe dois nível, completar a segunda etapa sobre mais um. Os que completarem a terceira sobre três níveis, totalizando 6 níveis para quem completar o evento.
Os prêmios serão divididos entre os dois melhores, os demais além dos níveis ganharão 1200 Dracmas.

Prêmios
Serpente de Persefone: Bracelete de prata polido abençoado pela deusa Perséfone, sua forma é de uma serpente enrolada no pulso, com os olhos de pedras preciosas. Quando acionada o bracelete tornasse um chicote de energia que pode alterar de 2 à 4 metros de comprimento capaz de prender o oponente por uma rodada ou mesmo injetar uma toxina capaz de paralisar de uma à duas rodadas dependendo da habilidades dele em resistência a veneno.
Frasco do Homem-Morto: Um frasco pequeno de vidro que se assemelha as curvas de do fruto romã, dentro do mesmo contem 6 pílulas semelhantes a semente do fruto, ele não é capaz de matar ou mesmo prender permanentemente o semideus no submundo. 1 pílula é capaz de fazer o "ser" desmaiar em um sono profundo por até 5 horas(até duas rodadas, variará conforme o narrador) como se tivesse morrido. 2 pílulas bem usadas juntas torna o semideus capaz de em espírito viajar por 20 minutos pelo submundo antes de voltar para seu corpo.
Benção/Maldição: Como regente do submundo, Perséfone o dispõe a habilidade de Intangibilidade, mudando a forma molecular se seu corpo de  forma em que possa atravessar matéria solida (Parede, arvore, outros corpos). Níveis iniciantes (até o nível 17) atravessam alguns membros, intermediários conseguem evoluir para atravessar metade do corpo sem dificuldade ( nível 25), os semideuses avançados conseguem ter um controle completo o tornando espectral capaz de atravessar sem problemas matérias solidas até 3 metros de espessura.




Última edição por Perséfone em Ter Set 27, 2016 1:45 pm, editado 2 vez(es)


dark lady

RAINHA DO SUBMUNDO BEE, POMEGRANATE SYMBOL
avatar
Perséfone
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 111
Data de inscrição : 11/12/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ❀ Evento Primaveril

Mensagem por Convidado em Sab Set 24, 2016 12:00 am


Back in Black


99% anjo e 1% vagabundo. Com certeza essa música não tinha nada a ver comigo.

Eu não estava montando barracas feito um idiota porque eu era um amor de pessoa ou algo do gênero, muito menos porque queria algum favor de Quíron logo em seguida (apesar da ideia parecer interessante). Não, eu estava esperando a maldita feiticeira de Circe aparecer. Tinha levado minhas adagas escondidas nos bolsos do sobretudo justamente para matá-la quando ela aparecesse. V.adia idiota não escaparia dessa vez, maldita Pandora. Sim, era ressentimento que eu guardava, não, eu não ligava nem um pouco. Eu só queria a cabeça dela empalhada no meu criado-mudo, e ponto final.

Mas provavelmente eu acelerei demais as coisas. Afinal, como Klaus Maltz odiava tanto Pandora Drumalgumacoisaqueeunãoseionometodo? Não é da sua conta. Eu queria o corpo dela na minha cama e ela não cedeu, logo a sentença é a morte. Faz sentido pra mim.

Conhecendo Pandora como eu conhecia (e eu já tinha perdido horas e horas e mais horas vendo ela treinando e conversando por aí, antes de sumir na Casa dos 12), ela gostava de ajudar pessoas que não fossem garotos, ou basicamente garotos que não fossem eu. Enfim, ela possivelmente estaria ajudando a montar aquelas barracas inúteis, então era o suficiente pra mim. Era um trabalho muito muito muito chato, mas no final valeria a pena. Só mais alguns minutos.

Alguns semideuses tinham problemas em levantar as barracas, e seus corpos pareciam um tanto quanto molengas. O que era estranho, considerando que alguns ali eram pra ser no mínimo fortinhos. - Qual é, você não consegue fincar uma estaca no chão? Que isso, bicho. - Com raiva, peguei a estaca da mão de um deles e a finquei no chão, com facilidade. - Viu? Basta ter dois neur... - Olhando pra estaca, notei alguns ramos subindo de forma estranha pelas minhas pernas, como se me agarrassem. Começava a apertar, na verdade. - Que por** é essa?

Assim que pronunciei as palavras, os ramos pareceram subir e apertar ainda mais, e de repente me puxaram pra baixo com violência. Só tive tempo de fechar os olhos e a boca antes de começar a ser sugado pra dentro da terra.
Por quanto tempo exatamente eu fui puxado, realmente não saberia dizer, mas foi um tempo considerável. Quando finalmente eu percebi que já não tinha terra pra todos os lados e o aperto nas pernas afrouxou, arrisquei abrir os olhos. Por um segundo, o coração de ceifador quase acelerou. Eu conhecia aquele ar pesado, aquele céu que não era bem um céu. Era o mesmo lugar que eu estava enquanto estava "quase-morto". Mas nada tinha acontecido, ninguém tinha me matado... Será que Hades queria minha alma de volta? "Ótimo, e eu inventei de não trazer minha foice.". Assim que finalizei o pensamento, notei que outros semideuses estavam ali, tão perdidos quanto eu com tudo aquilo que acontecia. Olhei para uma das garotas ao meu lado, dando um sorriso calmo. - Então, gatinha... Você vem sempre aqui?

Os portões pesados de bronze se abriram na minha frente, e ali apareceu a donzela do submundo, que eu sabia bem ser Perséfone, com todas as suas curvas provocantes e olhar seduzente. "Hades". "Ah é". Depois de ouvir o que ela dizia, dei um sorriso claramente zombeteiro, batendo alguma da terra presa no meu sobretudo preto. - Já estive aqui antes. Já saí daqui antes. Vocês parecem que não aprendem... Bring it on.

Guess who's back?
credits ‹›

avatar
Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ❀ Evento Primaveril

Mensagem por Percy Jackson em Dom Set 25, 2016 6:49 pm

Evento de Primavera

O dia em que me vi sendo sugado por raízes...
Quando foi me dito que uma festa seria dada no Olimpo, como uma forma de comemorar o retorno de Perséfone do submundo para o lado da mãe, meu primeiro pensamento fora de que nem morto eu iria. Festas no Olimpo geralmente tinha extravagância demais, bagunça demais e problemas demais. Não era raro que eu me visse, envolvido em algum problema tendo minha cabeça colocada a premio pelos deuses. Mas, aqueles não eram os planos de Annabeth, e quando sua namorada tinha planos diferentes dos seus, que te envolviam você poderiam ter a certeza absoluta de que seus planos formados com tanto esmero seriam colocados de lado. Mulheres irritadas, semideusas ou não, tinham uma maneira toda especial de tortura.

Então, eu me via ajudando alguns outros semideuses ajudando na montagem das barracas enquanto alguns ajudavam a montar o restante da decoração.  De certa forma, eu me oferecera para fazer aquele trabalho com o intuito de me manter ocupado. E estava funcionando muito bem até aquele momento. Nenhum deus se aproximara, ninguém se irritara comigo então, pra mim eu estava no lucro.  –Cara se ta sentindo esse cheiro? Nossa, Perséfone deve estar bem feliz- anunciei colocando a camiseta sob meu nariz para tentar inalar um cheiro diferente do inebriante cheiro de flores que parecia impregnar toda a barraca. Respirei profundamente, abaixando a barra da camisa para voltar ao trabalho. Em questão de segundos, o cheiro parecia ter ficado ainda mais forte, era como se ele impregnasse em minha mente me deixado um tanto quanto lento, sem saber ao certo o que acontecia.

Senti algo envolvendo minhas pernas, levei meus olhos para baixo tentando ver o que era para me livrar de seu aperto desconfortável. –Mas o que é...- comecei me vendo ficar ainda mais confuso.  Meus olhos se fecharam em confusão ao passo em que o aperto parecia subir por todo meu corpo. Quando dei por mim, eu me via a beira do que parecia um rio. –Mas hem?- me questionei vendo o que eu sabia ser o palácio de Hades mais adiante. Os portões de bronze se abriram revelando uma silhueta que logo se mostrou ser Perséfone. A rainha do submundo parecia vestida para matar, e talvez fosse isso que ela resolvera fazer conosco. Todos aqueles anos de convivência com Hades, não deveriam ter feito muitas maravilhas por ela.  –Obrigada deuses, por me provarem que mais uma vez eu estava certo sobre vocês- murmurei após ouvir as palavras de Perséfone. Tudo acabava envolvendo um desafio ou outro em se tratando dos deuses. Já que não dava pra fugir ia ter que ser aquilo mesmo. Passar pelos três jogos e ir pra casa. Annabeth definitivamente iria escutar mais tarde.
@


avatar
Percy Jackson
Filhos de Poseidon
Filhos de Poseidon

Mensagens : 107
Data de inscrição : 06/09/2014
Idade : 19
Localização : Acampamento Meio Sangue

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ❀ Evento Primaveril

Mensagem por Arya Doprav em Dom Set 25, 2016 6:54 pm



Festinha de Primavera?

Todos têm dias anormais. Aqueles que você desperta e não segue exatamente uma “rotina”. Mas, não posso dizer que a jovem ceifadora tem uma rotina, então ela apenas estava fazendo coisas diferentes. Como estar arrumando barracas para uma festinha de primavera. Tem como acreditar? Pois é, nem eu consigo imaginar. Porém, a prole de Poseidon sentia algo, uma força invisível, puxando-lhe para aquele local. Sua silhueta movia-se por entre as muitas dali, pegando os acessórios e os organizando. Logo já havia erguido quatro barracas e pensava em como aquilo estava chato. Sem falar no cheiro forte que adentrava suas narinas, desnorteando-a.
Tudo ocorrera muito rápido. Doprav não fora capaz de livrar-se das raízes que se enroscavam em seu tornozelo e em um piscar de olhos o cenário havia mudado. A ceifadora conhecia o lugar, o cheiro de enxofre era forte assim como os lamentos das almas. Não teve tempo de perguntar-se o motivo de estar ali, pois o grande portão se moveu, revelando uma silhueta feminina. Pela postura e aparência, apenas podia se tratar da Rainha do Submundo. A mulher se pronunciou, explicando o que os semideuses fariam ali.
“Ótimo, mais provas.” Escutou a voz da Morghul ecoar em sua mente. “Estamos precisando de ação.” A gargalhada estrondosa atravessou o subconsciente da morena. A filha de Poseidon revirou os olhos, sem demonstrar qualquer outra expressão. Arqueou e relaxou os ombros, enquanto as írises varriam o lugar. Os dedos seguraram o cabo da arma que a pouco se comunicara com ela, não hesitaria em usá-la para terminar logo com aquilo. Estava pronta para as provas.
code designed by doll from the pretty odd



Arya Doprav
Poseidon's daughter -x- Thanato's reaper
avatar
Arya Doprav
Sem grupo
Sem grupo

Mensagens : 369
Data de inscrição : 11/06/2014
Idade : 19
Localização : Atrás da sua alma.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ❀ Evento Primaveril

Mensagem por Natasha Gorbatchev em Dom Set 25, 2016 7:15 pm


Equinocio de Primavera
O equinócio de primavera estava chegando, não que eu de fato me importasse, não fazia muita diferença em minha vida a estação em que estávamos, mas garantia certo bom humor a muitos semideuses, criaturas e aos deuses. Era sempre uma data festiva e alegre, e para ser bem sincera, eu só gostava por que achava a festa que era preparada todo ano adorável.
Naquele ano eu havia resolvido me oferecer para ajudar na arrumação para a festa no Olimpo, era o primeiro ano que eu me oferecia para tal tarefa. Me perguntava ainda o que podia ter mudado naquele ano. Talvez eu apenas tivesse me sentido de bom humor quando Quiron comentou sobre o tema durante o jantar, era difícil dizer com certeza na verdade.
Havia acordado cedo aquele dia, e acompanhado de outros semideuses fomos levado ao Empire State, onde pegamos o elevador de música irritante para o Olimpo. Apesar dos avisos de Quíron de que armas eram desnecessárias, eu realmente me sentia melhor com elas, chamávamos muita a atenção  fora do acampamento, e eu preferia carregá-las mesmo que não as utilizasse, do que precisar e saber que elas estavam no acampamento, por esse motivo em meu bolso garanti ter a minha moeda de arma no bolso e meu pingente no pescoço, além claro, da pequena faca de bronze que ia em minha cintura.
Havia tomado o cuidado de escolher uma roupa que me permitisse ter os movimentos livres e claro sem perder meu estilo, acabei com um collant preto com algumas tranparências, uma calça preta e uma bota que ia até meu joelho de salto quadrado(se eu treinava de salto, era óbvio que iria ao Olimpo de salto u.u) ([url= https://s-media-cache-ak0.pinimg.com/564x/29/74/ef/2974efe6b31f4027eba81dd8ec491c4b.jpg]Clique aqui para ver a roupa).
O barulho do elevador me tirou de meus devaneios e logo eu caminhava para onde ajudaríamos a arrumar as coisas para a festa. Começamos a arrumação, erguendo barracas e as enfeitando, aquilo era quase divertido e eu realmente estava perdida ali quando o perfume começou a se tornar enjoativo e me deixar atordoada, apoiei-me na barraca perto de mim tentando me orientar novamente quando senti as ramas e raízes a se enrolarem em minhas pernas, puxei minha adaga e tentei me livrar delas, mas quando mais eu lutava, mais elas se enrolavam em mim, até que tudo ficou escuro e tudo que eu pensava era por que raios eu tinha ido ajudar mesmo?
Quando olhei ao redor de novo, o rio de almas torturadas estava a minha frente, o palácio de hades se erguia imponente e glorioso, e totalmente sombrio, como uma peça de quebra-cabeça que apesar de se destacar entre as demais se encaixa perfeitamente. Puxei minha moeda a fazendo virar uma espada, quando so portões se abriram, observei a silhueta da rainha do submundo surgir, não reparei muito em seu corpo ou cabelo, estava mais interessada em saber por que raios eu estava ali, mas eu sabia bem o que era, apenas os deuses mais uma vez entediados e querendo ferrar com a nossa vida.
A voz dela me vez ficar enfurecida, então por que ela queria éramos obrigados e entrar em seu joguinho? –Ou seja, apenas vocês entediados mais uma vez querendo ver a gente se ferrar – resmunguei revirando os olhos, eu aceitaria, afinal, não tinha muita escolhe. E que comecem os jogos.




Última edição por Natasha Gorbatchev em Ter Set 27, 2016 1:32 pm, editado 1 vez(es)


Filha de Ares✖ Legado de Afrodite ✖ Namorando

All girls wanna be like that
Killjoy Girl
avatar
Natasha Gorbatchev
feiticeiros de Circe
feiticeiros de Circe

Mensagens : 112
Data de inscrição : 22/07/2016
Idade : 18

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ❀ Evento Primaveril

Mensagem por Emmanuelle S. Henz em Seg Set 26, 2016 10:15 pm



Se eu sou uma espada, eu sou uma espada feita de vidro, e eu sinto que estou começando a estilhaçar
Vamos fingir que sabemos amar e quem sabe um dia poderemos aprender

A careta de desgosto permanecia presa contra a face da garota, que de alguma maneira ainda se perguntava o que tinha feito para estar naquela situação. Castigo não era a palavra certa, não quando as ordens vinham diretamente de sua senhora. Manu encontrava-se apenas, em mais uma tarefa que exigia um controle perfeito – que temos que confessar ela não possui em determinadas situações – e outras coisas a mais, como habilidades distintas e delicadeza. As habilidades de Manu são relacionadas a armas, agilidade, força física e conhecimento, agora, pedir a ela para arrumar uma mesa é o mesmo que pedir para que quebre a louça, complicado demais para sua capacidade de entendimento.

Manu puxou a toalha a arrumando pela terceira vez, por mais que tentasse nunca conseguia deixa-la reta como o pedido, lhe parecia torta, ou amassada em todas as vezes. A jovem balançou a toalha sobre o gramado e voltou a dispô-la sobre o vidro. As coisas começaram a ficar estranha minutos mais tarde, os gritos ao redor pareceram desperta-la, mas agarrar-se a espada e cortar as plantas não fora suficiente. Emmanuelle se viu presa, enrolada sobre diversos ramos de flores e cabos verdes. Sua boca foi tampada, sua vista escureceu, e Emmanuelle foi tragada para o reino dos mortos.

Minutos mais tardes – ou horas, já que o tempo pode parecer bastante incerto no reino dos mortos – Manu se viu diante de imensos portões revestidos em bronze. O rio do esquecimento encontra-se ali perto, bastariam poucos passos para que a margem lhe puxasse mais para perto, instigando suas lembranças a se perderem para sempre. Calafrios subiram pela espinha da caçadora, que se desviou do rio Lete para mais perto do portão. No mesmo momento, a figura surgiu majestosamente a sua frente, e outros semideuses foram ganhando forma ao seu redor. Um a um, até que um grupo completo contemplasse a rainha do inferno.

A prole do deus dos mares levou a mão ao pescoço e apertou o colar, de alguma maneira, o simples gesto lhe acalmou por completo a fazendo pensar novamente de maneira racional. Manu fixou os olhos na deusa – Persefone diante dos grandes portões – enquanto concentrava-se em ouvir o que a Lady das trevas tinha a lhe dizer. Não apenas para si, mas para um grupo de heróis altamente qualificados e treinados, possivelmente até mesmo selecionados de antemão. Um sorriso debochado formou-se no rosto da caçadora, que enfiou a mão nos bolsos, aguardando suas provas. Não se pronunciaria, a postura rija era suficiente para que Persefone soubesse sua resposta, ela não temia a morte.


Thanks Panda



Emmanuelle Sophie Henz
I'M A QUEEN OF DARKNESS!!!
avatar
Emmanuelle S. Henz
lider das caçadoras
lider das caçadoras

Mensagens : 560
Data de inscrição : 06/06/2013
Idade : 21
Localização : Seguindo em frente..

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ❀ Evento Primaveril

Mensagem por Ariel Sehn Kahlfels em Seg Set 26, 2016 11:08 pm


Watch it all fallin' ﴿
"I've been through it, I I've been through all the agony and now my eyes r trying no more crying. Lying it's just a game so disaster strikes and I'm alrigh because my love's on it's way, burning for forever and always Cuz' the walls burned up and our love fell down"

Primavera, uma das estações preferidas da prole de Hades. As folhas secas pendendo dos galhos de árvores, permeando um lindo piso no chão por onde quer que estivesse passando, e a natureza fosse o alvo maior do ambiente. Por mais que não fosse tão ligada a festividades específicas, não se redimia a participar de uma ou outra, quando conhecidos estariam por perto, o que não vinha ao caso agora. O chamado para organizar uma festa junto a outros campistas havia acontecido brevemente, e não tivera muito tempo para pensar e já estava seguindo uma das filhas de Afrodite para perto de onde o evento aconteceria, deixando explícito o quanto estavam levando aquela época do ano a sério. Ao apontar para alguns afazeres, Ariel tinha decidido arrumar os bancos de piquenique que serviriam para acompanhar as grandes mesas, mas havia se atrapalhado um pouco com o peso ao tentar movê-los sozinha. A coisa chegava até a ser cômica, se não fosse tão... Enfim. ― Certo, então eu coloco essas plantinhas ali? Eu não sei diferenciar uma orquídea de um lírio. Eu nem sei qual é qual! Você... Argh. ― um suspiro zangado escapara dos lábios da semideusa enfurecida, que acabara por se afastar em busca das tais flores, tendo que vislumbrar por si mesma qual era qual, numa mesa onde algum dos filhos de Deméter possivelmente tinha separado alguns botões. A mesa estava bem mais afastada de onde os campistas organizavam o evento, o que de cara havia sido deveras estranho. Assim que a filha do deus dos mortos pusera as mãos na madeira, seus dedos formigaram, causando-lhe uma sensação estranha. Ao ignorar, passou os olhos azulados pelos botões depostos a sua frente, analisando qual seria uma orquídea e qual seria um lírio, para poder iniciar a leva das flores para cima das mesas. Porém, sua atenção fora tomada para um estranho cheiro de enxofre, como se estivesse muito próxima de um laboratório químico tóxico. A surpresa viera junto com o pequeno puxão no pé, onde ramos começavam a tomar mais força, subindo pela perna para logo deixá-la imóvel. Com tempo apenas para puxar Fortitudine do bolso e acioná-la, tudo escureceu e os sussurros que já não lhe tinham tanta importância, voltavam com força total.

Ao abrir os olhos e piscar confusa, observou os grandes portões cor de bronze abrirem-se conforme chegava mais perto. A língua umedecia o lábio inferior, e uma sensação de conforto - apesar da estranheza - havia se apossado da campista, que não poderia estar mais certa do local no qual acabava de entrar. Foi então, que ao andar um pouco mais para frente, deu-se conta de onde estava apenas pelo fato de estar diante de alguém que imaginava não ver. Perséfone encontrava-se em sua forma semelhante a uma humana, o que não foi tomado tanta atenção - ao menos para Ariel - quanto suas palavras. Olhou ao redor, enquanto apertava o cabo da espada e aproximava-se alguns passos, notando algumas presenças já vistas no acampamento. O semblante conhecido de uma das proles de Ares tomou-lhe a vista, e um suspiro audível foi solto sem que percebesse. Baixou a espada, tomando para si um momento de divagação. ― Agora mais essa. ― comentou baixo, ressalvando um tom irado, adotando uma postura completamente ereta e segura de cada passo para mais perto do grupo formado logo a frente. Ao mover o rosto para um dos lados, encontrou mais uma silhueta conhecida, dando de cara com uma certa filha dos mares. Automaticamente uma guerra interna fora travada contra a semideusa, e sem pensar muito mais que o tempo já perdido, aproximou-se da morena, parando não muito distante de seu lado direito, mas a alguns bons passos, olhando-a de esguelha, antes de voltar a atenção para, em outras palavras, sua madrasta.


―――――――――――――――  ﭏ  ―――――――――――――――

﴾ not feeling my heartbeat
You shot the bullet that killed me | ariel ©





I know you think that you know me but you ain't even see my dark side. This is for you only, so baby do me right.
avatar
Ariel Sehn Kahlfels
Lider dos Mentalistas
Lider dos Mentalistas

Mensagens : 147
Data de inscrição : 01/09/2016
Idade : 21

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ❀ Evento Primaveril

Mensagem por Perséfone em Ter Set 27, 2016 10:39 am


Inscrições encerradas.



dark lady

RAINHA DO SUBMUNDO BEE, POMEGRANATE SYMBOL
avatar
Perséfone
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 111
Data de inscrição : 11/12/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ❀ Evento Primaveril

Mensagem por Perséfone em Ter Set 27, 2016 12:17 pm


Travessia do Rio das Almas

Os semideuses apresentavam ainda uma certa duvida entre si, os mais experientes tentavam assimilar mais rápido na busca de não serem pegos de surpresa, já os mais jovens ainda se localizavam em um reino que não conheciam, provavelmente deveriam ter alguns segundos ou mesmo minutos para entender os riscos, mas não o teriam desta vez.- Venham à mim queridos... Tenho um longo jardim para que admirem... - A voz da deusa era calma e gentil, para a desconfiança dos jovens; Não havia passagem direta para o portão apenas o rio que os separavam. Todos tomavam a frente questionando entre si ou mesmo pensando em questionar a deusa como atravessariam, nenhum deles estavam loucos o suficiente para pular. Diante aos seis raízes novamente saíram do solo, mas o contrario dos floridos que os trouxeram ao submundo, esses era secos, sem vida, rígidos, como aquelas plantinha esquecida no jardim no longo verão escaldante. As raízes secas atravessavam cortando o ar até o outro lado como uma corda, tornando-se a unica passagem.



❀ Explicações:
As três etapas são simples e esta é a primeira, as raízes ligam os dois lados do rio das almas, uma ponta diante a cada semideus que levará ao portão do Palácio de Hades. Todos devem travessar. Como será feito isso? Simples.
1º- O comprimento das raízes é totalizada em 10 casas, cada rodada devem conquistar o direito de avançar uma.

2º- Para conquistar o direito de avançar é a base da sorte, um dado deve ser lançado (nome do dado: Evento primaveril), ele possui 3 faces.
-Significado de cada face:
nº1 - Avança uma casa. (10)
nº2 - Se mantem no mesmo lugar. (5)
nº3 - Desequilibrou e deve voltar uma casa. (-2)

3º- A colocação dentre os semideuses será dado em um pódio que varia de 100 à 0 pontos por etapa.

4º- Desequilibrou 6 vezes (retirou pela 6º vez a face nº 3) seus pontos são zerados e você reinicia.

5º- Não há ordem de postagem, entretanto só poderá laçar os dados novamente quando todos tiverem sua vez (para auxiliar exibirei uma tabela com a posição de cada um, à cada rodada). Tem o prazo de 24 horas para isso, lembrando que devem fazer uma postagem de no minimo 3 linhas. Dúvidas, MP.





dark lady

RAINHA DO SUBMUNDO BEE, POMEGRANATE SYMBOL
avatar
Perséfone
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 111
Data de inscrição : 11/12/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ❀ Evento Primaveril

Mensagem por Natasha Gorbatchev em Ter Set 27, 2016 1:31 pm


Equinócio de Primavera
Olhando a deusa mantinha minha espada em mãos, esperando  o momento que ela nos mandaria matar monstros, ou coisa pior, afinal em geral era sempre assim. Os deuses nos desafiavam de todas as formas, monstros, ilusões, e o que mais pudessem pensar. Eu me questionava, por diversas vezes se aquela merda toda era para testar o que éramos capazes de fazer(como no caso de 90% das vezes que meu pai propunha algo), ou apenas pela diversão de ver a gente se ferrar(como era caso em geral de Dionisio ou Hermes), de qualquer forma, sempre tinha algo a mais, nada nunca era fácil.
Meu olhar estava cravado no rosto da deusa a nossa frente, mas dividia minha atenção entre ela e o que estava ao meu redor. O lugar me causava arrepios, mas também me deixava com certa adrenalina, pensando em tudo que poderíamos enfrentar por ali, podia ser divertido, afinal. Girei a espada na mão a fazendo voltar a ser a moeda, quando mais uma vez a deusa voltou a falar, ela queria que nos aproximássemos, para olhar seu jardim. –Ta de brincadeira... –falei baixo me aproximando do rio e colocando a moeda no bolso, eu não pularia naquele rio. Estava prestes a criar uma ponte de roseiras ali quando a raiz apareceu a nossa frente, percebi que havia aparecido uma a frente de cada semideus.
Olhei aquilo completamente desconfiada, tinha que ter alguma pegadinha, além é claro, do fato de que a ponte era estreita e que se eu caísse provavelmente nunca conseguiria sair dali. Respirei fundo, eu jamais recusaria um desafio, e aquele nem era um dos piores afinal de contas. –Seja como as moiras quiserem. –falei dando o primeiro passo em direção a ponte, numa tentativa de começar a atravessá-la.




Filha de Ares✖ Legado de Afrodite ✖ Namorando

All girls wanna be like that
Killjoy Girl
avatar
Natasha Gorbatchev
feiticeiros de Circe
feiticeiros de Circe

Mensagens : 112
Data de inscrição : 22/07/2016
Idade : 18

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: ❀ Evento Primaveril

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 8 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum