The Blood of Olympus
Para visualizar o forum é necessário estar cadastrado, por favor registre-se no rpg ou entre em sua conta. É necessário estar cadastrado para ver as informações contidas no forum. Lembre-se de usar nome e sobrenome, não se cadastrar usando nomes geralmente utilizados por Hacker. Exemplo: "Barum" "Hakye" e por ai vai. Bem vindos.

Radamanthys de Wyvern

Página 2 de 3 Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Radamanthys de Wyvern

Mensagem por Emmanuelle S. Henz em Qua Maio 04, 2016 11:20 am



Se eu sou uma espada, eu sou uma espada feita de vidro, e eu sinto que estou começando a estilhaçar
Vamos fingir que sabemos amar e quem sabe um dia poderemos aprender

Quanto mais tempo permanecia no circulo mais dor sentia, escapar parecia impossível, mas persistia forte e resistente, por hora, mesmo sentindo as pernas queimando e as roupas se desfazendo em pó, precisava aguentar pelo menos mais um pouco. Até agora estava viva, e se estava viva ainda tinha uma chance de mudar o jogo, naquele momento Manu sabia que precisava agir, tinha ido longe demais ao se manter protegida numa cúpula que sabia não ser o suficiente. Estava na hora de se manter emotiva e fazer o cavaleiro sentir exatamente o que estava sentindo naquele momento, pretendia aguentar apenas mais alguns minutos, o suficiente para se manter viva, então usaria uma cartada final. Manu pretendia usar uma corça, por ser abençoada de Artemis e uma caçadora de nível elevado conseguiria trocar de lugar com aquele que lhe atacava, então aguardaria. Quando o cavaleiro estivesse em seu ápice de poder Manu usaria essa troca para faze-lo sentir exatamente o que sentia, pelos próprios poderes que possuía, usando a corça Manu se livraria do lugar em que estava e o atacaria da mesma forma que ele fazia com ela, e melhor, com o poder dele, não com o dela. Fechou os olhos e se concentrou para aguentar a dor, esperando até o minuto que precisava para poder agir, contando mentalmente, ela se preparou, faria, naquele mesmo tempo ela agiria, e sabia disso.

Mascote:

Molly: Lobo Branco->nível 1. Os lobos auxiliam as Caçadoras em suas caças e são muito obedientes... Mas terá que ser bem educado pela sua dona primeiro. Pode ficar maior do que seus comparsas. É muito inteligente e irá lhe obedecer cegamente. Seu faro e seus ouvidos são infalíveis: Ele tudo escutará, tudo vai cheirar. Sons em até 250 metros e cheiro em até 125 metros. Ele tem também garras e presas afiadíssimas, além de ser naturalmente pesado e aguentar até 75 kg sem reclamar.


Poderes Ativos:

Nível 6
Cúpula d’água – Você se envolve nesta cúpula e fica protegido contra qualquer ataque físico, mental,  sonoro, magico ou de veneno.

Mutação Aquática II - Capacidade de transformar todo do corpo em água, podendo assim fazer a arma do adversário passar reto pela parte liquida do corpo sem ser machucado ou atingido pelo golpe.

Nível 32: New Moon: Habilidade que permite a caçadora invocar a lua cheia podendo extrair forças dela e usa-la ao seu favor. A traria para o céu como se estivesse noite, o ar ao redor ficara mais pesado. A lua será como a lua normal, e só pode ser usada para fortalecer a caçadora. A lua ficara posta por apenas 5 rodadas e pode ser usada uma única vez em luta ou missão.


Poderes Passivos:

Nível 23: Corça da Lua Antiga da Vingança -Quando um inimigo atacar a caçadora de Ártemis, os lugares vão ser imediatamente trocados. O inimigo ficará paralisado no lugar aonde a caçadora estava, enquanto, querendo ou não, a caçadora irá atacar o semideus do mesmo modo que ele a atacaria, usando os mesmos poderes que o oponente usou em você.


Thanks Panda



Emmanuelle Sophie Henz
I'M A QUEEN OF DARKNESS!!!
avatar
Emmanuelle S. Henz
lider das caçadoras
lider das caçadoras

Mensagens : 719
Data de inscrição : 06/06/2013
Idade : 21
Localização : Seguindo em frente..

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Radamanthys de Wyvern

Mensagem por Phobos em Qua Maio 04, 2016 6:25 pm


Batalha nº 1

O Juiz irá usar sua habilidade suprema.

avatar
Phobos
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 617
Data de inscrição : 18/11/2014
Localização : Na sua mente...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Radamanthys de Wyvern

Mensagem por Athena em Qua Maio 04, 2016 6:25 pm

O membro 'Phobos' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Cosmo' : 9
avatar
Athena
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 7537
Data de inscrição : 26/05/2013
Idade : 22
Localização : Por ai

http://www.bloodolympus.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Radamanthys de Wyvern

Mensagem por Phobos em Qua Maio 04, 2016 6:34 pm


Batalha nº 1

Assim que notou uma mudança de energia na garota, o Juiz parou de rodar imediatamente. Algo estranho estava para emanar daquela garota, mas ele não permitiria. - Agora você vai sentir o verdadeiro poder de Wyvern, garota. GREATEST CAUTION! - As mãos do Cavaleiro fizeram uma espécie de bola, e lá dentro uma energia escura começou a se condensar lentamente. Com o grito, a energia começou a sair de forma intensa contra a garota.
E foi aí que tudo mudou.
Como num piscar de olhos, Radamanthys não estava mais voando lá no alto, mas estava com os dois pés no chão, enquanto Emmanuelle estava na mesma posição que ele estava momentos antes... E aquela energia escura na mão dela. Não era possível!
Antes que pudesse se defender, os filetes de energia começaram a atingi-lo um por um, cada um mais impactante que o outro. Sua armadura o protegia completamente, mais cada impacto doía como se um aríete batesse contra o seu corpo. Uma, duas, três, quatro vezes...
Quando os 20 filetes terminaram de encontrar seu alvo, Wyvern estava ajoelhado no chão. Sua armadura estava intacta, graças ao poder de Hades, mas os danos internos foram brutais. Ele sentia no mínimo algumas costelas quebradas, e não sentia o dedo mindinho da mão direita, distorcido num angulo estranho. Olhou para a garota a sua frente, e sentiu uma leve dose de medo tomar seu corpo.
- Um poder forte, semideusa. Eu a subestimei... Prometo não fazê-lo novamente. - Levantando-se com dificuldade, Radamanthys colocou o dedo mindinho de volta ao lugar com violência, cuspindo sangue no chão na direção de Emmanuelle e apontando para ela. - Vou destruir você sem usar meu Greatest Caution, e irá sofrer ainda mais.


Radamanthys de Wyvern

HP - 400/800
MP - 780/800

Golpe Crítico, causando 800 de dano em Radamanthys, 50% bloqueado pela armadura (9 nos dados)

Emmanuelle S. Henz

HP - 390/440
MP - 390/440

avatar
Phobos
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 617
Data de inscrição : 18/11/2014
Localização : Na sua mente...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Radamanthys de Wyvern

Mensagem por Emmanuelle S. Henz em Qui Maio 12, 2016 11:45 am



Se eu sou uma espada, eu sou uma espada feita de vidro, e eu sinto que estou começando a estilhaçar
Vamos fingir que sabemos amar e quem sabe um dia poderemos aprender

De todas as batalhas que enfrentara ao longo dos anos, aquela certamente lhe fora a mais difícil, e estava longe de acabar, ir com muita sede ao pote pode te fazer deixar brechas, e é ai que o inimigo avança e te destrói. Manu tinha total consciência de si, do seu poder, de cada veia que pulsava sobre seu corpo, da respiração alterada e dos arrepios contínuos em sua pele pelas palavras do inimigo. Mentalmente, se sentia esgotada, mas fisicamente poderia quem sabe levantar até mesmo um caminhão, era aquela adrenalina de batalha correndo solta, a fazendo manter-se na ativa, sobrevivendo, lutando pela vida. Ainda custava a acreditar que tivera aquela sorte, o inimigo tinha maiores danos do que ela, porém ainda assim subestima-lo logo agora seria tolice, depois de ver tudo que ele era capaz de fazer, e pior, tinha mostrado a ele que poderia vence-lo, ele seria cauteloso a partir daquele momento. Outrora o servo de Hades não contava estar lutando com alguém que podia sim acerta-lo, tinha lhe subestimado e Manu usara esse trunfo ao seu favor, revelando seu poder não apenas dera a ele uma amostra do que podia fazer, como também se entregara, mas aquela fora a única maneira de se livrar de boa parte de sua energia e deixa-lo mais fraco.

Respirou fundo, encarando diretamente o servo do inferno, os olhos azuis cintilavam desgostosos com a situação, geralmente, não respondia, preferia permanecer calada, mas homens como aquele não mereciam dela nada mais que desprezo- Espero ao menos que me de uma luta justa, não banque o covarde que já notei que é! Se acha tão melhor que os outros, não passa de um verme para os deuses, o que acha que é isso? Apenas um show no qual você também é um peão que será descartado- Não era falsa modéstia, era cansaço acumulado ao longo dos anos, era a incredulidade que persistia em seu ser por ser colocada a prova de maneira constante. Ela encontrou uma segunda brecha ao vislumbrar seu peito, levando em conta a teoria de um ataque aquilo devia dar certo, a armadura não deixava de ser um objeto, mesmo se tratando de uma defesa. Ainda era algo inanimado, e melhor, preso ao corpo dele, a benção da ilha jamais tinha sido usada, ela estrearia aquele poder pela primeira vez, e pra isso, precisava agir de forma logica. Ela iria moldar a armadura a fazendo ganhar vida, a tornando uma arma para si mesmo. Braços, pernas, peito, tudo preso por aquilo, incluindo o capacete, deveria servir, já que basicamente seria como ter um homem dentro de uma arma de tortura.

Iniciando o jogo de tortura Manu focaria na armadura em si, a fazendo permanecer no local e impedi-lo de se mover, seria uma prisão que impediria seus ataques, a não ser aqueles que ela deixasse. Seguindo em tese no capacete, apertando o mesmo sobre a cabeça dele o impedindo de pensar de forma racional, afinal com a cabeça apertada seria difícil raciocinar direito, a dor deveria ser horrível com a pele presa ao ferro ou qualquer que fosse o material daquela armadura. Por fim qualquer ataque que ele tentasse desferir Manu iria desviar, usando a parte dos braços da armadura e direcionando os ataques direto contra o rosto do cavaleiro. Se manteria concentrada, fazendo a armadura ficar mais e mais apertada contra seu corpo, o sufocando. Como defesa usaria mais uma vez a transmutação, se ele tentasse atingi-la a distancia, Manu transformaria o corpo em agua, impedindo os ataques do servo de Hades contra si.


Mascote:

Molly: Lobo Branco->nível 1. Os lobos auxiliam as Caçadoras em suas caças e são muito obedientes... Mas terá que ser bem educado pela sua dona primeiro. Pode ficar maior do que seus comparsas. É muito inteligente e irá lhe obedecer cegamente. Seu faro e seus ouvidos são infalíveis: Ele tudo escutará, tudo vai cheirar. Sons em até 250 metros e cheiro em até 125 metros. Ele tem também garras e presas afiadíssimas, além de ser naturalmente pesado e aguentar até 75 kg sem reclamar.


Poderes Ativos:


Mutação Aquática II - Capacidade de transformar todo do corpo em água, podendo assim fazer a arma do adversário passar reto pela parte liquida do corpo sem ser machucado ou atingido pelo golpe.


Poderes Passivos:

xx--xx

Benção:

Lady da Luz: Possui uma aura ao redor do corpo que é pouco visível para os humanos comuns e para os semideuses que não tem poderes mágicos, essa é azul clara, bastante semelhante ao céu. Essa habilidade mágica permite que o jogador possa fazer com que objetos inanimados ganhem vida, fazendo com que estes objetos atendam ao seu comando. O objeto pode atacar seus inimigos ou fazer ações comandadas pelo portador que lhes deu vida, mas a cada ação feita por seus objetos, um movimento é retirado do turno ou rodada em batalha. Além disso, a semideusa pode invocar pegasus alados, dominantes de diferentes tipos de elementos. Como a terra, o fogo e o ar. Os pegasus obedecem ao seu comando, mas apenas um deles pode ser invocado por vez. Cada pegasus, pode tanto atingir com o elemento que dominava quanto sugar os poderes de semideus que dominam um elemento desse tipo. O convocação deve ser bem planejada, e se usada em demasia pode causar um desmaio espontâneo, caso sua energia corporal não for recuperada. Por fim, a semideusa pode invocar sua irmã gêmea em campo de batalha devido ao elo que as mesmas possuem. Ao invocar Tessa, a semideusa automaticamente suga um pouco de seu poder do caos, fazendo com que seu poder sobre objetos, também funcione com seres comuns, e semideuses.



Thanks Panda



Emmanuelle Sophie Henz
I'M A QUEEN OF DARKNESS!!!
avatar
Emmanuelle S. Henz
lider das caçadoras
lider das caçadoras

Mensagens : 719
Data de inscrição : 06/06/2013
Idade : 21
Localização : Seguindo em frente..

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Radamanthys de Wyvern

Mensagem por Phobos em Qui Maio 12, 2016 6:00 pm


Batalha nº 1

O Juiz irá atacar usando da sua habilidade Wyvern Roar.

avatar
Phobos
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 617
Data de inscrição : 18/11/2014
Localização : Na sua mente...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Radamanthys de Wyvern

Mensagem por Athena em Qui Maio 12, 2016 6:00 pm

O membro 'Phobos' realizou a seguinte ação: Lançar dados


'Cosmo' : 13
avatar
Athena
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 7537
Data de inscrição : 26/05/2013
Idade : 22
Localização : Por ai

http://www.bloodolympus.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Radamanthys de Wyvern

Mensagem por Phobos em Qui Maio 12, 2016 6:04 pm


Batalha nº 1

O ataque de Emmanuelle foi imediatamente notado por Radamanthys, sentindo a própria armadura ficar mais rígida. Tentou se movimentar, mas o peso da armadura sagrada parecia ter aumentado no mínimo 100x, e ele não conseguia se mover nem um centímetro. Para piorar, seu elmo parecia esmagar seu crânio, mas ele não conseguia se mover para retirá-lo. - MALDITA! - Elevando sua voz em milhões de vezes, uma grande onda de ar saiu junto com as ondas sonoras, atingindo o corpo liquefeito de Emmanuelle e a jogando voando pela arena, fazendo-a se chocar violentamente contra as chamas, que ela notou agirem como paredes incandescentes, e então caindo no chão com todo o corpo pulsando de dor.

Radamanthys de Wyvern

HP - 370/800
MP - 770/800

Golpe Crítico, causando 50 de dano (13 nos dados)

Emmanuelle S. Henz

HP - 340/440
MP - 385/440

avatar
Phobos
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 617
Data de inscrição : 18/11/2014
Localização : Na sua mente...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Radamanthys de Wyvern

Mensagem por Emmanuelle S. Henz em Sab Maio 14, 2016 4:01 pm



Se eu sou uma espada, eu sou uma espada feita de vidro, e eu sinto que estou começando a estilhaçar
Vamos fingir que sabemos amar e quem sabe um dia poderemos aprender

A capacidade de sentir o ódio emanando de um ser contra sua pessoa, disso Manu entendia, ao longo dos anos percorrera um extenso caminho para chegar onde se encontrava. Podia sentir o corpo formigar e cada partícula de dor que cobria a pele, os ossos, e sabia que ao fim do dia estaria coberta por hematomas, ainda assim cedo ou tarde a dor física passa, e ela bem sabia disso. Seu ferimento fora um pequeno preço a se pagar pelo que conseguira fazer, encontrara a brecha perfeita, e o cavaleiro nem mesmo notara isso, agora sabia exatamente como avançar. A armadura presa a ele era pesada o suficiente para suporta-lo, nem mesmo seus poderes poderiam salva-lo do que estava por vir, ela precisava de um golpe final e então o mandaria para o vácuo o banindo do espaço tempo no qual os dois se encontravam, e terminaria com a luta. Machucada pelo ferimento recente Manu se ergueu, um sorriso permanecia entre os lábios rachados enquanto apoiava-se nos joelhos ainda controlando o poder que o mantinha paralisado, pretendia apertar ainda mais aquela armadura em frente ao corpo dele, e fazer o capacete virar cobrindo olhos e boca lhe apertando o máximo que conseguisse, isso devia impedi-lo de pensar. Feito isso a jovem de intensos olhos verdes convocaria o que precisava para joga-lo pra fora daquela batalha. Com o inimigo preso ao chão e impedido de se mover pela armadura que cobria seu corpo Manu conseguiria convocar o vácuo, usaria as mãos e concentraria os dois poderes de forma simultânea, o prendendo até que o buraco o envolvesse por completo, e o joga-se pra longe daquele campo, para o buraco de vácuo. Para se proteger Manu vai rodear-se com a cúpula de agua e caso essa venha a falhar ainda persiste com o corpo transformado em agua para reduzir os danos de ataque desferidos contra ela.

Explicando o ataque pro caso de ter ficado confuso:

x- Continuo usando a benção de objetos para prender o cavaleiro na armadura, apertando ainda mais essa contra o corpo dele, e virando o capacete no rosto para impedi-lo de usar outra vez as ondas sonoras, ou os olhos. A parte de trás vem pra frente e a armadura se fecha mais ao redor do corpo e da cabeça.
x- Logo após isso vou usar o poder ativo Vácuo, pra criar um buraco sobre o solo abaixo do cavaleiro de Hades e bani-lo para bem longe da batalha de onde espero que nunca mais volte e morra logo.
Mascote:

Molly: Lobo Branco->nível 1. Os lobos auxiliam as Caçadoras em suas caças e são muito obedientes... Mas terá que ser bem educado pela sua dona primeiro. Pode ficar maior do que seus comparsas. É muito inteligente e irá lhe obedecer cegamente. Seu faro e seus ouvidos são infalíveis: Ele tudo escutará, tudo vai cheirar. Sons em até 250 metros e cheiro em até 125 metros. Ele tem também garras e presas afiadíssimas, além de ser naturalmente pesado e aguentar até 75 kg sem reclamar.


Poderes Ativos:


Mutação Aquática II - Capacidade de transformar todo do corpo em água, podendo assim fazer a arma do adversário passar reto pela parte liquida do corpo sem ser machucado ou atingido pelo golpe.

Nível 30
Vácuo – O semideus passa a poder invocar um redemoinho aquático independente do local aonde estiver. A água vem até ele, envolve o inimigo e o manda para o vácuo do espaço. Ex: Em uma batalha, no meio do nada, a água surge do chão envolvendo o inimigo, girando a cada segundo com mais intensidade, até seu inimigo desaparecer junto ao redemoinho.

Nível 6
Cúpula d’água – Você se envolve nesta cúpula e fica protegido contra qualquer ataque físico, mental, sonoro, magico ou de veneno.


Benção:

Lady da Luz: Possui uma aura ao redor do corpo que é pouco visível para os humanos comuns e para os semideuses que não tem poderes mágicos, essa é azul clara, bastante semelhante ao céu. Essa habilidade mágica permite que o jogador possa fazer com que objetos inanimados ganhem vida, fazendo com que estes objetos atendam ao seu comando. O objeto pode atacar seus inimigos ou fazer ações comandadas pelo portador que lhes deu vida, mas a cada ação feita por seus objetos, um movimento é retirado do turno ou rodada em batalha. Além disso, a semideusa pode invocar pegasus alados, dominantes de diferentes tipos de elementos. Como a terra, o fogo e o ar. Os pegasus obedecem ao seu comando, mas apenas um deles pode ser invocado por vez. Cada pegasus, pode tanto atingir com o elemento que dominava quanto sugar os poderes de semideus que dominam um elemento desse tipo. O convocação deve ser bem planejada, e se usada em demasia pode causar um desmaio espontâneo, caso sua energia corporal não for recuperada. Por fim, a semideusa pode invocar sua irmã gêmea em campo de batalha devido ao elo que as mesmas possuem. Ao invocar Tessa, a semideusa automaticamente suga um pouco de seu poder do caos, fazendo com que seu poder sobre objetos, também funcione com seres comuns, e semideuses.



Thanks Panda



Emmanuelle Sophie Henz
I'M A QUEEN OF DARKNESS!!!
avatar
Emmanuelle S. Henz
lider das caçadoras
lider das caçadoras

Mensagens : 719
Data de inscrição : 06/06/2013
Idade : 21
Localização : Seguindo em frente..

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Radamanthys de Wyvern

Mensagem por Phobos em Dom Maio 15, 2016 4:14 pm


Batalha nº 1

Radamanthys irá usar de sua super velocidade para atingir com força o chão abaixo da garota, lançando-a ao ar.

avatar
Phobos
Deuses Menores
Deuses Menores

Mensagens : 617
Data de inscrição : 18/11/2014
Localização : Na sua mente...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Radamanthys de Wyvern

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 3 Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum