The Blood of Olympus
Para visualizar o forum é necessário estar cadastrado, por favor registre-se no rpg ou entre em sua conta. É necessário estar cadastrado para ver as informações contidas no forum. Lembre-se de usar nome e sobrenome, não se cadastrar usando nomes geralmente utilizados por Hacker. Exemplo: "Barum" "Hakye" e por ai vai. Bem vindos.

A vingadora - Missão para Lucy de Marte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A vingadora - Missão para Lucy de Marte

Mensagem por Afrodite em Sab Dez 05, 2015 2:31 pm



A vingadora
Marte era conhecido também como o Vingador na antiga roma, e esse costume permanece até atualmente. Tal como seus filhos também portam tal características: de vingança na guerra. A gladiadora estava conhecendo esse seu lado naquela madrugada. Ela e quatro de seus irmãos estavam cultuando seu pai naquele começo de madrugada, era um costume anual que fortalecia o exército romano. Esses cultos sempre aconteciam de forma tranquila, mas naquela noite algo não planejado aconteceu. Estava tudo tão silencioso que eles não puderem prever, foram pegos de surpresa e mal puderam lutar... Dois gigantes invadiram o templo de Marte Ultor, quebrando tudo que tivesse ao alcance. Surpresos, os filhos da guerra se viraram já prontos para lutar. Muitos não tiveram sortes foram surpreendidos pelos gigantes e desacordados. Um dos gigantes conseguiu pegar Lucy com as mãos, mas de alguma forma a garota  conseguiu escapar ¹. Ela se escondeu, sabendo que não teria muitas chances sem nenhum plano. Viu os gigantes pegarem seus irmãos com as mãos e o carregarem para algum lugar. A gladiadora conferiu as armas que tinham, até mesmo pegou algumas caídas no chão, então seguiu os gigantes. Lucy queria se vingar por ter destruído o templo de seu pai, e por ter feito mal a seus irmãos.

Mínimo de linhas é 20.
¹ Você já pode considerar isso como uma batalha, quero saber detalhadamente como escapou dos gigantes.
Os dois gigantes levaram os quatro semideuses desacordados para uma gruta ao lado norte da floresta, ao pé das montanhas.
Você terá que dá um jeito de derrotar os gigantes e salvar seus irmãos antes que virem jantar. Após derrotar um gigante, permito que um de seus irmãos acorde e te ajude.
Nesse primeiro post, só lute para se livrar do primeiro gigante, e saia com um de seus irmãos NPC para te ajudar a buscá-los
Irei avaliar o post pela ortografia, coerência, o método que usou para solucionar o problema e a narração (incluindo interação, sentimentos e falas).
 Você tem até dia 15/12 ás 23:59 (se tiver algum problema apenas me mande uma MP que irei prolongar o prazo)
Que a sorte sempre esteja ao seu favor.
avatar
Afrodite
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 506
Data de inscrição : 01/03/2014
Localização : Olimpo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A vingadora - Missão para Lucy de Marte

Mensagem por Lucy Heartphilia em Sab Dez 05, 2015 4:29 pm

Missão

Lucy estava muito feliz com seus irmãos e sua coorte, eles agora eram seus irmãos, vários semideuses, mas com o mesmo propósito e ajudando um ao outro, ela e seus irmãos estavam no templo de marte fazendo um culto a seu pai, isso era uma tradição para a semideusa a partir de agora, todos os dias era a mesma coisa, mas desta vez algo aconteceu e o templo foi atacado.

A semideusa pode ver a aproximação de dois gigantes, cada um de uma maneira diferente, um deles veio com todas as suas forças, ela e seus irmãos tentaram se virar e atacar, mas era em vão e muitos de seus irmãos que estavam ali foram surpreendidos pelos dois e acabaram sendo abatidos e quando Lucy foi tentar se mexer foi pega, o desespera seguido da raiva tomava conta dela e em seguida seus olhos ficaram vermelhos, a semideus pegou sua moeda e a transformou em uma espada, assim machucando o mesmo.

A filha de Marte conseguiu cair em segurança e logo correu para a floresta, um de seus irmãos tive sorte e estavam com ela, à garota foi observando os gigantes andarem e deu um sorriso malicioso, olhou para seu irmão e lhe entregou o seu escudo farpado e logo começou a andar, seu irmão a parou e tentou lhe devolver seu escudo a semideusa apenas deu de ombros e continuou a andar, seria como se ela não se importasse com sua vida, mas sim com a vida de seus irmãos, logo parou e olhou para ele.

-Não, eu vou ficar bem, precisamos ir! – Dizia ela andando pela floresta, logo seu irmão se levantou e foi andando.

Armas Levadas:
*Moeda das Armas -De ouro imperial, em um lado a imagem de uma espada e na outra de uma lança, quando uma das faces e pressionada, esta vira o item correspondente, Espada: Metade prata metade bronze, ambos vermelhos, extremamente afiadas, Lança: Longa e de ouro negro, cabo de couro preto e resistente

*Escudo Farpado - Escudo de bronze divino, com espinhos na frente. Aguenta fortes golpes, mas pode ser facilmente penetrado com armas feitas de ouro celestial. (Entregue ao seu irmão)

*-Vestaous: Anel feito de ouro sagrado , que possui três mini chamas de tamanhos diversificados. A primeira chama a esverdeada ao toque faz com que o anel se transforme em uma espada de tamanho mediano causando ferimentos de fogo na pele de do oponente do vestal, a segunda chama de cor avermelhada faz com que o anel se transforme em uma arma da dor, as balas dessa arma faz com que um veneno queimante se impregne na pele da pessoa, a terceira chama, azulada faz com que a arma de transforme em dardos tranquilizantes e paralisantes. Independente da onde esteja a arma, ela sempre responde o chamado de seu dono voltando ao seu dedo.

*Manto: Uma tatuagem em forma de labaredas de fogo, que protege de todas as investidas do inimigo, seja ela de magia ou de espada. Os ataques de magia são repelidos e transformados em energia para a vestal, podendo ser utilizada como ataque sem que se desconte MP, no momento em que o ataque esta sendo repelido um aura vermelha envolve o corpo do vestal.

Filhos de Ares/Marte Poderes Passivos:
1 - Espirito Ancestral - A violência percorre o seio da humanidade desde o seu inicio, e antes disto em todos os seres vivos. Sendo essa a mais primitiva razão da realização de guerras, como filho de Ares você possui os instintos da própria violência em seu corpo, sendo que sempre luta com objetivo de ferir seu oponente. Essa agressividade natural acaba fazendo com que todos os golpes físicos da prole do deus da guerra, causem 50% a mais de dano do que golpes elaborados por outros semideuses.

1 - Fúria Sangrenta: Os filhos de Ares possuem uma personalidade muito irritadiça e temperamental, perdendo a calma com grande facilidade e por motivos muitas vezes medíocres. Ao ser provocado o filho de Ares irá fazer de tudo para lutar contra aquele ou aquilo que o estiver incomodando, sendo que nenhum poder referente a sentimentos (charme, medo, pânico e etc) irão impedi-lo de despejar sua fúria. Apenas é efetivo quando o semideus é provocado por seus adversários ou quando algo o enfurece (a morte de um aliado, a tentativa de o atacar, barulhos muito altos e incômodos, e etc).

1 – Combate Não-Armado: Nos combates de uma guerra, muitas vezes o combatente acaba sendo desarmado, acabando sua munição ou perdendo sua arma, o obrigando a utilizar apenas seus punhos para sobreviver. Sendo peritos em combates desarmados, os filhos de Ares sabem técnicas marciais de todas as artes marciais existentes, mesmo que nunca tenha feito uma aula se quer. As técnicas podem ser utilizadas para a elaboração de movimentos complexos, como mortais, piruetas, ataques acrobáticos e golpes que requeiram uma grande elásticidade.

2 – Espírito de Guerra: Ares é o deus da guerra, profundo amante de combates e um dos principais deuses amantes da morte. Seus filhos possuem um espírito parecido com o do deus, de modo que todos os conhecimentos referentes a guerra (Como sinais de comunicação, técnicas de sobrevivência básica, manuseio de armas e tudo mais o que tiver ligação direta com guerra), surgem naturalmente na mente do semideus, mesmo que ele jamais tenha passado por alguma situação de dificuldade.

2 - Velocidade atlética: Um bom combatente sempre está preparado físicamente para os futuros combates, sendo que as proles do deus da guerra evam a sério seus treinamentos rígidos, buscando sempre serem melhores. Devido a condição física e biológica natural do semideus, e de seu empenho nos treinamentos, são quase tão rápidos e ágeis quanto filhos de Hermes, conseguindo correr longas metragens sem se cansarem. Movimentos de finta, esquiva e outros que requeiram velocidade/agilidade, sempre possuem 50% mais chances de funcionar contra inimigos mais lentos, além de perderem em uma corrida apenas para seres tão velozes quanto filhos do deus mensageiro.

2 - Mãos trocadas: Graças a natural facilidade no manuseio de armas, as proles do deus da guerra conseguem manusear com extrema perícia duas armas ao mesmo tempo, sendo ambidestros por natureza. Seus golpes são potentes independente de com qual mão esteja segurando a arma, além de conseguir utilizar armamentos pesados de duas mãos utilizando apenas uma, como espadas montantes, machados de guerra, lanças e etc.

Vestais De Vesta Poderes Passivos:
Nível 1
Tranquilidade – O vestal de Héstia possui tranquilidade absoluta, podendo se concentrar melhor em suas ações e planejamentos bem como podendo passar essa tranquilidade a seus aliados.
Bônus Sagrado – Quando perto de um lugar sagrado o vestal recebe um acréscimo em sua força, velocidade, defesa e poderes.
Imunidade I – A vestal possui imunidade ao fogo comum, não sofrendo queimaduras em se tratando dele.

Nível 2
Aura de Maat- um vestal emana uma aura que faz com que mentiras não sejam proferidas em sua presença.
Comunicação animal I – As vestais possuem a habilidade de se comunicar com animais de pequeno porte, como corujas, fênix, falcões. Esses a obedecem, e atacam em seu nome.
Olhos de fogo I –  Os olhos da vestal pode adquirir uma tonalidade avermelhada, como a chama do fogo em uma lareira, fazendo com que a mesma possa enxergar no escuro, ou entre as sombras.

Benção/Maldição:
Tatuagem SPQR [Tatuagem de coloração negra feita na parte inferior do antebraço direito. Possui o desenho de um (Duas lanças cruzadas), seguido abaixo pelas letras SPQR, um risco para cada ano servindo a Legião e escrito (III Coorte). (3ª Coorte: Uma vez por missão/evento, as estratégias do semideus se tornam mais eficáses do que normalmente e se torna impossível retirar a concentração do membro da 3ª Coorte. O efeito funciona durante três turnos após sua ativação.). Não pode ser removida do braço do semideus nem mesmo através da utilização de magia, sendo para sempre marcado como um romano.] (Não Ativado)
◦◦◦


Lucy Heartphilia

Onde tem sangue, sempre existirá guerra...
avatar
Lucy Heartphilia
III Coorte
III Coorte

Mensagens : 41
Data de inscrição : 26/08/2015
Idade : 20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A vingadora - Missão para Lucy de Marte

Mensagem por Afrodite em Qui Dez 10, 2015 10:45 am



A vingadora
A vingadora estava ofegante enquanto andava pela floresta, os galhos se quebrando aos pés dela. Estava um tanto desorientada, por onde iria para achar os gigantes e recuperar seus irmãos? Pelo jeito, a semideusa não fazia muita ideia disso. Não via mais os gigantes àquela altura, apenas árvores e mais árvores. O ar estava ficando escasso ali, e a ofegante semideusa e seu irmão, se viram mais sem fôlego. Talvez não tivesse sido uma boa ideia ter entrado naquela floresta.

Mínimo de linhas é 20.
Tente sobreviver à floresta.
Os dois gigantes levaram os quatro semideuses desacordados para uma gruta ao lado norte da floresta, ao pé das montanhas.
Você terá que dá um jeito de derrotar os gigantes e salvar seus irmãos antes que virem jantar. Após derrotar um gigante, permito que um de seus irmãos acorde e te ajude.
Nesse primeiro post, só lute para se livrar do primeiro gigante, e saia com um de seus irmãos NPC para te ajudar a buscá-los
Irei avaliar o post pela ortografia, coerência, o método que usou para solucionar o problema e a narração (incluindo interação, sentimentos e falas).
 Você tem até dia 20 ás 23:59 (se tiver algum problema apenas me mande uma MP que irei prolongar o prazo)
Que a sorte sempre esteja ao seu favor.
avatar
Afrodite
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 506
Data de inscrição : 01/03/2014
Localização : Olimpo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A vingadora - Missão para Lucy de Marte

Mensagem por Lucy Heartphilia em Dom Dez 13, 2015 2:30 pm

Missão

Lucy caminhava sem direção não sabia ao certo para onde estava indo e logo parou, estava muito cansado, seu irmão estava um pouco pior que ela e então a garota assobiou e Ikki chegou ao seu encontro, mesmo assim ela não conseguida falar muita coisa e logo esperou um pouco até que sua voz voltasse um pouco, assim que a mesma estava de volta ela sorriu.

-Ikki, verifique a floresta inteira e encontre o gigante, depois volte aqui! – Dizia ela o impulsionando para voar novamente.

Quando o mesmo partiu Lucy viu que seu irmão ia desmaiar, a garota logo correu em sua direção e pegou uma garrafa de água que carregava consigo, quando ele estava melhor a semideusa pegou um pouco daquela água e a bebeu, assim esperando que Ikki voltasse com a notícia de onde o gigante poderia estar à semideusa então se levantou e começou a andar.

-Como fui me perder, mas que merda! – Dizia ela indo de um lado para o outro e olhando para chão.

Quando Ikki voltou ele desceu e lhe disse telepaticamente que viu um gigante ao sul, mas ele não sabia se era realmente o estávamos procurando, a filha de Marte então deu de ombros e logo esticou sua mão para o irmão esperando que o mesmo segurasse, assim que ele conseguiu se levantar, Lucy disse telepaticamente para Ikki levá-los até lá, o mesmo então continuou voando e a semideusa e seu irmão o seguiram, a mente da garota estava muito desconfortada por terem se perdido, mas agora ela estava bem determinada a encontrar o caminho até a gruta.

Armas:
*Moeda das Armas -De ouro imperial, em um lado a imagem de uma espada e na outra de uma lança, quando uma das faces e pressionada, esta vira o item correspondente, Espada: Metade prata metade bronze, ambos vermelhos, extremamente afiadas, Lança: Longa e de ouro negro, cabo de couro preto e resistente

*Escudo Farpado - Escudo de bronze divino, com espinhos na frente. Aguenta fortes golpes, mas pode ser facilmente penetrado com armas feitas de ouro celestial. (Com seu irmão)

*-Vestaous: Anel feito de ouro sagrado , que possui três mini chamas de tamanhos diversificados. A primeira chama a esverdeada ao toque faz com que o anel se transforme em uma espada de tamanho mediano causando ferimentos de fogo na pele de do oponente do vestal, a segunda chama de cor avermelhada faz com que o anel se transforme em uma arma da dor, as balas dessa arma faz com que um veneno queimante se impregne na pele da pessoa, a terceira chama, azulada faz com que a arma de transforme em dardos tranquilizantes e paralisantes. Independente da onde esteja a arma, ela sempre responde o chamado de seu dono voltando ao seu dedo.

*Manto: Uma tatuagem em forma de labaredas de fogo, que protege de todas as investidas do inimigo, seja ela de magia ou de espada. Os ataques de magia são repelidos e transformados em energia para a vestal, podendo ser utilizada como ataque sem que se desconte MP, no momento em que o ataque esta sendo repelido um aura vermelha envolve o corpo do vestal.

Ikki:
*Fênix- dilapidada em bronze celestial, a fênix dada as vestais de Héstia possuí uma camada avermelhada acima de si disfarçando sua cor original. O mascote possuí a habilidade de se transformar em um leão ao comando de sua dona, e tanto em sua forma de leão quanto em sua forma de fênix pode carregar o peso correspondente ao triplo do peso de seu mestre. Podendo soltar rajadas de fogo grego, água congelante e aura de veneno o mascote é protetor quanto a seu mestre, além de conseguir comunicar-se com este telepaticamente e vice-versa possuí as lagrimas de cura no nível 1, e agilidade para fazer viagens e se mover em campo de batalha.

Ares/Marte Poderes Passivos:
1 - Espirito Ancestral - A violência percorre o seio da humanidade desde o seu inicio, e antes disto em todos os seres vivos. Sendo essa a mais primitiva razão da realização de guerras, como filho de Ares você possui os instintos da própria violência em seu corpo, sendo que sempre luta com objetivo de ferir seu oponente. Essa agressividade natural acaba fazendo com que todos os golpes físicos da prole do deus da guerra, causem 50% a mais de dano do que golpes elaborados por outros semideuses.

1 - Fúria Sangrenta: Os filhos de Ares possuem uma personalidade muito irritadiça e temperamental, perdendo a calma com grande facilidade e por motivos muitas vezes medíocres. Ao ser provocado o filho de Ares irá fazer de tudo para lutar contra aquele ou aquilo que o estiver incomodando, sendo que nenhum poder referente a sentimentos (charme, medo, pânico e etc) irão impedi-lo de despejar sua fúria. Apenas é efetivo quando o semideus é provocado por seus adversários ou quando algo o enfurece (a morte de um aliado, a tentativa de o atacar, barulhos muito altos e incômodos, e etc).

1 – Combate Não-Armado: Nos combates de uma guerra, muitas vezes o combatente acaba sendo desarmado, acabando sua munição ou perdendo sua arma, o obrigando a utilizar apenas seus punhos para sobreviver. Sendo peritos em combates desarmados, os filhos de Ares sabem técnicas marciais de todas as artes marciais existentes, mesmo que nunca tenha feito uma aula se quer. As técnicas podem ser utilizadas para a elaboração de movimentos complexos, como mortais, piruetas, ataques acrobáticos e golpes que requeiram uma grande elásticidade.

2 – Espírito de Guerra: Ares é o deus da guerra, profundo amante de combates e um dos principais deuses amantes da morte. Seus filhos possuem um espírito parecido com o do deus, de modo que todos os conhecimentos referentes a guerra (Como sinais de comunicação, técnicas de sobrevivência básica, manuseio de armas e tudo mais o que tiver ligação direta com guerra), surgem naturalmente na mente do semideus, mesmo que ele jamais tenha passado por alguma situação de dificuldade.

2 - Velocidade atlética: Um bom combatente sempre está preparado físicamente para os futuros combates, sendo que as proles do deus da guerra evam a sério seus treinamentos rígidos, buscando sempre serem melhores. Devido a condição física e biológica natural do semideus, e de seu empenho nos treinamentos, são quase tão rápidos e ágeis quanto filhos de Hermes, conseguindo correr longas metragens sem se cansarem. Movimentos de finta, esquiva e outros que requeiram velocidade/agilidade, sempre possuem 50% mais chances de funcionar contra inimigos mais lentos, além de perderem em uma corrida apenas para seres tão velozes quanto filhos do deus mensageiro.

2 - Mãos trocadas: Graças a natural facilidade no manuseio de armas, as proles do deus da guerra conseguem manusear com extrema perícia duas armas ao mesmo tempo, sendo ambidestros por natureza. Seus golpes são potentes independente de com qual mão esteja segurando a arma, além de conseguir utilizar armamentos pesados de duas mãos utilizando apenas uma, como espadas montantes, machados de guerra, lanças e etc.

Vestais Poderes Passivos:
Nível 1
Tranquilidade – O vestal de Héstia possui tranquilidade absoluta, podendo se concentrar melhor em suas ações e planejamentos bem como podendo passar essa tranquilidade a seus aliados.
Bônus Sagrado – Quando perto de um lugar sagrado o vestal recebe um acréscimo em sua força, velocidade, defesa e poderes.
Imunidade I – A vestal possui imunidade ao fogo comum, não sofrendo queimaduras em se tratando dele.

Nível 2
Aura de Maat- um vestal emana uma aura que faz com que mentiras não sejam proferidas em sua presença.
Comunicação animal I – As vestais possuem a habilidade de se comunicar com animais de pequeno porte, como corujas, fênix, falcões. Esses a obedecem, e atacam em seu nome.

Olhos de fogo I – Os olhos da vestal pode adquirir uma tonalidade avermelhada, como a chama do fogo em uma lareira, fazendo com que a mesma possa enxergar no escuro, ou entre as sombras.

Benção/Maldição:
Tatuagem SPQR [Tatuagem de coloração negra feita na parte inferior do antebraço direito. Possui o desenho de um (Duas lanças cruzadas), seguido abaixo pelas letras SPQR, um risco para cada ano servindo a Legião e escrito (III Coorte). (3ª Coorte: Uma vez por missão/evento, as estratégias do semideus se tornam mais eficáses do que normalmente e se torna impossível retirar a concentração do membro da 3ª Coorte. O efeito funciona durante três turnos após sua ativação.). Não pode ser removida do braço do semideus nem mesmo através da utilização de magia, sendo para sempre marcado como um romano.] (Não Ativado)

◦◦◦


Lucy Heartphilia

Onde tem sangue, sempre existirá guerra...


Lucy Heartphilia

Onde tem sangue, sempre existirá guerra...
avatar
Lucy Heartphilia
III Coorte
III Coorte

Mensagens : 41
Data de inscrição : 26/08/2015
Idade : 20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A vingadora - Missão para Lucy de Marte

Mensagem por Afrodite em Sab Jan 02, 2016 1:28 pm



A vingadora
Mesmo voando em seu pássaro,a Vingadora e seu irmão ainda se sentiam cansados, com dificuldades para respirar. Assim que foram avançando pela floresta, nada conseguiam ver com exatidão. Apenas folhas e mais folhas. Após alguns minutos, o pássaro bateu em algo sólido, ou mais exato de dizer, fora capturado por algo sólido. Um mão gigante segurou o pássaro e seus "tripulantes" e a Vingadora logo se viu dentro de uma gaiola mágica. Um dos Gigantes havia achado eles primeiro.

Mínimo de linhas é 20.
Tente sobreviver à floresta.
Os dois gigantes levaram os quatro semideuses desacordados para uma gruta ao lado norte da floresta, ao pé das montanhas.
Você terá que dá um jeito de derrotar os gigantes e salvar seus irmãos antes que virem jantar. Após derrotar um gigante, permito que um de seus irmãos acorde e te ajude.
Irei avaliar o post pela ortografia, coerência, o método que usou para solucionar o problema e a narração (incluindo interação, sentimentos e falas).
 Você tem até dia 15/01 ás 23:59 (se tiver algum problema apenas me mande uma MP que irei prolongar o prazo)
Que a sorte sempre esteja ao seu favor.
avatar
Afrodite
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 506
Data de inscrição : 01/03/2014
Localização : Olimpo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A vingadora - Missão para Lucy de Marte

Mensagem por Lucy Heartphilia em Sex Jan 15, 2016 7:28 pm

Missão

Lucy esta tão distraída que nem havia prestado atenção em nada e acabou se perdendo novamente, ela nunca fora familiarizada com uma floresta antes, bom não como aquela floresta e sendo assim ela parou e subiu em Ikki em seguida ela esticou a mão para seu irmão subir assim o ajudando, ela estava muito cansada e não conseguia respirar direito e acabou desmaiando mesmo sem sentir o impacto que estava por vir.

A filha de Marte foi acordando lentamente olhando para todos os lados sem ver seu irmão, quando olhou para frente viu um gigante a garota queria sair e quando tentou pegar sua espada sua mão se queimou e ela logo deduziu que ela estava em uma gaiola mágica, a raiva nos olhos da garota começou a crescer gradativamente, ela pensou em gritar, mas não ia adiantar.

Ela tinha de sair dali ou tudo estaria perdido, ela estava com o coração apertado por causa dos irmãos e ainda estava com medo de estar em uma gaiola mágica, uma lágrima em seu rosto escorre uma lágrima aclamando para que seu pai lhe ajudasse nessa hora difícil e que nada acontecesse com seus irmão, ela então olha para o gigante e espera a hora dele sair.

Caso ele saísse ela poderia usar sua moeda que a guarda no bolso para transformá-la em sua lança em seguida poderia fazer o mesmo acertar a parede e em seguida ele talvez pudesse acertar a gaiola e libertá-la e assim ela poderia equipar sua espada se esconder e pegar o gigante desprevenido, mas para isso ele tinha de sair de vista pra que o seu plano desse certo.

Armas e Itens:
*Moeda das Armas -De ouro imperial, em um lado a imagem de uma espada e na outra de uma lança, quando uma das faces e pressionada, esta vira o item correspondente, Espada: Metade prata metade bronze, ambos vermelhos, extremamente afiadas, Lança: Longa e de ouro negro, cabo de couro preto e resistente

*Escudo Farpado - Escudo de bronze divino, com espinhos na frente. Aguenta fortes golpes, mas pode ser facilmente penetrado com armas feitas de ouro celestial. (Com seu irmão)

*-Vestaous: Anel feito de ouro sagrado , que possui três mini chamas de tamanhos diversificados. A primeira chama a esverdeada ao toque faz com que o anel se transforme em uma espada de tamanho mediano causando ferimentos de fogo na pele de do oponente do vestal, a segunda chama de cor avermelhada faz com que o anel se transforme em uma arma da dor, as balas dessa arma faz com que um veneno queimante se impregne na pele da pessoa, a terceira chama, azulada faz com que a arma de transforme em dardos tranquilizantes e paralisantes. Independente da onde esteja a arma, ela sempre responde o chamado de seu dono voltando ao seu dedo.

*Manto: Uma tatuagem em forma de labaredas de fogo, que protege de todas as investidas do inimigo, seja ela de magia ou de espada. Os ataques de magia são repelidos e transformados em energia para a vestal, podendo ser utilizada como ataque sem que se desconte MP, no momento em que o ataque esta sendo repelido um aura vermelha envolve o corpo do vestal.

Ikki:
*Fênix- dilapidada em bronze celestial, a fênix dada as vestais de Héstia possuí uma camada avermelhada acima de si disfarçando sua cor original. O mascote possuí a habilidade de se transformar em um leão ao comando de sua dona, e tanto em sua forma de leão quanto em sua forma de fênix pode carregar o peso correspondente ao triplo do peso de seu mestre. Podendo soltar rajadas de fogo grego, água congelante e aura de veneno o mascote é protetor quanto a seu mestre, além de conseguir comunicar-se com este telepaticamente e vice-versa possuí as lagrimas de cura no nível 1, e agilidade para fazer viagens e se mover em campo de batalha.

Ares/Marte Poderes Passivos:
1 - Espirito Ancestral - A violência percorre o seio da humanidade desde o seu inicio, e antes disto em todos os seres vivos. Sendo essa a mais primitiva razão da realização de guerras, como filho de Ares você possui os instintos da própria violência em seu corpo, sendo que sempre luta com objetivo de ferir seu oponente. Essa agressividade natural acaba fazendo com que todos os golpes físicos da prole do deus da guerra, causem 50% a mais de dano do que golpes elaborados por outros semideuses.

1 - Fúria Sangrenta: Os filhos de Ares possuem uma personalidade muito irritadiça e temperamental, perdendo a calma com grande facilidade e por motivos muitas vezes medíocres. Ao ser provocado o filho de Ares irá fazer de tudo para lutar contra aquele ou aquilo que o estiver incomodando, sendo que nenhum poder referente a sentimentos (charme, medo, pânico e etc) irão impedi-lo de despejar sua fúria. Apenas é efetivo quando o semideus é provocado por seus adversários ou quando algo o enfurece (a morte de um aliado, a tentativa de o atacar, barulhos muito altos e incômodos, e etc).

1 – Combate Não-Armado: Nos combates de uma guerra, muitas vezes o combatente acaba sendo desarmado, acabando sua munição ou perdendo sua arma, o obrigando a utilizar apenas seus punhos para sobreviver. Sendo peritos em combates desarmados, os filhos de Ares sabem técnicas marciais de todas as artes marciais existentes, mesmo que nunca tenha feito uma aula se quer. As técnicas podem ser utilizadas para a elaboração de movimentos complexos, como mortais, piruetas, ataques acrobáticos e golpes que requeiram uma grande elásticidade.

2 – Espírito de Guerra: Ares é o deus da guerra, profundo amante de combates e um dos principais deuses amantes da morte. Seus filhos possuem um espírito parecido com o do deus, de modo que todos os conhecimentos referentes a guerra (Como sinais de comunicação, técnicas de sobrevivência básica, manuseio de armas e tudo mais o que tiver ligação direta com guerra), surgem naturalmente na mente do semideus, mesmo que ele jamais tenha passado por alguma situação de dificuldade.

2 - Velocidade atlética: Um bom combatente sempre está preparado físicamente para os futuros combates, sendo que as proles do deus da guerra evam a sério seus treinamentos rígidos, buscando sempre serem melhores. Devido a condição física e biológica natural do semideus, e de seu empenho nos treinamentos, são quase tão rápidos e ágeis quanto filhos de Hermes, conseguindo correr longas metragens sem se cansarem. Movimentos de finta, esquiva e outros que requeiram velocidade/agilidade, sempre possuem 50% mais chances de funcionar contra inimigos mais lentos, além de perderem em uma corrida apenas para seres tão velozes quanto filhos do deus mensageiro.

2 - Mãos trocadas: Graças a natural facilidade no manuseio de armas, as proles do deus da guerra conseguem manusear com extrema perícia duas armas ao mesmo tempo, sendo ambidestros por natureza. Seus golpes são potentes independente de com qual mão esteja segurando a arma, além de conseguir utilizar armamentos pesados de duas mãos utilizando apenas uma, como espadas montantes, machados de guerra, lanças e etc.

Vestais Poderes Passivos:
Nível 1
Tranquilidade – O vestal de Héstia possui tranquilidade absoluta, podendo se concentrar melhor em suas ações e planejamentos bem como podendo passar essa tranquilidade a seus aliados.
Bônus Sagrado – Quando perto de um lugar sagrado o vestal recebe um acréscimo em sua força, velocidade, defesa e poderes.
Imunidade I – A vestal possui imunidade ao fogo comum, não sofrendo queimaduras em se tratando dele.

Nível 2
Aura de Maat- um vestal emana uma aura que faz com que mentiras não sejam proferidas em sua presença.
Comunicação animal I – As vestais possuem a habilidade de se comunicar com animais de pequeno porte, como corujas, fênix, falcões. Esses a obedecem, e atacam em seu nome.

Olhos de fogo I – Os olhos da vestal pode adquirir uma tonalidade avermelhada, como a chama do fogo em uma lareira, fazendo com que a mesma possa enxergar no escuro, ou entre as sombras.

Benção/Maldição:
Tatuagem SPQR [Tatuagem de coloração negra feita na parte inferior do antebraço direito. Possui o desenho de um (Duas lanças cruzadas), seguido abaixo pelas letras SPQR, um risco para cada ano servindo a Legião e escrito (III Coorte). (3ª Coorte: Uma vez por missão/evento, as estratégias do semideus se tornam mais eficáses do que normalmente e se torna impossível retirar a concentração do membro da 3ª Coorte. O efeito funciona durante três turnos após sua ativação.). Não pode ser removida do braço do semideus nem mesmo através da utilização de magia, sendo para sempre marcado como um romano.] (Não Ativado)
◦◦◦


Lucy Heartphilia

Onde tem sangue, sempre existirá guerra...


Lucy Heartphilia

Onde tem sangue, sempre existirá guerra...
avatar
Lucy Heartphilia
III Coorte
III Coorte

Mensagens : 41
Data de inscrição : 26/08/2015
Idade : 20

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A vingadora - Missão para Lucy de Marte

Mensagem por Afrodite em Sex Mar 18, 2016 10:37 pm



A vingadora
Talvez a prole de Marte nunca tivesse sentido medo em sua vida, ou desespero. Mas aquele dia, era o dia. Estar presa em uma gaiola que antes nunca vira, onde nunca esteve, com a percepção de talvez ver seus irmãos sendo mortos... Fez com que uma lágrima descesse pelo rosto da pequena, e Marte havia visto aquilo. A lança fora conjurada, e a gaiola havia sido quebrada com o impacto da prole de Marte. Luci teve sorte, já que quando a gaiola se desfez, o gigante estava virado de costas para ela, e não viu tudo o que acontecera. Os ouvidos e sentidos dele eram bons, a garota precisaria ser esperta e talvez usar mais o cérebro do que a força. "Preciso de um sacrifício quando quiser ajuda. " – a voz irreconhecivel de seu pai ressoou em sua cabeça, então a garota sabia. Quando quisesse ajuda, precisaria sacrificar algo.

Mínimo de linhas é 20. Quando postar, me mande uma MP para agilizar meu post
Tente sobreviver à floresta.
Os dois gigantes levaram os quatro semideuses desacordados para uma gruta ao lado norte da floresta, ao pé das montanhas.
Você terá que dá um jeito de derrotar os gigantes e salvar seus irmãos antes que virem jantar. Após derrotar um gigante, permito que um de seus irmãos acorde e te ajude.
Irei avaliar o post pela ortografia, coerência, o método que usou para solucionar o problema e a narração (incluindo interação, sentimentos e falas).
 Você tem até dia 23/03 ás 23:59 (se tiver algum problema apenas me mande uma MP que irei prolongar o prazo)
Que a sorte sempre esteja ao seu favor.
avatar
Afrodite
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 506
Data de inscrição : 01/03/2014
Localização : Olimpo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A vingadora - Missão para Lucy de Marte

Mensagem por Zeus em Seg Abr 18, 2016 12:06 pm

cancelada a pedido da semideusa
250 xp
100 dracmas


Lorde Zeus
avatar
Zeus
Deuses Olimpianos
Deuses Olimpianos

Mensagens : 1112
Data de inscrição : 01/09/2014

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A vingadora - Missão para Lucy de Marte

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum